Ilustríssima Conversa

Follow Ilustríssima Conversa
Share on
Copy link to clipboard

A equipe de jornalistas da Ilustríssima, da Folha, entrevista autores de livros de não ficção ou de pesquisas acadêmicas.

Folha de S.Paulo


    • Jan 21, 2023 LATEST EPISODE
    • every other week NEW EPISODES
    • 45m AVG DURATION
    • 128 EPISODES


    More podcasts from Folha de S.Paulo

    Search for episodes from Ilustríssima Conversa with a specific topic:

    Latest episodes from Ilustríssima Conversa

    [Conteúdo patrocinado] Como vamos comprar no futuro?

    Play Episode Listen Later Jan 21, 2023 40:37


    Episódio aborda como novas tecnologias e modernos meios de pagamento vão mudar a experiência de compra do consumidor, tanto online como em lojas físicasSee omnystudio.com/listener for privacy information.

    União pela democracia mostra que saída é pela política, dizem autores

    Play Episode Listen Later Jan 14, 2023 42:34


    Só a política, dizem Gabriela Lotta e Pedro Abramovay, pode construir soluções para as questões estruturais e para as crises do presente do país. Autores de "A Democracia Equilibrista: Políticos e Burocratas no Brasil", Lotta e Abramovay se contrapõem à ideia de que as políticas públicas devem ser desenhadas por técnicos do Estado o mais longe possível dos políticos eleitos. Eles argumentam que servidores públicos não são politicamente neutros e não têm legitimidade para tentar governar o país —e, se seguirem por esse caminho, podem impor suas visões de mundo sem promover um debate qualificado com a sociedade, fragilizando a democracia. Os pesquisadores criticam o corporativismo de carreiras de elite do funcionalismo e apontam os danos produzidos por governantes que agem ignorando os fatos e os subsídios dos burocratas. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Felipe Loureiro: EUA e Rússia voltam a se ver como ameaça existencial

    Play Episode Listen Later Dec 17, 2022 46:37


    No último episódio do ano, o podcast recebe Felipe Loureiro, professor do Instituto de Relações Internacionais da USP e organizador de “Linha Vermelha” (Editora da Unicamp). A coletânea, com 16 capítulos, aborda diferentes aspectos da Guerra da Ucrânia, desde os antecedentes históricos da invasão russa até os principais desdobramentos do conflito no sistema internacional. Loureiro fala sobre as reações que a guerra despertou na extrema direita e em parte da esquerda ao redor do mundo, avalia as posições que o Brasil adotou e argumenta que, do ponto de vista das relações entre os Estados Unidos e a Rússia, a invasão da Ucrânia é um ponto de virada. As duas potências, afirma, hoje se veem como ameaças à sua existência, trazendo de volta uma rivalidade que multiplica a tensão na arena internacional e pode significar um recuo da globalização como se conhece hoje. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Denise Ferreira da Silva: Não há modernidade sem violência racial

    Play Episode Listen Later Dec 3, 2022 45:24


    Por que as mortes de pessoas pretas, autorizadas ou cometidas pelo Estado, não causam uma crise ética? Denise Ferreira da Silva conta que essa é a pergunta fundamental que tentou elaborar em sua pesquisa de doutorado, que deu origem a "Homo Modernus: para uma Ideia Global de Raça", editado recentemente no Brasil. Professora da Universidade da Colúmbia Britânica, no Canadá, a autora escava no livro o pensamento filosófico pós-iluminista que talhou uma concepção de sujeito moderno —branco, europeu, considerado portador de uma razão universal— e, ao lado da ciência do século 19, produziu uma representação dos "outros raciais" —asiáticos, negros e indígenas—, vistos como dotados de mentes inferiores e presas à natureza. Neste episódio, ela diz que a violência racial nunca foi um desvio da modernidade, mas sua pedra angular, e, por isso, o capitalismo, as instituições do Estado e o pensamento social têm uma raiz colonial. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    [Conteúdo patrocinado] Cibersegurança: Chegamos a 2054?

    Play Episode Listen Later Nov 26, 2022 51:08


    Episódio discute de que forma inteligência artificial, biometria comportamental, análise de dados e machine learning podem atuar na prevenção de ameaças e proteger empresas e consumidoresSee omnystudio.com/listener for privacy information.

    Letícia Cesarino: Extrema direita não pode jogar sozinha nas redes

    Play Episode Listen Later Nov 19, 2022 54:15


    A antropóloga Letícia Cesarino defende que, para analisar o mundo digital, é preciso se afastar tanto de uma visão neutra quanto de uma visão determinista da tecnologia. Em "O Mundo do Avesso", ela analisa os vieses políticos que a infraestrutura técnica das plataformas carrega, favorecendo a extrema direita e o conspiracionismo. A autora sustenta, a partir da literatura da cibernética, que a ação conjunta de humanos e máquinas faz desmoronar o paradigma liberal em que todas as pessoas são consideradas membros com direitos iguais de uma comunidade. No lugar do princípio da universalidade, ganha força um modelo bifurcado, em que os extremos têm proeminência no debate público e o reconhecimento do outro só é possível no interior de um grupo coeso—enquanto as pessoas de fora, vistas como inimigas, causam indignação e repulsa. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Roberto Moura: Como candomblé e samba forjaram a cultura popular carioca

    Play Episode Listen Later Nov 5, 2022 48:43


    "Tia Ciata e a Pequena África no Rio de Janeiro", publicado no início dos anos 1980, se tornou um dos livros pioneiros a olhar para as raízes africanas da cultura popular carioca. A obra, relançada pela Todavia, reconstitui as condições de vida de africanos escravizados e negros libertos na antiga capital, de meados do século 19 às primeiras décadas do século 20, especialmente da comunidade baiana da cidade. Tratava-se de uma vida subalterna, que ia da brutalização à extrema vitalidade, escreve o cineasta Roberto Moura, e ganhava coesão com a capoeira, o candomblé e o samba, expressões culturais que se tornaram bases da ideia de brasilidade. Neste episódio, o autor discute a paisagem cultural da Pequena África e apresenta a trajetória de Ciata (1854-1924), filha de Oxum, rainha do Carnaval e do samba e dona de uma casa que abrigava as festas mais importantes da comunidade e se transformou no celeiro de uma geração pródiga de músicos, como Pixinguinha, Donga e João da Baiana. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    O futuro da desigualdade no Brasil, com Pedro Ferreira de Souza

    Play Episode Listen Later Oct 29, 2022 44:57


    O futuro da desigualdade no Brasil é o tema do quarto episódio da série especial do Ilustríssima Conversa que discute o que vem pela frente em questões importantes da conjuntura atual. O convidado deste episódio, Pedro Ferreira de Souza, é doutor em sociologia pela UnB (Universidade de Brasília) e autor de "Uma História da Desigualdade: a Concentração de Renda entre os Ricos no Brasil (1926-2013)", vencedor de dois prêmios Jabuti em 2019. Na conversa, o pesquisador diz que houve aumento da desigualdade de renda durante as ditaduras que o país viveu, mas que os períodos democráticos não tiveram eficácia semelhante na direção contrária, falhando em enfrentar a concentração de renda no topo da pirâmide. O convidado também apontou medidas que podem contribuir para o Brasil ser menos desigual e discutiu os entraves políticos que dificultam o combate dos privilégios do 1% ou do 5% mais rico do país. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli Para se aprofundar Plano de Biden de aumentar impostos dos mais ricos teria poucas chances no Brasil, de Marta Arretche, Rodrigo Mahlmeister e Eduardo Lazzari Por que investir em educação não é suficiente para reduzir desigualdade, de Marcelo Medeiros See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Celso R. de Barros: Se Lula vencer, PT terá que encabeçar acordo que rejeitou

    Play Episode Listen Later Oct 22, 2022 46:14


    Se Lula derrotar Bolsonaro, o PT terá que cumprir um papel completamente novo em sua história, sustenta o sociólogo Celso Rocha de Barros. Em seus primeiros anos, o partido fez uma aposta arriscada: se recusou a participar da "democratização pelo alto", a concertação política liderada pelo PMDB logo depois do fim da ditadura, e preferiu investir na "democratização por baixo", reunindo dissidentes do regime militar, movimentos sociais, setores do catolicismo progressista e sindicatos. Hoje, diante do esfacelamento da democracia brasileira, o PT terá que agir de uma maneira semelhante ao PMDB dos anos 1980, afirma. Barros, doutor pela Universidade de Oxford, servidor federal e colunista da Folha, examina, o percurso do partido em "PT, uma História". Para o sociólogo, o enraizamento na sociedade civil permitiu ao partido resistir a todos os reveses que o sistema político brasileiro enfrentou nos últimos anos e, mesmo com a Operação Lava Jato, o impeachment de Dilma Rousseff e a prisão de Lula, se manter eleitoralmente competitivo. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Christian Lynch: Para Bolsonaro, perder para Lula é deixar de ser escolhido de Deus

    Play Episode Listen Later Oct 8, 2022 46:10


    O populismo radical não é um médico que quer curar a doença que a democracia enfrenta, é um parasita que explora a fraqueza da doente pra se multiplicar, escreve Christian Lynch, coautor de "O Populismo Reacionário". O livro disseca o populismo radical de direita, de Trump e Bolsonaro, e aponta que eles promovem uma cruzada contra todos que sejam vistos como inimigos do "povo verdadeiro" por não se submeter ao messias  Professor de pensamento político brasileiro na Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), Lynch discute neste episódio o imaginário e os métodos de ação do presidente e analisa a conjuntura eleitoral do país.  O pesquisador afirma que Lula permanece o favorito da disputa e que, embora pareça certo que Bolsonaro vá contestar os resultados das eleições, ele e seus apoiadores têm menos força para instaurar o caos que se costuma imaginar. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    O futuro da Amazônia, com Ane Alencar

    Play Episode Listen Later Oct 1, 2022 42:14


    O futuro da Amazônia é o tema do terceiro episódio da série especial do Ilustríssima Conversa que discute o que vem pela frente em questões importantes da conjuntura atual. A convidada deste episódio, Ane Alencar, é geografa pela UFPA (Universidade Federal do Pará), doutora em recursos florestais e conservação pela Universidade da Flórida e diretora de Ciência do Ipam (Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia). Na conversa, a pesquisadora ressalta que o desmatamento, hoje impulsionado pelo crime organizado, vem se aproximando cada vez mais do coração da Amazônia e diz que a possibilidade de Jair Bolsonaro (PL) perder as eleições e um novo governo voltar a coibir a destruição da floresta pode estar levando os criminosos a partirem para o tudo ou nada. Para Alencar, é preciso que um eventual novo presidente promova um choque de governança logo de imediato, retirando invasores de terras públicas e dando um sinal de que a grilagem não será mais tolerada. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli Para se aprofundar Eduardo Sombini indica "Tempo Quente", podcast da Rádio Novelo comandado pela jornalista Giovana Girardi sobre o que o Brasil tem feito em tempos de emergência climática "A Terra É Redonda (Mesmo)", podcast da revista piauí apresentado por Bernardo Esteves e, nesta segunda temporada, por Natalie Unterstell, que trata de temas relacionados à política ambiental e à crise climática que o Brasil vai ter que enfrentar O futuro da política ambiental do Brasil, com Suely Araújo, segundo episódio da série especial do Ilustríssima Conversa sobre o futuro que discute as 'boiadas' de Bolsonaro e as principais medidas para uma nova agenda climática para o país. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Juliana Dal Piva: Pessoas merecem saber como Bolsonaro montou esquema em família

    Play Episode Listen Later Sep 24, 2022 50:22


    Os indícios da prática de "rachadinha" nos gabinetes dos filhos de Jair Bolsonaro são só a ponta de um esquema de corrupção muito maior, indica a colunista do UOL Juliana Dal Piva no livro "O Negócio do Jair". A jornalista vem investigando desde 2018 as denúncias que envolvem a nomeação de funcionários-fantasma, a devolução de parte de salários e o uso de recursos públicos para a compra de imóveis em dinheiro vivo. Neste episódio, ela explica o que se sabe sobre esse caso e defende que a população brasileira tem o direito de conhecer como Bolsonaro construiu sua vida política e a dos seus filhos com práticas muito distantes da moralidade propalada em seus discursos. Dal Piva também falou sobre os entraves ao avanço das investigações e sobre a influência do cenário eleitoral em medidas como a apresentação de uma nova denúncia contra o senador Flávio Bolsonaro. Para a jornalista, ações desse tipo devem ganhar impulso se Bolsonaro perder as eleições presidenciais. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Estado criminoso sustenta democracia de fachada no Brasil, diz autora

    Play Episode Listen Later Sep 10, 2022 36:58


    Neste bicentenário da Independência, Viviane Gouvêa, pesquisadora do Arquivo Nacional, olha para a história do país a partir da violência do Estado brasileiro contra os grupos marginalizados. Em "Extermínio: Duzentos anos de um Estado Genocida", Gouvêa argumenta que indígenas, negros escravizados e libertos, operários, sem-terra e moradores de favelas e periferias foram vistos como inimigos internos pelas elites e pelas forças de segurança. Tratados como ameaças à manutenção de uma ordem social desigual, não como cidadãos com direitos, esses grupos foram sistematicamente reprimidos com brutalidade, mesmo ao arrepio das leis, diz a autora neste episódio. A política de extermínio de parcelas específicas da população brasileira, afirma, escancara os limites da nossa democracia —uma democracia de fachada que vale até o momento em que os despossuídos passam a reivindicar o seu espaço. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    O futuro da política ambiental do Brasil, com Suely Araújo

    Play Episode Listen Later Sep 3, 2022 39:52


    O futuro da política ambiental do Brasil é o tema do segundo episódio da série especial do Ilustríssima Conversa que discute o que vem pela frente em questões importantes da conjuntura atual. A convidada deste episódio, Suely Araújo, é doutora em ciência política pela UnB, onde atua como pesquisadora colaboradora, e especialista sênior em políticas públicas no Observatório do Clima. Ela foi consultora legislativa da Câmara dos Deputados e presidente do Ibama de 2016 a 2018. Na conversa, Araújo afirma que o Brasil tem condições de reverter o desmonte da política ambiental e enfrentar o desmatamento ilegal e outros crimes na Amazônia desde que Jair Bolsonaro não seja reeleito. Para a pesquisadora, um eventual novo governo não deve só reconstruir a política ambiental olhando para trás —será preciso avançar e firmar um compromisso com uma agenda climática mais ampla, que permita ao país avançar rumo a uma economia de carbono negativo e se adaptar aos efeitos da crise climática. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Esther Solano: Discussão sobre família não pode ficar na mão de Bolsonaro

    Play Episode Listen Later Aug 27, 2022 48:36


    Esther Solano, professora da Unifesp, vem há anos pesquisando o universo do bolsonarismo popular moderado para entender o que move as pessoas de menor renda que votaram no presidente sem se identificar com suas posições mais radicais. A socióloga é uma das autoras de "Feminismo em Disputa", livro que reúne os resultados de um novo estudo sobre as concepções políticas de eleitoras de Bolsonaro. Neste episódio, Solano defende que os setores progressistas devem ouvir essas preocupações e construir pontes com essas eleitoras, disputando os significados do conceito de família. A pesquisadora discutiu o avanço de Bolsonaro entre os evangélicos e por que a primeira-dama desempenha um papel simbólico de redentora do machismo do presidente. Ela também tratou de uma narrativa messiânica que vê se disseminar, colocando Bolsonaro como o escolhido de Deus e associando Lula ao demônio. Para ela, essa retórica é uma das armas que podem ser usadas em uma eventual contestação das eleições de outubro. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Por que Exu inspira lutas políticas hoje, segundo antropólogo

    Play Episode Listen Later Aug 13, 2022 54:12


    Exu, cultuado nas encruzilhadas, lugar de encontros e desencontros, é ele mesmo uma expressão das trocas entre as culturas africanas, americanas e europeias que moldaram o Brasil. Mais que isso, diz o antropólogo Vagner Gonçalves da Silva, professor da USP, é uma das melhores metáforas para pensar traços da formação brasileira. Associado à boemia, à malandragem e à sexualidade —o falo proeminente é uma das suas marcas—, Exu passou a ser uma das referências na construção de uma ideia de brasilidade e sua presença na produção artística do país se multiplicou. Autor de "Exu: um Deus Afro-atlântico no Brasil", o antropólogo discute a demonização de Exu pelos colonizadores europeus e argumenta que os terreiros foram o epicentro da formação da civilização brasileira. Para ele, as religiões afro-brasileiras colocaram em contato diferentes grupos sociais e as mitologias de Exu, guardião da ordem mas também promotor da desordem, podem inspirar as lutas políticas e sociais de hoje. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    O futuro da globalização, com Oliver Stuenkel

    Play Episode Listen Later Aug 6, 2022 41:25


    O futuro da globalização é o tema do primeiro episódio da série especial do Ilustríssima Conversa que vai discutir o que vem pela frente em questões importantes da conjuntura atual. Nos próximos quatro meses, o podcast receberá intelectuais e pesquisadores para discutir, em um episódio extra por mês, o que eles veem como tendências em suas áreas de atuação nas próximas décadas. As conversas com autores de livros de não ficção continuam a ser publicadas normalmente. Oliver Stuenkel, professor de relações internacionais da FGV São Paulo, diz neste episódio que estamos testemunhando o começo do fim da globalização. Para o pesquisador, a transição de um mundo em que os EUA exerciam hegemonia absoluta para uma ordem global multipolar, com novos países emergindo no cenário internacional, vai ser marcada por tensões crescentes entre as potências. Na conversa, Stuenkel afirma que o cenário mais provável no futuro é uma desconexão entre os blocos liderados pelos EUA e pela China e que o Brasil pode ampliar sua margem de manobra com a ascensão de Pequim. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Marcos Nobre: Bolsonaro usa eleição como escada para projeto golpista

    Play Episode Listen Later Jul 30, 2022 51:33


    Marcos Nobre, professor de filosofia da Unicamp, vem há anos afirmando que, desde que chegou à Presidência, o objetivo de Jair Bolsonaro (PL) é dar um golpe. Nos últimos anos, ele diz, enquanto o presidente avançava em seu projeto de destruição da democracia, as forças políticas continuaram fazendo cálculos meramente eleitorais. No seu último livro, "Limites da Democracia", Nobre escreve que "o campo democrático continua jogando amarelinha eleitoral enquanto Bolsonaro monta o octógono de MMA do golpe". Para barrar as ameaças golpistas de Bolsonaro, o pesquisador afirma que é urgente a formação de um movimento Brasil contra o Golpe, com partidos e representantes de todos os quadrantes políticos. Os manifestos em defesa da democracia anunciados nesta semana, diz Nobre, são um sinal de que uma frente com esse espírito pode tomar forma. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Glamorização da maconha não é boa para ninguém, diz historiador

    Play Episode Listen Later Jul 16, 2022 44:35


    A sociedade brasileira tem pouco interesse em discutir a descriminalização da maconha, diz o historiador Jean Marcel Carvalho França, professor da Unesp de Franca e autor de "História da Maconha no Brasil". O livro aponta o enraizamento do consumo da cânabis no cotidiano dos brasileiros, principalmente negros e pobres, desde o século 18. O pesquisador discutiu como os movimentos proibicionistas difundiram discursos alarmistas e construíram uma imagem negativa dos usuários da maconha. França também defendeu que o debate sobre os usos da maconha deve ser mais pragmático, balanceando os potenciais terapêuticos e os possíveis custos sociais do seu consumo, e criticou a ampliação do acesso à cânabis por meio de decisões judiciais, não de um debate público mais amplo. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli Para se aprofundar Jean Marcel Carvalho França indica "Nordeste", de Gilberto Freyre, sobre os usos cotidianos da maconha "Os Intelectuais e a Sociedade", de Thomas Sowell See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Vincent Bevins: EUA construíram poder global com massacres da esquerda

    Play Episode Listen Later Jul 2, 2022 44:22


    Nos primeiros anos da Guerra Fria, Jacarta dava nome à política de relativa tolerância dos EUA com a neutralidade dos países do chamado Terceiro Mundo. Em pouco tempo, isso mudou: a Casa Branca passou a considerar que governos neutros eram inimigos, e a CIA começou a patrocinar golpes e rebeliões. A capital da Indonésia, então, virou sinônimo do extermínio de pessoas vistas como comunistas –em 1965, depois de um golpe, de 500 mil a mais de 1 milhão de civis foram assassinados no país. Nos anos seguintes, a eliminação de opositores de esquerda se tornou uma tática de terror empregada em mais de 20 países. Em “O Método Jacarta”, o jornalista americano Vincent Bevins reconstrói a história global dessa cruzada anticomunista. Neste episódio, ele explica como um evento dessa proporção ainda é tão pouco conhecido e diz que os massacres durante a Guerra Fria indicam que a formação da ordem capitalista de hoje, liderada pelos EUA, teve muito mais violência que as pessoas estão acostumadas a pressupor. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Rodrigo Nunes: Quem acha que Bolsonaro foi soluço está em negação

    Play Episode Listen Later Jun 18, 2022 47:26


    A expressão "do transe à vertigem", que dá título ao novo livro de Rodrigo Nunes, professor de filosofia da PUC-Rio, tem dois sentidos. O primeiro faz referência às representações da derrota da esquerda em dois momentos históricos: o golpe de 1964 em "Terra em Transe", de Glauber Rocha, e o impeachment em 2016 no documentário "Democracia em Vertigem", de Petra Costa. No segundo sentido, "transe" sintetiza o estado de negacionismo e sofrimento psíquico criado pela extrema direita, e "vertigem" aponta que as crises do presente são sintomas de problemas muito mais profundos. O autor afirma que o realismo do que é possível fazer ignora o realismo do que é preciso fazer, mas, apesar das constantes frustrações do pragmatismo do passado, forjado em tempos de consenso neoliberal, governos continuam dobrando a aposta nas mesmas fórmulas. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Laila Mouallem Para se aprofundar Rodrigo Nunes indica "Cruel Optimism", livro de Lauren Berlant publicado em 2011 "Nas Ruínas do Neoliberalismo" (2019) e "Undoing the Demos" (2017), de Wendy Brown "Coming Up Short", livro de Jennifer Silva publicado em 2013 "Cuck", longa-metragem de 2019 dirigido por Rob Lambert Eduardo Sombini indica "Q: No Olho da Tempestade", série documental de Cullen Hoback sobre o QAnon "Linguagem da Destruição", de Heloisa Starling, Miguel Lago e Newton Bignotto. Starling e Lago participaram do Ilustríssima Conversa em abril See omnystudio.com/listener for privacy information.

    André Lara Resende: Economistas estão alienados e presos a dogmas no Brasil

    Play Episode Listen Later Jun 4, 2022 51:57


    André Lara Resende sustenta que a teoria econômica dominante se tornou um garrote ideológico, com ferramentas equivocadas e sem capacidade de formular políticas para promover a retomada do crescimento e a distribuição de renda. Em "Camisa de Força Ideológica", o autor percorre a história da teoria monetária e discute por que o fato de a moeda ser hoje um registro digital, não mais um metal com valor em si, transforma as possibilidades de financiamento do Estado. Lara Resende criticou a fórmula de aumentar a taxa de juros para conter a alta da inflação, como vem acontecendo no Brasil nos últimos meses, discutiu o que pensa sobre a privatização de empresas estatais e explicou a ideia de o Estado assumir a função de empregador de última instância dos trabalhadores, da mesma forma que desempenha o papel de credor de última instância em crises financeiras. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli Para se aprofundar André Lara Resende indica "O Estado Empreendedor", da economista italiana Mariana Mazzucato "A Tirania do Mérito", do professor de filosofia de Harvard Michael Sandel Eduardo Sombini indica "Trabalho Interno", vencedor do Oscar de melhor documentário de 2010 See omnystudio.com/listener for privacy information.

    James Green: Esquerda consegue hoje ver masculinidade tóxica de Bolsonaro

    Play Episode Listen Later May 21, 2022 51:24


    O historiador James Green diz que escrever "Além do Carnaval" foi uma decisão política. O livro apresenta um amplo relato da história da homossexualidade no Brasil e, em sua concepção, tem sido uma ferramenta para ampliar as lutas por direitos das pessoas LGBTQIA+ e impulsionar trabalhos acadêmicos sobre o tema. Publicado em 1999, "Além do Carnaval" se tornou uma das obras mais influentes sobre a homossexualidade no país e, neste mês, ganha uma terceira edição, revista e ampliada, com um novo capítulo. Green falou sobre alguns dos traços mais importantes da história da homossexualidade no último século e explicou por que considera que as lutas identitárias devem estar à frente de qualquer projeto preocupado com a justiça social. Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli Para se aprofundar James Green indica "Contra a Moral e os Bons Costumes", de Renan Quinalha A futura adaptação cinematográfica de "Revolucionário e Gay: a Extraordinária Vida de Herbert Daniel" Eduardo Sombini indica Ilustríssima Conversa com Renan Quinalha "Direitos em Disputa: ​LGBTI+, Poder e Diferença no Brasil Contemporâneo", coletânea organizada por Regina Facchini e Isadora França, convidadas do Ilustríssima Conversa See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Sidarta Ribeiro: Futuro depende de expansão da consciência planetária

    Play Episode Listen Later May 7, 2022 40:09


    Sidarta Ribeiro volta ao podcast e explica por que considera que sonhar, no sentido de imaginar futuros possíveis, se tornou indispensável para a sobrevivência da humanidade. No livro "Sonho Manifesto", o neurocientista discute sintomas do nosso mal-estar contemporâneo e aposta no potencial de mudança de rumos a partir de uma expansão da consciência planetária. Promover uma síntese de dicotomias antigas, como ciência e conhecimento tradicional, corpo e mente, humanos e não humanos, e criar novos pactos baseados na cooperação e no cuidado estão entre as suas principais recomendações. Ouça o primeiro episódio com Sidarta Ribeiro Produção e apresentação: Eduardo Sombini Edição de som: Raphael Concli See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Heloisa Starling e Miguel Lago: Eleição 2022 será a mais decisiva da história

    Play Episode Listen Later Apr 23, 2022 50:48


    O Brasil não está diante de uma eleição polarizada como outras, dizem a historiadora Heloisa Starling e o cientista político Miguel Lago, mas tem à frente uma disputa inédita que vai definir o futuro da democracia no país. Em "Linguagem da Destruição", livro em coautoria com Newton Bignotto, os pesquisadores convergem na interpretação do bolsonarismo como uma nova linguagem e como uma força que corrói a democracia de dentro para fora, com o potencial de permitir a emergência de formas totalitárias. Na conversa com Eduardo Sombini, os autores discutiram as características da língua que Bolsonaro fala —talhada para virar memes e desacreditar o conhecimento— e a dificuldade das instituições responderem ao que ele diz. Lago diz que a maior força do discurso do presidente é a ideia de eliminar as construções coletivas que limitam o poder dos mais fortes. Starling, por sua vez, sustenta que Bolsonaro está ligado a uma utopia reacionária com raízes na linha dura do regime militar, anticomunista e ainda mais autoritária que os generais, e na herança do nazismo e do integralismo no Brasil. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Aviso: Novo episódio vai ao ar em 23 de abril

    Play Episode Listen Later Apr 16, 2022 1:17


    Em razão dos feriados prolongados, o novo episódio do Ilustríssima Conversa vai ao ar em 23 de abril. Até lá, sugerimos revisitar a conversa com o professor de filosofia Newton Bignotto, de setembro de 2020, que dialoga muito com o próximo episódio. Na entrevista, Bignotto falou sobre a história das ideias sobre a democracia no Brasil e a degradação das nossas instituições nos últimos anos, dando bastante destaque às disputas ferrenhas entre diferentes grupos por suas demandas, que enfraquecem a construção de uma esfera pública democrática no país. Ouça aqui: 'Guerra de facções' ameaça a República no Brasil, avalia professor See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Fracasso do socialismo não significa que o liberalismo funciona, diz professor

    Play Episode Listen Later Apr 2, 2022 42:09


    Fábio Ulhoa Coelho, professor titular de direito da PUC São Paulo, discute neste episódio a aparente contradição entre liberdade e igualdade e quais balizas podem ser usadas para conciliar os dois valores. Em "Os Livres Podem Ser Iguais?", o autor defende que o pensamento liberal foi se reduzindo a uma doutrina econômica ao longo do século 20, a ponto de a ideia de liberdade se tornar um valor absoluto e descolado das implicações das desigualdades sociais. Na conversa com Eduardo Sombini, Ulhoa Coelho explica por que considera que o pensamento liberal de hoje se apoia em uma espécie de misticismo e afirma que o colapso econômico da União Soviética não significa que o liberalismo funciona —muito pelo contrário, ele sustenta que ficou nítido, desde a crise de 2008, que a receita neoliberal está fadada ao fracasso. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Por que o aborto desperta a fúria patriarcal, segundo Debora Diniz

    Play Episode Listen Later Mar 19, 2022 37:51


    A antropóloga Debora Diniz, professora da UnB (Universidade de Brasília) e atualmente pesquisadora visitante da Universidade Brown, nos EUA, defende que o feminismo deve transformar as perguntas que cercam o aborto e outros temas. Em vez de questionar quando a vida humana começa, ela diz, é preciso, em uma democracia laica, se perguntar por que mulheres podem ser presas por abortar. Na conversa com Eduardo Sombini, a antropóloga afirma que o aborto desperta a fúria em uma sociedade patriarcal porque controlar a reprodução das mulheres permite controlar a reprodução social como um todo e aponta que é preciso desafiar o vocabulário político que separa pautas identitárias de lutas por justiça social. Diniz acaba de lançar, em coautoria com Ivone Gebara, o livro "Esperança Feminista". Na obra, as autoras apresentam 12 verbos que, para elas, revelam caminhos para uma política feminista. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Obra de Fanon questiona identitarismo branco, afirma pesquisador

    Play Episode Listen Later Mar 5, 2022 50:10


    Para discutir a obra de Frantz Fanon, o repórter Eduardo Sombini recebe Deivison Faustino, professor da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), em Santos, e autor do livro “Frantz Fanon e as Encruzilhadas”. Fanon, psiquiatra martinicano morto em 1961, se tornou célebre por suas análises do sofrimento psíquico causado pelo racismo e foi um dos mais importantes intelectuais das lutas de independência dos países africanos nos anos 1950. Na conversa, o autor explica os fundamentos da crítica de Fanon ao racismo e à racialização. O psiquiatra defende que o branco cria o negro e, para sustentar o projeto de exploração colonial, nega a ele o reconhecimento como sujeito. Faustino também aborda a atualidade de Fanon nos debates atuais sobre branquitude e privilégio branco e discorre sobre como o autor pode ajudar a pensar a questão do identitarismo, a afirmação de grupos marginalizados que acaba resvalando para a exclusão de quem é diferente. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Lula saiu muito melhor da prisão, diz biógrafo Fernando Morais

    Play Episode Listen Later Feb 19, 2022 42:14


    O jornalista e escritor Fernando Morais, que lançou em novembro de 2021 o primeiro volume da biografia do ex-presidente Lula, é o convidado do episódio desta semana. O livro narra os bastidores da prisão do petista em abril de 2018 e os seus 580 dias encarcerado na sede da Polícia Federal em Curitiba e, em seguida, volta à juventude do ex-presidente. Na conversa com Eduardo Sombini, o escritor falou sobre a recepção da obra e disse que o segundo volume, cuja publicação está prevista para 2023, vai tratar do mensalão, da Operação Lava Jato e de outros escândalos de corrupção. Ele defende que Lula saiu muito melhor da prisão, com um espírito mais combativo, e que as articulações políticas em curso, como a negociação para Geraldo Alckmin ser seu vice na próxima eleição, fazem sentido para fortalecer a candidatura e ampliar as chances de derrotar Jair Bolsonaro. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Modernismo fora de São Paulo é invenção, afirma Sergio Miceli

    Play Episode Listen Later Feb 5, 2022 40:57


    Às vésperas do centenário da Semana de 1922, que tem motivado uma onda de novos títulos sobre o modernismo, o Ilustríssima Conversa recebe o professor titular da USP Sergio Miceli, que acaba de publicar "Lira Mensageira".  O livro se debruça sobre a primeira geração de modernistas mineiros, cujo expoente literário foi Carlos Drummond de Andrade. Na conversa com Eduardo Sombini, o autor fez um balanço do que pensa sobre as críticas ao "paulistocentrismo" da Semana de Arte Moderna, uma suposta exaltação desmedida da importância do festival na cultura nacional. Para Miceli, o modernismo floresceu em São Paulo em razão de condições que só existiam na cidade, como um mercado cultural mais desenvolvido e um mecenato mais robusto da elite. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Teremos outra Brumadinho se lógica da mineração não mudar, diz Daniela Arbex

    Play Episode Listen Later Jan 22, 2022 43:36


    Na próxima terça-feira (25), o desastre em Brumadinho completa três anos. Em 2019, o rompimento de uma barragem na mina do Córrego do Feijão, operada pela Vale, deixou 270 pessoas mortas —sete vítimas ainda não foram encontradas. Em seu novo livro, "Arrastados", ​a jornalista e escritora Daniela Arbex reconstitui a tragédia minuto a minuto, com base em depoimentos de quem estava lá, e narra os esforços empreendidos na operação de resgate e os impactos do desastre na vida de centenas de pessoas. Na conversa com Eduardo Sombini, Arbex conta os detalhes da apuração que deu origem ao livro e aponta por que o rompimento da barragem foi, em sua avaliação, uma tragédia anunciada. A autora diz que a Vale sabia dos riscos e não tomou as medidas necessárias em Brumadinho e sustenta que, enquanto o modelo de negócio da mineração continuar priorizando o lucro em vez da vida humana, ninguém estará seguro. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Bem-estar via consumo individual não pode orientar a esquerda, diz Tatiana Roque

    Play Episode Listen Later Jan 8, 2022 43:58


    A matemática Tatiana Roque, professora de história e filosofia da ciência da UFRJ, é a convidada do primeiro episódio de 2022. Na conversa com o repórter Eduardo Sombini, a autora discute seu livro "O Dia em que Voltamos de Marte" e explica por que as mudanças climáticas rompem o próprio sentido do tempo. Para ela, o futuro, visto como promessa de melhoria das condições de vida e desenvolvimento tecnológico, hoje é símbolo de uma catástrofe iminente, o que vira pelo avesso a experiência da história. Roque, no entanto, diz que isso não é necessariamente ruim e defende que é preciso parar de pensar sobre o que nós podemos fazer pelo planeta e começar a se perguntar o que as mudanças climáticas podem fazer por nós. Desse ponto de vista, a crise do clima pode ser uma oportunidade de refundar a sociedade. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Tratamento precoce real da Covid pode chegar em breve, diz Margareth Dalcolmo

    Play Episode Listen Later Dec 11, 2021 37:39


    No último episódio de 2021, o Ilustríssima Conversa recebe Margareth Dalcolmo, médica pneumologista e pesquisadora da Fundação Oswaldo Cruz, que acaba de lançar "Um Tempo para Não Esquecer". Na conversa com o repórter Eduardo Sombini, Dalcolmo faz uma avaliação da situação atual da pandemia e explica o que se sabe e o que esperar da nova variante ômicron. Para ela, é um absurdo o país não ter adotado o passaporte da vacina, o que faz com que o Brasil possa virar destino de quem se recusa a se imunizar. A pesquisadora também fala de estudos que estão sendo realizados com antivirais e outros medicamentos contra a Covid-19 que podem dar origem a tratamentos precoces que realmente funcionem —ao contrário da cloroquina e de outros remédios comprovadamente ineficazes. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    É um alívio Moro disputar eleição e não vaga no STF, diz desembargador

    Play Episode Listen Later Nov 27, 2021 47:27


    O Ilustríssima Conversa recebe Marcelo Semer, doutor em criminologia pela USP e desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo. No livro "Os Paradoxos da Justiça", o autor esmiúça algumas contradições do sistema de Justiça do país, retratado por ele como uma estrutura conservadora que não acompanhou a democratização da sociedade brasileira desde o fim da ditadura militar. Na conversa com o repórter Eduardo Sombini, Semer explica por que acredita que o protagonismo político de magistrados leva ao enfraquecimento do Judiciário e por que é uma ilusão acreditar que o STF pode resolver os impasses políticos do país, como as ameaças do presidente Jair Bolsonaro à democracia. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    [Conteúdo patrocinado] Escritor Ronaldo Correia de Brito fala sobre café, memória e o respeito ao tempo

    Play Episode Listen Later Nov 20, 2021 25:25


    Autor de “A Arte de Torrar Café – Narrativas Além da Ficção”, escritor fala sobre sua paixão pelo processo de produção da bebida e a importância de aprender a observar See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Maioria se comporta como negacionistas do aquecimento global, diz Eliane Brum

    Play Episode Listen Later Nov 13, 2021 43:44


    Em 2017, Eliane Brum decidiu se mudar para Altamira, cidade do Pará virada pelo avesso pela construção da usina de Belo Monte. Na conversa com Eduardo Sombini, a jornalista e escritora explica por que considera que o Médio Xingu viveu um fim de mundo com a instalação da hidrelétrica —e por que o que aconteceu na região nos últimos anos é um prenúncio do que o Brasil e o mundo vão enfrentar com a intensificação da crise climática. Brum acaba de lançar “Banzeiro Òkòtó: uma Viagem à Amazônia Centro do Mundo”. No livro, ela combina apuração jornalística e relato em primeira pessoa do seu percurso e tece uma trama que escancara as forças de destruição da Amazônia e aponta as possibilidades de resistência dos povos da floresta. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Tabu sobre justiçamentos na esquerda mostra que ainda é difícil lidar com ditadura, diz jornalista

    Play Episode Listen Later Oct 30, 2021 36:15


    O entrevistado desta edição do Ilustríssima Conversa é o jornalista Lucas Ferraz, que lança o livro "Injustiçados" (Companhia das Letras). A obra aborda um tema ainda tabu e relegado a um limbo histórico em pesquisas sobre a ditadura militar no Brasil: os justiçamentos que ocorreram dentro dos grupos de luta armada durante a ditadura, ou seja, a execução sumária de guerrilheiros considerados traidores. O foco do livros são as histórias de quatro militantes de esquerda executados por seus colegas de luta armada: Márcio Leite de Toledo, Carlos Alberto Maciel Cardoso, Francisco Jacques de Alvarenga (os três ligados à ALN, Ação Libertadora Nacional) ​ e Salatiel Teixeira Rolim (do PCBR,  Partido Comunista Brasileiro Revolucionário). See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Rebeliões de escravos moldaram cultura da Bahia, diz jornalista

    Play Episode Listen Later Oct 16, 2021 22:15


    O entrevistado do Ilustríssima Conversa desta semana é o jornalista Fernando Granato, que lança o livro "Bahia de Todos os Negros - As Rebeliões Escravas do Século XIX", pela editora Intrínseca. Depois de publicar, no começo dos anos 2000,  "O Negro na Chibata", em que abordava a  Revolta da Chibata (1910), na qual marinheiros negros foram agredidos fisicamente, Granato passou a pesquisar os fatores que fizeram de Salvador a cidade com maior presença da herança da cultura africana. A resposta, a seu ver, está na resistência à escravidão que levou a inúmeras revoltas em Salvador no século 19, quase todas lideradas por africanos muçulmanos vindos da região da Costa da Mina, que corresponde aproximadamente à faixa litorânea dos atuais estados de Gana, Togo, Benin e Nigéria. Nesse percurso de rebeliões, o livro resgata momentos históricos importantes, como a Revolta dos Malês, maior levante de escravos já ocorrido no Brasil, e personagens excepcionais, como Maria Felipa de Oliveira, Luísa Mahin  e, sobretudo, o abolicionista  Luís Gama, ex-escravo que  conquistou judicialmente a própria liberdade e passou a atuar na advocacia em prol dos cativos. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Espetáculo e partidarização prejudicam Justiça, diz Arruda Botelho

    Play Episode Listen Later Oct 2, 2021 34:26


    A transmissão de julgamentos pela TV Justiça é um erro e contribui para a espetacularização da Justiça, diz o advogado criminalista Augusto de Arruda Botelho, que está lançando o livro “Iguais Perante a Lei” pela editora Planeta. A obra é um guia prático com o objetivo de ajudar o cidadão a defender seus direitos. Arruda Botelho apresenta de maneira simples e didática uma série de informações e conceitos sobre o funcionamento da Justiça no Brasil. Mas o livro também trata, em sua introdução, de questões mais amplas sobre o Judiciário — e de maneira bastante crítica. Como as transmissões da TV Justiça que, afirma ele, criaram uma relação midiática entre magistrados e sociedade. Convidado do podcast Ilustríssima Conversa desta semana, Arruda Botelho também sustenta a ideia de que a politização excessiva do Judiciário chegou às raias da partidarização, como se observou nos processos do Mensalão e da Operação Lava Jato — na qual ele atuou na defesa de acusados. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    LGBTfobia de Bolsonaro atualiza moralismo da ditadura 'hétero-militar', diz Renan Quinalha

    Play Episode Listen Later Sep 18, 2021 49:32


    No livro "Contra a Moral e os Bons Costumes", Renan Quinalha se contrapõe à ideia de que a ditadura militar, marcada pela repressão política brutal, foi mais branda em relação a temas comportamentais. Convidado desta semana, o professor de direito da Unifesp diz que a retórica moralista e a defesa da família tradicional foram fundamentais para dar sustentação ideológica ao regime, que se empenhou em combater práticas consideradas desviantes, como a homossexualidade. Na conversa com o repórter Eduardo Sombini, Quinalha falou sobre as políticas sexuais da ditadura —como a perseguição policial a gays, lésbicas, travestis e prostitutas nas ruas das cidades brasileiras e a censura a obras artísticas com representações da diversidade sexual— e discutiu por que o Brasil de Jair Bolsonaro lembra tanto o regime militar no que diz respeito aos discursos sobre gênero e sexualidade.   See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Por que o 11 de Setembro nunca terminou no Afeganistão

    Play Episode Listen Later Sep 4, 2021 46:41


    Na manhã de 11 de setembro de 2001, Simone Duarte, então chefe do escritório da Globo em Nova York, entrou ao vivo no plantão da emissora para narrar o atentado terrorista ao World Trade Center. Vinte anos depois, a jornalista lança “O Vento Mudou de Direção”, livro em que se volta para as consequências desse dia trágico na vida de sete pessoas de outros pedaços do mundo, onde o 11 de Setembro nunca terminou. Ahmer, menino-bomba treinado pelo Talibã paquistanês, Gawhar, médica afegã que se arrepende de ter fugido do país, e Baker Atyani, jornalista para quem Osama bin Laden anunciou que estava planejando um ataque, são alguns dos personagens da obra. Na conversa com o repórter Eduardo Sombini, a autora fala sobre a necessidade de humanizar os outros da história do 11 de Setembro, menos conhecidos no Ocidente, e discute a ocupação americana no Afeganistão e o que pode acontecer no país com a volta do Talibã ao poder. See omnystudio.com/listener for privacy information.

    Claim Ilustríssima Conversa

    In order to claim this podcast we'll send an email to with a verification link. Simply click the link and you will be able to edit tags, request a refresh, and other features to take control of your podcast page!

    Claim Cancel