Podcasts about Datafolha

  • 223PODCASTS
  • 910EPISODES
  • 30mAVG DURATION
  • 2DAILY NEW EPISODES
  • Oct 28, 2022LATEST

POPULARITY

20152016201720182019202020212022

Categories



Best podcasts about Datafolha

Show all podcasts related to datafolha

Latest podcast episodes about Datafolha

revista piauí
#224: Saída à la Jefferson

revista piauí

Play Episode Listen Later Oct 28, 2022 63:40


Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky comentam os impactos da prisão de Roberto Jefferson na campanha de Jair Bolsonaro, as críticas do presidente ao TSE, os últimos ajustes na campanha de Lula para manter a liderança na reta final da eleição e os debates para governador nos estados. Escalada: 00:00 1º bloco: 04:06 2º bloco: 19:24 3º bloco: 35:36 Kinder Ovo: 52:53 Correio Elegante: 56:18 Créditos: 1:01:29 Bloco 1: Parece desespero A campanha de Bolsonaro acusa rádios de estados do Nordeste e de Minas Gerais de não veicularem suas propagandas políticas, privilegiando a campanha de Lula. O factoide levantado pelos bolsonaristas sucede a uma série de acontecimentos que têm prejudicado a campanha do presidente, como a prisão do ex-deputado Roberto Jefferson e a declaração de Paulo Guedes sobre a desindexação do salário mínimo à inflação. Bloco 2: Lula lá? Segundo pesquisa Datafolha divulgada na quinta-feira (27), o ex-presidente Lula segue na frente, com 49% das intenções de votos, contra 44% de Jair Bolsonaro. A manutenção do petista na liderança tem a ver com as recentes mudanças na campanha do candidato, que deu uma série de entrevistas focadas no público jovem, além de propagar peças com foco na esperança e no futuro. Bloco 3: Cenários nos estados A TV Globo e afiliadas organizaram debates com os candidatos a governador que disputam o segundo turno. Em São Paulo, Haddad evita o nome de Lula, e Tarcísio precisa se explicar sobre o suposto atentado em Paraisópolis. Em Pernambuco, Raquel Lyra mantém neutralidade sobre o voto à Presidência, Marília Arraes reforça a proximidade com Lula, e ambas trocam acusações. No Rio Grande do Sul, Onyx Lorenzoni faz discurso antivacina, e Eduardo Leite tenta pressionar adversário e fazê-lo errar. Para acessar reportagens citadas nesse episódio: https://piaui.co/foro224 ​​​​​​​​​​Assista aos bastidores da gravação: https://piaui.co/ftprivilegiado​ ​​​​​Aqui, uma playlist com todos os episódios do Foro: https://piaui.co/playlistforo​ ​​​​​​​​​​O Foro de Teresina é o podcast de política da revista piauí, que vai ao ar todas as sextas-feiras, a partir das 11h. O programa é uma produção da Rádio Novelo para a revista piauí. Ouça também os outros podcasts da piauí: o Maria vai com as outras, sobre mulheres e mercado de trabalho (https://piaui.co/playlistmaria​​​​​​​​​), e A Terra é redonda, sobre ciência e meio ambiente (https://piaui.co/playlistaterra​​​​​​). Ficha técnica: Apresentação: Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky Coordenação geral: Évelin Argenta Direção: Mari Faria Edição: Évelin Argenta e Tiago Picado Produção: Marcos Amorozo Apoio de produção: Cláudia Holanda Produção musical, finalização e mixagem: João Jabace Música tema: Wânya Sales e Beto Boreno Identidade visual: João Brizzi Ilustração: Fernando Carvall Teaser (Foro Privilegiado): Mari Faria Distribuição: Marcos Amorozo Coordenação digital: Juliana Jaeger e FêCris Vasconcellos Checagem: João Felipe Carvalho Para falar com a equipe: forodeteresina@revistapiaui.com.br

En Perspectiva
Entrevista Marcelo Silva de Sousa - Lula y Bolsonaro cierran hoy la campaña para el balotaje

En Perspectiva

Play Episode Listen Later Oct 28, 2022 35:57


Luis Inácio “Lula” Da Silva y Jair Bolsonaro se enfrentarán este domingo en el balotaje para definir al próximo presidente de Brasil, luego de una campaña de altísima tensión. En el última encuesta de Datafolha, publicada ayer, Lula tiene el 53% de los votos válidos -excluyendo votos en blanco y anulados- contra 47% de Bolsonaro, con un margen de error de más o menos dos puntos. Bolsonaro denunció esta semana ante el Tribunal Superior Electoral un supuesto fraude al señalar que no se emitió una parte de su propaganda electoral de radio, algo que causó un "desequilibrio" con impacto en el resultado, según sus palabras. Iremos hasta las últimas consecuencias para denunciar ese desequilibrio que va a incidir en la cantidad de votos del domingo Lula, por su lado, advirtió que Bolsonaro podría no llegar a reconocer los resultados. "Espero que [Bolsonaro] tenga un minuto de sensatez y llame por teléfono para aceptar el resultado de la elección", aseguró Lula durante una rueda de prensa en Sao Paulo. La campaña estuvo plagada de insultos, desinformación y acusaciones cruzadas de canibalismo, pedofilia y vínculos con el crimen organizado. Mientras tanto, el Tribunal Superior Electoral asumió un rol central en el control de las noticias falsas, lo que hizo que se lo acusara de ejercer censura y atentar contra la libertad de expresión. Vamos a Brasil para tener un panorama de las últimas horas de la campaña electoral.  Conversamos En Perspectiva con nuestro corresponsal Marcelo Silva De Souza.

Colunistas Eldorado Estadão
Eliane: "Campanha de Bolsonaro errou muito no final"

Colunistas Eldorado Estadão

Play Episode Listen Later Oct 28, 2022 19:18


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera a corrida pelo Palácio do Planalto com 49% das intenções de voto, ante 44% do presidente Jair Bolsonaro (PL), segundo a pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira, 27. É o penúltimo levantamento do instituto antes do segundo turno. "A campanha de Bolsonaro errou muito no final e ele próprio comete um erro após o outro. Do outro lado, Lula não apresentou um plano de governo, fala muito do passado, mas tem muito o que mostrar na área de inclusão social, por exemplo", diz Eliane.See omnystudio.com/listener for privacy information.

O Assunto
Taxa de abstenção - a incógnita final

O Assunto

Play Episode Listen Later Oct 28, 2022 22:33


Mais de 32 milhões de brasileiros não compareceram ao 1º turno, número que representa quase 21% do total de aptos a votar. “É um problema para a sociedade”, considera o cientista político Antonio Lavareda, convidado de Renata Lo Prete neste episódio. Na avaliação dele, não é natural que tantos abdiquem de participar do “principal momento da democracia”. Professor colaborador da Universidade Federal de Pernambuco e presidente do Conselho Científico do Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), Lavareda explica como, em uma reta final tão acirrada, a abstenção se tornou variável de peso, e por que ela tem potencialmente mais impacto sobre o desempenho de quem está na frente -no caso da disputa presidencial, Lula (PT), que aparece com 5 pontos de vantagem sobre Jair Bolsonaro (PL) no Datafolha divulgado nesta quinta-feira. Lavareda discute o papel da gratuidade do transporte público, ampliada no 2º turno, para garantir o exercício do voto aos eleitores mais vulneráveis. “Tirar dinheiro do bolso para votar afasta compulsoriamente muitos brasileiros da urna”, diz. E recomenda olhar com especial atenção para o comparecimento no Sudeste e no Nordeste: “A abstenção pode alterar profundamente o desenvolvimento dos fatores políticos de um país”.

O Assunto
Taxa de abstenção: a incógnita final

O Assunto

Play Episode Listen Later Oct 28, 2022 22:33


Mais de 32 milhões de brasileiros não compareceram ao 1º turno, número que representa quase 21% do total de aptos a votar. “É um problema para a sociedade”, considera o cientista político Antonio Lavareda, convidado de Renata Lo Prete neste episódio. Na avaliação dele, não é natural que tantos abdiquem de participar do “principal momento da democracia”. Professor colaborador da Universidade Federal de Pernambuco e presidente do Conselho Científico do Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), Lavareda explica como, em uma reta final tão acirrada, a abstenção se tornou variável de peso, e por que ela tem potencialmente mais impacto sobre o desempenho de quem está na frente - no caso da disputa presidencial, Lula (PT), que aparece com 5 pontos de vantagem sobre Jair Bolsonaro (PL) no Datafolha divulgado nesta quinta-feira. Lavareda discute o papel da gratuidade do transporte público, ampliada no 2º turno, para garantir o exercício do voto aos eleitores mais vulneráveis. “Tirar dinheiro do bolso para votar afasta compulsoriamente muitos brasileiros da urna”, diz. E recomenda olhar com especial atenção para o comparecimento no Sudeste e no Nordeste: “A abstenção pode alterar profundamente o desenvolvimento dos fatores políticos de um país”.

revista piauí
#223: O bolso, o voto e a enganação

revista piauí

Play Episode Listen Later Oct 21, 2022 58:57


Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky comentam a redução na diferença de intenção de votos entre Lula e Bolsonaro nas pesquisas eleitorais que apontam para uma disputa apertada no segundo turno. O programa analisa as estratégias que reduziram a rejeição de Bolsonaro e a Carta aos Evangélicos assinada por Lula para barrar fake news na agenda de costumes. O trio analisa também as disputas para governador em São Paulo, Rio Grande do Sul e Amazonas. Escalada: 00:00 1º bloco: 04:40 2º bloco: 19:22 3º bloco: 36:41 Kinder Ovo: 48:43 Correio Elegante: 52:26 Créditos: 54:56 Bloco 1: Disputa apertada Em resposta a ataques e fake news e com a aproximação de Bolsonaro nas pesquisas, Lula publicou uma Carta aos Evangélicos para se declarar contrário ao aborto e ao banheiro unissex. Reafirmou o compromisso com a liberdade de culto e religião. Esse gesto acontece em meio à repercussão da live em que Bolsonaro disse que “pintou um clima” entre ele e duas meninas venezuelanas. Bloco 2: O poder da máquina A distância entre Lula e Bolsonaro diminuiu e, segundo o Datafolha, está em quatro pontos percentuais, um empate no limite da margem de erro. Entre os eleitores mais pobres, Lula ainda tem grande vantagem, mas a diferença caiu, o que pode ser reflexo das medidas eleitoreiras de Bolsonaro: baixar o preço dos combustíveis, adiantar parcelas do Auxílio Brasil e liberar mais de 18,8 bilhões de reais em empréstimos na Caixa. Bloco 3: Giro nos estados Em São Paulo, Tarcisio de Freitas anunciou que pretende extinguir a Secretaria de Segurança Pública e dar independência às Polícias Civil e Militar, como acontece no Rio de Janeiro. No Rio Grande Sul, Eduardo Leite ultrapassou Onyx Lorenzoni nas pesquisas de intenção de voto e aumentou suas chances de voltar ao Palácio Piratini. O trio também comenta a disputa no Amazonas., Para acessar reportagens citadas nesse episódio: https://piaui.co/foro223 ​​​​​​​​​​Assista aos bastidores da gravação: https://piaui.co/ftprivilegiado​ ​​​​​Aqui, uma playlist com todos os episódios do Foro: https://piaui.co/playlistforo​ ​​​​​​​​​​O Foro de Teresina é o podcast de política da revista piauí, que vai ao ar todas as sextas-feiras, a partir das 11h. O programa é uma produção da Rádio Novelo para a revista piauí. Ouça também os outros podcasts da piauí: o Maria vai com as outras, sobre mulheres e mercado de trabalho (https://piaui.co/playlistmaria​​​​​​​​​), e A Terra é redonda, sobre ciência e meio ambiente (https://piaui.co/playlistaterra​​​​​​). Ficha técnica: Apresentação: Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky Coordenação geral: Évelin Argenta Direção: Mari Faria Edição: Évelin Argenta e Tiago Picado Produção: Marcos Amorozo Apoio de produção: Cláudia Holanda Produção musical, finalização e mixagem: João Jabace Música tema: Wânya Sales e Beto Boreno Identidade visual: João Brizzi Ilustração: Fernando Carvall Teaser (Foro Privilegiado): Mari Faria Distribuição: Marcos Amorozo Coordenação digital: Juliana Jaeger e FêCris Vasconcellos Checagem: João Felipe Carvalho Para falar com a equipe: forodeteresina@revistapiaui.com.br

Os Pingos nos Is
Os Pingos nos Is - 20/10/2022 - Recorde de Bolsonaro/ Datafolha apavora PT/ Marcha pela liberdade

Os Pingos nos Is

Play Episode Listen Later Oct 20, 2022 106:48


Os Pingos nos Is - Edição Completa - 20/10/2022See omnystudio.com/listener for privacy information.

Notícia no Seu Tempo
Em ação inédita, Cade quer investigar empresas de pesquisa

Notícia no Seu Tempo

Play Episode Listen Later Oct 14, 2022 8:37


No podcast ‘Notícia No Seu Tempo', confira em áudio as principais notícias da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo' desta sexta-feira (14/10/22): Numa decisão inédita, o presidente do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), Alexandre Cordeiro, determinou abertura de inquérito para investigar as empresas de pesquisa Ipec, Datafolha e Ipespe. Segundo Cordeiro, elas podem ter atuado como cartel para interferir nas eleições. Cordeiro foi indicado para o Cade pelo ministro Ciro Nogueira (Casa Civil), coordenador da campanha de Jair Bolsonaro. E mais: Economia: Preço do gás de cozinha está 25% acima da média internacional Política: Custo de plano de Haddad é de R$ 57 bi; Tarcísio não dá detalhes Internacional: Comitê da Câmara que apura invasão do Capitólio intima Trump a depor Metrópole: Médicos fazem alerta sobre risco de saúde cardiovascular em mulheres Esportes: Seleção feminina de vôlei tenta ouro inédito Caderno 2: Incêndio do Museu Nacional inspira peça sobre memóriaSee omnystudio.com/listener for privacy information.

Resumão Diário
Resumão eleições #56: Sexta-feira, 14 de outubro

Resumão Diário

Play Episode Listen Later Oct 14, 2022 4:04


Nova pesquisa Datafolha mostra como está a disputa pela Presidência. Lula (PT) disse no Recife (PE) que o voto de nordestinos contra Bolsonaro (PL) é uma ‘questão de honra'. Bolsonaro chamou o extinto Bolsa Família de ‘esmola' e levou um susto no palco durante ato em Duque de Caxias (RJ). E, no Rio Grande do Sul, Onyx Lorenzoni (PL) negou um aperto de mão de Eduardo Leite (PSDB) após um debate entre os candidatos ao governo gaúcho.

Boletim Folha
Datafolha mostra Lula com 49% das intenções de voto, e Bolsonaro com 44%

Boletim Folha

Play Episode Listen Later Oct 14, 2022 4:54


Apesar da escalada de ataques nas campanhas, a nova pesquisa do Datafolha mostra que a disputa pela Presidência continua estável no segundo turno. Polícia Federal prende suspeitos de corrupção com emendas de relator. E Thiago Brennand é preso em Abu Dhabi acusado de agressão, mas é liberado após pagar fiança.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Boletim Folha
Datafolha mostra Lula com 49% e Bolsonaro com 44% no segundo turno

Boletim Folha

Play Episode Listen Later Oct 7, 2022 6:08


Amazônia tem recorde de desmate em setembro. E Nobel da Paz vai para ativista da Belarus e ONGs de direitos humanos de Rússia e Ucrânia.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Alexandre Garcia - Vozes - Gazeta do Povo
Pesquisas erradas levam a decisões erradas do eleitor

Alexandre Garcia - Vozes - Gazeta do Povo

Play Episode Listen Later Oct 6, 2022 4:55


Alexandre Garcia comenta declarações de diretora do Datafolha, o otimismo dos mercados com o segundo turno e dá uma dica para quem está discutindo voto.

Estadão Notícias
Pesquisas em descrédito e os desafios dos Institutos para o 2° turno

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Oct 6, 2022 25:09


Após a apuração e totalização dos votos no primeiro turno, neste domingo, uma coisa ficou clara: as pesquisas de intenção de voto erraram ao não captar o contingente que votaria em Jair Bolsonaro (PL). Alguns institutos, como Ipec e Datafolha, deram uma diferença de mais de 10 pontos entre o atual presidente e Lula. O que se viu foi uma diferença de apenas 5%, pouco mais de 6 milhões de votos. Mas não parou por aí: os levantamentos não conseguiram captar os movimentos dentro dos Estados, nas eleições para governador e senador. No caso de São Paulo, as pesquisas davam o petista Fernando Haddad à frente de Tarcísio de Freitas (Republicanos). Nas urnas, o candidato de Bolsonaro teve pouco mais de 6% a mais que o ex-prefeito. As diferenças entre os levantamentos e a conclusão da apuração das urnas também apareceram na disputa pelo Senado. Enquanto os institutos davam Márcio França (PSB) bem à frente do astronauta Marcos Pontes (PL), o pleito deu a vitória para o candidato do atual presidente. Essas incongruências foram observadas em diversas federações da República.  Afinal, o que aconteceu para as pesquisas não captarem o desejo do eleitor? Vai ser preciso rever a metodologia? No podcast 'Estadão Notícias' de hoje, vamos conversar sobre o assunto com o advogado, geógrafo e CEO da Geocracia, Luiz Ugeda. O Estadão Notícias está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg, Gabriela Forte, Milena Félix. Sonorização/Montagem: Moacir Biasi.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Cara a Tapa
Live do CAT: Eleições 2022 - Conrado, Figueiredo, Joel e Rica

Cara a Tapa

Play Episode Listen Later Oct 4, 2022 116:36


Rica Perrone recebe Joel Pinheiro, Fernando Conrado e Paulo Figueiredo ao vivo para discutir o cenário eleitoral do Brasil após o primeiro turno.Support the show

Notícia no Seu Tempo
Bolsonaro antecipa pagamento de Auxílio; Lula busca o centro

Notícia no Seu Tempo

Play Episode Listen Later Oct 4, 2022 8:39


No podcast ‘Notícia No Seu Tempo', confira em áudio as principais notícias da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo' desta terça-feira (04/10/22): No primeiro dia de campanha para o segundo turno, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL) buscaram apoio de outras lideranças políticas para a eleição do dia 30. Lula investe na senadora Simone Tebet (MDB). Bolsonaro buscou e deve contar com apoio do governador reeleito de MG, Romeu Zema (Novo). No exercício do cargo, o presidente prepara medidas para tentar atrair o eleitorado feminino e de baixa renda, em especial o do Nordeste.  E mais: Política: Centrão mantém domínio político na Câmara e será desafio de futuro governo Economia: Novo perfil do Congresso e segundo turno animam mercado Internacional: Pressionada, premiê britânica desiste de cortar IR dos ricos Metrópole: Sueco leva Nobel de Medicina por encontrar DNA de ancestraisSee omnystudio.com/listener for privacy information.

O Antagonista
Jair Bolsonaro diz que venceu o Datafolha, sobre erro de instituto em pesquisa do primeiro turno

O Antagonista

Play Episode Listen Later Oct 3, 2022 1:55


Em coletiva no cercadinho da Alvorada, Jair Bolsonaro partiu para cima dos institutos de pesquisa, sobretudo do Datafolha, sobre os erros nos resultados das pesquisas presidenciais de primeiro turno. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

En Perspectiva
Entrevista Marcelo Silva de Sousa - En Brasil se confirmó anoche que habrá segunda vuelta electoral

En Perspectiva

Play Episode Listen Later Oct 3, 2022 17:40


En Brasil se confirmó anoche que habrá segunda vuelta electoral el 30 de octubre entre el presidente Jair Bolsonaro y el ex mandatario Luis Inacio Lula Da Silva. Bolsonaro sorprendió este domingo al conseguir 43% de los votos, ubicándose más cerca de lo esperado de Lula, quien resultó primero con 48%. Las principales encuestadoras habían señalado una ventaja amplia para Lula desde hacía meses. La semana pasada llegaban a plantear 12 puntos de diferencia a favor de Lula e incluso habían previsto la posibilidad de que el expresidente ganara ya este domingo sin necesidad de balotaje. Lula se mostró confiado en que ganará en la segunda vuelta del 30 de octubre: "Para desgracia de algunos, tengo 30 otros días para hacer campaña. Va a ser importante, porque va a ser la primera oportunidad de tener un debate cara a cara con el presidente de la República, para saber si va a seguir contando mentiras o va a venir al camino de la verdad con el pueblo brasileño. Es una segunda oportunidad para hacer comparaciones del Brasil que él construyó y del que nosotros construimos". El presidente Jair Bolsonaro, por su parte, habló en el exterior del palacio presidencial de la Alvorada, donde, entre otras cosas, les pasó factura a los sondeos previos: "En el día de hoy vencimos a la mentira, a Datafolha que daba 51% (de intención de voto a Lula) y 30% y unos pocos (a Bolsonaro). Le ganamos a la mentira. Tenemos un segundo tiempo por delante, donde todo se vuelve igual, el tiempo para cada lado se vuelve igual. Y ahora nos vamos a mostrar mejor a la población brasileña, especialmente a la más afectada". Conversamos En Perspectiva con nuestro corresponsal en Brasil, Marcelo Silva de Souza.

O Antagonista
Cortes do Papo - Crusoé: "A perna curta da mentira"

O Antagonista

Play Episode Listen Later Oct 1, 2022 5:25


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé fala sobre os efeitos das fake news nas eleições deste ano, que converteram votos de evangélicos e inundaram a internet. No entanto, a sociedade está mais bem preparada do que nos últimos pleitos e conseguiu conter seus danos. Leia um trecho: "A disseminação de notícias falsas nestas eleições era uma tragédia anunciada que, desde o ano passado, motivou ações da Justiça eleitoral e das empresas de tecnologia. A expectativa se confirmou. Nos últimos quatro meses, foram registradas 15 mil denúncias de desinformação pelo Tribunal Superior Eleitoral, TSE, sendo 562 disparos massivos de mensagens. Como nem tudo é reportado, o total de infrações é certamente muito maior, e uma avalanche de inverdades deve ocorrer nos próximos dias." "Pesquisas confirmaram que essas mensagens enganosas viraram votos em ao menos um grupo, o dos evangélicos. Mas, nos demais, as mentiras tiveram perna curta. A conscientização sobre o perigo que as fake news representam, a remoção de conteúdos pelas redes sociais, a ação rápida dos advogados dos partidos e da Justiça eleitoral e o fato de que os dois principais candidatos são figuras bem conhecidas do público evitaram um caos maior." "O dado que comprova a eficácia das fake news entre os evangélicos foi obtido pela Genial/Quaest: 34% deles acredita que Lula fechará igrejas se eleito. O número é chocante porque, em momento algum, o petista afirmou tal coisa, ou isso tampouco faria qualquer sentido. Mesmo assim, desde maio, o Datafolha apurou um aumento da intenção de voto em Bolsonaro entre os evangélicos de 39% para os atuais 50%." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Focus
Brazil election: A campaign marred by political violence

Focus

Play Episode Listen Later Sep 30, 2022 5:07


Brazil is gearing up for the most polarised elections in its recent history. Throughout the country, the electoral campaign has been marred by assaults, death threats and even murders. As the first round October 2 vote draws closer, more than two thirds of the population say they are afraid of being attacked because of their political choices, according to a recent survey by the Datafolha polling firm. Our correspondents report.

SBS Portuguese - SBS em Português
Último debate presidencial antes da eleição brasileira é marcado por tom ríspido e direitos de resposta

SBS Portuguese - SBS em Português

Play Episode Listen Later Sep 30, 2022 2:59


Enquanto brasileiros na Austrália organizam festas para o dia de eleição, Bolsonaro e Lula se enfrentaram no debate da TV Globo; Datafolha aponta o petista com chances de vencer no primeiro turno

Passando a Limpo
"Foi uma queda brusca de pressão", conta Anne Barreto após desmaio em debate da TV Jornal

Passando a Limpo

Play Episode Listen Later Sep 30, 2022 13:52


Passando a Limpo: Nesta sexta-feira (30), Geraldo Freire e a bancada do programa conversam com a jornalista Anne Barreto, do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação. A apresentadora desmaiou, nessa quinta-feira (29), enquanto apresentava o debate na TV Jornal com os candidatos ao governo de Pernambuco. Anne recebeu atendimento médico e agora se recupera em casa. Ela conta que o diagnóstico médico foi de queda de pressão. O cientista político Adriano Oliveira analisa a mais recente pesquisa Datafolha para o governo federal e projeta a reta final das eleições para o primeiro turno, no domingo (2). O veterinário Doralécio Lins e Silva comenta estudo que revelou a relação dos brasileiros com os cães. O levantamento mostrou que os vira-latas são os cães preferidos no país. A correspondente nos Estados Unidos, Fabíola Góis, comenta a anexação de territórios ucranianos pela Rússia, a cúpula de Joe Biden oferecendo fundos para conter a influência da China no Pacífico Sul e a manifestação da ONG Human Rights Watch solicitando a garantia de eleições seguras no Brasil.

Boletim Folha
Lula e Bolsonaro trocam ataques em debate marcado por bate-boca e acusações

Boletim Folha

Play Episode Listen Later Sep 30, 2022 6:27


Datafolha mostra Haddad liderando em São Paulo, Castro, no Rio e Zema, em Minas. E Rússia deve concluir hoje maior anexação na Europa desde a Segunda Guerra. See omnystudio.com/listener for privacy information.

revista piauí
#220: As pesquisas, o debate e a bagunça | Foro de Teresina - o podcast de política da piauí

revista piauí

Play Episode Listen Later Sep 30, 2022 66:06


No Foro de Teresina #220, Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky comentam a mais recente pesquisa da intenção de voto para presidente do Datafolha, o último debate presidencial na TV Globo e as expectativas de que ele tenha impacto entre os indecisos. O programa fala ainda da violência política encampada, sobretudo, pelo bolsonarismo, da nova cartada de Bolsonaro contra o sistema eleitoral e do cenário das disputas dos governadores e do Senado nos estados. Escalada: 00:00 1º bloco: 04:00 2º bloco: 21:52 3º bloco: 36:10 Kinder Ovo: 55:56 Correio Elegante: 57:42 Créditos: 1:04:13 Bloco 1: Vai ser no primeiro turno? A menos de dez dias das eleições, as pesquisas eleitorais apontam para uma ampliação da distância entre o ex-presidente Lula e Jair Bolsonaro. Isso faz com que a chances de vitória do petista no primeiro turno aumentem. Com a adesão de mais nomes à frente ampla de Lula, cresce a demanda pelo voto útil dos eleitores de Ciro Gomes e Simone Tebet. Bloco 2: Aposta no caos Bolsonaro e seus apoiadores seguem espalhando mentiras sobre o processo de votação e sobre a lisura das urnas. Em um documento sem provas, o PL colocou em xeque a atuação do TSE e o presidente subiu o tom dos ataques ao ministro Alexandre de Moraes. Casos de violência e de arruaça às vésperas das eleições crescem. Bloco 3: Cenário nos estados A disputa pelos governos de São Paulo, Ceará, Pernambuco e Rio Grande do Sul segue em aberto. Bahia e Rio de Janeiro, onde o resultado parecia consolidado, podem surpreender dois dias antes do pleito. Para acessar reportagens citadas nesse episódio: https://piaui.co/foro220 ​​​​​​​​​​Assista aos bastidores da gravação: https://piaui.co/ftprivilegiado​ ​​​​​Aqui, uma playlist com todos os episódios do Foro: https://piaui.co/playlistforo​ ​​​​​​​​​​O Foro de Teresina é o podcast de política da revista piauí, que vai ao ar todas as sextas-feiras, a partir das 11h. O programa é uma produção da Rádio Novelo para a revista piauí. Ouça também os outros podcasts da piauí: o Maria vai com as outras, sobre mulheres e mercado de trabalho (https://piaui.co/playlistmaria​​​​​​​​​), e A Terra é redonda, sobre ciência e meio ambiente (https://piaui.co/playlistaterra​​​​​​). Ficha técnica: Apresentação: Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky Coordenação geral: Paula Scarpin Direção: Marcos Amorozo Edição: Évelin Argenta, Natalia SIlva e Tiago Picado Produção: Marcos Amorozo Apoio de produção: Cláudia Holanda Produção musical, finalização e mixagem: João Jabace Música tema: Wânya Sales e Beto Boreno Identidade visual: João Brizzi Ilustração: Fernando Carvall Teaser (Foro Privilegiado): Marcos Amorozo Distribuição: Marcos Amorozo Coordenação digital: Juliana Jaeger e FêCris Vasconcellos Checagem: João Felipe Carvalho Para falar com a equipe: forodeteresina@revistapiaui.com.br

En Perspectiva
Entrevista Pedro Feliú Ribeiro - Brasil: Elecciones muy polarizadas entre Lula y Bolsonaro

En Perspectiva

Play Episode Listen Later Sep 30, 2022 22:46


Este domingo tendrán lugar las elecciones en Brasil, donde los dos candidatos principales son el actual presidente Jair Bolsonaro y el anterior mandatario Luiz Inácio “Lula” Da Silva. Según la última encuesta de Datafolha, publicada en la tarde de ayer, Lula podría lograr la victoria en primera vuelta. Los sondeos finales de esta consultora le dan 50% de los votos al exsindicalista, candidato por el Partido de los Trabajadores. Bolsonaro, mientras tanto, alcanzaría el 36% de los sufragios. En el último debate, los dos candidatos más fuertes se cruzaron por última vez. Otro dato de color: ayer el futbolista Neymar Jr, astro del PSG francés y de la selección brasileña, hizo explícito su apoyo a Bolsonaro con un video publicado en sus redes cantando el jingle del candidato derechista. Pero hay una tensión de fondo en estas elecciones: las dudas sobre si Bolsonaro aceptará una derrota, dudas que él mismo ha sembrado mediante intentos por desacreditar a las autoridades judiciales y a los mecanismos electorales. Le dimos una mirada más de cerca a estos comicios que determinarán el futuro del país más grande de la región. Para eso estuvimos en línea con Pedro Feliú Ribeiro, doctor en Ciencias Políticas, profesor e investigador en la Universidad de San Pablo.

Estadão Notícias
Debate da Globo: tensão, ofensas e polarização acirrada

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Sep 30, 2022 41:21


Os candidatos à Presidência da República deixaram em segundo plano as propostas de governo e deram mais atenção às ofensas mútuas e aos embates agressivos no último debate antes da votação em primeiro turno. O encontro promovido pela TV Globo reuniu sete postulantes ao cargo. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o presidente Jair Bolsonaro (PL) estiveram frente a frente no primeiro bloco do debate e reproduziram o clima mais acirrado da disputa presidencial. A troca de agressões entre os dois candidatos simbolizou um encontro eleitoral marcado também pela indisciplina dos postulantes. Por diversas vezes, o mediador, William Bonner, precisou repreender os candidatos – principalmente Padre Kelmon – para que respeitassem as regras. Ainda nesta quinta-feira, o DataFolha publicou a penúltima pesquisa antes das eleições. Pelo levantamento, Lula tem 50% dos votos válidos, Bolsonaro 36%, Ciro Gomes 6% e Simone Tebet 5%. O último “Poder em Pauta” antes da realização das eleições analisa a fundo o desempenho dos candidatos no debate da TV Globo com os jornalistas Pedro Venceslau, de São Paulo, e Felipe Frazão, diretamente de Brasília. O Estadão Notícias está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg, e Gabriela Forte  Sonorização/Montagem: Moacir Biasi.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Foro de Teresina
#220: As pesquisas, o debate e a bagunça

Foro de Teresina

Play Episode Listen Later Sep 30, 2022 66:03


No Foro de Teresina #220, Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky comentam a mais recente pesquisa da intenção de voto para presidente do Datafolha, o último debate presidencial na TV Globo e as expectativas de que ele tenha impacto entre os indecisos. O programa fala ainda da violência política encampada, sobretudo, pelo bolsonarismo, da nova cartada de Bolsonaro contra o sistema eleitoral e do cenário das disputas dos governadores e do Senado nos estados. Acesse os links citados neste episódio: https://piaui.co/foro220  

Boletim Folha
Datafolha mostra Lula com 50% dos votos válidos no 1º turno e Bolsonaro com 36%

Boletim Folha

Play Episode Listen Later Sep 29, 2022 5:11


PL pagou R$ 225 mil a instituto que fez parecer chamado de mentiroso pelo TSE. E tribunal proíbe que atiradores e colecionadores transportem armas por três dias.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Horário de Brasília
Nova pesquisa Datafolha movimenta últimos dias de campanha antes do 1º turno

Horário de Brasília

Play Episode Listen Later Sep 29, 2022 64:58


A nova rodada de números da pesquisa Datafolha com as intenções de voto para o primeiro turno das eleições de 2022 e as movimentações dos principais candidatos da corrida presidencial na reta final da campanha eleitoral estão entre os principais destaques deste episódio do Horário de Brasília. Com apresentação de Daniela Lima e Renata Agostini, o podcast é transmitido ao vivo e com vídeo no site da CNN Brasil e no canal da emissora no YouTube, às quintas-feiras, a partir das 19h. Depois, os episódios podem ser acessados on demand nas principais plataformas de áudio.

Boletim Folha
Bolsonaro diz que Moraes ultrapassou todos os limites com quebra de sigilo de assessor

Boletim Folha

Play Episode Listen Later Sep 28, 2022 4:54


Datafolha mostra que mulheres indecisas têm percepção negativa de Bolsonaro. E pobreza infantil bate recorde no Brasil.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Journal d'Haïti et des Amériques
Présidentielle au Brésil: Bolsonaro, favori des milieux évangéliques

Journal d'Haïti et des Amériques

Play Episode Listen Later Sep 26, 2022 19:30


Dernière semaine de campagne présidentielle avant le premier tour de scrutin dimanche (2 octobre 2022). Le candidat de gauche, l'ex-dirigeant Lula fait toujours la course en tête selon les sondages. Le sortant, Jair Bolsonaro peut lui compter sur les voix des milieux évangéliques. Si 11 candidats s'alignent au départ, c'est la lutte entre l'ancien président de gauche Luiz Inacio Lula da Silva (47% des intentions de votes, selon le dernier sondage Datafolha) et le président d'extrême droite Jair Bolsonaro (33%) qui accapare l'attention. À une semaine de la présidentielle, le Brésil entre dans la dernière ligne droite d'une campagne électorale ultra-polarisée se résumant à un duel. Le sortant, défenseur des valeurs morales traditionnalistes, qui est sûr d'un bon score dans les milieux évangéliques. Lula s'en est plaint hier (25 septembre 2022), lors d'un rassemblement à Rio, dénonçant « la posture des pasteurs évangéliques ». L'ancien président a déclaré que celui qui soutient Jair Bolsonaro « ne peut pas être un pasteur, ne croit pas en Dieu, ne peut pas parler au nom de Dieu ». Reportage à Rio de Sarah Cozzolino.       Haïti : face à la pénurie de carburant, les hôpitaux menacés de fermeture Il emploie 12 000 personnes dans le nord d'Haïti, le parc industriel de Caracol a fermé ses portes hier (25 septembre 2022), faute de carburant suffisant pour faire fonctionner sa centrale électrique. Des opérations de police ont eu lieu, ce week-end, pour tenter de débloquer le terminal pétrolier de Varreux, aux mains des gangs. Des pénuries qui se sont accrues après l'annonce du Premier ministre d'augmenter les prix des produits pétroliers, et qui menacent à présent les hôpitaux. C'est le cas aux Gonaïves, comme le rapporte le site Rezonodwes, à Port de Paix, et aussi bien sûr dans la capitale, où plusieurs établissements hospitaliers alertent sur de possibles fermetures. À Port-au- Prince, le reportage de Marie-André Bélange.   Réouverture de la frontière entre le Venezuela et la Colombie La cérémonie a lieu ce lundi matin (26 septembre 2022). Les deux hymnes nationaux ont retenti, juste avant que les premiers camions ne circulent sur les ponts qui relient les deux pays, « après 2 595 jours de fermeture », comme le souligne le journal conservateur colombien El Tiempo. Sept années, au cours desquelles beaucoup de choses ont changé, notamment au Venezuela, qui a connu une très grave crise économique et se trouve sous le coup de sanctions américaines. À la Une du Journal de la 1ère  Les croisiéristes en escale en Martinique et en Guadeloupe pourront bientôt faire du shopping en « duty free ».

TV 247
Bom dia 247 - Lula aumenta a chance de vencer no primeiro turno, aponta Datafolha

TV 247

Play Episode Listen Later Sep 23, 2022 185:42


Bom dia 247 - Lula aumenta a chance de vencer no primeiro turno, aponta Datafolha by TV 247

Durma com essa
Pesquisas sob ataque: os institutos como alvo na eleição

Durma com essa

Play Episode Listen Later Sep 23, 2022 26:58


O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), pôs em dúvida nesta quinta-feira (22) os resultados das pesquisas de intenção de voto para as eleições de 2022, dizendo que “nada justifica resultados tão divergentes dos institutos”. “Urge estabelecer medidas legais que punam os institutos que erram demasiado ou intencionalmente para prejudicar qualquer candidatura”, escreveu no Twitter. A declaração do deputado, que é aliado de Jair Bolsonaro, ocorre em um contexto de ataques de políticos e apoiadores do presidente a institutos como o Ipec e o Datafolha. O Durma com Essa explica como são feitas as pesquisas eleitorais e qual a relação entre os ataques a elas e as contestações de Bolsonaro ao sistema eleitoral como um todo. O episódio tem também a participação do redator Cesar Gaglioni, que fala da radicalização do discurso do candidato Ciro Gomes, do pesquisador Pedro Abramovay, que comenta a relação entre política e técnica no setor público, e da editora-executiva da Gama Revista, Isabelle Moreira Lima, que dá dicas culturais na seção “Achamos que vale”, inspirada na newsletter homônima que você pode assinar clicando aqui. Conheça a editoria Ponto Futuro.Link Revista Gama:https://weverify-demo.ontotext.com/#!/similaritySearchResults&type=Videos¶ms=https%3A%2F%2Fgamarevista.uol.com.br%2Fassinar-newsletter%2FLink Ponto Futuro:https://www.nexojornal.com.br/pontofuturo/

Colunistas Eldorado Estadão
Moura Brasil: 'Datafolha mostra impotência eleitoral do imbrochável'

Colunistas Eldorado Estadão

Play Episode Listen Later Sep 23, 2022 18:54


Na edição desta sexta, o jornalista Felipe Moura Brasil analisa os dados mais recentes da pesquisa Datafolha de intenção de votos em presidente e em governadores de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. O colunista discute os principais temas que rondam o noticiário político do País, de segunda a sexta, às 07h35, no Jornal Eldorado.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Boletim Folha
Datafolha aponta que 1 a cada 5 eleitores de Ciro e Tebet admite voto útil em Lula

Boletim Folha

Play Episode Listen Later Sep 23, 2022 4:57


Justiça censura reportagens do UOL sobre compra de imóveis com dinheiro vivo por família Bolsonaro. E forças russas iniciam referendo sobre anexação de territórios ocupados na Ucrânia.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Primeiro Café
#416 Melhores momentos do Lula no Ratinho | Datafolha: Lula 47% x 33% Bolsonaro #Eleições2022 | Café com Série | Primeira Playlist

Primeiro Café

Play Episode Listen Later Sep 23, 2022 63:46


SEXTA, 23/09/2022: Lula foi ontem ao programa do Ratinho, no SBT, para não ir ao debate promovido pela emissora junto com a CNN Brasil amanhã. E parece que o presidente acertou mais uma vez.Além de aproveitar a audiência popular para desmentir uma série de fake news, Lula aparentava estar confortável na conversa com Ratinho. Assim como na bancada do Jornal Nacional, Lula estava num bom dia e a entrevista rendeu uma série de pérolas.A entrevista no Ratinho começou minutos após a divulgação de mais uma pesquisa Datafolha que mostra Lula com liderança folgada para Bolsonaro e com chances de vencer já no primeiro turno. Talvez isso ajude a explicar o bom humor do ex-presidente na entrevista.O sucesso foi tão grande que Lula conseguiu arrancar de Ratinho que o apresentador e empresário milionário vivia melhor na época dos governos dele. Também recebeu alguns elogios, como "você é encantador", lembrou que já esteve com o apresentador em outros momentos e ainda foi chamado de presidente.Muita gente comemorou a entrevista afirmando que Lula virou o voto do Ratinho. Pode até não ter virado, mas Lula deu uma aula sobre como conversar com eleitores quase arrependidos de Bolsonaro.PRIMEIRA PLAYLIST, com Walquíria PoianoLink da playlist PRIMAVERA: https://open.spotify.com/playlist/3deSafYsbLlHdY2XFwD0OS?si=f6d7d318844448beCAFÉ COM SÉRIE, com Rafaela SantosSAIBA MAIS: https://primeiro.cafe/APOIE: https://apoia.se/primeirocafe

Boletim Folha
Datafolha mostra Lula com 47% dos votos e chance de vencer no 1º turno

Boletim Folha

Play Episode Listen Later Sep 23, 2022 5:27


Haddad lidera e Tarcísio se isola em segundo lugar em SP, enquanto Castro se distancia de Freixo no RJ. E governo anuncia bloqueio de R$ 2,6 bilhões no Orçamento.See omnystudio.com/listener for privacy information.

O Assunto
Voto útil: em que medida ele pode influir

O Assunto

Play Episode Listen Later Sep 22, 2022 21:11


A menos de duas semanas da votação, as pesquisas permitem a Lula (PT) sonhar com a possibilidade de liquidar a disputa com Jair Bolsonaro (PL) no 1º turno - no Datafolha e no Ipec mais recentes, o ex-presidente tem, respectivamente, 48% e 52% pelo critério de votos válidos, que exclui brancos e nulos (para vencer na etapa inicial, é preciso obter nas urnas 50% dos válidos e mais um). Nesse cenário, muito se especula sobre o papel do chamado voto “útil” ou “estratégico”, aquele em que o eleitor “rejeita tanto um candidato” a ponto de votar principalmente para derrotá-lo - ainda que, no processo, abandone seu postulante favorito, define Mauro Paulino, comentarista da GloboNews. Em conversa com Renata Lo Prete, ele avalia as chances de eleitores de Ciro Gomes (PDT) e Simone Tebet (MDB) migrarem para o petista nesta reta final. É possível, afirma o sociólogo. Ele alerta, porém, para o fato de que muita migração já ocorreu, e as taxas de convicção estão elevadas, restando pouca margem para “surpresas”. Paulino recomenda prestar atenção, em 2 de outubro, à taxa de abstenção, “que pode aumentar devido às ameaças de violência”. Tal hipótese, segundo ele, tenderia a prejudicar o candidato do PT: historicamente, são os mais pobres (entre os quais a liderança de Lula é absoluta) que mais se abstêm.

Boletim Folha
Banco Central mantém Selic em 13,75% e encerra ciclo de alta de juros

Boletim Folha

Play Episode Listen Later Sep 22, 2022 4:51


Bolsonarista agride pesquisador do Datafolha com chutes e socos no interior de SP. E Paulo Guedes contesta número de brasileiros que passam fome.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Estadão Notícias
A discrepância entre pesquisas eleitorais

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Sep 20, 2022 27:03


A multiplicação de institutos e, portanto, de pesquisas eleitorais, não é um fenômeno totalmente novo, mas se mostra muito presente na corrida presidencial deste ano. Além dos tradicionais Ipec (ex-Ibope) e Datafolha, fazem parte deste cenário estatístico empresas como Quaest, Paraná Pesquisas, Vox Populi, Sensus, MDA, PoderData, Ipespe, Ideia, Futura, FSB, Gerp e Real Time Big Data. Ou seja, nunca se produziu tantos dados com base amostral sobre as intenções de voto do eleitor brasileiro ao longo da campanha.Com um número maior de retratos de valor estatístico, amplia a possibilidade de diferenças entre os resultados. Muitas vezes com margens elásticas. Isso tem sido verificado, por exemplo, no desempenho dos líderes, Lula (PT) e Bolsonaro (PL). Ora a diferença entre eles é maior, a depender do instituto, ora é menor. Diversos aspectos podem explicar as discrepâncias, como a metodologia empregada e, também, o tipo de base amostral. A falta de um Censo atualizado do IBGE é outro fator que pode interferir no resultado desses levantamentos. Afinal, ter mais pesquisas eleitorais à disposição qualifica o processo eleitoral? O quanto uma pesquisa influencia no voto? É possível dimensionar? O chamado “voto envergonhado” é uma realidade dessas eleições? Para tratar desses temas, o episódio desta terça-feira (20), conversa com o cientista político e pesquisador da FGV, Jairo Nicolau. O Estadão Notícias está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg, Gabriela Forte e Ana Luiza Antunes. Sonorização/Montagem: Moacir Biasi.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Estadão Notícias
A corrida pelo voto útil e o corte no Farmácia Popular

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Sep 16, 2022 41:15


Pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (15) mostra que o ex-presidente Lula (PT) tem 45% das intenções de voto no primeiro turno da eleição presidencial, seguido pelo atual presidente, Jair Bolsonaro (PL), com 33%. Ciro Gomes (PDT) tem 8% e Simone Tebet (MDB) tem 5%. Após o resultado da pesquisa Datafolha, a equipe de Lula (PT) viu a possibilidade de vencer as eleições de outubro ainda no primeiro turno e, por isso, a campanha articula um movimento com artistas para tentar atrair eleitores de Ciro Gomes (PDT) já no primeiro turno. Por outro lado, Jair Bolsonaro tenta conquistar eleitores que se incomodam com a sua postura, com discursos mais amenos e o reconhecimento de erros em falas durante sua gestão. Em um podcast evangélico, o presidente admitiu que perdeu a linha em algumas declarações durante a pandemia. Mas, o presidente tem outro problema pela frente. Após o corte no orçamento da Farmácia Popular repercutir mal, o presidente e candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL) jogou para o Congresso a responsabilidade de recompor o orçamento do programa que distribui remédios de graça. Como revelou o Estadão, parte do dinheiro que iria para o programa foi transferido para o orçamento secreto, esquema por meio do qual o governo destina emendas parlamentares, sem transparência, para sustentar sua base de apoio no Congresso. Esses são os assuntos que guiam nossa conversa do “Poder em Pauta” com os jornalistas que acompanham o dia a dia da política. Participam no episódio de hoje do Estadão Notícias, Pedro Venceslau, de São Paulo, e Felipe Frazão, diretamente da capital federal. O Estadão Notícias está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela Forte. Sonorização/Montagem: Moacir Biasi.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Colunistas Eldorado Estadão
Eliane comenta dados da pesquisa Datafolha

Colunistas Eldorado Estadão

Play Episode Listen Later Sep 16, 2022 21:28


O agregador de pesquisas eleitorais do Estadão Dados já está atualizado com os números divulgados em 15/09 pela empresa Datafolha. Segundo a Média Estadão Dados, calculada pelo agregador, Luiz Inácio Lula da Silva tem 44% das intenções de voto e Jair Bolsonaro, 33%. Considerando-se apenas os votos válidos, ou seja, sem contar brancos, nulos e indecisos, Lula tem 48% e Bolsonaro, 37%. "Desde o Datafolha de agosto de 2018 até agora há uma forte estabilidade na diferença entre o ex-presidente Lula, na dianteira, e o presidente Jair Bolsonaro, em segundo lugar. Com 48% [dos votos válidos para Lula] tem segundo turno e aí entram problemas adicionais: o eleitor do Lula vai votar? Tem a questão do medo, porque estamos vendo uma eleição violenta, e a questão que o próprio ex-presidente também já falou: o eleitorado do Bolsonaro é mais obstinado e não deixa de votar. Se houver grande abstenção pode afetar os votos do Lula", analisa Cantanhêde.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Colunistas Eldorado Estadão
Moura Brasil: A reta final de Lula e Bolsonaro e as disputas em SP, RJ e MG

Colunistas Eldorado Estadão

Play Episode Listen Later Sep 16, 2022 17:05


Na edição desta sexta, o jornalista Felipe Moura Brasil comenta os dados da pesquisa Datafolha desta quinta, 15, sobre os presidenciáveis, e, também, sobre os candidatos aod governos dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. O colunista discute os principais temas que rondam o noticiário político do País, de segunda a sexta, às 07h35, no Jornal Eldorado.See omnystudio.com/listener for privacy information.

revista piauí
#218: O medo, as armas e a urna | Foro de Teresina - o podcast de política da piauí

revista piauí

Play Episode Listen Later Sep 16, 2022 58:14


Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky comentam o legado violento do bolsonarismo de ampliação do medo no ambiente político, que inibe a população de manifestar suas preferências políticas e potencializa ataques como os feitos à jornalista Vera Magalhães. O trio também fala do acordo entre o TSE e o Ministério da Defesa para a realização de testes de integridade das urnas eletrônicas com biometria nas sessões eleitorais e das implicações disso na apuração. Por fim, os apresentadores destacam o cenário de estabilidade de Lula e Bolsonaro nas pesquisas de intenção de voto. Escalada: 00:00 1º bloco: 05:36 2º bloco: 20:17 3º bloco: 32:57 Kinder Ovo: 47:55 Correio Elegante: 50:43 Créditos: 56:13 Bloco 1: Medo de se expressar Uma pesquisa do Datafolha encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública mostrou que quase 70% dos entrevistados afirmam ter medo de serem agredidos fisicamente em razão de sua escolha política ou partidária. A sensação de medo e insegurança atinge a população em geral, em especial membros do Judiciário, jornalistas, políticos de esquerda e, sobretudo, mulheres. Bloco 2: TSE, militares e as urnas O plenário do Tribunal Superior Eleitoral acatou uma das principais sugestões dos militares e vai adotar um projeto-piloto para o chamado teste de integridade das urnas, uma das etapas de auditoria realizada no dia das eleições. Isso já estava previsto, mas a adoção da biometria nesse processo foi um acordo do ministro Alexandre de Moraes com as Forças Armadas. No Ministério da Defesa, a decisão foi considerada “excelente”, e a expectativa é que o teste seja feito no maior número de urnas possível. Bloco 3: Cenário de estabilidade A estabilidade apontada nesta semana pelas pesquisas Ipec e Datafolha animou a campanha do ex-presidente Lula e acendeu um alerta na de Jair Bolsonaro. O cenário de estabilidade é reforçado pelo fato de que quase 80% dos entrevistados dizerem que não mudarão seus votos, o que dificulta as esperanças do presidente de aumentar o seu número de eleitores. A decisão do pleito ainda no primeiro turno está aberta e, num eventual segundo turno, Lula venceria Bolsonaro, segundo as duas pesquisas. Para acessar reportagens citadas nesse episódio: https://piaui.co/foro218 ​​​​​​​​​​Assista aos bastidores da gravação: https://piaui.co/ftprivilegiado​ ​​​​​Aqui, uma playlist com todos os episódios do Foro: https://piaui.co/playlistforo​ ​​​​​​​​​​O Foro de Teresina é o podcast de política da revista piauí, que vai ao ar todas as sextas-feiras, a partir das 11h. O programa é uma produção da Rádio Novelo para a revista piauí. Ouça também os outros podcasts da piauí: o Maria vai com as outras, sobre mulheres e mercado de trabalho (https://piaui.co/playlistmaria​​​​​​​​​), e A Terra é redonda, sobre ciência e meio ambiente (https://piaui.co/playlistaterra​​​​​​). Ficha técnica: Apresentação: Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Thais Bilenky Coordenação geral: Évelin Argenta Direção: Mari Faria Edição: Évelin Argenta e Tiago Picado Produção: Marcos Amorozo Apoio de produção: Natalia SIlva Produção musical, finalização e mixagem: João Jabace Música tema: Wânya Sales e Beto Boreno Identidade visual: João Brizzi Ilustração: Fernando Carvall Teaser (Foro Privilegiado): Marcos Amorozo Distribuição: Marcos Amorozo Coordenação digital: Juliana Jaeger e FêCris Vasconcellos Checagem: João Felipe Carvalho Para falar com a equipe: forodeteresina@revistapiaui.com.br

Itaú Morning Call
16/09/22 | Atividade surpreende pra cima na China; pesquisa DataFolha em foco

Itaú Morning Call

Play Episode Listen Later Sep 16, 2022 4:56


O Antagonista
Cortes do Papo - Datafolha: 67,5% dos eleitores têm medo de agressão por motivos políticos

O Antagonista

Play Episode Listen Later Sep 15, 2022 2:07


Pesquisa Datafolha aponta que 67,5% dos eleitores têm medo de agressão por motivos políticos. O levantamento foi encomendado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública e pela Rede de Ação Política pela Sustentabilidade e teve dados coletados pelo instituto entre os dias 3 e 13 de agosto. Na sondagem, 49,9% disseram ter "muito medo" e 17,6% afirmaram ter "pouco medo". A pesquisa também mostra que 3,2% dos entrevistados sofreram ameaças por motivos políticos no mês anterior. Os que disseram não ter medo somam 32,5%. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. Foram ouvidas 2.100 pessoas em 130 municípios. Inscreva-se e receba a newsletter: https://bit.ly/2Gl9AdL​ Confira mais notícias em nosso site: https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais: https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista​ https://www.instagram.com/o_antagonista No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista  

Estadão Notícias
Alta taxa de reeleição nas eleições estaduais e no Parlamento

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Sep 15, 2022 26:01


Diferentemente de 2018, as eleições deste ano não devem ser marcadas pela lógica da renovação a qualquer custo. Uma aproximação com os chamados “políticos de carteirinha” e um afastamento daqueles que se apresentam como “outsiders” colabora para uma expectativa de que em ao menos 12 estados e no Distrito Federal as eleições sejam definidas logo no primeiro turno, conforme apontam as pesquisas Ipec e DataFolha.  Na corrida para o Legislativo, a marca do "continuísmo" também tende a se sobrepor. Dos 513 parlamentares em exercício na Câmara dos Deputados, ao menos 447 estão se candidatando novamente. Isso equivale a 87% do total. Não por acaso: nunca houve tanto acesso a financiamento para as campanhas, seja do Fundo Eleitoral, seja das emendas do orçamento secreto. O que explica a vitória do governismo nos Estados, mesmo com os efeitos drásticos da pandemia e as campanhas negativas contra os governadores protagonizadas por Bolsonaro? E como fica o cenário para o Legislativo caso a taxa de renovação fique baixa?Episódio desta quinta-feira (15) analisa o assunto numa conversa com o cientista político Bruno Silva, diretor de Projetos do Movimento Voto Consciente.  O Estadão Notícias está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg, Gabriela Forte e Victória Ribeiro Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

Viracasacas Podcast
#292 "Setembro da Vergonha"

Viracasacas Podcast

Play Episode Listen Later Sep 13, 2022 97:45


Saudações pessoas! No episódio dessa semana Gabriel Divan e Carapanã comentam o crime eleitoral de Bolsonaro, transmitido ao vivo por sua valiosa assessoria de comunicação, também conhecida como os grandes veículos da imprensa brasileira. Se o crime eleitoral cuja cobertura beneficia Jair Bolsonaro esteve em dezenas de horas de cobertura dos noticiários, o mesmo não pode ser dito sobre o pomposo escândalo da centena de imóveis, da qual pelo menos metade foi paga em dinheiro vivo. E nem vamos falar nos inúmeros escândalos muito bem noticiados do orçamento secreto, que quase nunca ganham destaque editorial ou são assunto de colunas de opinião. Blindado pelos editores da imprensa no que interessa, a despeito do excelente trabalho de tantos jornalistas, Bolsonaro continua sendo o Presidente da República mais protegido pelas elites brasileiras. Também falamos sobre o último Datafolha, dados interessantes da pesquisa e a estranha maneira como as pesquisas de opinião tem sido lidas nesse ano. Por fim discutimos a escalada de violência estimulada pelo Presidente em exercício e como ela TAMBÉM é coberta como se fosse um pequeno detalhe, o resultado de uma polarização onde um lado quer o direito de matar e o outro quer o direito de viver. Venha passar raiva conosco, clique aí!

Estadão Notícias
A escalada da violência política e as últimas pesquisas

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Sep 12, 2022 35:53


O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Benedito Gonçalves decidiu abrir uma investigação para apurar a conduta do presidente Jair Bolsonaro e do vice Braga Netto durante os eventos do Sete de Setembro. O magistrado atendeu a um pedido do PDT, que acionou a Corte contra o que considerou uso político-eleitoral das comemorações dos 200 anos da Independência do Brasil. Seu principal adversário, Lula, subiu o tom e reagiu ao dizer que os apoiadores de Bolsonaro que foram às ruas se assemelhavam a uma “reunião da Ku Klux Klan”, grupo supremacista branco dos Estados Unidos, responsavel pela morte de milhares de negros. E o acirramento dos ânimos e da polarização fez mais uma vítima. Um eleitor do presidente Jair Bolsonaro (PL) foi preso após matar um apoiador de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a facadas. O crime ocorreu na quarta-feira, 7, após uma longa discussão sobre política em Confresa, no Mato Grosso. Em pesquisa Datafolha divulgada na última sexta-feira (9), mostra que o ex-presidente Lula (PT) tem 45% das intenções de voto no primeiro turno da eleição presidencial, seguido pelo atual presidente, Jair Bolsonaro (PL), com 34%. Lula está 11 pontos à frente de Bolsonaro. Segundo o Datafolha, essa é a menor distância entre os dois desde maio. Esses são os assuntos que guiam nossa conversa do “Poder em Pauta” com os jornalistas que acompanham o dia a dia da política. Participam no episódio de hoje do Estadão Notícias, Pedro Venceslau, de São Paulo, e Felipe Frazão, diretamente da capital federal. O Estadão Notícias está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela Forte. Sonorização/Montagem: Moacir Biasi.See omnystudio.com/listener for privacy information.

TV 247
Live do Conde: Lula, Datafolha e Rock In Rio

TV 247

Play Episode Listen Later Sep 10, 2022 64:10


Live do Conde: Lula, Datafolha e Rock In Rio by TV 247

Mamilos
Eleições 2022, é dada a largada

Mamilos

Play Episode Listen Later Aug 29, 2022 75:08


EDITORIAL MAMILOS Mamileiros e mamiletes, no dia 2 de outubro deste ano, teremos eleições para escolher presidente, deputados federais, senadores, governadores e deputados estaduais. Desde a redemocratização, quando recuperamos o país do controle militar, derrubando a ditadura, os brasileiros já foram às urnas, em eleições presidenciais, para expressar a vontade soberana do povo oito vezes. Nossa jovem democracia passou por inúmeros abalos durante as últimas quatro décadas. Construímos e testamos de diferentes formas as instituições que sustentam o frágil pacto social ao redor do qual nos unimos. Esse ano estamos mais uma vez diante de uma encruzilhada. Somos todos testemunhas e atores de um momento histórico: mais do que escolher entre planos de governo e candidatos, somos convocados esse ano para selecionar e legitimar qual sistema de governo queremos para o país. E essa escolha se dá em um país mais fraco politicamente, com mais raiva, menos esperançoso e mais dividido do que há quatro anos. Ao invés de sermos convocados para escolher entre estratégias para responder aos problemas que nos acompanham desde a formação da república - miséria, crise econômica, corrupção e tantos outros — o debate envolve o futuro da própria democracia. Somos confrontados com problemas que acreditávamos já estarem resolvidos: a confiabilidade do sistema eleitoral e o comprometimento das Forças Armadas com sua missão constitucional. Essa disputa acontece em um ambiente de instabilidade e violência política, marcado pela ultrapolarização. Segundo a última pesquisa do Datafolha, oito em cada dez eleitores afirmaram que vão votar em Lula ou Bolsonaro. A pouco mais de um mês da eleição, não existe espaço para terceira via. Por mais que a gente desejasse outros caminhos, outras possibilidades, outras escolhas, a realidade, hoje, se impõe. Por isso, seguiremos a mesma posição do New York Times em 2020 quando apoiou abertamente Biden em editorial. O Mamilos declara apoio ao candidato Lula por acreditar que ele será capaz de restaurar a confiança do povo nas instituições democráticas, devolver ao governo o respeito pela ciência, trabalhar com uma agenda climática responsável e não ignorar a fome que atinge 33 milhões de pessoas hoje no Brasil. Por isso, nessas eleições não existe espaço para dúvida ou hesitação. O Mamilos apoia a democracia e, por isso, declaramos voto e apoio ao candidato Lula. A construção de pontes, a importância do diálogo e da convivência com o diverso seguem pilares do Mamilos. Mas esses pilares só podem ser executados com um governo democrata no poder, em que poderemos retomar divergências políticas saudáveis. Estamos profundamente comprometidas a contribuir com nossa voz, nosso espaço e nossa influência para que dia 1º de janeiro tenhamos uma transição segura, sem violência para voltar a construir um país tolerante, inclusivo, que reconhece suas feridas e dívidas históricas e a partir da infinita riqueza da diversidade do seu povo e da sua cultura é capaz de criar um futuro próspero para todos os brasileiros. Vamos juntos! Assinam essa carta: Alfredo Attié Carolina Souza Cris Bartis Cristina De Luca Eduarda Esteves Elisama Santos Ju Wallauer Manoel Pinto Marcio Ballas Mariana Leão Mariana Stock Thallini Millena _____ No programa de hoje, Ju Wallauer e Cris Bartis vão mergulhar de cabeça em uma análise geral sobre o cenário eleitoral que temos agora, no início das campanhas eleitorais. Quais os principais aspectos que pesam para definição do resultado final? A economia será decisiva nessa eleição? No time de especialistas, participam do debate hoje Thomas Traumann, jornalista, pesquisador da Diretoria de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getulio Vargas e autor de “O Pior Emprego do Mundo“, e Celso Rocha de Barros, formado em Ciência Política pela Unicamp, doutor em Ciências Sociais pela Universidade de Oxford e colunista do jornal “Folha de S. Paulo” Aperta o play e vem com a gente! _____ FALE CONOSCO . Email: mamilos@b9.com.br _____ CONTRIBUA COM O MAMILOS Quem apoia o Mamilos ajuda a manter o podcast no ar e ainda participa do nosso grupo especial no Telegram. É só R$9,90 por mês! Quem assina não abre mão. https://www.catarse.me/mamilos _____ Equipe Mamilos Mamilos é uma produção do B9 A apresentação é de Cris Bartis e Ju Wallauer. Pra ouvir todos episódios, assine nosso feed ou acesse mamilos.b9.com.br Quem coordenou essa produção foi a Beatriz Souza. Com a estrutura de pauta e roteiro escrito por Eduarda Esteves. A edição foi de Mariana Leão e as trilhas sonoras, de Angie Lopez. A capa é de Helô D'Angelo. A coordenação digital é feita por Agê Barros, Carolina Souza e Thallini Milena. O B9 tem direção executiva de Cris Bartis, Ju Wallauer e Carlos Merigo. O atendimento e negócios é feito por Rachel Casmala, Camila Mazza, Greyce Lidiane e Telma Zenaro.