Podcasts about cruso

  • 53PODCASTS
  • 232EPISODES
  • 40mAVG DURATION
  • 5WEEKLY NEW EPISODES
  • Dec 16, 2022LATEST

POPULARITY

20152016201720182019202020212022


Best podcasts about cruso

Latest podcast episodes about cruso

O Antagonista
Cortes do Papo - Leia reportagem sobre o futuro ministro da Fazenda na nova edição de Crusoé

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 16, 2022 8:00


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé mostra quem é, como pensa e como age o próximo ministro da Fazenda, Fernando Haddad, nomeado por Lula para vender um plano econômico que nem sequer existe, mas já preocupa. Leia um trecho: "Há três semanas, o presidente eleito Lula informou o advogado e ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad de que o nomearia para comandar o Ministério da Fazenda. Seguiu-se um período de muita boataria e ansiedade, nos meios financeiro e empresarial. Na última sexta-feira, 9, a decisão foi finalmente confirmada em público — e teve início o esforço para tentar prever como será a condução da economia no terceiro mandato de Lula." "A coletiva de imprensa que Haddad deu na terça, 13, as entrevistas que concedeu como futuro ministro e suas primeiras nomeações dão algumas pistas, mas não revelam a história toda. Também é importante analisar seu relacionamento com Lula, retornar ao que Haddad escreveu e àquilo que ele fez como prefeito. A conclusão mais importante talvez seja que as promessas de equilíbrio fiscal que Haddad vem fazendo podem, sim, ser cumpridas. Mas nesse caso, isso se dará por meio de aumento de impostos e corte de subsídios, muito mais do que pela contenção dos gastos públicos ou por uma reforma administrativa." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - A ordem é gastar: Lula e Congresso se acertam para abrir torneiras

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 10, 2022 10:03


A reportagem de capa da edição da Crusoé desta semana explica como Lula e o Congresso se acertaram para aprovar uma PEC que expande o teto de gastos em R$ 145 bilhões, podendo chegar a R$ 168,9 bilhões se houver receitas extraordinárias, e abrir um rombo federal nas contas públicas. “Depois de mais de um mês de negociação, o Senado aprovou nesta quarta, 7, a Proposta de Emenda à Constituição, PEC, que expande o teto de gastos em 145 bilhões de reais, podendo chegar a 168,9 bilhões se houver receitas extraordinárias. O processo agora segue na Câmara, onde deverá sofrer algumas alterações. A aprovação é dada como certa, no que deve se consolidar como uma grande vitória de Lula.” “Com a cumplicidade do governo de Jair Bolsonaro, o petista tem pautado a discussão política no país mesmo antes de tomar posse. O trâmite célere do texto revela como uma tese antiga e furada ainda segue viva na mente dos nossos representantes: a de que quanto mais o governo gasta, melhor para todos.” “O relator da proposta foi o senador Alexandre Silveira que, apesar de ser do PSD, é próximo de Lula e está sendo cotado para assumir algum ministério. O trecho mais representativo de sua obra é este aqui: ‘Além de não comprometer a sustentabilidade da dívida, os gastos adicionais propiciados por esta PEC poderão, em verdade, ampliar a capacidade de pagamento do governo. Projeta-se em 69,3 bilhões de reais a expansão do Programa Auxílio Brasil (ou do que vier a substituí-lo). A teoria keynesiana tradicional, bem como a chamada Teoria Monetária Moderna (ou MMT) enfatizam o papel central da política fiscal (em contraposição à política monetária) para recuperar a economia de um país. Mais especificamente, recomendam a expansão de gastos públicos sem a devida compensação na forma de elevação de tributos. Potencializa-se, dessa forma, o efeito multiplicador de tais gastos'.” LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Lula apoia Assange; Mantega e Coutinho estão na mira do MPF

O Antagonista

Play Episode Listen Later Nov 29, 2022 12:48


Um dos mais gritantes desvios de caráter do presidente eleito Lula é sua inclinação para apoiar criminosos, diz a Crusoé. "[...] Na campanha presidencial, Lula confessou que intercedeu para libertar os sequestradores do empresário Abilio Diniz, que ele chamou de 'meninos'. Antes, quando era presidente, o petista dificultou e conseguiu adiar a extradição de Cesare Battisti para a Itália, condenado por ter se envolvido em quatro assassinatos." "O criminoso da vez é o hacker australiano Julian Assange. Na segunda, 28, Lula se reuniu em Brasília com Kristinn Hrafnsson, editor-chefe do WikiLeaks, e com Joseph Farrell, embaixador da organização (foto). 'Me informaram da situação de saúde e da luta por liberdade de Julian Assange. Pedi para que enviassem minha solidariedade. Que Assange seja solto de sua injusta prisão', escreveu o petista nas redes sociais." "Mas a prisão de Assange no Reino Unido não tem nada de injusta. Ele foi acusado de espionagem após a divulgação de dados confidenciais. O fato de estar detido antes de ter recebido a sentença é plenamente justificável." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Incêndio iniciou revolta contra 'lockdown' na China

O Antagonista

Play Episode Listen Later Nov 28, 2022 12:40


Chineses em mais de vinte cidades estão nas ruas e universidades pedindo a renúncia do ditador Xi Jinping e o fim do governo do Partido Comunista (foto), informa a Crusoé. "É a maior manifestação política desde o Massacre da Praça da Paz Celestial, em 1989. A insatisfação com as medidas extremamente rígidas contra a Covid já vinha se acumulando há meses, mas um fato acabou transbordando a revolta da população." "Na noite de quinta, 24, um incêndio teve início em um apartamento no 15º andar de um prédio na cidade de Urumqi, província de Xinjiang, onde a maioria da população é da etnia uigur. As chamas subiram até o 17º andar, com a fumaça atingindo o 21º. Mas muitos moradores, como a família de Quemernisa Abdurahman (na foto abaixo), não conseguiram fugir." "O governo afirma que dez pessoas morreram, mas estatísticas não oficiais falam em 38 ou 44 óbitos. Segundo mensagens publicadas na rede social Weibo, da China, as portas de incêndio do prédio estavam fechadas por fora, como medida contra a Covid. A ideia é impedir que pessoas que testaram positivo possam sair pelo bairro." Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Crusoé: Revista traz reportagens sobre Copa e contestação às urnas

O Antagonista

Play Episode Listen Later Nov 25, 2022 12:45


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé fala sobre as contestações eleitorais feitas por bolsonaristas, que continuarão achando que o atual presidente venceu. No entanto, o discurso contra as urnas se desgastou, assim como as condições políticas para contestar o resultado da corrida ao Planalto. Leia um trecho: "'Como vamos viver com o fantasma da eleição de 2022?' Com essa pergunta, o presidente do Partido Liberal (PL), Valdemar Costa Neto, procurou demonstrar, na quarta-feira, 23, que uma 'revisão extraordinária' do resultado das urnas, requisitada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), seria indispensável para dissipar as dúvidas de uma parte do eleitorado em relação à derrota de Jair Bolsonaro na corrida presidencial." "Bastaram quatro horas para que o ministro Alexandre de Moraes, presidente do TSE, decidisse o caso. Ele rejeitou o pedido de revisão dos votos. Mais que isso, condenou a coligação formada por PL, Republicanos e PP a pagar uma multa de 22,9 milhões de reais por litigância de má-fé. Moraes mandou ainda investigar Valdemar Costa Neto e o engenheiro Carlos Rocha, contratado pelo PL para auditar as urnas, por 'crimes comuns e eleitorais com a finalidade de tumultuar o regime democrático brasileiro'." "O impacto dessa decisão relâmpago ainda não havia sido completamente absorvido nesta quinta-feira. Por isso, cabe retornar à pergunta de Valdemar Costa Neto: o Brasil vai ficar assombrado pelas eleições de 2022, ou vai passar para o próximo capítulo? A dura sentença de Alexandre de Moraes, personagem que o bolsonarismo transformou em um de seus maiores inimigos, vai redobrar o ânimo de quem bloqueia estradas e pede uma intervenção federal aos militares? Ou, depois dela, o movimento de contestação das eleições vai finalmente começar a refluir?" LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Entrevista: "Lula já deveria ter anunciado um nome para a economia", diz o economista Fabio Giambiagi

O Antagonista

Play Episode Listen Later Nov 24, 2022 53:23


Em entrevista a Carlos Graieb, na Crusoé, o economista Fabio Giambiagi afirmou que Lula já deveria ter anunciado um nome para a economia. Ao criticar a demora na escolha por parte do petista, ele destacou os impactos causados pela ausência de um ministro da Fazenda em discussões como a que envolve a PEC da Gastança. "[...] Isso se assemelha a uma discussão numa mesa onde o cara que vai pagar a conta do jantar não está presente e fica todo mundo discutindo qual vai ser o vinho que vai ser escolhido. O cara que paga a conta não está, então eles vão pegar o vinho mais caro. Então, isso tudo ter ocorrido sem o Ministro da Fazenda escolhido, cuja a função em qualquer democracia do mundo é dizer não em nove de cada dez pleitos, é muito ruim [...]." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Ele sabe que pedido do PL implica anular 66 milhões de votos

O Antagonista

Play Episode Listen Later Nov 23, 2022 3:52


Em artigo para a Crusoé, Carlos Graieb fala sobre o relatório do PL, partido presidido por Valdemar Costa Neto, que aponta supostas falhas nas urnas eletrônicas e pede a invalidação de votos depositados em urnas de modelos anteriores a 2020. "Por exigência de Jair Bolsonaro, o manda-chuva do PL, Valdemar Costa Neto, detonou uma bomba política de alta potência na tarde desta terça-feira, 21. Ao mesmo tempo, procurou se dissociar da explosão. Ele disse que o documento apresentado ao TSE, requerendo uma 'verificação extraordinária' dos resultados da eleição, 'não expressa a opinião do Partido Liberal'. Seria apenas um relatório técnico, elaborado pelo Instituto Voto Legal." "Valdemar também assegurou que seu único propósito é 'contribuir para o fortalecimento a democracia do nosso pais'. Tudo isso é balela. Não foi protocolado um mero 'relatório técnico'. Valdemar iniciou um procedimento jurídico que não se limita a expor supostas falhas das urnas eletrônicas, mas tem uma meta bastante específica: anular 67 milhões de votos. Vamos repetir: para 'contribuir com a democracia', Valdemar e o PL, instados por Bolsonaro, propõem que 67 milhões de votos sejam jogados no lixo." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - O outro lado da líder das Mães da Praça de Maio

O Antagonista

Play Episode Listen Later Nov 21, 2022 13:00


A argentina Hebe de Bonafini (foto), de 93 anos, morreu neste domingo, 20, em Buenos Aires, lembra a Crusoé. "Ela se tornou conhecida pela luta por informações dos dois filhos e de uma nora, desaparecidos na ditadura militar argentina (1976-1983). Ela também fundou, em 1977, a organização Mães da Praça de Maio. Com os tradicionais lenços brancos nas cabeças, suas integrantes são um símbolo da luta pelos direitos humanos." "Mas as marcas que Hebe deixou no período democrático da Argentina, que já dura 36 anos, estão longe de serem uma defesa da democracia e dos direitos humanos, como tem sido dito por políticos de esquerda nas redes sociais. Sua trajetória inclui escândalos de corrupção, apoio para derrubar governos democráticos e proximidade com ditaduras e grupos paramilitares." "Quem conta sobre a amizade entre Hebe e Fidel Castro é o parricida Sergio Schoklender. Ele a conheceu na prisão, em 1983, e depois tornou-se seu assessor administrativo. [...] 'Hebe passou a ser um elo importante entre Cuba e as organizações argentinas. Toda vez que ela chegava à ilha, tinha carro, casa e todos os recursos que Fidel colocava à sua disposição. Então, ela se converteu em uma emissária de Fidel para os Kirchner', escreveu Schoklender em seu livro Sueños Postergados." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Lula comprou uma briga desnecessária com o mercado

O Antagonista

Play Episode Listen Later Nov 18, 2022 9:43


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé mostra por que a PEC da Gastança e o discurso raivoso de Lula prenunciam tempos difíceis na economia. Leia um trecho: "Durante as eleições, tanto Lula quanto Jair Bolsonaro prometeram manter em 600 reais o benefício pago pelo principal programa de transferência de renda existente no país – aquele que hoje atende por dois nomes, Bolsa Família e Auxílio Brasil. Esse é o tipo de compromisso de campanha a cujo cumprimento nem mesmo Scrooge, o personagem mesquinho criado por Charles Dickens, ousaria se opor. E de fato, depois da vitória de Lula em 30 de outubro, não se ouviu uma voz sequer, na política ou na economia, sugerindo que os recursos não previstos no orçamento de 2023, mas necessários à satisfação da promessa, deveriam ser negados ao futuro governo." "Na verdade, havia até mesmo boa vontade com a proposta – essa exclusiva de Lula – de conceder um benefício extra a famílias carentes com crianças pequenas. O que se esperava, em contrapartida, eram sinais concretos de que o governo petista estará comprometido com o equilíbrio das contas públicas nos próximos quatro anos." "[...] Em vez disso, Lula decidiu tratar qualquer apelo ao controle de gastos como parte de uma conspiração contra os pobres. 'Por que as pessoas são obrigadas a sofrer para garantir a tal responsabilidade fiscal? Por que toda hora falam que é preciso cortar gastos, é preciso fazer superávit, é preciso cumprir teto?', perguntou ele em um evento no último dia 10. A fala azedou o ambiente para o recebimento da PEC da Transição, por meio da qual a equipe de Lula pretende reorganizar o orçamento do ano que vem." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - O presidente mais conectado se desconectou

O Antagonista

Play Episode Listen Later Nov 18, 2022 3:57


Jair Bolsonaro (foto) completou, nesta quinta-feira (17), 17 dias sem compromissos externos desde que perdeu a eleição para Lula, lembra a Crusoé. "Nesse período, sua agenda oficial registrou quatro audiências com Renato de Lima França, o Subchefe para Assuntos Jurídicos da Presidência, e com Célio Faria Júnior, da Secretaria de Governo. Também ficaram anotadas duas reuniões com o Ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira; com Wagner Rosário, da Controladoria-Geral da União (CGU); e com Bruno Bianco, da Advocacia Geral da União." "Além desses auxiliares próximos, ele se encontrou com alguns políticos, como o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP/AL), e o vice-líder do Progressistas no Senado Federal, Luis Carlos Heinze (PP/RS). A reclusão, em parte, pode ser explicada pelo fato de Bolsonaro ter sido acometido por uma erisipela nas pernas. Mais surpreendente é o silêncio do político." "Durante o seu mandato, ele produziu polêmicas em sequência, postou incansavelmente nas redes sociais e tornou a live semanal no YouTube um ritual quase sagrado. A interrupção dessa rotina frenética de comunicação, que conduziu o país a diversas crises, mostra como foi duro para Bolsonaro tornar-se o único mandatário a não alcançar a reeleição no período pós-redemocratização." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - O uso político dos indígenas na Bolívia

O Antagonista

Play Episode Listen Later Nov 18, 2022 8:47


O presidente eleito do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, anunciou várias vezes que criará o Ministério dos Povos Originários, lembra o jornalista boliviano Humberto Vacaflor Ganam, na Crusoé desta semana. "A última delas foi na 27ª Conferência das Partes da ONU para as Mudanças Climáticas, no Egito. 'Os povos originários e aqueles que residem na região amazônica devem ser os protagonistas da sua preservação', disse Lula na COP27. O termo 'originário', contudo, não é de uso corrente entre os brasileiros." "Embora o Dicionário Houaiss aceite o seu uso como 'nativo do lugar onde se encontra' e como sinônimo de 'indígena', ele é empregado mais para dizer que alguém é proveniente de um lugar. Pode-se falar, por exemplo, do turista originário de Minas Gerais. A palavra, assim, aparece na linguagem popular normalmente com um complemento. Em seu novo emprego, difundido pelo presidente eleito, 'originário' é um adjetivo com um fim em si mesmo. Nessa nova acepção, o termo ainda está engatinhando no Brasil, mas a palavra já tem uma larga trajetória em outros países da América Latina, principalmente em meu país, a Bolívia." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Petistas celebram a 'democracia' venezuelana

O Antagonista

Play Episode Listen Later Nov 14, 2022 4:39


Petistas participaram nesse domingo (13) de um ato na Embaixada da Venezuela, em Brasília, para prestar solidariedade à ditadura de Nicolás Maduro, informa a Crusoé. "Eles levaram faixas vermelhas do partido, peças de roupas com imagens de Lula e posaram para fotos fazendo o 'L' com os dedos. [...] Em 13 de novembro de 2019, após o reconhecimento do governo brasileiro do presidente Juan Guaidó, funcionários da nova administração entraram no prédio, mas foram expulsos com violência por petistas, sindicalistas, venezuelanos e membros do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra, o MST." "A embaixada então passou a funcionar como uma área fora da lei, em que os seus ocupantes descumpriam com total desprezo as ordens do governo de Jair Bolsonaro. [...] Nesse domingo (13), os venezuelanos homenagearam o deputado federal petista Paulo Pimenta (de branco, na foto), que discursou para os funcionários de Maduro." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Crusoé: Lula surfa a onda da terra arrasada

O Antagonista

Play Episode Listen Later Nov 14, 2022 13:37


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé fala sobre o bom clima que Lula deverá encontrar na COP27, mas destaca que o presidente eleito terá desafios para achar um caminho entre preservação e desenvolvimento. Leia um trecho: "Lula pousará na próxima semana em Sharm el-Sheik, no Egito, para participar da 27ª Conferência das Partes da ONU para as Mudanças Climáticas, a COP27. Sua presença, na prática, será como uma posse antecipada, pois o petista ocupará o lugar vago deixado pelo presidente Jair Bolsonaro, reunindo-se com vários líderes mundiais." "[...] No Egito, o futuro presidente buscará convencer a plateia de que o seu governo estará comprometido com a preservação do meio ambiente e com a redução das emissões dos gases de efeito estufa. De volta ao Brasil, Lula terá de se articular com diversos grupos de interesse, como os do agronegócio, da mineração em larga escala, da indústria energética, dos governadores, dos prefeitos, dos indígenas e dos ambientalistas — os quais foram tratados de maneiras desiguais em seus dois primeiros mandatos, de 2003 a 2010." "Quando Lula iniciou seu primeiro mandato, ele vendia no exterior a imagem de que o Brasil promovia um desenvolvimento sustentável, com fontes de energia limpas e um agronegócio responsável. Internamente, ele e outros petistas entravam em batalhas constantes com os ambientalistas do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, o Ibama. A demora em aprovar o licenciamento de grandes obras era vista como um entrave ao crescimento." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Red Pill Revolution
Mid-Term Election Shenanigans | Arizona Voting Machines, Denver DMT, Closet Conservative Celebrities

Red Pill Revolution

Play Episode Listen Later Nov 9, 2022 41:44


In this week's episode, we discuss all of the election day shenanigans that occurred. From voting machines mysteriously going down, Celebrities like Chris Pratt and Kim Kardashian voting for conservativish Mayors, and much more!   Subscribe and leave a 5-star review! ----more---- Donate to support the show by going to https://givesendgo.com/redpillrevolution   Our website https://redpillrevolution.co/    Protect your family and support the Red Pill Revolution Podcast with Affordable Life Insurance. This is attached to my license and not a third-party ad!   Go to https://agents.ethoslife.com/invite/3504a now!   Currently available in AZ, MI, MO, LA, NC, OH, IN, TN, WV. Email austin@redpillrevolution.co if you would like to sign up in a different state   ----more---- Full Transcription   Welcome to the Revolution. Hello and welcome to Red Pill Revolution. My name is Austin Adams, and today's episode is going to be about all of the midterm election shenanigans. You got that. Right. We are going to be touching on all of the situations that have come out of the midterm elections, including Arizonas, uh, election ballot machines going down mysteriously. Uh, some people say it may have just been something to do with ink, which seems a little bizarre. Uh, but we're also going to touch on all of the drugs that were on the ballot to become legal. And check on how those are doing. We will also touch on Chris Pratt, Kim Kardashian, Katie Perry, Gweneth Paltro, and even Snoop Dogg himself giving support to a Republican in Los Angeles. So that's pretty interesting, all of that more. We're also going to watch some of the videos from the Arizona situation. We'll give you a little bit of updates by the time you get this tomorrow. Uh, or whatever day you're listening to this, you will already have the results. Hopefully, although if the Democrats have it their way, you wouldn't have them for six months from now when they're done recounting all of their ballots that people sent in prior to the actual election. So we will touch on all of that and more today. But thank you so much for listening. Go ahead and hit that subscribe button. Leave a five star. That is all I ask from you today. I might ask you for a couple more things, but for now, at this moment, in this very second, that is all I want you to do.  subscribe, leave a five star review, write something nice that you like about the show and I would appreciate it very, very much. Other than that, you can go to Red Pill revolution dot c dot comis for losers, Sign up for the sub stack. Uh, if you'd like to, you can go up in the menu and donate to the cause. Fuel the Revolution. Uh, You know, help fund the podcast cuz this takes up a lot of time. So I appreciate you so much. Sign up for the sub stack. It's free. You can also become a paid subscriber at the very bottom of every podcast companion, which includes all the articles, all of the videos, all of the, uh, video podcast, and audio podcast directly to your email every single week. So without further ado, thank you so much for listening and let's get into. Welcome to Red Pill Revolution. My name is Austin Adams. Red Pill Revolution started out with me, realizing everything that I knew, everything that I believed, everything I interpret about my life is through the lens of the information I was spoonfed as a. Religion, politics, history, conspiracies, Hollywood medicine, money, food, all of it. Everything we know was tactfully written to influence your decisions and your view on reality by those in power Now, I'm on a mission, a mission to retrain and reeducate myself to find the true reality of what is behind that curtain, and I'm taking your ass with me. Welcome to the Revolution, All. All right, let's jump into it. The very first thing that we're gonna discuss today is going to be the legal drugs that are on the ballot. This is coming from Vice News and it says, Here's where legal drugs. Are actually on the ballot, and we'll go ahead and check in on those and see how they're actually doing. But this article goes on to say that five US states could legalize recreational marijuana and another state could legalize psychedelics after Tuesday's midterms, which would make cannabis legal in about half of the country. It all use cannabis is on the ballot in Missouri, Maryland, North Dakota, South Dakota, and Arkansas. All five states currently have medical cannabis, and if they go recreational, but join another 19 states in Washington d c. That's pretty wild that Washington DC is a legal recreational state, but you can still get, you know, literally where the lawmakers are. Just puffing it up like Snoop Dog, which we'll talk about in a minute, , but at the same time, passing federal laws about Schedule one marijuana. Pretty. That's pretty crazy. So 19 states will go, uh, total, um, are current. Medically or, or recreationally legal. But these other states, which is now five, more of them currently have it on the ballot. So we'll see how that shakes out. Uh, we'll look and check and see where those are at. Goes on to say that the votes mostly in states that skew Republican come after a month of President Joe Biden announcing he was pardoning everyone, federally and by everybody. They made nobody. Says that it was convicted of a simple cannabis possession, which he didn't know. There's literally nobody in jail, uh, for simple possess. But it goes on to say that here I said the measure impacted about 6,500 people, which the White House stated though no one is currently in federal jail for simple weed possession, Missouri's amend three could legalize possession of up to three ounces. That's a lot of weed. Uh, but violations of the new rules would still face civil penalties, including $100 for smoking up in. I like how it says smoking up Maryland's question. Uh, four would legalize an ounce and a half for adults, 21 and older, North Dakota, South Dakota, and Arkansas. I'll have it on the ballot. And then Colorado, which legalize it over a decade ago, may become the second state to legalize psychedelics. If residents vote to create the neutral or natural medicine health act, that would be awesome. The measure would allow for magic mushroom treatments at psilocybin healing centers, and would legalize growing, possessing and using shrooms. It would also decriminalize mes. Iga, uh, which is an African shrub and is used as an experimental addiction treatment. And DMT Durham, if Denver legalizes dmt, that would be crazy. Wow. I wonder where they're, that, where they're at on that, you know, how, how do we look at that? Um, let's go ahead and, and pull this up here. The, the website that I'm using for majority of this to check in on some of. Situations as, uh, real clear politics. I don't think that they're gonna have that ballot on here, but we can check it in a different way. So let's go ahead and look it up here. Uh, Denver. Let's see if we can find the name of it, cuz then we'll be able to actually pull it up and discuss it. But that's pretty crazy if they legalize DM. I began psilocybin, That would be the first of that as far as I'm understanding the natural, what is it called? The Natural Medicine Health Act. Let's see. Natural Medicine. So currently as it stands, there is a 65% yes vote for Denver's. Psychedelic laws including dmt, psilocybin, igan. That is crazy. That would be so wild if you could go to Denver and just legally do DMT  and, and grow a, I mean, that would. There, there's a real case study for how many people are go going to, you know, real interest, I should say, to see how many people would actually move there for that, because I think you would find a whole industry there and I would be really actually excited to see it. I don't partake in those types of things. That specifically myself. It's a little, uh, you know, I think there's some steps that you take before you start doing DMT  and one of them being psilocybin, but haven't done that either. And, uh, I, I think that you would find a whole cultural movement going on surrounding that. I think what you would find is a lot of people would begin to be interested in it when it's not so demonized. And that could spread the same way that Denver spread the recreational marijuana culture and was like, Hey guys, this isn't. Bad. Maybe we should stop throwing people in jail forever for, you know, doing, you know, eating something that grows off the ground. I think there's a case for that. That's one I'll be watching closely. Cause I think that's crazy. That's Proposition 1 22. Currently standing at 70,000 votes for 38,000 against. Very interesting. All right, so let's go ahead and move on. The next thing we're gonna. And actually let's, let's listen in here to this Russell brand video that I have loaded up and waiting and just see. His Russell brand always has a unique approach on things. It's always kind of a good, not conspiratorial, not Republican, not Democratic or Democrat, not libertarian. He has a very interesting mix of, of perspectives. All of these issues. So I always appreciate listening to him. I've said it in the past, you know, I, I think that I align to be a little bit more, uh, you know, Shorthaired Russell brand than, uh, younger Tucker Carlson So that's kind of, that's my hope for this podcast anyways, is, is not to be a traditional, you know, conservative talking head, although you will find that in many issues today. That is where I align because just the left is so crazy on. All of their issues that are, uh, hot button topics that it's hard not to disagree with them on almost all of it. Even, even when you get into some things like financially, when we get into. Conversations surrounding the actual use useful of the government. I tend to differ quite considerably from the conservative party, which I think the less government, the better in almost all cases. That's, that's my opinion. Almost all cases. Maybe not the military, maybe not the laws, but almost everything else, the government sucks at it. Trust me, when I was in the military, , when I was in the military, I remember back they had a bowling. On base and they literally had a monopoly in the area. You can, There was only one of these things, there was only one bowling alley  it shut down because it was ran so poorly they couldn't even do that. Right. And have a literal monopoly on the area and they sold drinks and beer and all of that good stuff and still couldn't to a bunch of military members keep it alive. It's cra it's, it's so crazy. All. Let's go ahead and Marsh's clip Russell Brand on the election. If you are saying that this election is to save democracy, then democracy is already over cuz you've only got one option. It's a self defeating argument. It's like saying that there is only one Democratic option and that is. Plainly a, a form of ideological tyranny. I mean, nine 11 was a tragedy. We lost thousands of lives in a horrific way, and we still mourn to this day. But when you look at something that is an attack on democracy, something that could actually bring about a fundamental change to American governance as we understand it. Nine 11 is nothing compared to January 6th. It's always like, we'll go back to nine 11. Cause that's the worst example that they can kind of think of. Doesn't seem very helpful to escalate conflict in the manner that they do, except unless, of course you look at it from the perspective that regardless of whether you vote for Republicans or Democrats, the ultimately powerful institutions will remain un. So there you go. And I, I think that's an interesting perspective is that if, if this is the only option that we have to save our democracy, that means that our democracy is fundamentally already flawed. Right. If, if we don't have any other way of, of improving upon the state of our nation, other than the singular election, which I think a lot of people are hoping, you know, you've heard this term a lot, the red wave, that this is just gonna really, and, and hopefully in some way, it's a reality check, right? I, I, I've talked about this before, is like when you get negative social feedback, you te like if you're just an, an asshole of people and everybody keeps their mouth shut, then you'll. Being a jerk to people constantly. But if you get negative social feedback, right, and there's like, um, a lot of people are very passive. I tend to not be very passive . Uh, but when, when somebody does something that's rude, if somebody shuts the, you know, doesn't hold the door for me in front of me and it shuts right on my face, you know, or, or I hold a door for somebody and they don't say thank you and just walk right past me like they deserved for. Open the door for them. Then, you know, I'm like, Oh, you're welcome. You know, I'm the guy that who says, You're welcome when you don't say thank you, , because that's negative social feedback, right? If somebody does something polite for you, you should return the favor and say thank you. I always say thank you. When somebody holds the door for me, I always, you know, say, you're welcome. When they say thank you, it's just a social contract, right? So if you walk right past me, don't even look at me like your Queen Elizabeth. Rest in peace. Not yet. Maybe, I don't know. I don't know. But , if you're her and you walk past me, you know, and you don't say thank you. Maybe she's expecting that from how she grew up. But if you're not her, maybe you should say thank you. So negative social feedback I think is important. And I think this is, this election is a form of that it, and that's what, at least what people are hoping is that there's negative social feedback to counter the ideological radicalism that we've seen recently. And I think that's an important thing for people on the left to see is like when, or, or, or at least politicians and people who are hoping to win these elections is when you can. To the radical side of the general population. You don't need to win the radical side. And they, they've, One thing that I think we've seen along this election is there's been a really big topic of Roe v. Wade and abortion coming up, and I think that was a way to incite the left to show up to vote on a singular issue rather than on the political party or individual who's in front. So when, when you see, you know, Proposition three is something I've been talking about a lot in Michigan is that when, when that is something that is the only issue that somebody cares about. They framed it in a way, in the way that it was framed with Proposition three. It's like, Oh, reinstate Roe is like, No, you're not. You literally are not reinstating. Roe Roe is a, a decision to return the power to the states. It was never a mass like celebration of abortion up to the day of birth. That's not what it was. It was saying that federally you no longer get the. And you can't implement that at a state level. That's literally what Ro Roe v Wade was. And so all of the signs that were on proposition three always said reinstate roe. Right? And, and that's not what you're doing, but what they're trying to do is to incite the general public into believing that that's what's happening through that proposition. And by doing so, getting them to show up to vote on that singular issue, and as a result, getting them to show up for everything else cuz they know they're gonna go. Ticket Democrat, regardless of the individuals or, or decisions that are made. One thing I really hope, but I'm not unbelievably hopeful on, you know, I hope for, but am not too, too confident in, is the Whitmer Dixon ticket right now. Currently Whitmer sits at 52% Dixon sitting at 46%. Hmm. And getting in third place by. Our very small margin is the libertarian. I think that's sad. You know? I think it's sad that Libertarians just have no choice. No, no, no opportunity. I think that's another thing that Russell Brand is saying there is like when you only have a two party system, and in that two party system you only have one candidate, and that candidate's basically set in front of you and you're choosing between one one A or one b. Not one or two even. You're choosing between what, what is presented to you by the very people that are behind the curtains, Right? When you, when you're looking at the circus show of Federman and Oz that is going on right now, it's like, this is the best that you guys have. This is it. This is, this is the, the best people that you could present is somebody who's. Seemingly actually mentally handicapped and a fake doctor who's been on the TV shows for a while. Like, that's, that's who you presented to us. I, I just, it's so wild to me that we are stuck with 1:00 AM one B. Right. And that's, again, Russell Brand's point there that I think's important to point out. Is it shouldn't be one A, one B. It should. It should be an actual and, and at the very least, let those options be viable. Don't let them be idiot one, idiot two, which it's been in a lot of cases there. There is incredible people out there right now, incredible, intelligent, charismatic people who deserve to be voted for. I would say very few of them are currently on tickets right now. I really haven't heard of too many people that I'm like just awestruck by their ability to speak to audiences or their leadership capabilities or, you know, I just, I don't see it. Maybe I'm wrong, but I just, I don't see it. So there's 37% reporting right now in Michigan. Again, by the morning we'll have this answer, but. Currently as it stands, it looks like Whitmer is currently leading, but she was leading by a fairly large margin at the very beginning when they're counting those mail-in ballots and now it's starting to close up. I do not like Whitmer. It is starting with her fake little, uh, you know, when she. It got kidnapped by their random rednecks where, you know, 10 of 'em or something like that. And nine of them ended up being FBI to the point where they were, the whole case got thrown out because the nine or eight FBI agents coerced the other one or two random guys because they were all wearing flannel just to get in the van and go somewhere with them. . I dunno, It was something like crazy like that. And so, I don't know. I, I just think. Through all of the pandemic. She was a nightmare to. As a governor, so I, I, I really do, am looking forward to potentially her not being the person in office. Now, moving forward, the next thing we're gonna talk about is Chris Pratt, Kim Kardashian, Katie Perry, Snoop Dog, Gwyneth Ptro, all flaunting the fact that they're voting Republican on social media. And this brings up a very. Interesting point of what is going on. The red wave, and that's where it really starts, is socially, once it becomes cool and it started to become cool, like the old school Republican was like a random 59 year old white business man. That's always been the perspective, right? That's always the idea. But I think when Trump got into office, it started to become cool again, to be Republican, right? The ideas of going against the machine, the, the ideas that were formally liberal of going against the machine, of going against the man of, of going against the, uh, the elites of the world. At some point, it's shifted, right? The liberal party, the, the Democratic. Are no longer the ones fighting the man. They're the ones like literally getting Pfizer tattooed on their neck because they just can't wait for their next booster shot. They're, they're the ones who are screaming from the, their top of their lungs for daddy government to shut down their businesses and, and mask their faces as they walk into federal buildings and mandate that you and I. Vaccines. That's, that's who they've become. They're no longer the cool hippie Woodstock democrats or liberals who, who wanna push back against the man, who wanna push back against the, uh, war machines, who wanna push back against the medical industrial complex that is not the Democratic party anymore. The Democratic Party is a bunch of sad, like people who who want. Abdicate the responsibilities of their lives to somebody that they feel not even has their best interest, but has a direction they're going because they don't wanna pick one themselves besides one that they're spoonfed. Right. And the, the Republican party has Republicans in general, the right. Has dealt with so much backlash, so much, so much censorship, so much talking down to so much, literally losing your job for holding beliefs that are specific to a political party for the last however many years. Right. And I think again, that's the hope. That's the hope of this election is that, that that's shown here and, and hopefully through the social movements of Chris Pratt, Kim Kardashian, Katie Perry, back in Caruso  for mayor. It, it drives the point home It, it makes that social feedback of like you guys have gotten so fucking crazy that normally people who would always. Left, or at least not even speak out about it. Like Chris Pratt has kind of kept his beliefs to himself, but everybody kind of knows that Chris Pratt's the only allowable Republican in Hollywood that people really love. For some reason, Chris Pratt's just like really pulled it off. , Uh, but let's go ahead and read this. It says, Los Angeles Mayor. Hopeful Rick Caruso may be a political newcomer, but he's enjoyed considerable support from some of Hollywood's a-list celebrities. Now Guardians of the Galaxy's leading man, Chris Pratt has thrown his weight behind the controversial candidate. Caruso is a, I like how they called controversial. Caruso is a Democrat running against the US rep, representative Karen Bass. California.  He thought he once registered as a Republican. The billionaire developer is a public figure in Los Angeles who edged out another competitor in the cramped June 7th primary Former Democrat or is a Democrat once registered as a Republican. So, so this is like the half ass way that they can do it.  so I was wrong. Not a Republican, but was once maybe a little bit Republican and that's why it's so controversial. Uh, Chris Pratt announce his endorsement in the post on Instagram. I've lived in LA for 20 years. It's been great to me. The movie Star wrote on Sunday and that time I've seen many residents. I've seen what many residents here have seen. Oh my gosh, it is 1130. Um, the city's gradual decline in the pain and utter disarray. If you live here, you know exactly what I'm talking about. I don't normally support political candidates, but in this election there's too much to lose pr. Add to that, if you're an LA voter, I urge you to vote for Rick Carus. Uh, Caruso la I, I assume it's not Caruso . He's a builder. He knows how to get shit done. He's the guy for our city, Rick Caruso, for La Mayor Pratt has largely stayed mom on this past political meeting. Some on social media, slammed him in 2020 for allegedly being the supporter of them. President Donald Trump, Although a Newsweek fact check from October, which must be right of that year, had ruled that the claim to be unknown. Meanwhile, other legendary celebs back in Cruso include rap, uh, rap dog, rap icon, Snoop Dog, Reality star, Kim Kardashian. You mean Porn Star and Oscar winner? Gweneth Paltro. Snoop O is em empathetic about his preference for LA Mayor saying during one news clip earlier this year, I endorsed the real and that is real. Gweneth Paltro has a video and there you go. Pratt has largely kept his political preferences under lap, under wraps, but some of the Marvel co-stars are more outspoken. Yeah. We know Mark Ruffo is the biggest dweeb ever. Uh, and that's what we got there. So again, I think that brings up an interesting conversation. I think that that's where we're going to start to see it. If it starts to become pushed within and, and that's where they really lose, They've already lost 51 60% of the public's vote in these last few years. But if Hollywood celebrities like Chris Pratt, start to make Hollywood able to speak out in these things, because apparently there's a lot of like under wrap celebrities who are actually more right leaning than they would lead you to believe. But if that becomes cool, I would be really surprised if, you know, the Democratic party doesn't have a real problem on their hands. All right, let's move on. Let's kind of, uh, get, maybe get an update here, but, all right, let's touch on this Maricopa County. Is being sued by C Lake after hiccups, hiccups at Arizona voting locations. So there's been some interesting conspiracies if you're into that sort of sort of thing about election fraudulent activities, which may or may not happen. I'm not saying they do, and of course they don't. If this is on YouTube, there's no way. That anything could happen that would cause the election to sway. And they're always perfectly accurate and there is never, never any shenanigans. But this is something that people are talking about, so we might as well talk about it here and if it was real, which it's not. It does bring up a really interesting conversation. So this goes on and say the campaigns for Republican gubernatorial can. Gubernatorial. Wow, that's such a fun term. Uh, Kerry Lake, US Senate candidate Blake Masters and the Republican National Committee are suing Maricopa County Arizona after issues with voting tabulation machines. And we're gonna watch some of the actual videos of this going on in just a minute, and it goes on to say the G O P lawsuit seeks to keep polls open until 10:00 PM. Which immediately got shut down. I'd also asked the state court to instruct the in inspector at every polling station that voters whom the EPO have recorded as having previously voted in the election must be permitted to complete and cast a provisional ballot. Fox News previously reported Tuesday that many polling sites in the county were experiencing problems. Unfortunately, we have had some hiccups with about 20% of these Tabulators, Chairman of me Hope aboard of supervisors. Bill Gates told Fox. Chairman to the Maricopa County Board of Supervisors, Bill Gates. Okay, so not Bill Gates. Bill Gates, Different Bill Gates. Just a terrible name to have during these times. you're like, Bill Gates said, What about voting tabulation machines? No, he said nothing. This guy's some random guy who hasn't the unfortunate happenings of having Bill Gates name. Uh, as Gates said, the issue happened when people tried to run their ballots through the Tabulators, but had the ballots spit back out. All right, so here's some of the videos that you'll see coming out of Arizona in Maricopa County is some very, very frustrated voters, and here we. Two tabulators, one of the tabulators is not working. Okay? The other tabulator is taking about 75% successful to that. So 25% of them are being misread and it could be a printer issue, um, or it could be the TABULATOR itself. So when it's misread, you have an option to put it into what's called box. And it gets read. Whether it goes downtown and gets read in annually or whether it gets re fed in, into our tab, you don't worry. So that is a poll worker explaining how their stuff is not working. , it's like, how, how? How long do we have to do this? Like we would be much better off in some second or third world country in this, in this matter, Like we've taken technology. We have, if you look at these polling machines, when I sat and made my vote today, you look at these polling machines and it's like embarrassing how old these things look for how, I don't know. We have vehicles driving themselves, but we can't get a machine. Properly tally like we had scantrons 20 years ago,  or whatever, when I was in first grade, uh, that were reading our answers. Nobody was going through and tallying them like, we've had this technology for decades and we're still having issues with this. It's, it makes zero sense, zero sense at all that we're still having issues with these voting tabulation. And again with the blockchain, I assume I'm not a blockchain specialist over here, but I assume there is absolutely some way we could utilize cryptocurrency type blockchain to verify the votes that are happening on EF damn phone. Everybody pulls out their phone. Everybody vote. The day of the election by showing they are who they are, uploading a document, verifying identity, and somehow through the madness that is the blockchain. It's probably a very vague term to the people who actually know what they're talking about here. Uh, but there's some way that we can have it be verifiable, much more verifiable than what we're doing here with these random companies. And I say random, but they're probably owned by the very people who are giving us one A and one B options in this case. And if you know who I'm talking about, you know who I'm talking about, The George Soros, the Rockefellers, the World Economic Forums of the World, all are the ones who somehow manage to fund almost every candidate on almost every side, and also somehow own some of the largest stakes in the voting tabulation machines and their companies and their shell. And they're Shell's, Shell's, companies, , possibly. So yeah, let's go ahead and watch the next video because that's, uh, that's what we got here. Let's go ahead and, and check it out because there's some interesting perspectives that are going on from the, from these poll workers who are just blabbing their way through these issues. Yeah, I'm at the North Scottsdale United Methodist Church on, uh, Tuesday, November the eighth election day, and it's 10 33. Uh, I've tried to vote and neither machine in there. Neither ballot machine will accept ballots. There's numerous people in line and every time it's either rejected or misread and they said there's a Dropbox we can put it in. They said it will be counted. And the problem with this is that they're primarily always in conservative areas. Almost always. Isn't that interesting, right? That in just the areas that are conservative, the ballot machines seem to, I don't know, not want to read ballots. That seems like a problem. , who am I? Currently, as it stands, it is now 1135 Eastern Time. The Senate is being held by 46 Republicans, 45 Democrats. Uh, the house is at 177 Republicans to 134. Democrats, Governors 24 to 14 and. As it stands now, uh, Dixon is making some ground, 51% to Whitmer, 47% to Dixon, and let's see, with some other ones, 56% to Hobbs and 43% to Lake in Arizona. Interesting, interesting, interesting. And obviously Hobbs is the Democrat, Carry Lake is the Republican, and that's the exact place where this Maricopa County issues were. You know, one of the, and that's at 50% of the total votes being recorded at this point. Uh, Michigan's votes are at 40%, but. Seemingly making some ground. All right, let's go ahead and watch the next video here of them explaining again from a different perspective what they think is going on. Put it in there. Yeah. And tonight a Republican and a Democrat will sit and go through all of the misread ballots all over the county. Okay. And count them and it will get counted. Okay. And both machines were not working yet? No. Nothing's working in the last half hour. Nothing. Thank you. Nothing's working. That that is the whole point. These things are here. Is for them to work. What do you mean? Nothing is working. That's gotta be the most frustrating thing to hear ever. Oh. Oh. Nothing is working. Not, not just we're having some issues, just no, literally nothing is working . That is so crazy. And then on the backs of that, there's this Project Veritas video that just came out, which was explaining that, you know, she said, Oh, there, there's these Democrats and these a Democrat and they Republican. With zero margin for error in those political leanings are going to sit down and read these ballots and with perfect precision, give their feedback and. Mark everything correctly because no human ever has purposefully made mistakes. So here's this video. I just dropped it, airdropped it to my computer here, uh, and we'll watch it. This, here's the Project Veritas video of somebody to work and change the system. Jump jumped the gun a little bit, but now I'll be able to turn it down for you guys. Uh, this is a. Uh, Donald Skynyrd, a Republican affidavit inspector, talking about how he's not actually Republican and how he scammed the system to be considered Republican. Meanwhile, this woman is sitting there going, Oh, it's just a one Democrat and one Republican for sure. Nothing weird going on here. They're for sure gonna read it 100% accurately and let's prove 'em wrong via Project Veritas. So here, Go from what they signed. It had to be a Republican. Yeah, I'm a Republican, but I'm a Democrat. I'm only Republican cause of this job Here in New York City, we met a man, perhaps a sleeper democrat, who got a job as an election inspector for the Republican Party in the Bronx. A rare sighting. Indeed. If you know anything about New York politics, watch how he tells their undercover journalists that he votes as a Democrat, but got a job as a re. Each party in New York picks their own observers, and somehow this guy, Donald Skinner, senior, got the job. I'm a Republican, but I'm a Democrat. So why I, Yeah, I, I'm only Republican cause of this job. What do you mean? Uh, in order for me to work, I had to be a Republican. Why? Cause it was the only one that was giving up to jobs at the time, and all the Democrats had all these spots filled. So I had to be, if I wanted to work and change the system. This side, it had to be a publican. Yo. Is there a lot of people like that? Yes. Excuse me. Oh, his name tag says he was an affidavit inspector for the Republican party. New York State law says there must be at least two inspectors. One from the Democratic Party and one from the Republican Party. Oh, nothing to see here if your ballot doesn't go in the right way. Well, you have one Democrat and another Democrat who's gonna sit here and read these ballots perfectly with precision without any bias whatsoever. You know, like being the complete opposite political party to begin with. Now, imagine two Democrats sitting there reading. And deciding what was actually on the ballots of these ones that weren't going through in a primarily Republican district. And that's all it takes is two people. You don't need this massive conspiracy of people and moving parts we're not, you know, if Naso Space mission never happened, too many people would know. Yeah, probably didn't happen, but. In this case, it's that much easier. It's that much easier here. You don't have to have a hundred thousand people in New York who, who help to make these things, These, these political parties sway or the political, uh, ballots change. You have two people, right? And in this case in Arizona. Oh, nothing to see here. We have a Democrat and a Republican. Even though the Republican might be an undercover. That's all he needed to get the job. That's so crazy. And this woman sitting here, you know, we'll go back to that in just a second saying that, Oh yeah, no problem. Nothing to see here. It's just all not working. Donald says the only way he can change the system is to pretend to be a Republican. I'm only Republican cause of this job. If I were to work and change the system from inside and to be recovery. Yep. There you have it. And what a wonderful job, as always, from, from Project Veritas. They always do great stuff. All right, so, uh, let's see, Uh, let's see what's going on with Pennsylvania right now, because I, the Federman Oz situation is, well, you know, we'll give one little update here. See if Denver's, uh, 1 22 has any updates too. Such an interesting situation there. Uh, currently sitting 64% to 35% or 35,000, 70,000 to 35,000, 64% to 35%. Wow. Crazy. All right, let's go ahead and check it on Pennsylvania. And see where they are at too, because that Oz Federman debate should literally be a reality show. Like, if you've ever seen a, a great, uh, a great movie with Zach Galinas called The Campaign It's the such a hilarious play on modern politics where he like punches the baby in the face. It's , it's amazing. Um, but anyways, there is your check-in. Let's see if we have. Any other information going on here that we want to touch on prior to moving on? I know it's a little bit of a quicker episode today, but you. I don't wanna sit here and update you guys, because tomorrow you'll know more than me. But here is just the, the interesting conversations surround the ELE surrounding the election that I found. So let's go ahead and maybe we can drop in and see if there's anything else going on here. Uh, let's do a double take on where we're at with Proposition three with Michigan. And again, if you didn't know what that was, that was something regarding, uh, it was under the guise of abortion rights, but really, uh, is. Changing of the Constitution of Michigan State laws to supersede all other state laws regarding the sexual, uh, sexualization basically of, of giving children the right to, uh, be taught sex education without parental consent or being able to pull their children out of the class. Allowing for, uh, women to have abortions up until the time and date of pregnancy as long as they say that they're having a, a mental health issue, which, you know, all women days away from giving. Probably have some sort of large amount of stress on them, I assume . And by assume, I mean I have a wife who has had three of my children, so I know there's a tremendous amount of stress on women at the time. But anyways, I digress. So, It'll be interesting to see how this plays out. Thank you guys for listening today. That is what I have for you. There is your updates on all things election shenanigans, including, You know, what we touched on was the celebrities coming out and supporting a Democrat who was once a Republican, which is about the craziest thing that you'll see because they would never support a Republican. That would be, call that crucification. Uh, they would be all but what's happening to Kanye West right now? Uh, and then we see some of the actual ballots that are going on between that. Denver one's crazy to me. I'm, I'm really, really surprised to see that on the ballot. I'm gonna be watching that one closely and we'll have to do a follow up. But, uh, anyways, guys, thank you so much for listening. I hope you have a wonderful day. Go check out the results if you are listening to this. Hopefully they're all in by the time you are listening. And we will be doing another episode this week. So stay tuned. Go head over to repo revolution.co. Hit the subscribe button on your phone right now. Hit the five star review button. Leave a review. Even if it's just like, Hey, thanks man. Good stuff. That's all I care about. If you wanna write something beautiful, that would be nice too, and I would actually really, really appreciate it. Um, but that's what I got. Have a nice guy day guys, and welcome to the Revolution. Welcome to the Revolution.

O Antagonista
Cortes do Papo - Você está preparado para um terceiro turno?

O Antagonista

Play Episode Listen Later Oct 29, 2022 14:35


A capa da nova edição da Crusoé fala sobre a possibilidade de terceiro turno envolvendo a disputa presidencial. Na reta final da campanha, Jair Bolsonaro retomou o discurso de que há fraude nas eleições e pavimentou o caminho para contestar o resultado em caso de derrota. Leia um trecho: "Se você aguarda ansiosamente pelo término, neste domingo, de uma campanha vazia de ideias e repleta de carluxos e janones, de violência retórica e baixaria, respire fundo e prepare-se: o terceiro turno das eleições já está encomendado, caso Jair Bolsonaro saia derrotado das urnas por uma margem estreita (e todas as pesquisas sugerem que a margem será exatamente assim, bastante apertada)." "Na quarta-feira, 26, o presidente disse em dois momentos que sua candidatura foi prejudicada pela não exibição sistemática de propagandas de rádio, o que teria desequilibrado a disputa em favor de Lula, seu adversário. Na primeira fala, em cima de um palanque em Minas Gerais, ele acusou o PT e o TSE de terem agido em conluio para prejudicá-lo. Na segunda, uma entrevista coletiva diante do Palácio da Alvorada, Bolsonaro foi mais comedido, mas prometeu ir 'até as últimas consequências' no questionamento do caso." "A nova polêmica não significa que as velhas queixas sobre as urnas eletrônicas e a 'falta de transparência' na apuração de votos tenham sido deixadas de lado. No último fim de semana, o comentarista político americano Ben Shapiro exibiu em seu programa uma conversa com Bolsonaro, na qual o presidente afirmou que, depois de participarem da fiscalização do primeiro turno, as Forças Armadas lhe teriam comunicado ser 'impossível dar um selo de credibilidade' ao processo eleitoral." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Papo Antagonista com Carlos Graieb e Crusoé

O Antagonista

Play Episode Listen Later Oct 21, 2022 46:29


Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - O peso do mundo na campanha eleitoral

O Antagonista

Play Episode Listen Later Oct 21, 2022 11:54


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé fala sobre o peso da política externa nesta eleição, vinculada a temas como corrupção, pobreza, meio ambiente e democracia. Leia um trecho: "Contrariando a tradição brasileira, os temas de política externa ganharam um peso excepcional nesta eleição. Esta semana, uma frase atrapalhada do presidente Jair Bolsonaro sobre refugiadas venezuelanas levou petistas a o acusarem de pedófilo e a pedirem o não reconhecimento do presidente Juan Guaidó — o que implicaria a legitimação da ditadura de Nicolás Maduro." "No primeiro debate televisivo do segundo turno — que corre o risco de ser o único — Lula gabou-se de que era convidado para as reuniões de cúpula do extinto G8 e do G20, segundo ele porque o Brasil 'cuidava do clima' e tinha baixos índices de desmatamento. Bolsonaro disse que Belo Horizonte não tem metrô porque o dinheiro brasileiro foi para os ditadores venezuelanos Hugo Chávez e Nicolás Maduro." "Nos últimos sete minutos da discussão, quando falou praticamente sozinho, o presidente citou a repressão a padres e freiras pelo ditador nicaraguense Daniel Ortega e a defesa da descriminalização da maconha e da cocaína pelo presidente colombiano Gustavo Petro." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Quem tem medo dos evangélicos?

O Antagonista

Play Episode Listen Later Oct 21, 2022 2:01


Frequentador de um templo da Assembleia de Deus em um bairro de classe média de São Paulo, Gutierres Fernandes Siqueira (foto), de 33 anos, já escreveu quatro livros sobre teologia evangélica, diz a Crusoé. Quem Tem Medo dos Evangélicos? (Mundo Cristão) é diferente. Trata-se de um ensaio de leitura fluída, que procura desfazer preconceitos sobre a religião para aqueles que a observam de fora – mas também tece críticas, especialmente à maneira como os evangélicos têm se relacionado com a política. Questionado em entrevista à Crusoé se acredita que Deus escolhe os governantes terrenos, como dizem muitos líderes evangélicos, Gutierres respondeu: "Esse é um discurso perigoso, um discurso autoritário, que tem origem numa leitura distorcida do texto bíblico. Na Bíblia, o governante ungido por Deus é aquele que aponta para Cristo. Por isso está dito que Jesus é o 'novo Abraão' ou o 'novo Davi'. Ao ungir esses homens como líderes de seu povo, Deus se revelou na história humana, apontando para a chegada futura de Cristo. Se você acredita que qualquer governante é um escolhido de Deus, você não entendeu nada da sua própria teologia. Você é um fiel que precisa se reeducar." LEIA A ENTREVISTA COMPLETA AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Carta de Lula sobre religião não foi divulgada por sua campanha

O Antagonista

Play Episode Listen Later Oct 13, 2022 5:31


Na manhã desta quarta-feira, 12, um documento assinado por Lula, com o título “Religião: um direito sagrado e fundamental”, foi publicado por diversos veículos. Segundo apurou Crusoé, no entanto, o texto foi um vazamento e a assessoria do petista nega que seja uma manifestação oficial dele ou de sua campanha. Sem discordar do teor da carta ou criticá-lo, a candidatura diz que ainda trabalha sobre um texto “mais amplo” a respeito da religião na eleições. Não há data definida para a divulgação. O documento que circulou hoje afirma que “as igrejas são instituições de fundamental importância na constituição de uma sociedade e precisam ser valorizadas”. Diz ainda que “todas as religiões e templos religiosos serão respeitados e tratados com dignidade, como já fizemos em nossos governos anteriores”. Há mais de uma semana, o PT debate internamente a publicação de um texto assinado por Lula e direcionado especialmente aos evangélicos – um eleitorado que mostrou larga preferência por Jair Bolsonaro no primeiro turno das eleições. Essa carta desmentiria notícias falsas, como as de que Lula pretende fechar igrejas caso seja eleito, e também poderia assumir compromissos para um eventual governo, como o de não encaminhar ao Congresso propostas de legislação sobre temas sensíveis, como o aborto. A realização de um encontro do candidato com evangélicos chegou a ser cogitada para o próximo sábado, 15, ou para o começo da próxima semana, em São Paulo. Mas nenhum desses eventos tem confirmação. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Papo Antagonista com Carlos Graieb e Crusoé

O Antagonista

Play Episode Listen Later Oct 7, 2022 66:19


Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Crusoé: "A perna curta da mentira"

O Antagonista

Play Episode Listen Later Oct 1, 2022 5:25


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé fala sobre os efeitos das fake news nas eleições deste ano, que converteram votos de evangélicos e inundaram a internet. No entanto, a sociedade está mais bem preparada do que nos últimos pleitos e conseguiu conter seus danos. Leia um trecho: "A disseminação de notícias falsas nestas eleições era uma tragédia anunciada que, desde o ano passado, motivou ações da Justiça eleitoral e das empresas de tecnologia. A expectativa se confirmou. Nos últimos quatro meses, foram registradas 15 mil denúncias de desinformação pelo Tribunal Superior Eleitoral, TSE, sendo 562 disparos massivos de mensagens. Como nem tudo é reportado, o total de infrações é certamente muito maior, e uma avalanche de inverdades deve ocorrer nos próximos dias." "Pesquisas confirmaram que essas mensagens enganosas viraram votos em ao menos um grupo, o dos evangélicos. Mas, nos demais, as mentiras tiveram perna curta. A conscientização sobre o perigo que as fake news representam, a remoção de conteúdos pelas redes sociais, a ação rápida dos advogados dos partidos e da Justiça eleitoral e o fato de que os dois principais candidatos são figuras bem conhecidas do público evitaram um caos maior." "O dado que comprova a eficácia das fake news entre os evangélicos foi obtido pela Genial/Quaest: 34% deles acredita que Lula fechará igrejas se eleito. O número é chocante porque, em momento algum, o petista afirmou tal coisa, ou isso tampouco faria qualquer sentido. Mesmo assim, desde maio, o Datafolha apurou um aumento da intenção de voto em Bolsonaro entre os evangélicos de 39% para os atuais 50%." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Crusoé: "Trampolim para 2026"

O Antagonista

Play Episode Listen Later Sep 24, 2022 2:17


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé mostra por que candidatos a governador que lideram em vários estados representam uma nova geração, que pode arrancar o Brasil da polarização. Leia um trecho: "Esta campanha presidencial tem sido marcada pela monotonia das pesquisas e pela violência dos ataques, verbais ou reais, dos candidatos e de seus seguidores. Mas, por sorte, essa não é a única disputa em andamento. Em outubro, os brasileiros também escolherão os governadores de 26 estados e do Distrito Federal." "[...] Essas disputas regionais estão ocorrendo, em boa parte, ao largo da histeria da campanha presidencial. Candidatos que não anunciaram apoio a Lula ou Bolsonaro lideram em cinco dos dez maiores colégios eleitorais do país. [...] Com 65% das intenções de voto, o paraense Helder Barbalho (MDB) só não liquidará a fatura no primeiro turno se houver um cataclisma."  "O mineiro Romeu Zema (Novo) e o baiano ACM Neto (União) também têm grandes chances de vencer logo de cara as eleições no segundo e no quarto maiores colégios eleitorais do Brasil. A intenção de votos deles é de 53% e 54%, respectivamente. Os que estão como favoritos, mas ainda precisam assegurar uma vitória no segundo turno, são Eduardo Leite (PSDB), no Rio Grande do Sul, e Carlos Moisés (Republicanos), em Santa Catarina." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Milton Ribeiro rompe o silêncio - Papo Antagonista com Claudio Dantas

O Antagonista

Play Episode Listen Later Sep 23, 2022 81:40


Ex-ministro da Educação rompe silêncio e concedeu entrevista exclusiva ao Antagonista para explicar as novas denúncias de corrupção e tráfico de influência no MEC; novas pesquisas, as escorregadas dos políticos e trocas de acusações; além da CRUSOÉ. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Jair Bolsonaro: “O Supremo interfere demais na vida de todo mundo”

O Antagonista

Play Episode Listen Later Sep 19, 2022 4:39


O presidente Jair Bolsonaro (foto) voltou a criticar neste sábado (17) a decisão do STF suspendendo a lei que determinou um piso salarial da enfermagem no valor de R$ 4.750. Em visita a Caruaru, no Pernambuco, ele afirmou que viu “com tristeza” a sentença. “No meu entender, não caberia ao Supremo decidir essa questão. A Câmara e o Senado aprovaram. Nós sancionamos sem qualquer vício de origem. Caberia apenas, no caso como esse, no meu entender, o relator [ministro Roberto] Barroso simplesmente não conhecer disso”, disse à CNN Brasil. E acrescentou: “Afinal de contas, o Supremo interfere demais na vida de todo mundo no Brasil. Decisão da Câmara, do Senado, do Executivo. Difícil você governar com o Supremo agindo com ativismo judicial, nunca visto na história do Brasil.” Mais cedo, o presidente participou de comício em Caruaru, onde discursou ao lado do ex-ministro Gilson Machado, agora candidato ao Senado, e do ex-prefeito de Jaboatão dos Guararapes Anderson Ferreira, que concorre ao governo de Pernambuco. Leia também a reportagem de capa da nova edição da Crusoé sobre os efeitos da polarização ideológica no país, seja qual for o resultado das eleições de outubro. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Como perder uma eleição - Papo Antagonista com Claudio Dantas e Crusoé

O Antagonista

Play Episode Listen Later Sep 16, 2022 51:42


Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Crusoé: não vai ter paz

O Antagonista

Play Episode Listen Later Sep 16, 2022 3:55


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé fala sobre os efeitos da polarização ideológica, a social e a afetiva no país e diz que, seja qual for o resultado das eleições de outubro, o Brasil continuará sofrendo as consequências do ódio político "Jair Bolsonaro decidiu que vai intensificar os ataques a Lula nas próximas semanas. A ordem, além de ser agressivo no tratamento de temas como corrupção e aborto, é levar às últimas consequências a ideia de que estas eleições representam a luta do Bem contra o Mal. Como aconteceu nesta quarta-feira, 14, durante um discurso de Bolsonaro, Lula deve ser associado ao 'capeta'. E não apenas como 'figura de linguagem' (expressão que o presidente adotou recentemente), mas como se o petista estivesse de fato ligado ao diabo, ao espírito maligno da Bíblia, em cuja existência milhões de cristãos brasileiros acreditam." "Quanto à esquerda de forma geral, Bolsonaro também já deu seu veredito: é preciso 'extirpá-la' do cenário político. A esquerda resiste a misturar política com religião. Mas Lula não hesita em igualar Bolsonaro ao que existe de mais próximo do diabo nos livros de História, o nazista Adolf Hitler. Ele fez essa comparação na segunda-feira, 12, durante uma entrevista a um canal de TV. Antes disso, no 7 de Setembro, depois de assistir às manifestações bolsonaristas no Rio de Janeiro, Lula recorreu a outra analogia para mostrar sua aversão não só ao candidato inimigo, mas também às pessoas que ocupavam as ruas naquele dia: disse que lhe faziam pensar numa reunião da Ku Klux Klan ('cuscuz klan', na sua pronúncia), o violento grupo de supremacistas brancos fundado no século XIX, depois da libertação dos escravos nos Estados Unidos." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cuscuz clã - Papo Antagonista com Claudio Dantas e Crusoé

O Antagonista

Play Episode Listen Later Sep 9, 2022 70:28


Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Crusoé: "A direita que grita"

O Antagonista

Play Episode Listen Later Sep 9, 2022 13:29


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé, assinada por Carlos Graieb, fala sobre o saldo dos atos de 7 de Setembro. O presidente Jair Bolsonaro reafirmou seu poder de mobilizar multidões e mostrou que deve continuar influindo na política, mesmo que perca as eleições. Leia um trecho: "Durante o 7 de Setembro, Jair Bolsonaro conseguiu levar, mais uma vez, multidões de apoiadores para as ruas de Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo e outras capitais. Essa exibição de força política levanta duas questões. A primeira diz respeito às eleições que se aproximam; a segunda, ao futuro do bolsonarismo." "Na noite de quarta-feira, o QG de Bolsonaro estava exultante. A campanha tem dados mostrando que, quando critica o sistema eleitoral e as urnas eletrônicas, ou insulta ministros do STF e do TSE, Bolsonaro faz sucesso entre os seus seguidores fanáticos, mas exaspera os eleitores indecisos." "[...] Um grande esforço foi feito para convencer Bolsonaro a evitar esses assuntos. Com o microfone na mão, ele ainda incentivou suas plateias a vaiar integrantes do STF e ameaçou 'enquadrar quem joga fora das quatro linhas da Constituição'. Mas Bolsonaro não disse nada que se equiparasse, em virulência, ao seu discurso na mesma data, em 2021. Daí a comemoração dos assessores. Não espantar o eleitorado, no entanto, não é o mesmo que conquistá-lo. Quais outros benefícios Bolsonaro pode extrair das celebrações do Bicentenário da Independência?" LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Crusoé: setembro decisivo

O Antagonista

Play Episode Listen Later Sep 2, 2022 10:20


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé mostra por que o mês de setembro será decisivo na corrida presidencial. Leia um trecho: "Se agosto é o mês do desgosto na política brasileira (lembremos do suicídio de Getúlio Vargas, da renúncia de Jânio Quadros, da morte de Eduardo Campos), setembro é o mês do desassossego – especialmente de quatro em quatro anos, quando acontecem eleições presidenciais." "A um mês do primeiro turno, este é o momento em que a campanha pega fogo. Em 2022, dois cenários bastante diferentes são plausíveis, segundo as pesquisas de intenção de voto, o que deixa o ambiente político ainda mais aquecido. Num deles, Lula vence a eleição no primeiro turno. Em outro, a distância entre o petista e Jair Bolsonaro se estreita a ponto de levar a disputa para um segundo turno embolado." Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - "Foi a tentativa de censura à Crusoé que me fez voltar contra esse inquérito", diz Fernando Gabeira

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 30, 2022 6:01


Fernando Gabeira foi o convidado desta segunda-feira (29) no Papo Antagonista com Claudio Dantas Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Crusoé: A ação de Alexandre de Moraes contra empresários foi desproporcional?

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 29, 2022 10:34


As medidas do STF contra os empresários bolsonaristas que atacaram a democracia em mensagens privadas ultrapassaram os limites do Estado de Direito Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Mario Sabino: Ciro Gomes tem razão sobre o 4 de junho

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 24, 2022 12:48


Em artigo na Crusoé, aberto para não assinantes da revista, Mario Sabino comenta as declarações de Ciro Gomes (foto) contra o instituto da reeleição na entrevista que o presidenciável do PDT concedeu nesta terça (23) ao Jornal Nacional. "O que destruiu a governança política brasileira nesse modelo é a reeleição", disse Ciro no JN. Sabino relembra trechos de uma coluna que escreveu para a Crusoé em 2020: "A origem dos maiores problemas do Brasil, desde a redemocratização, tem data: 4 de junho de 1997. Não esqueça de vestir luto a cada aniversário dela. Foi quando o Congresso promulgou a emenda constitucional que permite a reeleição (...).  A reeleição é o nascedouro dos nossos maiores problemas porque o governante eleito, não importa o sinal ideológico, passa a preocupar-se unicamente com ficar mais quatro anos no poder. Assim, deixa de tomar medidas antipáticas necessárias à nação e passa a trabalhar em regime de dedicação exclusiva para ser reeleito, principalmente a partir do segundo ano de governo. Torna-se candidato com mandato, avançando sobre o Orçamento como se fosse recurso de campanha." LEIA AQUI a íntegra do artigo; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

The Carroll Connection Podcast
#112 - Liz Cruso

The Carroll Connection Podcast

Play Episode Listen Later Aug 22, 2022 64:27


Liz Cruso is a personal trainer and owner of LC ELITE GYM. On this episode, Liz opens up about her family dynamic and her relationship with her siblings. Liz talks about how basketball was her favorite sport and some lessons learned from playing. Also, she goes on to discuss why she went to college and how post graduation is where she discovered her real passion. Liz explains the reasoning why she opens up her gym and the struggles along the way. We talk about the importance of exercising and how it impacts your mental health. Join us in this awesome discussion about fitness, self identity, and mental health.

O Antagonista
Lula, sobre Janones: será um “grande parceiro” durante e após as eleições

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 17, 2022 1:16


Lula afirmou nesta quarta-feira (17), em entrevista à Rádio Super, de Minas Gerais, que André Janones será um “grande parceiro” durante e após as eleições. O candidato do PT à Presidência disse que o deputado federal não atuará de forma isolada nas redes sociais e participará da coordenação da campanha digital, conforme antecipou a Crusoé. “Não tem espaço para trabalhar sozinho na minha campanha. O Janones vai fazer parte da coordenação da campanha, vai participar das principais decisões que a gente vai tomar no colegiado que envolve todos os partidos políticos que fazem parte da aliança. Ele é um especialista nas redes sociais [..] Nós vamos tentar utilizar o Janones naquilo que ele pode oferecer de bom para o povo brasileiro. Não é apenas a questão eleitoral que a gente tem que trabalhar com o Janones”, afirmou. André Janones desistiu de concorrer à Presidência para assumir a coordenação da campanha digital de Lula, após o petista se comprometer a incorporar suas propostas para assistência social no programa de governo. Como informamos, no final de semana, Janones e Lula disseram em uma live que Bolsonaro vai acabar com o Auxílio Brasil de R$ 600 e que a única maneira de manter o benefício é votando na chapa encabeçada pelo petista. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Alexandre de Moraes: "Liberdade de expressão não é liberdade de destruição da democracia"

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 17, 2022 1:41


O novo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Alexandre de Moraes, prometeu uma ação “mínima, mas célere, firme e implacável” contra informações falsas durante as eleições deste ano. Em seu discurso de posse, o ministro também disse que a liberdade de expressão encontra limites claros na lei brasileira. “Eu não canso de repetir, e não poderia deixar de fazê-lo nessa oportunidade nesse importante momento: liberdade de expressão não é liberdade de agressão”, disse, entre aplausos. “Liberdade de expressão não é liberdade de destruição da democracia, de destruição das instituições, de destruição da dignidade e da honra alheias. Liberdade de expressão não é liberdade de propagação de discursos de ódio e preconceituosos.” Em 2019, o ministro censurou a Crusoé por publicar reportagem verdadeira sobre Dias Toffoli. Moraes fez sua fala com foco no que chamou de orgulho da sociedade brasileira com seu sistema de votação. “Os brasileiros e as brasileiras declaram com confiança o seu voto, aguardando a apuração e a proclamação do resultado no mesmo dia, para segurança, tranquilidade e orgulho de nossas eleitoras e eleitores.” Ele continuou: “A participação política em uma democracia representativa somente se fortalece em um ambiente de total visibilidade e possibilidade de exposição crítica das diversas opiniões sobre os principais temas de interesse do eleitorado e sobre seus próprios governantes.” A cerimônia de posse reuniu um alto número de autoridades políticas e proporcionou alguns momentos inéditos — pela primeira vez na campanha deste ano, Lula e Jair Bolsonaro ficaram frente a frente. Dilma e Temer também ficaram a poucos assentos um do outro. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Desesperado com o crescimento de Jair Bolsonaro, Lula retomou a velha estratégia do medo

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 15, 2022 13:19


Desesperado com o crescimento de Jair Bolsonaro, Lula retomou a velha estratégia do medo e disse hoje à tarde, em live ao lado de André Janones, que o presidente vai acabar com o Auxílio Brasil de R$ 600. "Se o Bolsonaro quisesse continuar com o auxílio emergencial, não teria feito somente até dezembro. É um fundo criado com objetivo eleitoral", afirmou o petista. Janones, que assumiu a coordenação da campanha digital de Lula, foi ainda mais enfático: "A única possibilidade de o auxílio emergencial continuar depois de dezembro é se nós ganharmos as eleições." Em entrevista ao podcast Cara a Tapa, Bolsonaro rebateu as afirmações e disse que já conversou com Paulo Guedes sobre maneiras de manter o benefício social. "Já conversei com o Paulo Guedes — que eu não falo nada sem conversar com ele, sem conversar com o respectivo ministro. ‘PG' dá para manter esses R$ 200 a mais no ano que vem?'. Ele falou: ‘dá se fizer isso, isso e isso'. Então vai ser mantido os R$ 600 de Auxílio Emergencial no ano que vem”, afirmou. O jogo sujo já começou, como mostra a nova edição da Crusoé. Assine a revista e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Crusoé 224: gabinete bolsonarista X brigadas petistas

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 15, 2022 7:34


Na quarta-feira, 10, a deputada Carla Zambelli visitou Jair Bolsonaro no Palácio da Alvorada. Levou a tiracolo Walter Delgatti, o Vermelho, réu na Justiça Federal por invadir celulares de juízes, ministros, procuradores e muitos outros personagens públicos.  Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Mario Sabino explica saída de Diogo Mainardi de O Antagonista

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 10, 2022 7:07


De tempos em tempos, desisto do Brasil. Estou desistindo novamente agora. Além de renunciar às urnas, resolvi renunciar também ao nosso site. A partir de hoje, vou parar de escrever para a imprensa. No caso, O Antagonista e a Crusoé. O plano é me dedicar a atividades mais gratificantes do ponto de vista intelectual e espiritual. De fato, pretendo passar meus dias deitado no sofá, tirando meleca do nariz. Quanto tempo isso vai durar? O trato é permanecer um ano de folga. Pode ser mais, pode ser menos. A única certeza é que vou me abster de comentar a campanha eleitoral, os debates na TV, o resultado do primeiro turno, a festa do vencedor, os nomes dos ministros, as tentativas de golpe, a compra dos parlamentares. Sinto-me revigorado só de ver essa lista. É claro que há reciprocidade nisso. Eu desisti do Brasil, o Brasil desistiu de mim. Ninguém está disposto a ler pela trigésima-oitava vez os mesmos comentários sobre os mesmos assuntos. Eu já disse o que tinha a dizer. O afastamento, portanto, é consensual. O Brasil e eu enjoamos um do outro. Vou sair de mansinho e o leitor nem vai notar. Estupidamente, eu havia prometido me atirar do campanário de São Marcos em caso de segundo turno entre Lula e Jair Bolsonaro. A aposentadoria precoce foi o jeitinho acovardado que arrumei para descumprir a promessa. É uma espécie de terceira via particular. Minha vida vai virar uma Simone Tebet: estreita, tediosa, supérflua e sem brilho, mas longe daquela gentalha fedorenta que há vinte anos embosteia meu dia a dia. A última vez que desisti do jornalismo - e do Brasil - foi em meados de 2010, antes do estelionato eleitoral de Dilma Rousseff. Fiz as malas, voltei para Veneza, escrevi um livro. Foi a melhor fase da minha vida. Vou tentar replicá-la agora. Sim, tem tudo para dar errado, mas estou pronto para o fracasso: sou Simone Tebet. Quatro anos depois de desistir do jornalismo - e do Brasil -, desisti de desistir e, juntamente com Mario Sabino, meu amigo fraterno, lancei O Antagonista e a Crusoé. Foi uma aventura e tanto. Fizemos o impeachment e trancamos Lula na cadeia. Denunciamos o bunker de Michel Temer e a sociopatia assassina de Jair Bolsonaro. Chega. É preciso renovar o site. Sem mim. Estou gagá. Já fiz o que podia. Ou mais do que podia. Quanto ao meu futuro, ele é inexistente: só tenho um presente, cada vez mais curto. Vou cuidar do meu jardim. E da minha sepultura. O epitáfio, esculpido no granito, é dedicado aos leitores que me aturaram até aqui. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Voto nulo não é pecado

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 8, 2022 11:04


Quem cogita votar nulo é alvo de uma pressão que às vezes se assemelha ao bullying, como mostra a reportagem da nova edição da Crusoé, assinada por Carlos Graieb. Quem tenta dissuadi-lo em geral está preocupado com a possibilidade de seu candidato preferido perder a eleição no primeiro turno. Leia um trecho: "Nas próximas semanas, as pesquisas sobre anulação do voto devem crescer exponencialmente na internet. Esse tem sido o padrão na última década. Segundo dados levantados pela consultoria Bites, o volume de buscas sobre o tema, nos 45 dias que antecedem as eleições presidenciais, dobrou de 2010 para 2014 — e mais uma vez em 2018. Isso não significa que o número de votos nulos necessariamente vá explodir. Ele caiu de 7,3% do total, em 2002, para 5,6%, em 2006. Desde então, não teve saltos expressivos. A proporção foi de 6,1% em 2018." "As abstenções, essas sim, cresceram muito: atingiram 20,3% do eleitorado em 2018, o maior índice do século. Mas pouco importa. Apesar de haver um desnível entre a tentação do voto nulo e a sua concretização, os eleitores que cogitam praticá-lo são alvos de uma pressão que às vezes se assemelha ao bullying. O desejo de não entregar seu voto a nenhum dos candidatos que lideram as pesquisas pode ser tratado como um sinal de ignorância ou alienação; como uma falha de caráter, a exemplo da covardia ou da indiferença; e até mesmo como um pecado." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
CORTES DO PAPO - CRUSOÉ: Bolsonaro, a Anitta de Lula

O Antagonista

Play Episode Listen Later Jul 22, 2022 5:05


Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
CORTES DO PAPO: O despreparado

O Antagonista

Play Episode Listen Later Jul 22, 2022 12:04


Jair Bolsonaro, como diz a Crusoé, é o grande cabo eleitoral de Lula - muito melhor do que Anitta. Uma pesquisa qualitativa encomendada pelo PT mostrou exatamente isso. De acordo com O Globo, os eleitores “identificaram o principal defeito do presidente: seu despreparo (...). A equipe de Lula agora traça a estratégia de como trabalhar a questão durante a campanha. A ideia é mostrar que a má condução do governo fica escancarada nos elevados índices de desemprego, na inflação alta que corrói o poder de compra das famílias e na condução desastrosa da pandemia, por exemplo. Ou seja: a população sofre com a inabilidade do presidente.” Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
CORTES DO PAPO: Matéria de capa da Revista Crusoé - Intolerância, a tragédia brasileira

O Antagonista

Play Episode Listen Later Jul 15, 2022 5:11


O Brasil conhece bem a violência política. Desde o começo de 2019, mais de 1.200 ocorrências desse tipo foram registradas no país, segundo o Observatório da Violência Política e Eleitoral da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio). São homicídios, sequestros, atentados, ameaças, agressões. Os homicídios com motivação política não são incomuns. Revista Crusoé - https://crusoe.uol.com.br/ Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
CORTES DO PAPO: Mario Sabino na Crusoé: Lula, a reforma e o crime que não compensa

O Antagonista

Play Episode Listen Later Jun 8, 2022 7:33


Em texto na Crusoé, aberto aos não assinantes da revista, Mario Sabino comenta o esboço do plano de governo do ex-presidente Lula, vazado esta semana. No documento, os petistas defendem a revogação da reforma trabalhista, criticam o teto de gastos e falam em mudanças no Poder Judiciário para, na visão do partido, conter “abusos evidenciados pela Operação Lava Jato”. "Não bastou, portanto, manietar os procuradores com legislações que praticamente os impedem de investigar corruptos, como a Lei de Abuso de Autoridade, nem contar com ministros nos tribunais superiores que partilham da mesma visão de Estado de Direito do PT. É preciso ir ao infinito e além. Não está claro que "ampla reforma" seria essa, mas ela contará com o apoio certamente desinteressado dos aliados de sempre quando o assunto é Justiça". LEIA AQUI a íntegra do artigo; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
CORTES DO PAPO: Justiça espanhola vai rastrear contas de líderes de esquerda delatados por ex-general chavista

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 31, 2022 6:54


O juiz Manuel García-Castellón, do Tribunal Central de Instrução da Espanha, autorizou a Unidade de Crimes Econômicos e Fiscais (UDEF) da Polícia a rastrear as contas bancárias de Juan Carlos Monedero e Carolina Bescansa, cofundadores do partido de esquerda Podemos. Eles foram delatados por Hugo Carvajal, ex-chefe da Inteligência de Hugo Chávez. Segundo o jornal "Ok Diário", o ex-general chavista relatou, em delação premiada, que entregou a Monedero milhares de dólares, em malas diplomáticas e através de empresas de fachada venezuelanas sediadas em território espanhol. Em 2018, Monedero visitou Lula na cela da Polícia Federal, em Curitiba, e depois deu uma rápida entrevista, alegando condições precárias da prisão -- o petista foi acomodado numa cela com frigobar, TV e esteira ergométrica -- e acusando os EUA de minarem a democracia na América Latina."A democracia no Brasil se chama Lula", disse. Como a Crusoé publicou, em outubro do ano passado, Carvajal contou em sua colaboração que o governo venezuelano também teria financiado outros políticos da esquerda latino-americana, inclusive Lula. Até o momento, porém, não foram divulgados mais detalhes da acusação. A PGR de Augusto Aras tampouco solicitou cooperação internacional para apurar a denúncia. Na Espanha, o esquema criminoso de financiamento político, delatado por Carvajal, quase foi para o arquivo, após decisão da procuradora-geral Dolores Delgado, nomeada pelo atual presidente, Pedro Sánchez, com quem Lula se reuniu logo após a denúncia vir à tona. Sánchez é do PSOE, de centro-esquerda e aliado do Podemos, de Monedero. Segundo relato de Carvajal, Monedero era uma espécie de arrecadador do Podemos junto à ditadura venezuelana. Para sustentar suas alegações, o ex-militar chavista entregou provas, como ordens de pagamento realizadas pela petroleira PDVSA a empresas de fachada venezuelanas sediadas em território espanhol -- método semelhante ao usado no petrolão. "Meu informante recolheu o dinheiro na Embaixada de Cuba na Venezuela e o entregou a Williams Amaro, que o levou ao Hotel Meliá Caracas e o entregou a Juan Carlos Monedero", disse Carvajal, citando secretário de Nicolás Maduro", segundo o OK Diário. "Lembro-me de um informe de uma entrega de US$ 600 mil dólares a William Amaro, vindo da Embaixada de Cuba na Venezuela. Acompanhei essa entrega para localizar o destino da operação. De fato, Amaro chegou ao Hotel Meliá com uma mala na mão, entrou no quarto de Juan Carlos Monedero e saiu 30 minutos depois sem a mala", detalha Carvajal. A complexa engenharia financeira para a lavagem desses fundos -- há suspeita que tenham origem no narcotráfico -- incluía o uso de offshores sediadas em paraísos fiscais no Caribe. A Justiça espanhola espera rastrear o caminho do dinheiro, entre os anos 2011 e 2018. Carvajal está preso na Espanha e teve pedido de extradição aos EUA suspenso, em março. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.youtube.com/c/OAntagonista https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista

O Antagonista
Top Gang! - Papo Antagonista com Claudio Dantas

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 27, 2022 84:15


No Papo Antagonista desta sexta-feira (27), Claudio Dantas recebe a presidente do Movimento do Trevo, Juliana Benicio, para uma conversa sobre a necessidade de moderação no discurso político brasileiro. Além disso, o programa traz todos os destaques da mais nova edição da revista Crusoé sobre a missão impossível de Simone Tebet, a aparente incoerência nos resultados das pesquisas eleitorais e a fortuna paga por prefeituras para shows do cantor bolsonarista Gusttavo Lima. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.youtube.com/c/OAntagonista https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista

O Antagonista
CORTES DO PAPO: Capitanias hereditárias

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 27, 2022 7:00


Nesta semana, o filho do ex-deputado João Agripino da Costa Doria Neto foi obrigado a desistir da corrida presidencial, o que soterrou também sua pretensão de ocupar lugar de líder simbólico de uma oposição a partir de 2023 -- sonho que era compartilhado com o filho de César Maia. Foi derrotado internamente, por articulação do neto do ex-presidente eleito Tancredo Neves, com apoio do filho do ex-senador Carlos Jereissati e do filho do ex-deputado estadual Eduardo Gomes de Araújo; mas também, externamente, pela filha do ex-senador Ramez Tebet, apoiada pelo filho do ex-deputado federal e ex-ministro Wagner Rossi. Dessa maneira, a Terceira Via vai se estreitando, após o filho do professor Dalton Áureo Moro ser inviabilizado pela filha do ex-deputado federal José de Abreu e, em seguida, emparedado pelo neto do ex-governador baiano Antônio Carlos Magalhães com ajuda do neto do ex-senador e interventor de Goiás Edenval Ramos Caiado. Como diria Millôr, o Brasil tem enorme passado pela frente. Leia também na Crusoé a reportagem Homens de família e o artigo De pai para filho. Assine a revista e apoie o jornalismo independente. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.youtube.com/c/OAntagonista https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista

O Antagonista
CORTES DO PAPO: Michelle Bolsonaro vai ser a estrela do programa partidário do PL

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 26, 2022 2:47


A primeira-dama Michelle Bolsonaro se filiou ontem à tarde ao PL de Valdemar Costa Neto e será uma das estrelas dos programas partidários que a sigla exibirá em junho para tentar alavancar a campanha do presidente da República. Segundo o jornal O Globo, Michelle não tem pretensões políticas, mas a sua filiação é obrigatória para que ela participe da propaganda partidária. Como mostramos ainda em março, o PL pretende utilizar suas 40 inserções em rádio e TV, no meio do ano, para promover o governo federal e as ações de Jair Bolsonaro em três anos e meio de gestão. A primeira-dama, por sua vez, será essencial para tentar aproximar Jair Bolsonaro do público feminino. Na edição de sexta-feira última, a Crusoé já alertava para esse fenômeno. “Bons indícios apontam para as mulheres de classe C, de meia idade e habitantes das áreas metropolitanas da região Sudeste, como sendo aquelas que, possivelmente, darão a palavra final no pleito deste ano”, afirma a reportagem de Duda Teixeira e Carlos Graieb. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.youtube.com/c/OAntagonista https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista

O Antagonista
Tebet aposta em indecisão do voto feminino

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 25, 2022 1:24


Em seu primeiro pronunciamento após ser oficializada como alternativa da chamada Terceira Via, a senadora Simone Tebet (MDB) disse apostar na indecisão do voto feminino para alavancar sua candidatura nos próximos meses. Em diversos momentos, a pré-candidata lembrou de pesquisas internas que apontariam um alto número de eleitoras do sexo feminino que não estariam satisfeitas com os atuais pré-candidatos à Presidência da República. “Mulher vota em mulher, e mulher que tem protagonismo empodera outra mulher“, ressaltou a parlamentar, durante coletiva de imprensa.  E homens votam em mulheres, porque queremos estar ao lado deles. Estamos pleiteando o direito de andar lado a lado deles”, acrescentou. “Não vamos menosprezar a força das mulheres eleitoras que não estão satisfeitas com o Brasil que tem. O Brasil que elas têm, não é o que lhes acolhe, que lhes protege. [É o Brasil] Que tira o sono das mães que não sabem onde vão estar seus filhos, que chegam em casa de madrugada, que não sabem se seus filhos terão vagas na creche e na escola, se terão remédios no posto de saúde, se terão médicos ou exames“, concluiu Tebet. Na edição de sexta-feira última, a Crusoé já alertava para esse fenômeno. “Bons indícios apontam para as mulheres de classe C, de meia idade e habitantes das áreas metropolitanas da região Sudeste, como sendo aquelas que, possivelmente, darão a palavra final no pleito deste ano”, afirma a reportagem de Duda Teixeira e Carlos Graieb. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.youtube.com/c/OAntagonista https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista

O Antagonista
CORTES DO PAPO: Como são feitas as pesquisas eleitorais?

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 23, 2022 13:31


No Brasil e no mundo, as pesquisas eleitorais foram colocadas em dúvida após erros do passado. Crusoé analisa se ainda faz sentido confiar neles.  Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.youtube.com/c/OAntagonista https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista

O Antagonista
Bolsonaristas e marcianos - Papo Antagonista com Claudio Dantas e Crusoé

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 20, 2022 56:38


Bolsonaro recebe Musk, Bolsonaro ataca ministros do supremo, pesquisas mostram cenário estável. Moraes determina bloqueio geral de bens de Daniel Silveira.  O repórter Carlos Graieb destaca as reportagens da mais nova edição da Revista Crusoé. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.youtube.com/c/OAntagonista https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista