Podcasts about congresso nacional

  • 469PODCASTS
  • 1,885EPISODES
  • 29mAVG DURATION
  • 5WEEKLY NEW EPISODES
  • Jun 6, 2023LATEST
congresso nacional

POPULARITY

20152016201720182019202020212022

Categories



Best podcasts about congresso nacional

Show all podcasts related to congresso nacional

Latest podcast episodes about congresso nacional

O Antagonista
Relatora apresenta plano de trabalho da CPMI de 8 de Janeiro

O Antagonista

Play Episode Listen Later Jun 6, 2023 5:17


A senadora Eliziane Gama (PSD-MA) lê, neste momento, a proposta de plano de trabalho para a CPMI dos atos de 8 de Janeiro, instalada há duas semanas no Congresso Nacional. Relatora da comissão, ela deve comandar os trabalhos junto a Arthur Maia (União-BA), o presidente da comissão. Leia a íntegra do documento lido pela senadora. A parlamentar disse que a CPMI deve trabalhar na apuração de atos anteriores ao 8 de janeiro, assim como buscará saber quem foram os financiadores do ato. Também devem ser apuradas pelo Congresso a depredação da sede da PF em 12 de dezembro e a tentativa deexplodir um caminhão de combustíveis em 24 dezembro. O plano de trabalho indica que deverão ser convidados para falar ao longo dos 180 dias de trabalho da comissão o ministro Flávio Dino (Justiça e Segurança Pública); o interventor federal da segurança no Distrito Federal Ricardo Cappelli; o ex-ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) de Lula, Gonçalves Dias; o ex-GSI de Jair Bolsonaro, Augusto Heleno; e o ex-ministro da Justiça Anderson Torres. Antes do início da leitura, a CPMI decidiu manter André Fernandes (PL-CE) na comissão, mesmo que ele seja investigado por supostamente incentivar atos de invasão das sedes dos Três Poderes. Link do cupom de desconto na assinatura de o Antagonista+ e Crusoé: https://assine.oantagonista.com/?cupom=QUERO60OFF Precisa de ajuda? 4858-5813, São Paulo 4003-8846, demais localidades O horário de atendimento é das 9h00 às 18h00, de segunda a sexta-feira, exceto feriados. Você pode entrar em contato conosco pelo e-mail:  assinante@oantagonista.com Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Alexandre Garcia - Vozes - Gazeta do Povo
A eleição municipal já está mexendo com os partidos

Alexandre Garcia - Vozes - Gazeta do Povo

Play Episode Listen Later Jun 5, 2023 5:10


Alexandre Garcia comenta sobre as movimentações do PL, do ex-presidente Jair Bolsonaro, sobre as candidaturas para a prefeitura de São Paulo. Além disso, Garcia fala a CPMI do 08 de janeiro e da falta de base do governo Lula no Congresso Nacional.

O Antagonista
Deltan: “Não quero viver em país que tem um corrupto na Presidência”

O Antagonista

Play Episode Listen Later Jun 5, 2023 2:52


O deputado Deltan Dallagnol participou neste domingo (4) de manifestação em Curitiba, no Paraná, organizada pelo Vem Pra Rua. Em discurso no ato contra a cassação de seu mandato, o ex-procurador da Lava Jato disse que lutará até o fim. “Eu não quero viver num país que tem um corrupto na Presidência e que quem combate a corrupção corre risco de ir para a cadeia. Eu não quero viver num país em que um amigo do presidente é colocado no Supremo Tribunal Federal. Não por suas qualidades, mas por fidelidade”, afirmou, em referência ao advogado Cristiano Zanin. No ato, os manifestantes pediram uma CPI para investigar abuso de autoridade no TSE e no STF. “Não vou desistir do nosso país. Se cassarem uma cabeça, virão outras três no Paraná, três em outros estados. Vamos encher o Congresso Nacional para que, dentro da democracia, a gente faça a transformação do que a gente sonha.” Deltan tenta reverter a decisão unânime do TSE que cassou seu mandato sob a acusação de que ele infringiu a lei da Ficha Limpa ao ter pedido demissão por supostamente fugir de eventuais sanções do dispositivo. Participaram do ato em Curitiba os senadores Eduardo Girão (Novo) e Oriovisto Guimarães (Podemos), além dos deputados federais Gilson Marques (Novo), Abilio Brunini (PL), Renata Abreu (Podemos), Dr. Frederico (Patriota), Sargento Portugal (Podemos), Sargento Fahur (PSD), Reinold Stephanes (PSD) e Rodrigo Estacho (PSD). Link do cupom de desconto na assinatura de o Antagonista+ e Crusoé: https://assine.oantagonista.com/?cupom=QUERO60OFF Precisa de ajuda? 4858-5813, São Paulo 4003-8846, demais localidades O horário de atendimento é das 9h00 às 18h00, de segunda a sexta-feira, exceto feriados. Você pode entrar em contato conosco pelo e-mail:  assinante@oantagonista.com Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Revolushow
179 - A conjuntura brasileira e os rumos do Congresso Nacional

Revolushow

Play Episode Listen Later Jun 2, 2023 87:53


Júlia Rocha e Jones Manoel recebem o deputado(PSOL/RJ) Tarcísio Motta para pensar a atuação de nosso campo na atual composição e situação política atual   Citados no Episódio O que fazer?: Questões candentes de nosso movimento de Vladmir Lenin A crise socialista na França em A outra Rosa: estratégia e política revolucionária pela LavraPalavra Revolushow 34 - Eu fui Rosa Luxemburgo - Revolushow Podcast Marina Iris - Virada Quem faz Este programa é criado e produzido por Revolushow Produção Executiva – Zamiliano, Larissa Coutinho, Júlia Rocha, Diego Miranda e Jones Manoel Edição: Zé Lucas Redes Sociais: Hiago Soares Revisão: Zamiliano Apoie Ouça nosso podcast na Orelo e nos auxilie financeiramente direto da plataforma com seu play! Baixe o app ou entre no link Apoie o podcast em PicPay ou seja você também nosso Padrim e concorra ao sorteio de duas bolsas de estudos pela Classe Esquerda a partir de R$5,00 e tenha acesso a nossa newsletter a partir de R$10,00 Cupons de Desconto revolushow – 5% de desconto em toda a loja da Cervejaria Soviet revolushow – 15% de desconto em todo o catálogo da Editora Dandara (válido até 31 de maio de 2023) REVOLUSHOW – 20% de desconto em todos os livros da Livraria LavraPalavra revolushow – 15% de Desconto nos livros da Editora Expressão Popular revolushow20 – 20% de Desconto nos pôsteres da Revolustore revolushow2019 – 15% de desconto nos livros da Editora Baioneta REVOLUSHOW – 10% de desconto nos livros da Editora Ciências Revolucionárias REVOLUSHOW10 – 10% de desconto em todas as camisas da Camisa Crítica REVOLUSHOW10 – 10% de desconto em todas as camisas da Veste Esquerda Clube do Livro Você já conhece o clube do livro da Editora Expressão Popular? Dê uma olhada nas assinaturas deles e receba posters exclusivos e muito mais Trilha sonora Enxugando o Gelo by BNegão & Seletores de Freqüência is licensed under a Attribution-Noncommercial-Share Alike 3.0 Brazil License. Disponível em: https://bit.ly/30dbBjv  

O Antagonista
Morning Call: Lula pensa em vingança, Congresso comanda a pauta - 01/06/2023

O Antagonista

Play Episode Listen Later Jun 1, 2023 65:16


O governo Lula precisou liberar R$ 1,7 bilhão em emendas para conseguir aprovar na Câmara uma Medida Provisória (MP) dos Ministérios consideravelmente alterada pelo Congresso Nacional. A torcida de Lula finge celebrar uma vitória nas redes sociais, mas o cenário é bem diferente, explica Rodrigo Oliveira no Morning Call de hoje (1º). Link do cupom de desconto na assinatura de o Antagonista+ e Crusoé: https://assine.oantagonista.com/?cupom=QUERO60OFF Precisa de ajuda? 4858-5813, São Paulo 4003-8846, demais localidades O horário de atendimento é das 9h00 às 18h00, de segunda a sexta-feira, exceto feriados. Você pode entrar em contato conosco pelo e-mail:  assinante@oantagonista.com Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Congresso autoriza empréstimo do Banco dos Brics para Sabesp

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 29, 2023 4:07


A Sabesp, principal companhia de abastecimento de água e esgoto de São Paulo, teve autorizado um empréstimo de 300 milhões de dólares com o New Development Bank (NDB), o popular “Banco dos BRICs”, hoje presidido por Dilma Rousseff. A autorização foi dada pelo Congresso Nacional na semana passada e publicada na sexta-feira (26) no Diário Oficial da União. O dinheiro deve financiar o Papis, o Programa de Apoio ao Plano de Investimentos da Sabesp.  Leia mais na Crusoé. Link do cupom de desconto na assinatura de o Antagonista+ e Crusoé: https://assine.oantagonista.com/?cupom=QUERO60OFF Precisa de ajuda? 4858-5813, São Paulo 4003-8846, demais localidades O horário de atendimento é das 9h00 às 18h00, de segunda a sexta-feira, exceto feriados. Você pode entrar em contato conosco pelo e-mail:  assinante@oantagonista.com Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
ANTAGONISTA DOCS: Desrespeitável público

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 27, 2023 13:14


O Congresso Nacional se tornou um picadeiro de circo na atual legislatura, em que a política deu lugar à diversão. Reportagem de capa da edição de Crusoé, assinada por José Brito e Rodolfo Borges, destaca como parlamentares eleitos com comportamento estridente na internet levaram para o Congresso Nacional uma nova forma de fazer política, na qual a exigência de decoro perdeu o sentido. Outra reportagem, assinada por Kenzô Machida, mostra a volta do negacionismo vacinal no país, após o governo ignorar cientistas e decidir não atualizar imunizante contra a pneumonia. No noticiário internacional, reportagem de Duda Teixeira, detalha a invasão russa da Rússia. A ofensiva ocorreu após ucranianos convencerem militares que invadiram seu país a mudar de lado. O que eles mais querem agora é destronar o presidente Vladimir Putin. A edição desta semana também traz duas entrevistas. A primeira é com Timothy Cho, fugitivo da Coreia do Norte. Em conversa com Guilherme Mendes, ele explica como escapou da ditadura de Kim Jong-un e fala sobre a proibição da religião em seu país. A segunda é com o presidente da Associação Nacional dos Jogos e Loterias, Wesley Cardia. Em entrevista a Rodolfo Borges, ele detalha como pretende negociar com o Congresso uma redução nas taxas pretendidas pelo governo Lula. Privilegiando o assinante de O Antagonista+Crusoé, que apoia o jornalismo independente, também reunimos nosso timaço de colunistas. Nesta edição, escrevem Leonardo Barreto, Paulo Roberto de Almeida, Ivan Sant'anna, Augusto de Franco, Jerônimo Teixeira, André Marsiglia Santos, Felippe Hermes, Rodolfo Borges, José Nêumanne Pinto, Letícia Barros, Teresa Vermaglia, Josias Teófilo e Alexandre Soares Silva. A sátira política fica por conta de Agamenon Mendes Pedreira. Clique aqui e desfrute de todo o conteúdo. Link do cupom de desconto na assinatura de o Antagonista+ e Crusoé: https://assine.oantagonista.com/?cupom=QUERO60OFF Precisa de ajuda? 4858-5813, São Paulo 4003-8846, demais localidades O horário de atendimento é das 9h00 às 18h00, de segunda a sexta-feira, exceto feriados. Você pode entrar em contato conosco pelo e-mail:  assinante@oantagonista.com Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Estadão Notícias
Pode sair? As derrotas de Marina Silva com anuência de Lula

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later May 26, 2023 23:55


O Ministério do Meio Ambiente, pasta comandada por Marina Silva, sofreu um grande revés, nesta semana, no Congresso Nacional. A Comissão Especial que trata da Medida Provisória da reestruturação dos ministérios do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aprovou uma nova versão do texto que retira poderes da Pasta. O texto votado pela comissão retira a Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) e a Política Nacional de Recursos Hídricos do Ministério do Meio Ambiente e passa para o Ministério da Integração e Desenvolvimento Regional.  Além disso, o Cadastro Ambiental Rural (CAR) deixa a área de influência de Marina e vai para o Ministério da Gestão, se Câmara e Senado aprovarem a medida provisória do jeito que saiu da comissão especial. A decisão é vista como uma retaliação ao veto do Ibama à exploração de petróleo próximo à foz do rio Amazonas, e declarações dadas pela ministra nos dias seguintes que enfureceram setores do mundo político, principalmente congressistas da região norte. Afinal, quem ganhará essa guerra de braço? Em nome da governabilidade, vale rifar a agenda ambiental que Lula disse que seria prioritária? No ‘Estadão Notícias' de hoje, vamos conversar sobre o assunto com o coordenador do Mestrado em  Gestão e Políticas Públicas da FGV, Marco Antônio Teixeira. O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência.Apresentação: Emanuel BomfimProdução/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela ForteSonorização/Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

O Antagonista
Damares quer “classificação indicativa” na CPMI

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 25, 2023 0:54


A senadora Damares Alves (Republicanos-DF) , que participa da CPMI do 8 de Janeiro no Congresso Nacional, fez uma sugestão inusitada aos participantes da comissão mista de investigação: talvez seja o caso colocar uma “classificação indicativa” aos debates públicos do Legislativo. “Vamos ter dias de muitos embates aqui. Mas eu quero lembrar aos senhores que esta comissão está sendo transmitida em horário livre, televisões inclusive vão deixar suas transmissões para transmitir as reuniões desta comissão”, resumiu a ex-ministra de Jair Bolsonaro, “e, enquanto ministra da Mulher, na outra CPI que aconteceu nesta Casa, por alguns momentos eu quis acionar a Lei da Classificação Indicativa, porque crianças estavam vendo espetáculos desnecessários.” A ministra disse que “crianças foram presas no Brasil dia 9 de Janeiro”, por suposto envolvimento nos atos. Na verdade, as crianças estavam com seus pais, e não foram sozinhas aos atos. Elas, de fato, não foram presas ou apreendidas. As mães com crianças foram liberadas da prisão, informou a Polícia Federal. Link do cupom de desconto na assinatura de o Antagonista+ e Crusoé: https://assine.oantagonista.com/?cupom=QUERO60OFF Precisa de ajuda? 4858-5813, São Paulo 4003-8846, demais localidades O horário de atendimento é das 9h00 às 18h00, de segunda a sexta-feira, exceto feriados. Você pode entrar em contato conosco pelo e-mail:  assinante@oantagonista.com Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Estadão Notícias
O que explica a enxurrada de CPIs e como afetam o governo

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later May 24, 2023 24:46


Com apenas seis meses de governo, Lula precisa encarar uma realidade inédita na sua trajetória política como presidente: uma verdadeira enxurrada de CPIs. O Congresso Nacional instalou três Comissões Parlamentares de Inquérito e tem outras três para serem instaladas. Há um consenso que o número alto de CPIs pode atrapalhar a implementação de pautas de interesse do Palácio do Planalto, entre elas, o novo arcabouço fiscal. No caso da comissão que vai investigar as apostas online, pode interferir na tentativa do governo de regulamentar esses sites. Além disso, as comissões devem aumentar o clima de radicalização política no País, o que não é interessante para Lula, neste momento. O que explica essa quantidade de CPIs no começo do governo?  No ‘Estadão Notícias' de hoje, vamos conversar sobre o assunto com o cientista político e diretor de projetos do Movimento Voto Consciente, Bruno Silva. O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência.Apresentação: Emanuel BomfimProdução/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela ForteSonorização/Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

O Antagonista
5 Minutos: A hora do arcabouço fiscal - 22/05/2023

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 22, 2023 5:49


A semana será movimentada nos corredores do Palácio do Planalto e do Congresso Nacional. Arthur Lira, presidente da Câmara, leva a plenário o arcabouço fiscal e o podcast 5 minutos entrevistou o relator do texto, deputado Claudio Cajado.  Ainda na Câmara, a Corregedoria faz terceira e última tentativa de notificar Deltan Dallagnol, deputado cassado.  Já no Senado, Rodrigo Pacheco trabalha para garantir a votação de medidas provisórias perto de caducar. E CPMI do 8 de janeiro finalmente vai sair. Já tem data e hora para reunião de instalação.  Por fim, a expectativa para o último episódio da série Succession. Link do cupom de desconto na assinatura de o Antagonista+ e Crusoé: https://assine.oantagonista.com/?cupom=QUERO60OFF Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista  

Estadão Notícias
A exploração de petróleo que causou um ‘racha' no governo

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later May 22, 2023 30:55


Na semana passada, o Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) negou o pedido da Petrobras para explorar petróleo na foz do Rio Amazonas. O indeferimento da licença foi assinado pelo presidente do órgão, Rodrigo Agostinho. A companhia havia pedido para explorar o chamado bloco 59, que junto com outros cinco blocos têm potencial de exploração de 14 bilhões de barris de petróleo, que compreende a região litorânea do Amapá até o Rio Grande do Norte. O plano estratégico da Petrobras para o período de 2023 a 2027, era investir US$ 2,9 bilhões no projeto. Em seu parecer, o Ibama ainda destacou que a região da bacia da foz do Amazonas é de extrema sensibilidade socioambiental por abrigar unidades de conservação, terras indígenas, mangues e grande biodiversidade marinha. Como o órgão é ligado ao Ministério do Meio Ambiente, um ruído começou a se formar entre a titular da pasta, Marina Silva, e o ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira. Essa rusga se estendeu ao Congresso Nacional, e o líder do governo, senador Randolfe Rodrigues, defensor do projeto da Petrobras, pediu desfiliação da Rede Sustentabilidade, partido de Marina. Afinal, o Brasil precisa aproveitar ao máximo seu potencial na área de exploração de petróleo ou estimular mais rapidamente a transição energética? Por que este caso expôs rachas internos no governo de maneira tão escancarada? No ‘Estadão Notícias de hoje, vamos conversar sobre o assunto com Suely Araújo, ex-presidente do Ibama e especialista-sênior em Políticas Públicas do Observatório do Clima O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência.Apresentação: Emanuel BomfimProdução/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela ForteSonorização/Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

Estadão Notícias
Roseann Kennedy: ‘Governo Lula ainda não sabe o que quer ser'

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later May 19, 2023 26:28


O ‘Estadão Notícias' desta sexta, 19, entrevista a nova titular da ‘Coluna do Estadão', Roseann Kennedy. Pernambucana, pós-graduada em Ciência Política e Economia, a jornalista está radicada em Brasília desde 1999. Com mais de 30 anos de atuação no jornalismo, sendo 20 na cobertura dos Poderes em Brasília, ela assume o desafio de contar os bastidores da política, com notícias exclusivas, e análises para estimular o debate público nacional sobre o atual governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o Congresso Nacional, e o Judiciário. Na conversa com o podcast, ela fala como será essa nova fase da ‘Coluna', conta mais sobre sua trajetória no jornalismo e faz uma análise do início do governo Lula nesses quase seis meses de gestão. O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência.Apresentação: Emanuel BomfimProdução/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela ForteSonorização/Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

O Antagonista
Luiz Marinho volta a defender fim do saque-aniversário do FGTS

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 15, 2023 3:14


O ministro do Trabalho, Luiz Marinho, voltou a defender o fim do saque-aniversário do FGTS. Ele participou neste domingo (14) da feira do MST, em São Paulo. “Nós estamos estudando, discutindo com as lideranças, com o ministro Padilha, que coordena as ações junto ao Congresso Nacional, para ver o momento de encaminhar essa medida, para submeter à apreciação do parlamento, mas devemos fazer isso no segundo semestre.” Marinho repetiu que o saque-aniversário lava a um “enfraquecimento” do FGTS. Ele tem defendido o fim da modalidade desde quando tomou posse, em janeiro deste ano. A medida foi criada no governo Jair Bolsonaro sob o argumento de que a liberação do dinheiro estimula o consumo, além de permitir aos trabalhadores usarem o recurso para pagar dívidas. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Estadão Notícias
Os tropeços do governo Lula com o agro

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later May 11, 2023 26:22


Nesta semana, o governo Lula anunciou uma linha de crédito no valor de R$ 2 bilhões, via BNDES, para o setor da agricultura. A medida vem carregada de intenções políticas, já que a relação com o agro sofreu importantes avarias neste início da gestão petista.Recentemente, o ministro da Agricultura, Carlos Fávaro, foi “desconvidado”, da maior feira de negócios do agro no Brasil, a Agrishow. O motivo foi a presença do ex-presidente Jair Bolsonaro, que foi convidado pelo governador de São Paulo, Tarcisio de Freitas (Republicanos) para o evento. Diante do fato, o governo federal cancelou o patrocínio do Banco do Brasil na Agrishow, como forma de demonstrar sua insatisfação com o ocorrido. Como era de se esperar, a feira foi usada pelo ex-presidente para criticar a gestão petista, principalmente em relação ao setor. Soma-se a isso, as invasões de terras produtivas promovidas pelo Movimento dos Sem-Terras (MST), e que tem gerado desconforto entre ruralistas. Por causa dessas ações do grupo, a bancada do setor no Congresso Nacional quer implantar uma CPI para apurar essas ações. Afinal, o quanto a polarização política atrapalha o desenvolvimento do agro? Como o setor tem evoluído ao longo dos anos e porque é importante o governo estreitar relações? No ‘Estadão Notícias' de hoje, vamos conversar sobre o assunto com o economista da MB Associados, José Roberto Mendonça de Barros. O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela Forte Sonorização/Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

O Antagonista
Fernando Haddad diz que Roberto Campos Neto foi o primeiro a mencionar o nome de Gabriel Galípolo para a diretoria do BC

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 8, 2023 1:05


O ministro da Fazenda, Fernando Haddad (foto), anunciou há pouco que indicará o nome de Gabriel Galípolo, seu secretário-executivo na pasta, como diretor de Política Monetária do Banco Central. O anúncio é feito nesse momento à imprensa. “Galípolo é diretor de banco, trabalha comigo há alguns meses e é co-partícipe nas propostas que estamos enviando ao Congresso Nacional”, disse Haddad. Aquino dos Santos foi indicado para o cargo de diretor de Fiscalização — ambos serão sabatinados pela Comissão de Assuntos Econômicos do Senado. Haddad disse que a sugestão de Galípolo foi dada pelo próprio presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, durante uma viagem de ambos à Índia para a reunião do G20. “Estamos procurando entrosamento, e todos são testemunhas que vem sendo feito de parte a parte, no sentido de permitir uma coordenação maior entre as políticas fiscal e monetária”, continuou o ministro. “São braços do mesmo organismo.” A mudança ocorre em um momento que Lula retoma os ataques a Campos Neto, após o Comitê de Política Monetária do BC manteve a taxa de juros a 13,75%. Sem poder tirar Campos Neto, que possui mandato, a Fazenda agora busca reorganizar a direção do Banco Central. No lugar de Galípolo assumirá Dario Durigan, que foi assessor especial de Haddad na Prefeitura e é diretor de políticas públicas do Whatsapp. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Assunto
A política de valorização do salário mínimo

O Assunto

Play Episode Listen Later May 8, 2023 16:45


Quando deixou a Presidência, em 2010, depois de dois mandatos, Lula (PT) creditou ao salário mínimo (que teve ganho real de 67% ao longo daqueles 8 anos) parte significativa das conquistas que seu governo teve na redução da pobreza - além do crescimento econômico. Agora em seu terceiro mandato, Lula anunciou um compromisso com o aumento anual do valor acima da taxa de inflação - e, inclusive, encaminhou ao Congresso Nacional um projeto para que o reajuste se torne lei. Para explicar o impacto do salário mínimo na economia brasileira e no combate à desigualdade, Natuza Nery entrevista Clara Brenck, doutora em economia pela New School, em Nova York, e pesquisadora associada do Centro de Pesquisa em Macroeconomia das Desigualdades da USP. Neste episódio: - Clara demonstra porque o “efeito mais direto de valorizar o salário mínimo acima da inflação é a redução das desigualdades”: trata-se do valor base do mercado de trabalho formal e, no Brasil, tem um valor adicional para os benefícios previdenciários, justifica; - Ela também avalia o risco de que a política permanente de reajuste do salário mínimo acima da inflação impacte nos níveis de contratação formal. “O mais importante para esta equação é que os postos de trabalho formal aumentem. E isso vai acontecer se a economia crescer”; - A economista menciona o impacto de outros fatores, como a taxa básica de juros, o alcance e valor do Bolsa Família e o efeito da nova regra fiscal, para o crescimento econômico. E valoriza o poder de compra das famílias como “efeito multiplicador”.

Estadão Notícias
Falta de articulação do governo coloca em risco arcabouço fiscal?

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later May 8, 2023 24:23


O governo federal vem acumulando sucessivas derrotas em votações no Congresso Nacional. O placar de votação do projeto que derrubou trechos de decretos de Lula, editados para alterar o marco do saneamento, escancarou o racha na base aliada e o fogo amigo cada vez mais alto nas fileiras petistas. O revés ocorreu um dia após o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), ter adiado a votação do projeto de lei que regulamenta as redes sociais, o chamado PL das Fake News, a pedido do deputado Orlando Silva (PC do B-SP), relator da proposta. O Planalto não conseguiu reverter a aliança entre big techs, como Google e Tik Tok, bancada evangélica e apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro. Além disso, houve divergências sobre propostas dentro do PT e do governo. Como mostrou o Estadão, Lira conversou com Lula antes de adiar a votação do PL das Fake News. Disse, mais uma vez, que o governo não tinha base sólida na Câmara e reclamou da falta de entendimento entre os responsáveis pela articulação política com o Congresso. O que fica evidente é que existe uma espécie de queda de braço entre Lira e o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha. A leitura no Planalto é a de que o presidente da Câmara cria empecilhos porque quer ter de volta o controle do Orçamento. Afinal, o governo tem falhado na articulação com o Congresso? Existe uma chance de paralisia das propostas que estão no Parlamento? No ‘Estadão Notícias' de hoje, vamos conversar sobre o assunto com a colunista do Estadão, em Brasília, Vera Rosa. O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela Forte Sonorização/Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

O Antagonista
Mulheres não precisam de mais leis de igualdade salarial

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 6, 2023 17:13


No começo do ano, exatamente no dia em que é comemorado o Dia das Mulheres, o Poder Executivo, no cumprimento das promessas de campanha do atual presidente, enviou ao Congresso Nacional um projeto de lei que dispõe sobre a igualdade salarial entre homens e mulheres para o exercício da mesma função. O projeto traz à tona o questionamento se já não existe legislação que prevê este valor. Eis a resposta. A proteção da igualdade salarial entre pessoas do mesmo sexo que exercem a mesma função já é prevista em dois diplomas legais do ordenamento jurídico brasileiro, quais sejam, a Constituição Federal e a Consolidação das Leis Trabalhistas, nos seus artigos 7, inciso 30, e 461, respectivamente. A justificativa que circunda o novo projeto de lei apresentado pelo governo Lula é a de que a atual legislação trabalhista não fiscaliza, não pune e não obriga suficientemente os empregadores que descumprem o preceito da igualdade salarial. O PL 1085/23 endureceu a punição ao empregador e ampliou os ônus da empresa. Como exemplo, o contratante que for pego praticando discriminação salarial deverá pagar multa equivalente a 10 vezes o maior salário pago por ele, sendo certo que, em caso de reincidência, esse valor será elevado em 100%. Tudo isso sem afastar a possibilidade de a empregada ajuizar uma ação de indenização por dano moral. Dentre outras alterações, o projeto também impõe a obrigatoriedade de as empresas com vinte ou mais empregados manterem relatório de transparência salarial e remuneratória, o qual será utilizado para comprovar a discriminação.  Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Morning Call O Antagonista: O lubrificante cívico da Fazenda - 04/05/2023

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 4, 2023 69:50


O Ministério da Fazenda deu luz verde para a liberação de emendas parlamentares e o ministro Fernando Haddad conseguiu adiar o relatório do novo arcabouço fiscal no Congresso Nacional. Esses e outros assuntos no Morning Call desta quinta-feira (4), com Rodrigo Oliveira, às 9h40. Apresentado por Rodrigo Oliveira, o Morning Call O Antagonista traz as principais informações do mercado financeiro e da economia. Canais de Atendimento INV  Telefone: 4003-3178 WhatsApp 11 916230479 Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Congresso nacional sem clima para comemorações

O Antagonista

Play Episode Listen Later May 2, 2023 3:13


Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Estadão Notícias
Governo x oposição: o que esperar da CPI dos atos golpistas

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Apr 28, 2023 21:18


A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos atos golpistas foi criada, nesta quarta-feira (26), após leitura do requerimento feita pelo presidente do Congresso Nacional e do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG). Depois de meses de protelação, por parte do governo, a CPMI entra na sua fase de composição. A pauta polariza a Casa em dois extremos: os apoiadores do presidente Luiz Inácio Lula da Silva buscam procurar responsáveis pela omissão que levou aos atos vândalos do 8 de janeiro, incluindo o ex-presidente Jair Bolsonaro. Já a oposição afirma que o governo teria sido negligente ao não tomar medidas de proteção em relação aos prédios. Há uma disputa intensa entre governo e oposição pela presidência e relatoria. O acordo estabelecido definiu que a Câmara ficará com o presidente e o Senado com o relator. Há dois nomes mais cotados para o presidir a CPMI: Arthur Maia (União-BA) e o líder do PP na Casa, André Fufuca (PP-MA). Afinal, o que devemos esperar dessa CPMI? Ela será benéfica para o governo ou para a oposição? No ‘Estadão Notícias' de hoje, vamos conversar sobre o assunto com Leandro Consentino, cientista político e professor do Insper. O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Laura Capelhuchnik Sonorização/Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

O Antagonista
Morning Call O Antagonista: Governo deve cortar R$ 7 bi do bolsa família e prepara mais impostos - 27/04/2023

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 27, 2023 75:04


O governo Lula prepara um terceiro pacote para alavancar suas receitas e conseguir colocar de pé o novo arcabouço fiscal proposto ao Congresso Nacional.  Esse é um dos temas do Morning Call desta quinta-feira (27), que aborda também os desencontros da gestão petista com o agronegócio. Apresentado por Rodrigo Oliveira, o Morning Call O Antagonista traz as principais informações do mercado financeiro e da economia. Canais de Atendimento INV  Telefone: 4003-3178 WhatsApp 11 916230479 Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Vem aí o terceiro pacote do governo para aumentar a arrecadação

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 27, 2023 3:48


O governo federal prepara um terceiro pacote econômico na tentativa de alavancar as receitas dos cofres públicos. Inicialmente, ele será lançado no segundo semestre. A informação foi antecipada pela ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet, na tarde desta quarta-feira (26) durante almoço da Frente Parlamentar de Empreendedorismo, em Brasília. "O terceiro pacote vai depender de vontade do Congresso Nacional de aprovar o arcabouço fiscal", resumiu a ministra sem detalhar a medida. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Meio-Dia em Brasília: Começa a CPMI do 8 de janeiro

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 26, 2023 59:16


Os deputados Márcio Jerry (PCd0B-MA) e José Medeiros (PL-MT) debatem, no Meio-Dia em Brasília desta quarta-feira (26), a CPMI do 8 de janeiro, que deve ser instalada hoje pelo Congresso Nacional, e as perspectivas do ex-presidente Jair Bolsonaro, que prestou depoimento à Polícia Federal no inquérito que investiga os atos de vandalismo nas sedes dos Três Poderes. As pautas mais quentes da política num debate ágil com integrantes dos Três Poderes.  Quer formar sua opinião? Ouça todos os lados. Meio-dia em Brasília com Kiss Vasconcelos. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Servidores fazem corpo a corpo no Congresso pela aprovação de reajuste

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 25, 2023 5:40


Interessados no reajuste salarial de 9%, servidores públicos partiram para o corpo a corpo no Congresso Nacional. A ideia é pressionar os parlamentares para garantir a aprovação do projeto de lei que assegura os recursos para o aumento de 9%. A votação esta prevista para esta quarta-feira (26). “A informação que temos é a de que os parlamentares da base bolsonarista vão querer obstruir a votação. Por isso precisamos nos mobilizar”, diz o coordenador-geral do Sindsep-PE, José Carlos de Oliveira. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Morning Call O Antagonista: Habemus arcabouço, e agora? - 19/04/2023

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 19, 2023 71:15


Rodrigo Oliveira comenta, no Morning Call desta quarta-feira (19,) os próximos passos para a proposta de marco fiscal enviada pelo governo ao Congresso Nacional. Apresentado por Rodrigo Oliveira, o Morning Call O Antagonista traz as principais informações do mercado financeiro e da economia. Canais de Atendimento INV  Telefone: 4003-3178 WhatsApp 11 916230479 Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista  

O Antagonista
Governo entrega proposta do novo marco fiscal ao Congresso

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 19, 2023 15:49


O governo Lula envia hoje ao Congresso Nacional a proposta do novo arcabouço fiscal que substitui o teto de gastos. A previsão é de que o documento seja remetido às 16h30. Como especulado, parte de despesas específicas da União ficam fora do computo do novo arcabouço fiscal. Ao todo são 13 itens. Entre eles: royalties de petróleo; parcelas de renegociação de dívidas dos estados; fundo de desenvolvimento da educação (Fundeb), piso da enfermagem, despesas com aumento de capital de empresas estatais não financeiras e não dependentes.  Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Papo Antagonista: Governo recua e desiste de taxar Shein - 18/04/2023

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 18, 2023 66:17


O governo Lula deu um passo atrás na pretensão de taxar as compras do exterior menores de US$ 50, e finalmente deu um passo à frente com sua proposta de novo arcabouço fiscal, que foi encaminhada ao Congresso Nacional nesta terça-feira (18) após semanas de promessas. A economia é o principal assunto do Papo Antagonista de hoje, que conta ainda com os últimos desdobramentos das investigações sobre os atos de 8 de janeiro. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Morning Call O Antagonista: Brasil conhece novo arcabouço fiscal - 17/04/2023

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 17, 2023 70:08


Rodrigo Oliveira comenta, no Morning Call desta segunda-feira (17), mais um dia de espera pelo arcabouço fiscal, cuja proposta deve ser, enfim, encaminhada ao Congresso Nacional. Segundo o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), o projeto não deve encontrar dificuldades no parlamento. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
"O teto de gastos praticamente não existe mais", diz a ministra Simone Tebet ao comentar o atraso para o envio da proposta do novo arcabouço fiscal ao Congresso Nacional

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 17, 2023 1:09


A ministra do Planejamento, Simone Tebet, disse nesta segunda-feira (17) que assinou hoje a proposta de novo arcabouço fiscal, que foi encaminhada para a Casa Civil. Com isso, o texto — que deveria ser conhecido hoje — deve ser revelado na íntegra apenas a partir de amanhã. "Acabamos de assinar e portanto já encaminhamos para a Casa Civil", disse a ministra. "Diante desse fato inusitado de termos de ter entregue a LDO tendo como regra vigente um teto de gastos que praticamente não mais existente, que de tanto que foi furado é inexequível, por conta disso fizemos alguns ajustes jurídicos". O texto deve ser apresentado ao público em "entre 48 e 72 horas", garantiu a ministra. A Lei de Diretrizes Orçamentárias irá propor um salário mínimo de R$ 1.389 e um déficit zero nas contas públicas, encaminhando para um superávit de 0,5% do PIB em 2025 e 1% em 2026. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Panorama para o Governo no Congresso sugere dificuldades

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 12, 2023 3:07


O governo Lula decidiu abrir mão da medida provisória sobre mudanças no Conselho de Administração de Recursos Fiscais (Carf).  As alterações no órgão serão encaminhadas via projeto de lei, com possível tramitação em regime de urgência. Assim, ao invés das quatro comissões mistas para tratar de MPs esperadas para esta terça-feira (11), o Congresso deve instalar apenas três. “Hoje teve acordo de instalar três comissões mistas, porque são comissões de tratam de reorganização de órgãos ou de recriação de novos programas”, disse o ministro de Relações Institucionais, Alexandre Padilha. Ele esteve na Câmara pela manhã para reunião com os líderes. O governo temia por uma derrota no Congresso.  Como os parlamentares deliberaram a favor das regras vigentes até o começo do ano, em lei aprovada e sancionada em 2020, haveria pouca disposição para referendar alterações significativas. O Congresso aprovou há três anos a determinação de que os julgamentos que terminam empatados no Carf sejam considerados favoráveis aos contribuintes, extinguindo o “voto de qualidade”, que decidia para um lado ou outro nesses casos. O Ministério da Fazenda entende que a medida prejudica as contas públicas e retomou o voto de qualidade por meio de uma MP, que está em vigor, mas precisa ser referendada pelo Congresso em quatro meses. Ainda de acordo com Padilha, outras MPs da gestão Lula também podem se converter em projetos de lei ou em emendas a matérias em tramitação. Ele citou como exemplo a MP da reestruturação da Esplanada (MP 1.154/23), que pode aglutinar outras, como a medida provisória que extingue a Funasa. Um impasse entre senadores e deputados trava a tramitação das demandas do governo Lula no Congresso Nacional. Enquanto o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG) defende o retorno do rito anterior à pandemia, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), não abre mão do espaço conquistado pelos deputados durante o período. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Guilherme Boulos será relator de MP do "Minha Casa, Minha Vida"

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 12, 2023 3:18


Guilherme Boulos (PSOL-SP; foto) será o relator da Medida Provisória que recria o “Minha Casa, Minha Vida”, programa de habitação reativado por Lula. A MP é a primeira do atual governo a ter sua comissão mista instalada pelo Congresso Nacional, que deverá debater o texto nas próximas semanas. O acordo prevê que, em um primeiro momento, os deputados irão relatar as medidas provisórias em suas comissões e os senadores presidirão as comissões. Com isso, ficou decidido que Eduardo Braga (MDB-AM) será o presidente da comissão mista. O senador Efraim Filho (União-PB) será o revisor. A comissão do “Minha Casa, Minha Vida” é a primeira após Câmara e Senado assentarem a crise das MPs, que travou a discussão dos textos no Congresso. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://oantagonista.uol.com.br/ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Estadão Notícias
Branda ou ferrenha? A oposição no governo Lula

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Apr 11, 2023 32:04


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem tido mais problemas com a oposição do que se imaginava no início de seu governo. Com a distribuição de cargos para diversos partidos, o Partido dos Trabalhadores (PT) imaginava um cenário mais tranquilo, e isolamento dos bolsonaristas. Mas, o que tem se visto é uma articulação, mesmo que tímida, para constranger o governo no Congresso Nacional. Parlamentares desse grupo têm lutado para implantar a CPMI dos atos de 8 de janeiro. A ideia é convocar integrantes do governo a fim de desmoralizá-los. Em parte, a oposição conseguiu levar alguns ministros para darem explicações, sobre diversos assuntos, em comissões da Câmara. Um dos alvos é o ministro da Justiça, Flávio Dino (PSB), que proporcionou uma série de embates com os bolsonaristas na Casa.  A oposição tem cumprido as metas traçadas para a legislatura de reuniões para a definição de pautas e até palavras de ordem. Os parlamentares têm feito reuniões semanais para contrapor os discursos do governo Lula e coordenar as críticas ao Palácio do Planalto.  Afinal, a oposição conseguirá atrapalhar o governo no Congresso Nacional? É possível uma coordenação entre bolsonaristas e o centrão? No ‘Estadão Notícias' de hoje, vamos conversar com o vice-líder da oposição na Câmara, o deputado Marcel Van Hattem (Novo), e com o cientista político e professor da Fundação Getúlio Vargas (FGV), Eduardo Grin. O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Gustavo Lopes e Gabriela Forte Sonorização/Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

O Antagonista
Campos Neto elogia arcabouço fiscal de Fernando Haddad, mas diz que é preciso aguardar Congresso

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 5, 2023 1:03


O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto (foto), disse hoje, durante evento do Bradesco, que a proposta de arcabouço fiscal apresentada pelo governo é “super positiva” e evita uma trajetória “explosiva” da dívida pública. O economista, porém, destacou que é necessário o aguardar que o Congresso Nacional analise a proposta, para ver se haverá alterações e se ela será aprovada. “Outro ponto importante é reconhecer o grande esforço que o ministro [da Fazenda] Haddad tem feito, que o governo tem feito. Eu acho que o que foi anunciado até agora elimina um risco de cauda, para aqueles que achavam que a dívida poderia ter uma trajetória mais explosiva“, afirmou Campos Neto. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Pelo menos mais uma semana para o arcabouço fiscal

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 5, 2023 2:10


Estipulada como prioridade pelo governo Lula, a proposta de novo arcabouço fiscal começou a ser detalhada apenas na última quinta-feira (30), a duas semanas da simbólica marca dos 100 primeiros dias de gestão. E seu encaminhamento formal para o Congresso Nacional pode demorar pelo menos mais uma semana. A área econômica do governo Lula estuda aproveitar a esvaziada semana de feriado de Páscoa no Congresso Nacional para refinar a proposta. Não faria sentido, na avaliação do Palácio do Planalto, entregar um texto tão importante para um parlamento sem parlamentares — o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), não está em Brasília, e o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG) já deve deixar a capital amanhã. Os ministros da Fazenda, Fernando Haddad, e do Planejamento, Simone Tebet, aproveitariam o tempo extra para fazer mais reuniões. A formalização da proposta ao Congresso ficaria, portanto, para a próxima semana, para quando o presidente Lula reagendou sua viagem à China. Antes de adiar a viagem, por causa de uma pneumonia, no mês passado, o petista disse que não faria sentido apresentar a proposta do novo marco fiscal e deixar o país. É de se esperar, portanto, que o mesmo ocorra agora. Ou seja, o início da tramitação do novo arcabouço fiscal pode ficar apenas para daqui a duas semanas. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Morning Call O Antagonista: A cruzada de Haddad contra os jabutis - 05/04/2023

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 5, 2023 64:16


Apresentada como prioridade pelo governo Lula, a proposta de arcabouço fiscal deve demorar pelo menos mais uma semana para ser encaminhada ao Congresso Nacional. Rodrigo Oliveira comenta a demora no Morning Call desta quarta-feira (5), e fala também sobre a fixação do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, com jabutis, entre outros assuntos. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Morning Call O Antagonista: Haddad continua levando mercado na conversa - 04/04/2023

O Antagonista

Play Episode Listen Later Apr 4, 2023 54:57


Rodrigo Oliveira comenta, no Morning Call desta terça-feira (4), o desempenho do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, na condução da política econômica com o gogó, enquanto a proposta do novo arcabouço fiscal não é encaminhada formalmente ao Congresso Nacional. Canais de Atendimento INV  Telefone: 4003-3178 WhatsApp 11 916230479 Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ https://crusoe.uol.com.br/ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Abertura de Mercado
Nova regra fiscal é recebida com alívio, preocupação e euforia pelo mercado

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Mar 31, 2023 25:28


Com alívio, preocupação e uma boa dose de euforia, a nova regra fiscal foi recebida pelos agentes do mercado.O alívio veio pelo tempo de espera e pela dúvida sobre qual seria o pensamento econômico prevalente: o de "gasto é vida", como no mandato de Dilma Rousseff, ou o que não separa responsabilidade social da responsabilidade fiscal. Acabou sendo uma mistura dos dois, pendendo pouco mais para o lado fiscalista.A preocupação é sobre a eficácia do marco em controlar despesas e reduzir a dívida pública numa trajetória consistente. O desfecho ainda não está claro, porque, para dar certo, a regra depende mais de um aumento bilionário de receitas do que da contenção das despesas.Pela proposta do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, os gastos vão aumentar sempre -- com ou sem crescimento da arrecadação ou do PIB. O sucesso da nova regra vai depender, em grande medida, da disposição e firmeza do governo para segurar o ímpeto gastador do governo e do Congresso Nacional.Na quinta, prevaleceu a euforia com a ideia de que um capítulo tão aguardado foi superado. O Ibovespa fechou em alta de 1,89%, aos 103.713,45 pontos, e o dólar caiu para R$ 5,09.Os juros futuros também recuaram -- e, por falar em juros, a compreensão mínima do novo arcabouço fiscal, junto à leitura do relatório trimestral de inflação do Banco Central, já dão uma conclusão clara: não há espaço para queda da taxa Selic tão cedo.Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

Abertura de Mercado
Mercado espera apresentação de nova regra fiscal nesta quinta-feira

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Mar 30, 2023 20:42


Começou a nascer a nova regra fiscal que vai substituir o teto de gastos.Na quarta-feira, o governo federal antecipou alguns detalhes para preparar a recepção da proposta. A primeira impressão sobre o modelo escolhido pelo ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), é de que é bastante ousado, já que prevê fim do rombo nas contas públicas a partir do ano que vem.Como não vale milagre, o equilíbrio só deve ser alcançado com aumento da carga tributária -- um dos detalhes que devem ser esclarecidos nesta quinta-feira (30), durante entrevista coletiva à imprensa para a apresentação do novo modelo.Outra dúvida que paira é sobre as exceções. Na comunicação de bastidores, a equipe econômica diz que todas as despesas terão que seguir a nova regra. Resta saber se isso valerá para saúde, educação e emendas parlamentares, por exemplo.Haddad precisará de muita autoconfiança para garantir celeridade e manutenção da proposta no Congresso Nacional, e, não menos importante, diante da conjuntura econômica, prevista de menor crescimento.Também nesta manhã, Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central, fala com a imprensa praticamente no mesmo horário do anúncio de Haddad. Será um bom momento para testar a harmonia pretendida pelos dois na condução da economia brasileira.No episódio desta quinta, o CNN Money ainda fala sobre a nova regra do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que, segundo economistas, pode aumentar o preço da gasolina em 11,45%.Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

Estadão Notícias
O domínio de Arthur Lira sobre o governo e o Congresso

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Mar 28, 2023 24:42


O clima no Congresso Nacional não está dos melhores após o embate que se criou entre o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (Progressistas-AL), e o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), por causa da ideia de retomar as comissões mistas, que envolvem as duas Casas, para dar celeridade às Medidas Provisórias (MPs) enviadas pelo Executivo. Lira tem ameaçado paralisar as atividades no Parlamento, caso a sua vontade não seja feita. Já Pacheco diz que está respeitando o que diz a Constituição Federal. A questão é que o governo terá que mediar a guerra fria que se tornou a relação dos seus dois aliados no Congresso. A verdade é que Arthur Lira conquistou um grande poder nestes últimos anos, e tem feito o governo se alinhar aos seus desejos em troca de governabilidade. Até por isso, Lula e seus ministros têm evitado enfrentar o presidente da Câmara por receio de que isso trave as pautas do governo no parlamento. Afinal, qual o tamanho do poder de Arthur Lira? Como o crescimento do presidente da Câmara pode atrapalhar os planos do governo? No ‘Estadão Notícias' de hoje, vamos conversar com o cientista político e coordenador do blog Legis -Ativo do Estadão, Humberto Dantas. O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel BomfimProdução/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela ForteSonorização/Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

O Antagonista
Se eles têm uma metralhadora, nós temos de ter um tanque, um carro de combate", diz o senador Sergio Moro. Segundo ele, o Congresso Nacional precisa responder ao crime organizado com leis

O Antagonista

Play Episode Listen Later Mar 22, 2023 0:55


Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Abertura de Mercado
Lula e ala econômica discutem modelo de nova regra fiscal nesta sexta-feira

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Mar 17, 2023 21:00


Está chegando o dia do país conhecer a nova regra fiscal para controlar gastos públicos.O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se senta, nesta sexta-feira (17), com a equipe econômica para discutir a proposta do Ministério da Fazenda para dar credibilidade à política fiscal do novo governo.A fórmula está guardada sob forte blindagem, mas a essência do modelo vem sendo antecipada a conta gotas pelos ministros Fernando Haddad (PT) e Simone Tebet (MDB) em entrevistas à imprensa.Enquanto Lula não quer amarras para gastos e investimentos, Haddad precisa de uma ferramenta que segure as despesas e evite o crescimento contínuo da dívida pública. O que atrapalha esse controle é a ideia de discricionariedade com pouco ou nenhum limite nas decisões -- ou seja, o que o governo de plantão decidir, vale.Um dos desafios é ter a coragem política de gastar menos quando o país crescer mais, um princípio que não foi cumprido nos mandatos petistas.Ao anunciar a nova regra, Lula e Haddad querem contar com a aprovação de aliados, do Congresso Nacional, do mercado financeiro e ainda com a benevolência do Banco Central na decisão dos juros na próxima quarta-feira. Não vai demorar muito para saber como essa novela vai acabar.No episódio desta sexta, o CNN Money fala ainda da disputa pelo protagonismo na condução da política fiscal e das novas notícias envolvendo a crise de confiança no sistema bancário, após um grupo de 11 bancos dos EUA prometer injetar US$ 30 bilhões no First Republic Bank, que vinha enfrentando dificuldades desde as recentes quebras do Silicon Valley Bank e do Signature Bank.Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

Estadão Notícias
A escalada transfóbica nos Parlamentos pelo Brasil

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Mar 13, 2023 29:49


A exemplo do discurso transfóbico proferido pelo deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG), no Dia Internacional da Mulher, na semana passada, é crescente as pautas e discursos contrários à transição de gênero dentro do Congresso Nacional e das assembleias legislativas pelo País. Lideradas por parlamentares conservadores, as propostas preveem dificultar o acesso a menores de 16 ou 18 anos de terapias que antecedem uma eventual troca de sexo, além de punir pais e até criar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar serviços existentes. Desde 2019, a transfobia é enquadrada como crime no Brasil.  Mesmo assim, o país é o que mais mata pessoas trans e travestis em todo o mundo pelo 14° ano consecutivo. A expectativa de vida de uma pessoa trans no Brasil é de 35 anos, já de uma pessoa cis é de 77. No ‘Estadão Notícias' de hoje, vamos conversar sobre a importância da representativa trans na política e do combate à transfobia no Brasil, numa entrevista com a deputada federal Erika Hilton (PSOL-SP). Nós também vamos falar sobre crescente onda para criminalizar as terapias de redesignação sexual nos parlamentos brasileiros, com a repórter do Estadão, Adriana Ferraz. Participam ainda com depoimentos a deputada federal, Tábata Amaral (PSB-SP), e a deputada estadual, Erica Malunguinho (PSOL-SP). O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Gustavo Lopes Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela Forte Sonorização/Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

O Antagonista
Cortes do Papo - Presidente da Câmara manda recados a Lula em evento em São Paulo

O Antagonista

Play Episode Listen Later Mar 6, 2023 13:23


O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), deu hoje uma série de recados ao presidente Lula e à sua (frágil) base de sustentação no Congresso Nacional. O mais contundente diz respeito à base do governo Lula na Câmara e Senado. Apesar de os petistas insistirem que o governo federal tem um apoio parlamentar considerável nas duas Casas, Lira foi enfático e reafirmou aquilo que se fala abertamente nos corredores do Congresso: o governo atual ainda precisará negociar (e muito) para conseguir impor a sua agenda. “Hoje, o governo ainda não tem uma base consistente nem na Câmara, nem no Senado, para enfrentar matérias de maioria simples, quanto mais matéria de quórum constitucional”, afirmou Lira, sobre a Reforma Tributária. Sobre o arcabouço fiscal, Lira também afirmou que espera do governo federal um texto “equilibrado e prudente”. A base aliada do governo federal defende o fim do teto de gastos, instituído ainda no governo Temer. Os parlamentares da oposição, não. Eles querem que o teto seja mantido. O Planalto, temendo um confronto direto, já admite que a flexibilização do teto pode ser mais ortodoxa do que o pleiteado pela base petista. “Todos os líderes se reuniram na Residência Oficial e foi feito um acordo de que esse texto do arcabouço fiscal vai ter que vir médio, prudente, responsável, equilibrado”, disse Lira. Por fim, um terceiro recado dado pelo presidente da Câmara, diz respeito ao comando do Banco Central. Lira foi enfático e declarou que “esse ambiente de debate, de falas que não agregam, só piora o ambiente da taxa de juros”. “Temos um governo que foi eleito, muito embora com margem de voto mínima, que precisa entender que do último governo para hoje nós temos Banco Central independente, nós temos agências reguladoras, nós temos Lei das Estatais, nós temos um Congresso que hoje tem atribuição mais ampla”, acrescentou Lira. Para bom entendedor, meia palavra basta. E Lira falou mais do que o necessário para colocar Lula e a base petista em seu devido lugar. Parafraseando Temer: “Não fale em crise, trabalhe.”  Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Papo com Elas: A representatividade feminina no Congresso - 24/02/2023

O Antagonista

Play Episode Listen Later Feb 24, 2023 64:46


A senadora Soraya Thronicke (União-MS) fala sobre expectativas para a nova legislatura, representatividade feminina no Congresso Nacional e sobre o pleito pela CPI dos Atos Antidemocráticos. Ex-candidata à presidência da República, a parlamentar também comenta a perspectiva de presidir a Comissão de Agricultura e Reforma Agrária no Senado. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Estadão Notícias
A ambição de Lula nos rumos da guerra na Ucrânia

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Feb 24, 2023 35:36


Nesta sexta-feira, 24, a invasão da Rússia em território ucraniano completa um ano. Um conflito que, inicialmente, poderia ter curta duração, dada a pujança do exército russo, mas que se estendeu e segue sem prazo de validade. O presidente Lula tem feito suas investidas diplomáticas na tentativa de assumir um papel de mediador. Tamanha ambição pode ser bem sucedida ou beira a ingenuidade?Este é um dos temas que guiam mais uma edição do ‘Poder em Pauta', segmento do podcast ‘Estadão Notícias' que discute os principais fatos que marcaram a semana. Os repórteres de 'Política' do Estadão, Beatriz Bulla e Pedro Venceslau, ainda abordam os desdobramentos políticos da tragédia no litoral norte e os desafios da relação entre o governo Lula e o Congresso Nacional.O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel BomfimProdução/Edição: Jefferson Perleberg, Bárbara Rubira e Gabriela ForteSonorização/Montagem: Moacir BiasiSee omnystudio.com/listener for privacy information.

O Antagonista
Kassab explica por que é “radicalmente contra" as emendas parlamentares

O Antagonista

Play Episode Listen Later Feb 15, 2023 8:22


Presidente do PSD comenta as dinâmicas do poder no Congresso Nacional. Assista à íntegra da entrevista: https://youtu.be/LSejKHLN5V8 Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Nova edição traz reportagens sobre os ataques do petista ao BC e o animal político Gilberto Kassab

O Antagonista

Play Episode Listen Later Feb 13, 2023 11:11


Ataques ao presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, trouxeram à tona uma conhecida tática petista, a de fritar publicamente os seus desafetos até inviabilizá-los politicamente. O movimento, no entanto, não é bem-visto no Congresso, diz a Crusoé. “Não há clima para qualquer alteração nesse sentido. Ou, pelo menos, que não demande um intenso desgaste com o Congresso Nacional. Em Brasília, a conta é absolutamente simples: quanto maior a demanda do Planalto, maior a fatura a ser paga.” “E, hoje, o governo federal não tem crédito — na forma de distribuição de emendas e cargos — para arcar com um capricho do presidente da República. Coincidência ou não, após a reunião do Conselhão na quarta-feira, o ministro de Relações Institucionais, Alexandre Padilha (PT), botou panos quentes na crise.” “‘Não existe nenhuma iniciativa do governo sobre mudança da lei da autonomia do Banco Central e nenhuma pressão sobre mandato de qualquer diretor. A lei estabelece claramente que têm mandatos e que serão cumpridos', declarou Padilha a jornalistas.” LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Durma com essa
Qual a cara do Congresso que toma posse em 2023

Durma com essa

Play Episode Listen Later Feb 1, 2023 17:21


Os deputados e senadores eleitos em outubro de 2022 tomaram posse nesta quarta-feira (1º) e definiram o comando das duas Casas que formam o Congresso Nacional. Os 513 deputados terão quatro anos pela frente enquanto os 27 novos senadores, que representam um terço da Casa legislativa, começam mandatos de oito. O Durma com Essa mostra o perfil do Congresso que vai legislar durante o governo de Luiz Inácio Lula da Silva. O programa também tem participação da redatora Mariana Vick, que comenta a repercussão internacional das crises que afetam a terra indígena Yanomami.Assine o podcast: Spreaker | Apple Podcasts | Deezer | Google Podcasts | Spotify | Outros apps (RSS)Edição de áudio Pedro Pastoriz