Best podcasts about direito

Show all podcasts related to direito

Latest podcast episodes about direito

O Antagonista
Lula, após posse de Moraes: "Bolsonaro estava incomodado, porque não gosta de democracia"

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 17, 2022 1:36


Lula (foto) afirmou hoje, em entrevista à Rádio Super, de Minas Gerais, que Jair Bolsonaro “estava muito incomodado” na posse de Alexandre de Moraes (foto) no TSE. O petista voltou a criticar o presidente da República e disse que ele “não gosta de democracia”. “Ontem foi um ato de fortalecimento do processo do Estado Democrático de Direito. Bolsonaro estava muito incomodado, porque ele não gosta de democracia“, afirmou Lula. Como mostramos, Moraes, que comandará a Corte durante as eleições deste ano, defendeu o sistema eletrônico de votação e disse que as urnas são motivo de “orgulho nacional”. Também durante a cerimônia, Bolsonaro e Lula trocaram farpas no Twitter. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Mamilos
Cotas 10 anos depois: o que conquistamos?

Mamilos

Play Episode Listen Later Aug 15, 2022 75:40


Mamileiros e mamiletes, a Lei de Cotas completa 10 anos em 2022. Ela é resultado de uma longa mobilização dos movimentos sociais para ampliar o acesso da população negra ao ensino superior. Instituída no governo Dilma Rousseff (PT), a Lei 12.711, de agosto de 2012, prevê que 50% das vagas de universidades federais e institutos federais de educação, ciência e tecnologia devem ser destinadas a alunos que cursaram o ensino médio integralmente na rede pública. Dessas, pelo menos a metade deve ser ocupada por estudantes cuja família tenha renda per capita inferior a 1,5 salário mínimo. Também há vagas reservadas para pretos, pardos e indígenas, de acordo com o tamanho dessas populações no estado onde fica a instituição de ensino. O texto da lei diz que a política de cotas pode ser revisada em 10 anos, ou seja, em agosto deste ano. Com isso, possíveis modificações preocupam defensores da medida. No programa de hoje, Ju Wallauer e Cris Bartis têm a missão de mergulhar nos dez anos de aplicação dessa política pública para analisar o que foi conquistado, quais são os desafios que enfrentamos e como podemos melhorar essa política para a próxima década. Participam da conversa a geóloga Joana Angélica Guimarães, primeira mulher negra a se tornar reitora em uma universidade federal no Brasil - a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) - e ex-vice-presidenta da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), e Maria Angélica dos Santos, doutora em Direito pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e pesquisadora da implementação da política e cotas nas universidades públicas no Brasil. Aperta o play e vem com a gente! _____ FALE CONOSCO . Email: mamilos@b9.com.br CONTRIBUA COM O MAMILOS Quem apoia o Mamilos ajuda a manter o podcast no ar e ainda participa do nosso grupo especial no Telegram. É só R$9,90 por mês! Quem assina não abre mão. https://www.catarse.me/mamilos _____ Equipe Mamilos Mamilos é uma produção do B9 A apresentação é de Cris Bartis e Ju Wallauer. Pra ouvir todos episódios, assine nosso feed ou acesse mamilos.b9.com.br Quem coordenou essa produção foi a Beatriz Souza. Com a estrutura de pauta e roteiro escrito por Eduarda Esteves. A edição foi de Mariana Leão e as trilhas sonoras, de Angie Lopez. A capa é de Helô D'Angelo. A coordenação digital é feita por Agê Barros, Carolina Souza e Thallini Milena. O B9 tem direção executiva de Cris Bartis, Ju Wallauer e Carlos Merigo. O atendimento e negócios é feito por Rachel Casmala, Camila Mazza, Greyce Lidiane e Telma Zenaro.

Debate da Super Manhã
Menos trabalho pelo mesmo dinheiro!

Debate da Super Manhã

Play Episode Listen Later Aug 15, 2022 48:01


Debate da Super Manhã: A proposta de uma jornada de trabalho de quatro dias semanais já está sendo discutida no Brasil. Neste ano, por exemplo, já é uma das principais reivindicações da Campanha Nacional dos Bancários. No debate desta segunda-feira (15), o comunicador Wagner Gomes conversa com convidados sobre as adequações legais que seriam necessárias para essa mudança, os impactos que a medida poderia gerar na economia brasileira e outras transformações no mundo do trabalho. Participam, o Advogado Especialista em Direito do Trabalho, Geraldo Fonseca, a Mestra em Economia, Comércio Exterior e Relações Internacionais e Professora Universitária, Lytiene Rodrigues da Cunha, e o Especialista em inovação, fundador do primeiro laboratório de fabricação digital do Nordeste, o Fab Lab Recife, Edgar Andrade.

Planejamento Financeiro
Ep 144 - Regimes de Casamento

Planejamento Financeiro

Play Episode Listen Later Aug 15, 2022 52:03


Você entra numa quadra para um jogo sem saber se é com bola ou não, se tem rede no meio ou trave nas pontas, se é para jogar com as mãos ou com os pés? Provavelmente não, você deve querer saber das regras antes de jogar, não é? Pois bem, muita gente se casa ou entra numa união estável sem saber quais regras patrimoniais vão vigorar, consequentemente sem ideia do que e como se preparar para elas. Esse exemplo foi um dos muitos que nossa especialista em Direito das Famílias e das Sucessões Marília Oliveira e Telles nos contou de um jeito informativo e gostoso. Afinal, além de uma escuta ativa muito bem treinada, Marília tem também uma didática afiada para expor todo seu conhecimento e experiência. Quer saber a resposta dela para qual é o melhor regime de bens para se casar ou juntar? Dá o play e confere!   Para saber mais sobre a Marília: Instagram: https://www.instagram.com/conectandoecolaborando/ Linkedin: https://www.linkedin.com/in/mar%C3%ADlia-campos-oliveira-e-telles-5639947/   Dicas da Marília: - livro “O palhaço e o psicanalista: Como escutar os outros pode transformar vidas” por Christian Dunker e Cláudio Thebas - filme “Casa Gucci”   Episódios citados: Ep 89 “Práticas Colaborativas” com Bebel Montenegro Ep 112 “Longevidade” com Candice Pomi Ep 8 “Bitcoin” e Ep 130 “NFT” com Gustavo Cunha   Assine o canal, siga-nos nas redes sociais e interaja conosco: Caco Santos: @cacosantos_cfp linkedin.com/in/cacosantos-cfp/   Leandro Paiva: @planejador_leandro_paiva linkedin.com/in/leandro-leal-paiva-b329b323/

O Assunto
Os significados do 11 de agosto

O Assunto

Play Episode Listen Later Aug 12, 2022 32:26


No Largo de São Francisco, milhares de pessoas se reuniram ao redor das arcadas da Faculdade de Direito da USP enquanto, lá dentro, eram lidos dois documentos concebidos em resposta à escalada ofensiva de Jair Bolsonaro contra o sistema eleitoral. Um da Federação das Indústrias de São Paulo e outro - a Carta às Brasileiras e aos Brasileiros em Defesa do Estado Democrático de Direito" - de professores da própria escola. Acompanhando a manifestação in loco, a produtora e roteirista Isabel Seta registrou para este episódio as palavras mais entoadas nas vozes do estudante Igor, de 18 anos, e da aposentada Maria Aparecida, de 81. Todas as capitais e o Distrito Federal organizaram atos para endossar a carta, que já tem mais de 1 milhão de assinaturas. “Caiu o preço para a elite apoiar a democracia”, diz o sociólogo Celso Rocha de Barros sobre a mensagem contida na presença das lideranças tanto da Fiesp quanto da Febraban na cerimônia. “E subiu o preço do golpe”, completa. Convidado de Renata Lo Prete para tirar o saldo deste 11 de agosto, o colunista do jornal Folha de S. Paulo destaca o caráter suprapartidário do evento, que reuniu desde ex-aliados do atual presidente até organizações historicamente ligadas à esquerda. A carta dos juristas vem à luz 45 anos depois de sua versão inspiradora, escrita durante a ditadura. Mas, avalia Celso, os atos desta quinta-feira se assemelham menos aos de 1977 e mais à campanha das Diretas Já, na década seguinte, quando o regime militar estava em seus estertores. Para ele, o sucesso da iniciativa atual mostra a políticos e militares “que estão em dúvida para que lado o vento vai soprar”. “Dar golpe e fracassar não é bom negócio”, conclui.

revista piauí
#213: Democracia, milícia e os golpes de Bolsonaro

revista piauí

Play Episode Listen Later Aug 12, 2022 57:59


Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky analisam a reação de Bolsonaro à adesão de centenas de milhares de pessoas à carta da Faculdade de Direito da USP em defesa da democracia, além de comentar as manifestações marcadas para o dia 11 de agosto. O trio também fala das últimas negociações entre os partidos para as eleições de outubro, das tendências das pesquisas eleitorais e do aumento no número de brasileiros que passam fome. Acesse https://mubi.com/foro e assista ao melhor cinema por 30 dias grátis! Leia série de reportagens Má alimentação à brasileira sobre a fome no Brasil publicada no site da piauí: https://piaui.co/3Qm6t5S Escalada: 00:00 1º bloco: 04:05 2º bloco: 20:54 3º bloco: 36:02 Kinder Ovo: 48:30 Correio Elegante: 51:13 Créditos: 56:18 Bloco 1: 11 de agosto Milhares de pessoas foram às ruas na última quinta-feira, 11, em apoio à Carta às Brasileiras e Brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito, elaborada pela Faculdade de Direito da USP. A menos de dois meses das eleições, a adesão de setores do empresariado e de ex-eleitores de Bolsonaro aos atos em defesa da democracia se contrapõem aos discursos golpistas do presidente. Bloco 2: Estelionato eleitoral O Auxílio Brasil no valor de 600 reais começou a ser pago a cerca de 20 milhões de famílias nesta semana. Essa é a grande aposta de Bolsonaro e seus apoiadores para que o presidente melhore seu desempenho entre os eleitores mais pobres e leve a disputa para o segundo turno. Os primeiros efeitos deste plano já estão aparecendo nas pesquisas mais recentes. Bloco 3: Eleições proporcionais Fabricio Queiroz, acusado de ser o operador das rachadinhas no gabinete de Flávio Bolsonaro, é candidato a deputado estadual pelo PTB, no Rio de Janeiro, e faz campanha antes mesmo do prazo eleitoral. O partido também lançou o nome de Roberto Jefferson para a Presidência da República, mesmo com ele cumprindo prisão domiciliar. Para acessar reportagens citadas nesse episódio: https://piaui.co/foro213 ​​​​​​​​​​Assista aos bastidores da gravação: https://piaui.co/ftprivilegiado​ ​​​​​Aqui, uma playlist com todos os episódios do Foro: https://piaui.co/playlistforo​ ​​​​​​​​​​O Foro de Teresina é o podcast de política da revista piauí, que vai ao ar todas as sextas-feiras, a partir das 11h. O programa é uma produção da Rádio Novelo para a revista piauí. Ouça também os outros podcasts da piauí: o Luz no fim da quarentena, sobre o que a ciência está descobrindo a respeito da pandemia de covid-19 (https://piaui.co/playlistquarentena​​), o Maria vai com as outras, sobre mulheres e mercado de trabalho (https://piaui.co/playlistmaria​​​​​​​​​), e A Terra é redonda, sobre ciência e meio ambiente (https://piaui.co/playlistaterra​​​​​​). Apresentação: Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky Coordenação geral: Paula Scarpin Direção: Mari Faria Edição: Evelin Argenta e Tiago Picado Produção: Marcos Amorozo Apoio de produção: Claudia Holanda Produção musical, finalização e mixagem: João Jabace Música tema: Wânya Sales e Beto Boreno Identidade visual: João Brizzi Ilustração: Fernando Carvall Teaser (Foro Privilegiado): Mari Faria Distribuição: Marcos Amorozo Coordenação digital: Juliana Jaeger e FêCris Vasconcellos Checagem: João Felipe Carvalho Para falar com a equipe: forodeteresina@revistapiaui.com.br

Colunistas Eldorado Estadão
Moura Brasil: Brasil regrediu no debate sobre democracia

Colunistas Eldorado Estadão

Play Episode Listen Later Aug 12, 2022 16:48


Na edição desta sexta, o jornalista Felipe Moura Brasil analisa a leitura das cartas pela democracia na Faculdade de Direito da USP e FIESP nesta quinta-feira, 11. E, ainda, a reação do presidente Jair Bolsonaro, que chamou a Constituição de "única carta que importa na garantia do estado democrático de direito." O colunista discute os principais temas que rondam o noticiário político do País, de segunda a sexta, às 07h35, no Jornal Eldorado.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Foro de Teresina
#213: Democracia, milícia e os golpes de Bolsonaro

Foro de Teresina

Play Episode Listen Later Aug 12, 2022 57:57


Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky analisam a repercussão das manifestações de 11 de agosto em todo o país em apoio à carta da democracia, documento lançado pela Faculdade de Direito da USP com participação de diversos setores da sociedade civil. O trio também fala do impacto do pagamento do Auxílio Brasil de 600 reais na popularidade de Bolsonaro, da presença de André Janones na campanha de Lula e da candidatura de Fabrício Queiroz a deputado estadual no Rio de Janeiro.  Acesse mubi.com/foro e assista ao melhor cinema por 30 dias grátis! Acesse os links citados neste episódio: piaui.co/foro213  Leia série de reportagens Má alimentação à brasileira sobre a fome no Brasil publicada no site da piauí: piaui.co/3Qm6t5S

Colunistas Eldorado Estadão
Eliane: "Hoje é um manifesto da alma brasileira"

Colunistas Eldorado Estadão

Play Episode Listen Later Aug 11, 2022 20:00


Movimentos sociais e sindicais realizam atos em defesa da democracia e de eleições livres nesta quinta-feira, 11, em todo o País. Ao todo, mais de 65 manifestações são esperadas nas capitais e em algumas cidades do interior. Essas mobilizações têm como objetivo somar à leitura pública da “Carta às Brasileiras e aos Brasileiros em Defesa do Estado Democrático de Direito”, que será realizada no Largo São Francisco, em São Paulo, a partir das 10h. O documento já recebeu mais de 900 mil adesões e conta com a assinatura de juristas, intelectuais, artistas, centrais sindicais e empresários em defesa da democracia. "Em todas as grandes manifestações pró-democracia, Diretas Já, Estado Democrático de Direito, estava presente o icônico Largo de São Francisco. Hoje é o dia da 'oração nacional pela Democracia' pelo País inteiro. A sociedade brasileira está mobilizada pela democracia e pela paz; é um manifesto da alma brasileira", opina Cantanhêde. Apesar de o ministro da Economia, Paulo Guedes, ter dito que a França está ficando “irrelevante” para o Brasil – além de outras declarações de mais baixo calão – o país europeu é o maior empregador estrangeiro e o terceiro que mais investe em território brasileiro. Além disso, as exportações para a França vêm crescendo 18% neste ano. "O ministro da Economia bate de frente e usa palavrão para atacar um de nossos maiores parceiros comerciais e culturais de toda história. Nunca a França será irrelevante para o Brasil", diz Eliane.See omnystudio.com/listener for privacy information.

E Tem Mais
Defesa da democracia: carta é lida em meio a movimentações da corrida eleitoral

E Tem Mais

Play Episode Listen Later Aug 11, 2022 20:22


Neste episódio do E Tem Mais, Evandro Cini apresenta um panorama das reações às manifestações em defesa da democracia a pouco menos de dois meses das eleições presidenciais de 2022. Um evento na Faculdade de Direito da USP, no Largo São Francisco, em São Paulo, marca nesta quinta-feira (11) a leitura pública da "Carta às Brasileiras e aos Brasileiros em Defesa do Estado Democrático de Direito". O documento, elaborado por juristas, reuniu mais de 800 mil assinaturas e recebeu o apoio de artistas e lideranças políticas e empresariais. Desde que o teor da carta foi divulgado, o presidente e candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL) reafirmou o respeito à Constituição, mas fez críticas ao documento e disse que não precisa "de nenhuma cartinha" para defender a democracia. Outros oito candidatos à Presidência assinaram a carta da USP. Para descrever os impactos e os desdobramentos das iniciativas das últimas semanas a favor da democracia e do processo eleitoral brasileiro, este episódio reúne um painel de analistas da CNN Brasil, com a participação de Iuri Pitta, Raquel Landim, Caio Junqueira e Leandro Resende. Com apresentação de Evandro Cini, este podcast é produzido pela Maremoto para a CNN Brasil. Você também pode ouvir o E Tem Mais no site da CNN Brasil. E aproveite para conhecer os nossos outros programas em áudio. Acesse: cnnbrasil.com.br/podcasts.

O Antagonista
Armínio Fraga faz discurso em ato pró-democracia na USP

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 11, 2022 1:28


Armínio Fraga (foto), ex-presidente do Banco Central, participa do ato de leitura da carta em prol da democracia, na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), nesta quinta-feira (11). Convidado para falar, Fraga fez uma defesa do estado democrático de Direito. “Às vezes nós nos esquecemos que as sociedades mais prósperas do planeta, aquelas onde reinam a liberdade, a solidariedade e a prosperidade, são todas democracias, todas”, disse o economista. “Nós vivemos em um mundo onde ameaças autoritárias e populistas nos assustam – já vivemos isso no passado e isso não é novidade. Mas não temos outro caminho que não o da liberdade, da democracia e da justiça”, continuou. Fraga chamou a necessidade de defender a democracia, em 2022, de uma “situação esdrúxula”, mas afirmou que o momento se faz necessário. “Toda nossa energia e coragem tem que ficar concentrada em salvar o que foi conquistado com todos esses anos e é que a base do nosso futuro”, concluiu. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Durma com essa
A amplitude da mobilização de 11 de agosto por democracia

Durma com essa

Play Episode Listen Later Aug 11, 2022 19:12


Uma solenidade na Faculdade de Direito da USP (Universidade de São Paulo) leu nesta quinta-feira (11) duas cartas em defesa da democracia e do sistema eleitoral brasileiro. Uma foi redigida por professores da instituição de ensino e assinada por cerca de um milhão de brasileiros. Outra foi organizada pela Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) e encampada por 100 entidades patronais, sindicais e da sociedade civil. O movimento, que também teve atos em outras capitais, ocorre em reação às ameaças do presidente Jair Bolsonaro contra o sistema eleitoral, e reuniu setores e nomes que até então evitavam fazer manifestações contundentes no atual governo. O “Durma com essa” fala da amplitude da mobilização. O episódio também tem a participação do redator Marcelo Roubicek, que comenta a crise econômica argentina, e da editora-executiva da Gama Revista, Isabelle Moreira Lima, que dá dicas culturais na seção “Achamos que vale”, inspirada na newsletter homônima que você pode assinar aqui: https://gamarevista.uol.com.br/assinar-newsletter/ESTÁ ERRADO: Este podcast afirma que a carta de 1977 foi lida no dia 11 de agosto daquele ano. Na verdade, ela foi lida em 8 de agosto de 1977. Em 11 de agosto de 1977, data que marca o aniversário da criação de cursos de Direito, foi realizada uma passeata na faculdade em São Paulo. 

O Antagonista
"Única força que pode dizer algo sobre eleições é a força do eleitor", diz Campilongo

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 11, 2022 0:56


O diretor da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), Celso Fernandes Campilongo (foto), foi um dos últimos a discursar no ato de leitura do manifesto pela democracia. Ele afirmou: "A única força que pode dizer algo sobre processo eleitoral brasileiro é a força do eleitor, é a força do brasileiro e de ninguém mais", disse o jurista, durante seu discurso. Antes, ao falar sobre o estado democrático de Direito, Campilongo disse que o controle da legalidade e publicidade só pode ser feito pelas instituições com competência para fazê-lo "no caso das nossas eleições uma, e apenas uma, o Tribunal Superior Eleitoral". "O resto é gente sem competência jurídica e sem competência eleitoral para se meter no processo eleitoral brasileiro", acrescentou. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Estadão Notícias
Os atos pela democracia e seus impactos eleitorais

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Aug 10, 2022 27:43


Nesta quinta-feira, 11 de agosto, estão programados uma série de atos para a divulgação e leitura daquela que ficou conhecida como “Carta Pela Democracia”. O documento produzido por um grupo de ex-alunos da Faculdade de Direito da USP, em defesa da democracia, já conta com mais de 800 mil assinaturas, inclusive de presidenciáveis. O texto é crítico às acusações feitas pelo presidente Jair Bolsonaro de fraude nas urnas eletrônicas. Um trecho menciona “ataques infundados e desacompanhados de provas que questionam a lisura do processo eleitoral”. O documento afirma também que “ameaças aos Poderes, incitação à violência e à ruptura da ordem constitucional são intoleráveis”. Atos também estão previstos para ocorrer em outras capitais, como Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Curitiba, Fortaleza e Recife. Outro manifesto a favor da democracia é articulado por entidades empresariais, como a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Este segundo documento deverá ser publicado também no dia 11 de agosto. ​ Para tentar contrapor o movimento, Jair Bolsonaro tem convocado seus apoiadores a saírem às ruas no dia 7 de setembro, quando celebramos os 200 anos da Independência do Brasil. Segundo o presidente, esta seria uma demonstração de que os brasileiros querem a sua liberdade respeitada. No episódio desta quarta-feira, 10, vamos debater o impacto político-eleitoral das cartas pela democracia e as possíveis reações nas manifestações do 7 de setembro. Para isso, convidamos o cientista político e diretor-executivo do Instituto FHC, Sergio Fausto, autor do livro “Difícil Democracia”. O Estadão Notícias está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela Forte  Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

TUTAMÉIA TV
TUTAMÉIA entrevista Celso Campilongo

TUTAMÉIA TV

Play Episode Listen Later Aug 9, 2022 88:41


Diretor da Faculdade de Direito da USP fala sobre a Carta em defesa da Democracia, o ato de 11 de agosto e a situação política do país. Inscreva-se no TUTAMÉIA TV e visite o site TUTAMÉIA, https://tutameia.jor.br , serviço jornalístico criado por Eleonora de Lucena e Rodolfo Lucena.

Papo Mix - Faz as Contas
Faz as Contas #102: Alta da Selic e brasileiros fugindo da poupança? Bora investir direito!

Papo Mix - Faz as Contas

Play Episode Listen Later Aug 9, 2022 22:14


Rádio Gaúcha
Juíza de direito, Madgéli Frantz Machado - 07/08/2022

Rádio Gaúcha

Play Episode Listen Later Aug 9, 2022 21:19


Juíza de direito, titular do Primeiro Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a mulher de Porto Alegre, Madgéli Frantz Machado. Fala dos 16 anos da Lei Maria da Penha e sua importância para o combate à violência contra mulher.

Direito 4.0
#102: Gestão e Planejamento Financeiro - Gabriel Mancuso

Direito 4.0

Play Episode Listen Later Aug 5, 2022 61:44


Todo mundo sabe que entender sobre gestão financeira é muito importante para escritórios e departamentos jurídicos. Mas, na prática, com tantas áreas para nos preocuparmos no dia a dia, ela acaba sendo deixada de lado. Este episódio é um bom ponto de partida para você, que anda deixando o financeiro um pouco de lado ou que precisa de algumas alternativas para planejar melhor o seu fluxo de caixa. Nele, eu converso com o Gabriel Mancuso, CEO da JusCash, uma startup especialista em auxiliar advogados a manterem sua organização financeira, garantindo agilidade e rapidez no pagamento de honorários advocatícios. Ele é formado em Engenharia de Produção com especialização em Finanças e Economia na UFRGS, trabalha com LawTechs desde 2016, atua há mais de 10 anos na liderança de equipes e é ex-coordenador do Ciclo Empreendedor. - DIREITO 4.0 PODCAST -Instagram: https://www.instagram.com/direito4.0podcastLinkedIn: https://www.linkedin.com/company/direito-4-0-podcastE-mail: podcast@floox.com.br - GABRIEL MANCUSO -LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/luizgabrielmancuso/ - NOTAS DO EPISÓDIO -Planilha de Fluxo de Caixa: https://contato.juscash.com.br/planilha-fluxo-de-caixa-direito-podcast

Foro de Teresina
#212: A escalada macabra de Bolsonaro

Foro de Teresina

Play Episode Listen Later Aug 5, 2022 60:27


Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky analisam a reação de Bolsonaro à adesão de centenas de milhares de pessoas à carta da Faculdade de Direito da USP em defesa da democracia, além de comentar as manifestações marcadas para o dia 11 de agosto. O trio também fala das últimas negociações entre os partidos para as eleições de outubro, das tendências das pesquisas eleitorais e do aumento no número de brasileiros que passam fome.  Acesse mubi.com/foro e assista ao melhor cinema por 30 dias grátis! Acesse os links citados neste episódio: https://piaui.co/foro212  Leia série de reportagens Má alimentação à brasileira sobre a fome no Brasil publicada no site da piauí: https://piaui.co/3Qm6t5S

revista piauí
#212: A escalada macabra de Bolsonaro

revista piauí

Play Episode Listen Later Aug 5, 2022 60:29


Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky analisam a reação de Bolsonaro à adesão de centenas de milhares de pessoas à carta da Faculdade de Direito da USP em defesa da democracia, além de comentar as manifestações marcadas para o dia 11 de agosto. O trio também fala das últimas negociações entre os partidos para as eleições de outubro, das tendências das pesquisas eleitorais e do aumento no número de brasileiros que passam fome. Acesse https://mubi.com/foro e assista ao melhor cinema por 30 dias grátis! Leia série de reportagens Má alimentação à brasileira sobre a fome no Brasil publicada no site da piauí: https://piaui.co/3Qm6t5S Escalada: 00:00 1º bloco: 04:32 2º bloco: 19:11 3º bloco: 35:35 Kinder Ovo: 47:30 Momento Cabeção: 50:24 Correio Elegante: 55:09 Créditos: 58:46 Bloco 1: Sou democrático, tá ok? Mais de 700 mil pessoas assinaram a carta aos brasileiros em defesa da democracia organizada pela Faculdade de Direito da USP. O documento será lido em um evento no dia 11 de agosto no Largo São Francisco, em São Paulo, e a manifestação será transmitida em outros atos pela democracia espalhados pelo Brasil. A adesão maciça à carta fez com que Bolsonaro cancelasse um encontro com empresários em São Paulo que ocorreria no mesmo dia e criticasse diversas vezes os signatários do manifesto. Bloco 2: Quase tudo pronto O prazo para a realização das convenções partidárias termina nesta sexta-feira (05), e os arranjos estão praticamente selados, mas ainda há mudanças no horizonte. No Rio, o PT ameaça abandonar a candidatura de Marcelo Freixo, do PSB, caso não possa indicar André Ceciliano ao Senado. O deputado André Janones, do Avante, abriu mão de sua candidatura para apoiar o ex-presidente Lula. O União Brasil também se aproxima do petista, mas impasses na Bahia e em São Paulo dificultam as negociações. Pesquisas recentes mostram tendência de crescimento da popularidade e diminuição da rejeição a Bolsonaro. Bloco 3: Catástrofe social Um em cada três brasileiros afirma que a quantidade de comida em casa nos últimos meses não foi suficiente para alimentar a família, segundo pesquisa divulgada pelo Datafolha. O estudo mostrou que a situação se agravou nos últimos meses, impulsionada pela inflação. A tendência é que essa situação econômica se mantenha em 2023, o que vai ser mais um desafio para quem vestir a faixa presidencial no dia 1º de janeiro. Para acessar reportagens citadas nesse episódio: https://piaui.co/foro212 ​​​​​​​​​​Assista aos bastidores da gravação: https://piaui.co/ftprivilegiado​ ​​​​​Aqui, uma playlist com todos os episódios do Foro: https://piaui.co/playlistforo​ ​​​​​​​​​​O Foro de Teresina é o podcast de política da revista piauí, que vai ao ar todas as sextas-feiras, a partir das 11h. O programa é uma produção da Rádio Novelo para a revista piauí. Ouça também os outros podcasts da piauí: o Luz no fim da quarentena, sobre o que a ciência está descobrindo a respeito da pandemia de covid-19 (https://piaui.co/playlistquarentena​​), o Maria vai com as outras, sobre mulheres e mercado de trabalho (https://piaui.co/playlistmaria​​​​​​​​​), e A Terra é redonda, sobre ciência e meio ambiente (https://piaui.co/playlistaterra​​​​​​). Apresentação: Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky Coordenação geral: Paula Scarpin Direção: Mari Faria Edição: Evelin Argenta e Tiago Picado Produção: Marcos Amorozo Apoio de produção: Claudia Holanda Produção musical, finalização e mixagem: João Jabace Música tema: Wânya Sales e Beto Boreno Identidade visual: João Brizzi Ilustração: Fernando Carvall Teaser (Foro Privilegiado): Mari Faria Distribuição: Marcos Amorozo Coordenação digital: Juliana Jaeger e FêCris Vasconcellos Checagem: João Felipe Carvalho Para falar com a equipe: forodeteresina@revistapiaui.com.br

Veja Bem Mais
VBMais 77 – Roma, Parte 2 (Monarquia)

Veja Bem Mais

Play Episode Listen Later Aug 4, 2022


Guerra dos tronos em Roma? Veja bem. Mais. Padrim (https://www.padrim.com.br/vejabempodcast) – Código PIX: e3257213-46ea-4c97-9740-4c6f268baa0f Referências: 2/3- The Seven Kings of Rome – podcast, The History of Rome História e Direito – podcast, Andre Santos ROMA pt.2 – A Monarquia: Os 7 Reis; Juramento dos Horácios; Ultraje à Lucrécia – vídeo, YouTube Imperium Romanum – site ROMULUS | Trailer –HBOMax Epis Citados VBMais 62  – Racismo […]

O Antagonista
Deltan Dallagnol, sobre Lei de Improbidade Administrativa: "STF tem de proteger direito a não sermos roubados"

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 3, 2022 2:09


Deltan Dallagnol, o ex-procurador da Lava Jato e agora candidato a deputado federal pelo Paraná, disse nesta quarta-feira (3) que o julgamento do STF sobre a nova Lei de Improbidade Administrativa é "o mais importante dos últimos anos" a passar pela Corte. A corte inicia às 14h um julgamento sobre a constitucionalidade da nova Lei de Improbidade Administrativa, aprovada no Congresso e sancionada por Jair Bolsonaro em 2021. O texto, aprovado pela base e pela oposição no Legislativo, é considerado mais leniente com a prática de mau uso dos recursos públicos. Entre as principais mudanças na nova redação está o entendimento de que apenas fica configurada a improbidade administrativa se os investigadores comprovarem que houve dolo elo autor. Outra mudança deixa a cargo apenas do Ministério Público a autorização para denunciar tal prática (antes, os agentes públicos onde o fato ocorreu, como prefeituras e autarquias, podiam encaminhar os casos à Justiça). A medida interessa a políticos que tem planos em 2022. Caso o Supremo decida pela retroatividade da nova lei, políticos condenados como José Roberto Arruda (PL) poderão concorrer este ano. Arruda é peça-chave nos planos de Bolsonaro no Distrito Federal.  "O Supremo pode derrubar esses abusos, esses absurdos que violam a Constituição, especialmente o direito do cidadão à probidade administrativa e o direito à devida proteção contra desvios da função pública", disse o ex-procurador da Lava Jato. "Peça ao Supremo que proteja nosso direito a não ser roubado e de não ser abusado por agentes públicos." Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Rodrigo Pacheco faz apelo por pacificação nas eleições: “Que o tom seja sério, baseado em verdades”

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 3, 2022 2:42


Em discurso proferido há pouco, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, fez um “apelo de pacificação e contenção de ânimos” para as eleições deste ano. Para o parlamentar, os debates durante o pleito devem ser baseados em "em verdades e boas propostas”. Os apelos são referência direta a Jair Bolsonaro, que tem intensificado os ataques ao sistema eleitoral. Como registramos no início da semana, as campanhas de Lula e Bolsonaro devem ser pautadas em críticas mútuas entre os principais candidatos à Presidência da República. “Na qualidade de chefe de Poder, no começo deste segundo semestre de 2022, faço um apelo a todos os cidadãos, a todos os segmentos da sociedade e a todas as autoridades públicas no sentido da pacificação de ânimos, no sentido do cultivo da razoabilidade e da civilidade.  Nossas instituições são fortes; mas somente permanecerão a sê-lo se continuarem a contar com a adesão convicta do corpo de cidadãos a cujo bem-estar são destinadas”, disse Pacheco. “Se vivemos hoje em um Estado Democrático de Direito, é porque lutamos no passado por esse ideal. Foi uma conquista, um avanço. No Estado Democrático de Direito, as leis são criadas pelo povo e para o povo, evitando abusos. Prevalece o império da lei. Valores como liberdade, pluralismo e igualdade são reconhecidos como primordiais para a vida em sociedade. Os direitos fundamentais são, enfim, respeitados”, acrescentou o presidente do Senado. “Reitero o apelo de pacificação e de contenção de ânimos, e dirijo-o especialmente aos agentes do Estado e aos candidatos nas eleições que se aproximam.  O que faz uma nação é um conjunto de valores e ideias que nos unem. Voltemos, portanto, a discutir ideias. Que nossos esforços sejam direcionados para buscar soluções que tragam prosperidade para o país. Que o debate político tenha o escopo de garantir dignidade para a nossa população. Que o tom eleitoral seja sério, baseado em verdades e boas propostas”, concluiu Pacheco. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Class Action
Ep10: Any Given Sunday

Class Action

Play Episode Listen Later Aug 2, 2022 55:39


It's been a grueling season for AJ's St. Mary's squad.  Spirits are low.  Exhaustion has creeped in.  The Regional Competition is around the corner – and the case packet has just dropped. If they win in Houston, they advance to Nationals.  Lose, and they go home. And standing in their way is perennial nemesis, Baylor University.  The odds are low, but when the finals are held on a Sunday, anything can happen.  Learn more about the schools, programs and special guests: St. Mary's University Law School  Texas Young Lawyers Association  University of Houston Law Center American Board of Trial Advocates Baylor Law School South Texas College of Law University of Texas, Austin, School of Law  Follow us on Twitter @ClassActionPod and Instagram @ClassActionPod Visit our show page for transcripts and more details about the series at ClassActionPod.com Follow host Katie Phang on Twitter @KatiePhang and Instagram @KatiePhang.See omnystudio.com/listener for privacy information.

20 Minutos com Breno Altman
WILSON RAMOS FILHO: LAVA JATO, O MUSEU - 20 Minutos Entrevista

20 Minutos com Breno Altman

Play Episode Listen Later Aug 2, 2022 77:25


WILSON RAMOS FILHO: LAVA JATO, O MUSEU: PARA NUNCA ESQUECER - 20 Minutos EntrevistaO diretor de redação de Opera Mundi, Haroldo Ceravolo Sereza, recebe no programa 20 MINUTOS desta segunda-feira (01/08) o advogado e professor da UFPR Wilson Ramos Filho para discutir a importância de resgatar a memória do processo da Lava Jato, "para nunca esquecer". Graduado em direito pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Mestre em Direito (1996), Doutor em Direito pela mesma Instituição (1998) e pós-doutor (2009) junto à EHESS de Paris. Professor aposentado de Direito do Trabalho e de Direito Sindical na UFPR (nos cursos de graduação, mestrado e doutorado), professor Catedrático em Direito do Trabalho no Mestrado em Direitos Fundamentais e Democracia no Centro Universitário UniBrasil e professor de Derechos Humanos y Sociales no Doctorado en Derechos Humanos, Interculturalidad y Desarollona Universidad Pablo de Olavide (UPO, em Sevilla, Espanha). Integra desde 1983 o Coletivo Jurídico da Central Única dos Trabalhadores. Integra como um dos coordenadores o Grupo de Pesquisas da LawFare no Brasil e é presidente do Conselho Curador do Museu da Lava Jato e do Instituto Defesa da Classe Trabalhadora (Declatra). Possui ampla coleção de artigos e livros publicados ao longo de sua carreira.----Quer contribuir com Opera Mundi via PIX? Nossa chave é apoie@operamundi.com.br (Razão Social: Última Instância Editorial Ltda.). Desde já agradecemos!Assinatura solidária: http://www.operamundi.com.br/apoio★ Support this podcast ★

O Antagonista
'Esse pessoal que assinou o manifesto é cara de pau e sem caráter', diz Bolsonaro

O Antagonista

Play Episode Listen Later Aug 2, 2022 1:23


Jair Bolsonaro (foto) voltou a criticar o manifesto pró-democracia que foi divulgado na semana passada e será lido na Faculdade de Direito do Largo São Francisco, em 11 de agosto. Durante entrevista à Rádio Guaíba nesta terça (2), o presidente afirmou que quem assinou a "Carta às brasileiras e aos brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito" é "cara de pau" e "sem caráter". "Esse pessoal que assina esse manifesto é cara de pau, sem caráter, não vou falar outros adjetivos, porque sou uma pessoa bastante educada", disse. Na entrevista, Bolsonaro também afirmou que o manifesto é apoiado por banqueiros que perderam cerca de R$ 20 bilhões de receita por causa do PIX artistas "desmamados" da Lei Rouanet, e comunistas. "[Assinaram a carta] artistas que foram desmamados na Lei Rouanet. Quando cheguei aqui esses artistas importantes, que viviam apoiando o governo, especial da Bahia, podiam pegar até R$ 10 milhões por mês da Lei Rouanet. Então essas pessoas perderam isso aí. Olha os perfis do políticos. Só no Brasil gente do partido comunista defende democracia", acrescentou o presidente. Mais de 660 mil pessoas já assinaram o documento, incluindo 11 ex-ministros do Supremo Tribunal Federal.  Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Debate da Super Manhã
A modernização do Judiciário

Debate da Super Manhã

Play Episode Listen Later Aug 2, 2022 56:34


Debate da Super Manhã: No debate desta terça-feira, o comunicador Wagner Gomes conversa com especialistas sobre as novas tendências da linguagem jurídica, que visam facilitar a comunicação com o grande público. Participam, o Promotor de Justiça do MPPE, Fabiano Saraiva, o Juiz de Direito do TJPE, Escritor, Doutor em Direito Cibernético, Pós-doutor em processo digital, Professor da Linha de Cidadania Digital do Programa de Pós-Graduação em Direito da UNICAP, Alexandre Pimentel, e o Professor na Faculdade de Direito da Universidade de Syracuse, Professor Colaborador no Programa de Pós-Graduação em Direito da UFBA; Doutor pela Universidade da Pensilvânia; Mestre e Doutor pela PUC-SP, Antonio Gidi.

Donas da P@#$% Toda
#142 - Uma lista de desejos bobos e mimos que queríamos que todas (inclusive nós) tivessem direito

Donas da P@#$% Toda

Play Episode Listen Later Aug 2, 2022 26:31


Ninguém está dando conta: dos preços do mercado, das notícias, da quantidade de coisa pra fazer, da ansiedade. E aí hoje a gente brisou: se a gente pudesse escolher itens para a cesta básica dos comportamentos humanos (especialmente das mulheres), o que desejamos pra nós mesmas e para as nossas ouvintes está aqui. Um spoiler: tem bolsa massagem, extinção das espinhas, fim de semana de calor e praia mensal garantido por lei, fim do dresscode e até a duração de sonhos... digamos, íntimos. E tem novidades! No plural mesmo, porque a nossa mesa de bar é dedicada a novidades no apoia.se/donasdaptoda. Tem newsletter e cupom de desconto a partir dessa semana! E a partir de semana que vem estreamos uma parceria muito especial com o movimento Meu, Seu, Nosso Voto sobre democracia e eleições. ------------------O Donas da P* Toda é um podcast independente. Produção, roteiro e apresentação: Larissa Guerra e Marina Melz. Edição e tratamento de áudio: Bruno Stolf. Todas as informações em www.donasdaptoda.com.br e @donasdaptoda.Vamos conversar?Larissa Guerra: @larissavguerraMarina Melz: @marinamelz Bruno Stolf: @brunostolf

Angu de Grilo
Datafolha, Varíola e Giovanna #146

Angu de Grilo

Play Episode Listen Later Aug 2, 2022 67:28


Feliz aniversário, Flávia! Sim, na terça do #146, nossa Flaviaol completa mais uma primavera! Mas o #146 não foi só comemoração, tá? Abrimos falando das sutis novidades da última pesquisa DataFolha e da Carta pela Democracia. Depois, tratamos da Varíola dos Macacos e a estigmatização dos homens gays. Já vimos esse filme e não podemos deixar ele se repetir. Para fechar, falamos da reação de Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso ao racismo sofrido por seus filhos Titi e Bless. Sirva-se! Edição e mixagem de áudio: Tico Pro - Laranja Preta Produtora - Indicações do #146: - Episódio #207 do podcast “E aí, gay?” - Episódio #124 do podcast “Afetos” - Livro “Letras” - Caetano Veloso (org. Eucanaã Ferraz - Companhia das Letras) - Troféu Mulher Imprensa: https://portalimprensa22.websiteseguro.com//trofeumulherimprensa/16edicao/finalistas.asp - Carta em defesa do Estado Democrático de Direito: estadodedireitosempre.com

Rádio Gaúcha
Secretário da Fazenda deixa cargo, dois homens são mortos na Capital e mais destaques - 02/08/2022

Rádio Gaúcha

Play Episode Listen Later Aug 2, 2022 4:51


O cenário eleitoral está definido em relação aos candidatos ao governo do Rio Grande do Sul. O secretário da Fazenda do Rio Grande do Sul, Marco Aurelio Cardoso, deixa o cargo com a justificativa de que cuidará de questões pessoais. Dois homens foram mortos a tiros na zona norte de Porto Alegre na manhã de hoje. O presidente Jair Bolsonaro chamou de "cara de pau" e "sem caráter" os signatários da Carta às brasileiras e aos brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito, gestado na Faculdade de Direito da USP. A empresa M1 Transportes continuará ofertando os serviços e se compromete a oferecer 100 estações espalhadas pela Capital, totalizando mil novas bicicletas disponibilizadas.

Estadão Notícias
A elite brasileira vai romper com o Bolsonaro?

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Aug 1, 2022 20:45


Após críticas do presidente Jair Bolsonaro ao sistema eleitoral brasileiro, a Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo divulgou uma carta em favor da democracia. O fato foi ironizado pelo presidente, que chamou o manifesto de “cartinha”, mas o que ele não esperava era que a mobilização atingisse mais de 400 mil pessoas. Além de docentes da USP, entre os adeptos do manifesto estão artistas, intelectuais e empresários de todo o Brasil. Nomes vinculados a todos os grandes bancos do País, exceto Caixa e Banco do Brasil, assinaram a carta. Bolsonaro alega revanchismo na atitude dos banqueiros, dizendo que a assinatura mostra um descontentamento por conta da criação do Pix. A Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), por sua vez, também organiza um manifesto de encontro à carta divulgada pela USP. O documento está intitulado como “Em Defesa da Democracia e da Justiça”. Além dos ofícios, uma manifestação em apoio aos tribunais superiores e da Justiça Eleitoral está marcada para o próximo dia 11 de agosto em São Paulo. O evento surge em contraponto aos atos que estão sendo organizados por apoiadores de Bolsonaro para o dia 7 de setembro. Agora, a reflexão que fica é se o presidente está perdendo apoiadores da faixa de maior poder econômico. Afinal, as falas antidemocráticas de Bolsonaro podem afastar as elites do seu palanque? O que ele perde sem o apoio desse grupo? Para falar sobre essas medidas, conversamos com Marcela Tanaka , doutoranda em Ciência Política e pesquisadora associada ao centro de estudos de opinião pública da Unicamp. O Estadão Notícias está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Gustavo Lopes Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg, Gabriela Forte e Uesley Durães. Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

+Liberdade
Como Portugal poderia ser Silicon Valley da Europa, Rita Vilas-Boas

+Liberdade

Play Episode Listen Later Aug 1, 2022 6:59


Intervenção de Rita Vilas-Boas, Angel Investor e startup mentor, no debate sobre os 'Desafios de uma Democracia Liberal', realizado em colaboração com o Núcleo de Estudantes Liberais (NEL) da Faculdade de Direito de Lisboa. O debate pode ser visto na íntegra aqui: https://www.youtube.com/watch?v=DtIWnFpngCw 

+Liberdade
SNS: que futuro?, Francisco Goiana da Silva

+Liberdade

Play Episode Listen Later Jul 30, 2022 13:23


Intervenção de Francisco Goiana da Silva, Presidente do Health Parliament Portugal, no debate sobre os 'Desafios de uma Democracia Liberal', realizado em colaboração com o Núcleo de Estudantes Liberais (NEL) da Faculdade de Direito de Lisboa. O debate pode ser visto na íntegra aqui: https://www.youtube.com/watch?v=DtIWnFpngCw 

Jornal da USP
Palavra da Semana #54: Democracia, exercício diário ao direito de ser cidadão

Jornal da USP

Play Episode Listen Later Jul 29, 2022 4:30


É importante entender o que é cidadão para compreender o conceito de democracia

O Antagonista
Bolsonaro ironiza Carta pela Democracia: "Medo do quê?"

O Antagonista

Play Episode Listen Later Jul 29, 2022 1:28


Jair Bolsonaro voltou a criticar a "Carta aos Brasileiros em defesa do Estado democrático de Direito”, publicada no site da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP) na última terça-feira (26). A declaração aconteceu durante sua live semanal.  "Não consigo entender, estão com medo do quê? Se eu estou três anos e meio no governo e nunca teve uma palavra minha, ação ou gesto [...] Nunca falei contra alarmismo, em controlar mídias sociais, em democratizar imprensa, nada. É uma nota política, eleitoral", afirmou o presidente.  “O que foi essa nota? Não entendi. Agora, foi um nota política em ano eleitoral. […] Se não tivesse o viés politico nessa nota, eu assinaria, sem problema nenhum”, acrescentou. O manifesto já conta com mais de 346 mil assinaturas. Entre os signatários, estão banqueiros e empresários. "Olha, é melhor democracia com o ladrão do que o outro regime com o [presidente] honesto?", disse Jair Bolsonaro, tentando se contrapor ao ex-presidente Lula. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

revista piauí
#211: Onze de Agosto surpreende Sete de Setembro

revista piauí

Play Episode Listen Later Jul 29, 2022 61:24


Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky comentam a reação de parte da sociedade civil ao discurso golpista de Bolsonaro com um documento que defende a manutenção da democracia no Brasil. O trio também fala das eleições nos estados, onde os candidatos têm enfrentado dificuldades para fechar as parcerias nas chapas, e do aumento da violência no país, na esteira da expansão do acesso às armas. Escalada: 00:00 1º bloco: 05:52 2º bloco: 21:12 3º bloco: 38:56 Kinder Ovo: 53:17 Correio Elegante: 55:18 Créditos: 59:46 Bloco 1: Contraofensiva democrática Ao oficializar a candidatura à reeleição, Jair Bolsonaro convocou os apoiadores para irem às ruas no Sete de Setembro, no que chamou de “último ato”, a exemplo do que fez no ano passado. Em reação aos discursos golpistas do presidente, a Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo lançou um manifesto em defesa da democracia e do processo eleitoral, a ser lido no dia 11 de agosto. O documento reúne dezenas de milhares de pessoas, encabeçado por artistas, personalidades e representantes das elites financeira e intelectual brasileiras. Bloco 2: À procura de um vice Há uma indefinição geral em relação aos vices de muitos candidatos nos estados. Em São Paulo, Fernando Haddad ainda busca um nome que possa ampliar seu alcance no interior e trazer um público mais conservador para seu lado. O tucano Tasso Jereissati desistiu de ser vice de Simone Tebet e se concentra na disputa política no Ceará, onde petistas e ciristas disputam o apoio do PSDB. No Rio, o PT ameaça romper com Marcelo Freixo, do PSB, caso Alessandro Molon não recue de sua candidatura ao Senado. Bloco 3: Violências brasileiras Na última semana, 19 pessoas morreram em mais uma chacina policial no Complexo do Alemão. Nos últimos 14 meses, pouco mais de um ano, a cidade do Rio registrou três das quatro operações mais letais de toda a história, todas sob o comando do governador Cláudio Castro. Nas últimas duas semanas, pelo menos cinco casos de feminicídios foram registrados no estado. Enquanto isso, o número de armas e registros de CACs disparou desde o início do governo Bolsonaro. Para acessar reportagens citadas nesse episódio: https://piaui.co/foro211 ​​​​​​​​​​Assista aos bastidores da gravação: https://piaui.co/ftprivilegiado​ ​​​​​Aqui, uma playlist com todos os episódios do Foro: https://piaui.co/playlistforo​ ​​​​​​​​​​O Foro de Teresina é o podcast de política da revista piauí, que vai ao ar todas as sextas-feiras, a partir das 11h. O programa é uma produção da Rádio Novelo para a revista piauí. Ouça também os outros podcasts da piauí: o Luz no fim da quarentena, sobre o que a ciência está descobrindo a respeito da pandemia de covid-19 (https://piaui.co/playlistquarentena​​), o Maria vai com as outras, sobre mulheres e mercado de trabalho (https://piaui.co/playlistmaria​​​​​​​​​), e A Terra é redonda, sobre ciência e meio ambiente (https://piaui.co/playlistaterra​​​​​​). Apresentação: Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky Coordenação geral: Paula Scarpin Direção: Mari Faria Edição: Evelin Argenta e Tiago Picado Produção: Marcos Amorozo Apoio de produção: Claudia Holanda Produção musical, finalização e mixagem: João Jabace Música tema: Wânya Sales e Beto Boreno Identidade visual: João Brizzi Ilustração: Fernando Carvall Teaser (Foro Privilegiado): Mari Faria Distribuição: Marcos Amorozo Coordenação digital: Juliana Jaeger e FêCris Vasconcellos Checagem: João Felipe Carvalho Para falar com a equipe: forodeteresina@revistapiaui.com.br

Rádio Gaúcha
Advogada especialista em Direito Desportivo, Sophie Lunardelli - 27/07/2022

Rádio Gaúcha

Play Episode Listen Later Jul 28, 2022 18:22


Advogada especialista em Direito Desportivo, Sophie Lunardelli - 27/07/2022 by Rádio Gaúcha

O Antagonista
Jair Bolsonaro diz não precisar de "cartinha" para defender a democracia

O Antagonista

Play Episode Listen Later Jul 28, 2022 0:39


Jair Bolsonaro disse há pouco que tanto ele quanto sua coligação (PL-PP-Republicanos) não precisam de "nenhuma cartinha para falar que defendem a democracia". A declaração foi feita durante a convenção nacional do Progressistas, em Brasília. "Nós defendemos a democracia e queremos cada vez mais defender a Constituição", declarou o presidente. "Não precisamos de apoio, sinalização ou quem quer que seja para mostrar que nosso caminho é a democracia, a liberdade, o respeito a Constituição".  A afirmação do presidente faz referência à carta aberta assinada por empresários e banqueiros em defesa das urnas eletrônicas, divulgada nesta semana. O documento, batizado de Carta em Defesa da Democracia, obteve 100 mil assinaturas em apenas um dia de divulgação. Como publicamos mais cedo, Bolsonaro marcou um jantar com empresários em São Paulo para 11 de agosto, mesmo dia do evento na Faculdade de Direito da USP em que a carta será lida. Cadastre-se para receber nossa newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Colunistas Eldorado Estadão
Eliane: "Fechou-se o cerco; Bolsonaro está falando sozinho contra urnas"

Colunistas Eldorado Estadão

Play Episode Listen Later Jul 28, 2022 21:12


O presidente Jair Bolsonaro criticou a elaboração da Carta em Defesa da Democracia, manifesto organizado na Faculdade de Direito da USP que reúne juristas, banqueiros e empresários e já conta com a adesão de mais de 100 mil pessoas. "Em reunião com embaixadores o presidente Jair Bolsonaro esticou demais a corda e se auto-isolou. O Brasil precisa de 'cartinha' quando ele achincalha a imagem do País e arma civis. Agora fechou-se o cerco; Bolsonaro está falando sozinho contra as urnas eletrônicas", opina Eliane. A senadora Simone Tebet (MDB-MS) foi escolhida nesta quarta-feira, 27, como candidata à Presidência da República. A convenção nacional do MDB referendou o nome da parlamentar para disputar o Palácio do Planalto. O evento aconteceu de forma remota e foi transmitido ao vivo pelas redes sociais. Apoiada pela federação formada entre PSDB e Cidadania, a parlamentar tenta se colocar como alternativa ao presidente Jair Bolsonaro (PL) e ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na corrida pelo Palácio do Planalto. A candidatura emedebistas teve 262 votos favoráveis e nove votos contrários, mas 97 delegados boicotaram a votação. Os diretórios de Alagoas e da Paraíba se ausentaram totalmente da convenção. "O discurso da Tebet é muito forte, mas como ela patina nas pesquisas, não consegue atrair forças políticas. Entre as possibilidades de vices, a senadora Eliziane Gama traz o mundo evangélico, mas a senadora Mara Gabrilli traz São Paulo - que é a joia da coroa -, e para Simone Tebet este seria o quadro mais conveniente", diz Cantanhêde.See omnystudio.com/listener for privacy information.

O Assunto
Não ao autoritarismo: em 1977 e hoje

O Assunto

Play Episode Listen