Podcasts about Fazenda

  • 639PODCASTS
  • 2,102EPISODES
  • 34mAVG DURATION
  • 3DAILY NEW EPISODES
  • Jan 20, 2023LATEST
Fazenda

POPULARITY

20152016201720182019202020212022

Categories



Best podcasts about Fazenda

Show all podcasts related to fazenda

Latest podcast episodes about Fazenda

Estadão Notícias
O papel dos sindicatos e a revisão da reforma trabalhista no governo Lula

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Jan 20, 2023 23:21


Nesta semana, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se encontrou com, ao menos, 10 representantes de centrais sindicais do País. Na conversa, ouviu o desejo de fortalecer o Ministério do Trabalho, que tem Luiz Marinho (PT) à sua frente. Além disso, houve pedidos para que o governo reveja pontos da reforma trabalhista feita em 2017. Lula já anunciou a criação de três grupos de trabalho para propor mudanças na regra de reajuste do salário mínimo e na legislação trabalhista. Dois desses grupos, que devem ser compostos nos próximos 30 dias, e que terá a participação de empresários, vão discutir essas mudanças. O outro grupo de trabalho que foi criado é o que vai discutir o novo modelo de reajuste anual do salário mínimo. Os sindicalistas propõem um cálculo de aumento real dos salários com a recuperação da inflação, mais a média do PIB brasileiros dos últimos dois anos. O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmou que a decisão sobre o aumento do salário mínimo cabe ao governo e será tomada após negociações com as centrais sindicais. Afinal, a reforma trabalhista precisa ser revista, de fato? Qual o impacto que isso pode gerar nas relações trabalhistas e de emprego? No Estadão Notícias de hoje, vamos conversar com Marco Antônio Teixeira, coordenador do Mestrado em Gestão e Políticas Públicas da FGV EAESP. O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Gustavo Lopes. Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Laura Capelhuchnik.  Sonorização/Montagem: Moacir Biasi.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Abertura de Mercado
Em fala sobre inflação e juros, Lula ressuscita um dos maiores equívocos do PT

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Jan 19, 2023 22:25


O Brasil está diante de um dilema que parecia estar superado: conviver com um pouco mais de inflação para ter mais crescimento.O debate ressurge a partir do próprio presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) quando, em entrevista na noite da última quarta-feira (18) ao canal GloboNews, questionou a independência do Banco Central (BC), o atual patamar da taxa Selic e a meta de inflação abaixo de 4,5%, "como era no nosso tempo".Lula traz de volta à tona um dos maiores equívocos do último mandato do PT, ainda sob gestão da ex-presidente Dilma Rousseff. Na época, o BC não tinha qualquer independência e aceitou que o pais convivesse com uma inflação bem mais alta que os ditos 4,5%, que, aliás, só não foi porque houve controle de preços. Deu no que deu.Ao revelar o desejo de mudar a meta de inflação, o presidente Lula corrobora um receio que já rondava: como ele não consegue interferir no BC e não demonstra convicção sobre a responsabilidade fiscal, o governo pode mudar a meta do IPCA -- indicador que mede a inflação oficial do país -- da casa dos 3%, onde está hoje.A inflação que a autarquia combate, hoje, ainda é fruto dos choques da pandemia, combinados à gastança desenfreada dos último dois anos de Jair Bolsonaro (PL) na cadeira presidencial. A lógica seria combater as causas e, assim, tirar o país da fragilidade fiscal. Não parece ser essa a determinação do presidente.No episódio desta quinta-feira (19), o CNN Money ainda traz o debate em torno do aumento do salário mínimo, assuntado pelo presidente Lula e pelo ministro da Fazenda, Fernando Haddad, nos últimos dias.Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

Abertura de Mercado
Política econômica de Lula se mostra mais afinada; nos EUA, recessão bate à porta

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Jan 18, 2023 19:30


A condução da política econômica do novo governo segue na base do discurso. Ainda assim, há duas mudanças sutis com forte efeito. A primeira delas reside no fato de que apenas o ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), e a ministra do Planejamento, Simone Tebet (MDB), têm falado sobre economia -- alinhados e, ao mesmo tempo, cada um no seu quadrado. O segundo é que o rumo da prosa está na direção correta, e com força o suficiente para mostrar uma intenção real de reverter a fragilidade das contas públicas. Esses dois fatores confirmam que funcionou a bronca do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aos ministros que pregam mais radicalismo, e Haddad conseguiu apaziguar, ao menos por enquanto, as expectativas sobre seu trabalho. Mas a política não dorme, e nem sua agenda. Esta quarta-feira (18) será marcada pela tentativa de emplacar uma mudança no valor do salário mínimo e na política de reajustes do piso. Lula encontra as centrais sindicais em Brasília e vai ouvir delas uma longa defesa pelo aumento do valor dos atuais R$ 1.302, que cabem nas contas públicas. No episódio desta quarta, o CNN Money mostra os argumentos dos sindicatos e os riscos que a sedução populista impõe -- não só à gestão pública, mas ao crescimento econômico caso a adoção de uma política de reajuste do salário mínimo promova aumentos acima da produtividade brasileira. Nos Estados Unidos, os balanços trimestrais de grandes bancos mostram que a redução da atividade econômica por lá já é uma realidade, dando sinais de que uma recessão se aproxima. Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

Colunistas Eldorado Estadão
Moura Brasil: O revanchismo de Haddad e a “suposição” de Zema

Colunistas Eldorado Estadão

Play Episode Listen Later Jan 18, 2023 13:00


Na edição desta quarta-feira, o jornalista Felipe Moura Brasil comenta a sugestão de Fernando Haddad, ministro da Fazenda, pelo boicote a empresas que se alinham ao governo de Jair Bolsonaro. E avalia o movimento do PL, partido do ex-presidente, de tentar atrair para si Romeu Zema, governador mineiro. O colunista discute os principais temas que rondam o noticiário político do País, de segunda a sexta, às 8h30, no Jornal Eldorado.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Abertura de Mercado
Crise da Americanas se agrava; reajuste do salário mínimo volta ao debate

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Jan 17, 2023 22:21


O desfecho da crise da Americanas parece estar muito longe de acontecer, à medida que mais peças deste quebra-cabeça desencontrado parecem surgir de todos os lados, todos os dias.  Os bancos estão na linha de frente dessa briga, tentando derrubar a liminar que protege a gigante varejista de credores por 30 dias. O BTG Pactual foi o primeiro a tomar uma ação na Justiça e teve seu pedido negado, enquanto outras instituições, expostas ao risco da Americanas, se perguntam qual será, afinal, o tamanho dessa fatura, ainda mais ao considerar a possibilidade de recuperação judicial. Na última segunda-feira (16), a agência classificadora de risco S&P Global rebaixou a nota da Amerianas para "D", de "Default" (calote, em inglês), e outras, como a Fitch Ratings e a Moody's, também devem seguir o mesmo caminho. Diante das turbulências do dia, as ações da varejista despencaram 38% na segunda, cotadas a R$ 1,94. No pregão anterior ao anúncio sobre os problemas fiscais, na última quarta-feira (11), os papéis da Americanas valiam R$ 12. Do lado político, o episódio desta terça-feira (17) do CNN Money ainda se debruça sobre a batalha pelo aumento do salário mínimo, que voltou a ganhar espaço com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), na Suíça para o Fórum Econômico Mundial. As centrais sindicais ressuscitaram o aumento do mínimo a R$ 1.342, que pedem desde o ano passado, ao passo que a ala política do governo quer emplacar ao menos R$ 1.320. O custo fiscal desse aumento varia de R$ 7 bilhões a R$ 17 bilhões, provando uma contradição dos programas sociais do país: o valor é baixo para quem recebe e alto para quem paga.  Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

Abertura de Mercado
Caso Americanas avança com briga de peixe grande; Fazenda quer reforma tributária em 2023

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Jan 16, 2023 18:18


A briga envolvendo o escândalo da Americanas entrou em um novo capítulo envolvendo a empresa, seus acionistas e seus credores -- e um nada amigável. No final de semana, o BTG Pactual tentou suspender a decisão da Justiça, divulgada na sexta-feira (13) com o mercado já fechado, que blindava a varejista de bloqueios de bens e cobranças antecipadas da dívida bilionária de R$ 40 bilhões, conforme assumida pela empresa. A petição do banco de investimentos, um dos maiores credores da Americanas, acusa os três maiores acionistas da empresa -- Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Carlos Alberto Sicupira, do grupo 3G -- de fraude e má-fé, para dizer o mínimo. O pedido deve ser apreciado nesta segunda-feira (16) pela Justiça do Rio de Janeiro. A Americanas respondeu acreditar que a proteção será mantida e que em breve irá apresentar sua equipe de negociação com credores. Com a agenda de indicadores esvaziada, o escândalo contábil da Americanas, já apontado como o maior do país, deve provocar volatilidade no mercado e uma batalha de gente grande, com bilionários conhecidos aqui e lá fora. Uma briga de "foice afiada", como disse um gestor à CNN. No episódio desta segunda, o CNN Money também se volta à determinação da equipe econômica de aprovar a reforma tributária ainda neste ano e ao diálogo que a Fazenda mantém com o Banco Central. Em Davos, na Suíça, a analista Priscila Yazbek volta ao podcast para contar das expectativas para o primeiro dia do Fórum Econômico Mundial, cujos olhos deverão se voltar ao Brasil após os ataques aos Três Poderes no domingo passado (8). Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

Abertura de Mercado
Plano "improvável" de Haddad agrada mercado; Americanas vive ressaca após "terremoto"

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Jan 13, 2023 21:50


O anúncio de medidas econômicas do ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), ocupou um espaço na agenda do novo governo para falar do país, e não da gestão da crise política instalada depois dos ataques aos Três Poderes no último domingo (8). A iniciativa foi bem recebida, como uma atuação pragmática da equipe econômica. O plano de Haddad agradou, mesmo que não tenha surpreendido pelo peso maior na arrecadação de receitas, e não na redução de despesas: a possibilidade de acabar com o rombo de mais de R$ 230 bilhões esse ano conta com apenas R$ 50 bilhões na ponta de corte de gastos. O sucesso das medidas é possível, porém improvável, como o próprio ministro admitiu. Ele já vai se dar por satisfeito se terminar o ano entregando um déficit abaixo de 1% do PIB - o que é bem factível, segundo analistas. Como o diabo mora nos detalhes, há muita incerteza sobre o alcance das medidas. A seta do roteiro apresentado por Haddad aponta para o lado correto, na visão de muita gente que inclusive já esteve em uma equipe econômica. Chegar no destino, porém, é outra história. Sem resistir ao apelo que sua fala produz, Haddad também deu mais uma cutucada com vara curta no Banco Central (BC) em seu discurso na última quinta-feira (12). No episódio desta sexta-feira (13), o CNN Money se debruça sobre alguns dos detalhes do plano de Haddad e traz uma primeira leitura de analistas sobre o pacote anunciado, além da repercussão do "terremoto Americanas", que causou efeitos não só no mercado, mas na confiança sobre a governança de varejistas brasileiras. Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

Estadão Notícias
Privatizações: Lula mudará seu pensamento em relação às empresas estatais?

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Jan 13, 2023 26:25


O governador de São Paulo, Tarcisio de Freitas (Republicanos), se encontrou com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para tentar convencê-lo da importância de privatizar o maior porto da América Latina: o Porto de Santos, no litoral paulista. O ministro de Portos e Aeroportos, Márcio França, afirmou que está aberto ao diálogo, porém, voltou a descartar a privatização da autoridade portuária em Santos. Após vencer as eleições, o presidente Lula disse que as privatizações iam acabar no Brasil durante seu governo. Logo no segundo dia de mandato, o novo chefe do executivo revogou atos que davam andamento à privatização de sete empresas públicas, entre elas a Petrobras. Diante das reações negativas, coube ao ministro da Fazenda, Fernando Haddad, colocar panos quentes na situação. O novo chefe da economia defendeu fortemente as parcerias público privadas no lugar das privatizações. Em uma PPP, a empresa normalmente fica responsável pelo projeto, assim como seu financiamento, execução e operação. Afinal, Lula erra ao demonizar as privatizações? As parcerias Público-Privadas seriam uma alternativa? No Estadão Notícias de hoje, vamos conversar sobre o assunto com a economista e advogada, Elena Landau. O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Gustavo Lopes. Produção/Edição: Gustavo Lopes, Jefferson Perleberg e Gabriela Forte.  Sonorização/Montagem: Moacir Biasi.See omnystudio.com/listener for privacy information.

EconOlívia
#04 - O pacote de medidas econômicas do Ministro da Fazenda

EconOlívia

Play Episode Listen Later Jan 13, 2023 30:19


Mais um dia de luta e expectativa nesse BR! Essa semana o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, anunciou um pacote de medidas para ajudar na recuperação econômica e desenvolvimento de mercado brasileiro para esse ano. Esse pacote possui muitos pontos importantes que estavam deixando toda a sociedade brasileira um pouco apreensiva sobre como seria o comportamento financeiro do governo. Porém, nem tudo são flores. Esse pacote também tem aspectos preocupantes para a nossa economia. Mas você vai ter que dar play no episódio pra descobrir! Esse pacote é fundamental para o planejamento e tomada de decisão no governo, então precisamos ficar bem atentos em como ele vai ser executado. Tudo isso a gente discute em mais um episódio do EconOlívia! Já compartilha com os teus amigos porque o assunto é quente! --- Send in a voice message: https://anchor.fm/econolivia-podcast/message

Abertura de Mercado
Contenção de novas ameaças em Brasília leva mercado ao 6º dia seguido de altas

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Jan 12, 2023 18:35


Quatro dias após os ataques aos Três Poderes que chocaram o país, a resposta de Brasília à provocação de grupos bolsonaristas diante de ameaças de novos atos criminosos foi mais rápida e contundente. Com a percepção de que o risco de uma nova rodada de vandalismo antidemocrático está contido, o mercado financeiro engatou no sexto dia de viés positivo, com bolsa em alta e dólar e juros em queda. Líderes na fila de compras, os investidores estrangeiros ainda não voltaram com o mesmo apetite do ano passado, mas já é o suficiente para a condução dos negócios para o azul. Mas nem tudo são flores nos jardins da Faria Lima: nesta quinta-feira (12), o mercado terá que lidar com a surpresa da saída-relâmpago de Sergio Rial, presidente da Americanas, depois da descoberta de um rombo de R$ 20 bilhões no balanço da empresa, uma das maiores varejistas do país. Além disso, o episódio desta quinta do CNN Money ainda traz um levantamento exclusivo da corretora Avenue, que mostra que milhares de brasileiros acham que a grama do mercado internacional é bem mais verde que a da Faria Lima. Segundo os dados divulgados, a abertura de contas no exterior está três vezes acima do período pré-eleição. O dia ainda guarda o que o ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), deve anunciar como o primeiro pacote econômico do governo Lula, e as expectativas para o Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça, que começa na próxima semana e promete assentar mais um capítulo da discussão sobre o que vai ser da economia global no pós-pandemia. Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

EconOlívia
#02: O que esperar da Economia em 2023? Carta aberta do BC ao Ministro da Fazenda, repercussões do 8 JAN e recessão internacional

EconOlívia

Play Episode Listen Later Jan 11, 2023 28:59


Mais um EconOlívia fresquinho pra você! Hoje a nossa pauta principal é a carta do presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, ao Ministro da Fazenda. Pra gerar treta? Claro que não. A ideia da carta é trazer perspectivas sobre a política monetária brasileira para 2023, já que o BC é um órgão independente do Ministério da Fazenda. Você sabia disso? Não? Então tá um motivo pra você dar play nesse episódio! Além da carta aberta, a gente também comenta algumas repercussões sobre a invasão a Brasília no último domingo; e também as expectativas do Banco Mundial para a economia global, que deve enfrentar mais um recessão - a segunda em menos de uma década! Tá esperando o que pra dar play no episódio? Bora que o EconOlívia tá começando! --- Send in a voice message: https://anchor.fm/econolivia-podcast/message

Durma com essa
Autoridades diante do golpismo bolsonarista: da leniência à invasão

Durma com essa

Play Episode Listen Later Jan 10, 2023 22:42


Representantes dos Três Poderes assinaram uma nota conjunta nesta segunda-feira (9) prometendo respostas institucionais à invasão do Palácio do Planalto, do Congresso Nacional e da sede do Supremo Tribunal Federal na véspera por uma turba bolsonarista. A nota, que chama as ações de “terroristas”, é mais um ato na cadeia de reações ao dia de vandalismo e depredação golpista em Brasília, que incluiu o afastamento do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, responsável pela segurança dos prédios públicos. O Durma com Essa fala das omissões de autoridades diante do extremismo bolsonarista e conversa com o cientista político Júlio César Cossio Rodriguez sobre o aparelhamento de órgãos policiais e de inteligência do governo federal. O programa traz também Marcelo Montanini falando sobre as reações das autoridades americanas ao episódio, análogo à invasão do Capitólio acontecida dois anos atrás nos EUA, e Marcelo Roubicek comentando a ferramenta de revisão de gastos públicos que une Simone Tebet, ministra do Planejamento, a Fernando Haddad, da Fazenda.Assine o podcast: Spreaker | Apple Podcasts | Deezer | Google Podcasts | Spotify | Outros apps (RSS)Edição de áudio Pedro Pastoriz

XP: Frequência Política
#173 - Os desencontros na primeira semana de governo Lula

XP: Frequência Política

Play Episode Listen Later Jan 7, 2023 34:16


No primeiro episódio de 2023, a equipe de analistas da XP Investimentos comenta o saldo da primeira semana do governo Lula, que ainda gera incertezas sobre o destino de sua agenda econômica.Ao longo da semana, a manutenção da desoneração dos combustíveis e declarações desencontradas de alguns ministros, como Carlos Lupi e Luiz Marinho, geraram desconfiança. Do outro lado, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, discute com sua sua equipe um pacote de ajustes nas contas, com impacto de até R$ 223 bilhões, assim como Rogério Ceron, secretário do Tesouro Nacional, e Simone Tebet, ministra do Planejamento, fazem gestos em direção ao controle da dívida pública e da responsabilidade fiscal.Além das questões econômicas, nossos analistas também trazem ao debate a tentativa do presidente Lula de construir uma base de apoio no Congresso para ter governabilidade durante seu mandato.Acompanhe o nosso conteúdo também no aplicativo XP Política e Macro, disponível nas lojas de aplicativos para IOS e Android.

Novus Capital
NovusCast - 06 de Janeiro 2022

Novus Capital

Play Episode Listen Later Jan 6, 2023 12:33


Nossos sócios Luis André Oliveira, Sarah Campos e Yara Cordeiro debatem, no episódio de hoje, os principais acontecimentos da semana no Brasil e no mundo.⁠ ⁠ ⁠⁠⁠⁠No cenário internacional, foram divulgados importantes dados americanos: de emprego, como Jolts e Payroll, tendo este último mostrado que a criação de vagas permaneceu bastante elevada, e de atividade (ISMs de serviços e manufatura), que apresentaram desaceleração. Ainda por lá, foi divulgada a minuta do FOMC, que reforçou que o afrouxamento das condições financeiras não é desejável. Na Europa, foi divulgada a inflação (CPI) de dezembro, que veio abaixo do esperado. No Brasil, o ano começou com uma série de sinalizações negativas do novo governo. Dentre elas, estão a prorrogação da desoneração do PIS/Cofins sobre os combustíveis, que veio em desacordo com o que foi dito pelo ministro da Fazenda, Fernando Haddad; e a fala do ministro da Previdência, Carlos Lupi, sobre rever a Reforma da Previdência – que foi logo retificada por outros políticos. Foi uma semana de alívio na curva de juros americana, tendo o juro de 10 anos fechado 33 bps, e as bolsas subido um pouco – S&P500 +1,45%, Nasdaq +0,92%. Ainda no cenário externo, o cobre valorizou 2,98%, o petróleo caiu 8,2%, e o índice de emergentes valorizou 5,78%. Por aqui, a bolsa fechou em pequena queda (-0,73%), e os juros (jan/24 e jan/27) abriram 18 bps. ⁠ ⁠Na próxima semana será importante acompanhar a divulgação da inflação aqui no Brasil (IPCA) e nos EUA (CPI), e a fala do presidente do Fed, Jerome Powell. ⁠ ⁠⁠Não deixe de acompanhar pra ficar por dentro do que rolou na semana e o que esperar da próxima!⁠

Colunistas Eldorado Estadão
Moura Brasil: O prêmio de consolação de Tebet e o piti de Haddad

Colunistas Eldorado Estadão

Play Episode Listen Later Jan 6, 2023 14:52


Na edição desta sexta-feira, o jornalista Felipe Moura Brasil comenta o discurso de posse da nova ministra do Planejamento, Simone Tebet, e a irritação de Fernando Haddad, ministro da Fazenda, ao ser perguntado sobre a ideia de uma moeda comum do Mercosul. O colunista discute os principais temas que rondam o noticiário político do País, de segunda a sexta, às 8h30, no Jornal Eldorado.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Rádio Gaúcha
Aod Cunha, doutor em economia e ex-secretário da fazenda do RS - 05/01/2023

Rádio Gaúcha

Play Episode Listen Later Jan 5, 2023 9:25


Avalia medidas da economia no início do governo Lula

Descomplica, Kelly!
Lula x mercado financeiro: quem tem razão?

Descomplica, Kelly!

Play Episode Listen Later Jan 5, 2023 25:27


No primeiro episódio de 2023, o Descomplica olha para o aspecto econômico do governo Lula. As reações do mercado tem razão de ser? Ou é preciso esperar um pouco mais? Que sinais a equipe econômica tem dado e que podem ser importantes para a vida real? Tudo isso com um convidado especial, o economista Aod Cunha, ex-secretário da Fazenda do Rio Grande do Sul.

Rádio PT
BOLETIM | Fernando Haddad: “Vamos recolocar a economia no rumo certo”

Rádio PT

Play Episode Listen Later Jan 4, 2023 2:41


“Bolsonaro usou 3% do PIB para produzir efeitos na eleição. O legado é um rombo de R$ 300 bilhões”, disse ministro da Fazenda.

JORNAL DA RECORD
Mercados mantêm turbulência com incertezas na economia; Criminosos fraudam reconhecimento facial; Ator continua em estado grave

JORNAL DA RECORD

Play Episode Listen Later Jan 4, 2023 53:23


Acompanhe a edição completa do JR desta terça-feira (3) com os seguintes destaques: No segundo dia de governo Lula, mercados mantêm turbulência com incertezas na economia; Ministro da Fazenda se reúne com embaixador argentino para criar moeda única no Mercosul; Criminosos conseguem fraudar o reconhecimento facial para fazer transações bancárias; Continua em estado grave o ator de Hollywood atingido por máquina de remover neve. E, na série especial, os riscos de afogamentos nas férias de janeiro.

Rádio PT
ENTREVISTA - Fernando Haddad (TV247, 04.01.23)

Rádio PT

Play Episode Listen Later Jan 4, 2023 61:58


O ministro da Fazenda, Fernando Haddad afirmou em entrevista que "o legado de Bolsonaro é um rombo de R$ 300 Bilhões." . Radio.pt.org.br

Abertura de Mercado
Primeiros dias do governo Lula escancaram falta de coordenação entre ministros

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Jan 4, 2023 24:03


Os primeiros dias do novo governo oferecem um festival de declarações de ministros. De revisão da Reforma da Previdência ao patamar dos juros do consignado, os escolhidos pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se posicionam sem considerar as consequências. Até a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, discursou em uma posse de ministro, prometendo rever a Reforma Trabalhista. O mercado corrige os preços, porque muito do risco percebido até a posse não era considerado real. Na visão dos operadores, a falta de coordenação entre os ministros não parece uma boa estratégia para engatar um novo governo, e o resultado é a geração de ainda mais instabilidade no cenário econômico. O poder de Fernando Haddad (PT) se dilui por fogo-amigo e por ele mesmo. Na última terça-feira (3), ele qualificou a taxa de juros como uma "anomalia fora de propósito", e, embora sua fala tenha sentido ao olhar o patamar da Selic a 13,75% a.a., descumpriu uma regra básica: ministro da Fazenda não fala de juros. Na sequência, seu número 2, Gabriel Galípolo, disse que não dá para ter controle de gastos com gatilho pela dívida pública. Tem muito economista que concorda -- ainda mais porque o debate sobre a política fiscal não é simplista --, mas Galípolo quebrou outra regra do cargo: não gastar palavra com o que não vai fazer, porque sugere a ausência de decisão sobre o que fazer. Não são regras escritas e tabuladas em cláusula pétrea, mas orientações que prezam pelo bom-senso e pela promoção de previsibilidade, coesão e, mais do que tudo, clareza sobre os rumos do governo. Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

Guide Investimentos
Qual será o mecanismo de controle de gastos públicos? Com economista Fabio Andrade, professor ESPM

Guide Investimentos

Play Episode Listen Later Jan 4, 2023 20:45


No primeiro episódio de 2023 do nosso podcast, conversamos com o economista Fabio Andrade, professor da Escola Superior de Propaganda e Marketing. Na entrevista, Andrade projeta a conjuntura econômica deste ano que se inicia para os investidores, com destaque para a pergunta que segue pertinente tendo em vista a escolha do ministro da Fazenda: qual será o mecanismo de controle dos gastos públicos? Para além dessa questão, nosso convidado aponta, ainda, para os fatores de risco no cenário externo. O podcast completo você ouve logo a seguir.

Notícia no Seu Tempo
Dólar sobe e Bolsa cai após primeiras medidas do governo

Notícia no Seu Tempo

Play Episode Listen Later Jan 3, 2023 8:28


No podcast ‘Notícia No Seu Tempo', confira em áudio as principais notícias da edição impressa do jornal ‘O Estado de S. Paulo' desta terça-feira (03/01/2023): A sinalização do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em direção a uma gestão mais intervencionista na economia e a falta de detalhes de como deve ser a condução do Ministério da Fazenda, a cargo de Fernando Haddad, ligaram o sinal de alerta entre investidores do mercado financeiro. O dólar fechou em alta de 1,51%, cotado a R$ 5,3597, e o Ibovespa registrou queda de 3,06%. Na visão de analistas, Haddad também não trouxe respostas claras para os principais desafios econômicos no discurso de posse, ontem.  E mais: Política: Lula exonera 1,2 mil servidores em cargos de confiança Esportes: Fila e sol forte para ver o Rei pela última vez Internacional: Ofensiva de Kiev mata pelo menos 63 soldados russos em Donetsk Caderno 2: Quebra-cabeças literário desafia novas geraçõesSee omnystudio.com/listener for privacy information.

Abertura de Mercado
Haddad diz ser "patinho feio da Esplanada" e reforça temores de submissão a Lula

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Jan 3, 2023 26:20


Logo no primeiro dia como ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT) apresentou a descrição no seu novo crachá: "patinho feio da Esplanada".Em uma fala de improviso no discurso de posse, por ato falho ou por graça, o ex-prefeito de São Paulo confirmou o que se temia sobre sua posição de isolamento e submissão ao comando político do governo.A reação do mercado veio forte, e a queda de mais de 3% do Ibovespa foi também uma correção sobre tudo que aconteceu desde a última sexta-feira (30), quando não houve pregão devido ao período de recesso de final de ano. Quem reclama da reação da Faria Lima argumenta que nunca foi segredo de que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) seria o "super-ministro" de seu próprio governo.A surpresa está na pressa com que a ala petista assumiu a tomada de decisões, e o esforço de moderação de Haddad foi contido (ou está sendo) antes que ele convencesse a todos de que ela existe.Na conta da derrocada da Bolsa, ainda teve o tombo de 6,45% da Petrobras e a piora nas expectativas para a inflação de 2023, o que pode afetar a credibilidade do Banco Central (BC).No episódio desta terça-feira (3), o CNN Money ainda traz um levantamento exclusivo sobre a derrota do governo na prorrogação da desoneração dos combustíveis, que vai custar R$ 25 bilhões aos cofres públicos.Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

Levante Ideias de Investimento
MORNING CALL - Levante 03/Jan

Levante Ideias de Investimento

Play Episode Listen Later Jan 3, 2023 37:59


Ministro da Fazenda manda alguma coisa? Conheça a Levante Investimentos Site: https://levanteideias.com.br/ Facebook: https://www.facebook.com/levante.ideias/ Instagram: https://www.instagram.com/levante.investimentos/ Telegram: https://lvnt.app/zuntm0

Estadão Notícias
O desânimo com Haddad e as incertezas na área econômica

Estadão Notícias

Play Episode Listen Later Jan 3, 2023 21:35


Nesta segunda-feira, 02, foram publicados os decretos com as primeiras ações de Lula como chefe do Executivo. Entre eles, o que mantém a desoneração dos combustíveis, por 60 dias; a medida provisória para manutenção do Auxílio Brasil em R$ 600 - que volta a se chamar Bolsa Família e a solicitação aos ministros para encaminhar propostas que retirem do processo de privatização empresas como Petrobras, Correios e EBC. As medidas, somadas ao discurso do dia anterior, quando o teto de gastos foi chamado de “estupidez”, soaram mal para os investidores. No primeiro dia útil de 2023, o Ibovespa, índice da B3, operou em forte queda, influenciado pelo desempenho das ações das estatais. No discurso inicial como ministro da Fazenda, Fernando Haddad declarou que vai trabalhar para organizar as contas públicas. Mas a tarefa não será fácil, já que o quadro é de desaceleração econômica, recuo do crédito, juros elevados e risco de nova alta da inflação. Mesmo assim, ele reafirmou o compromisso de enviar ao Congresso, ainda no primeiro semestre, a proposta de um novo arcabouço fiscal, em substituição ao teto de gastos. Quais são as expectativas na economia para os 100 primeiros dias de governo? Para analisar este cenário, convidamos para este episódio do 'Estadão Notícias' a colunista do Estadão e da Rádio Eldorado, Adriana Fernandes. O ‘Estadão Notícias' está disponível no Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google podcasts, ou no agregador de podcasts de sua preferência. Apresentação: Emanuel Bomfim Produção/Edição: Jefferson Perleberg e Aline Fernandes Sonorização/Montagem: Vitor dos ReisSee omnystudio.com/listener for privacy information.

Rádio Gaúcha
Secretário Da Fazenda De Porto Alegre, Rodrigo Fantinel - 03/01/2023

Rádio Gaúcha

Play Episode Listen Later Jan 3, 2023 15:42


Secretário Da Fazenda De Porto Alegre, Rodrigo Fantinel - 03/01/2023 by Rádio Gaúcha

Abertura de Mercado
Em discurso de posse, Lula revela como será a política econômica de seu governo

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Jan 2, 2023 23:01


Em poucas e contundes frases no discurso de posse, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) revelou que o eixo central da política econômica de seu governo será uma reedição misturada entre o que foi seu segundo mandato, de 2007 a 2011, e a gestão de Dilma Rousseff, com indução pública do setor produtivo, intervenção nas estatais, aumento real dos gastos e forte presença de bancos públicos. Ele assegurou a revisão de reformas de modernização do país feita nos últimos anos e a revogação do teto de gastos -- uma "estupidez", segundo ele. A despeito das expectativas positivas pro Meio Ambiente, Educação, Saúde, Cultura e setor externo, o diagnóstico de Lula sobre a economia parece ignorar o cenário atual do Brasil e do mundo. Lula inicia seu terceiro mandato com riscos contratados de baixo crescimento, inflação pressionada e recessão internacional, um ambiente que evoca responsabilidade e eficiência, e não uma meta com premissas do passado. Não deu certo lá trás, quando o mundo era mais estável e previsível, e não funcionou para o Brasil, que enfrentou a pior recessão do século e perdeu investimentos. Para além do discurso político, a primeira medida econômica do novo governo é também a primeira derrota política de Fernando Haddad, o ministro da Fazenda. No primeiro episódio do ano, o CNN Money vai falar sobre os efeitos do discurso de Lula e também das expectativas de 2023 para bolsa brasileira, enquanto mercados dos Estados Unidos, Europa e Ásia seguem fechadas por causa do feriado do Ano Novo. Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

5 Fatos
Lula revoga privatizações em andamento e mantém desoneração de combustíveis

5 Fatos

Play Episode Listen Later Jan 2, 2023 24:20


No primeiro dia útil do mandato como presidente, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), assinou medidas que terão impactos econômicos como a prorrogação da isenção de tributos sobre combustíveis. A desoneração havia sido adotada pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) em meio às constantes altas nos preços da gasolina e do diesel.  O presidente também determinou, nesta segunda-feira (02), a revogação dos atos que dão seguimento às privatizações de estatais como a Petrobras e os Correios. Ouça o podcast e saiba como foi a repercussão internacional da posse de Lula (PT) como presidente do Brasil, Fernando Haddad (PT) é empossado ministro da Fazenda e fala em novo arcabouço fiscal e o primeiro dia do velório do Rei do Futebol Pelé.  Produção e roteiro: Camila Olivo, Ramana Rech, Rodrigo TammaroEdição de áudio e sonorização: Cláudio Cuca

Novus Capital
NovusCast - 30 de Dezembro 2022

Novus Capital

Play Episode Listen Later Dec 30, 2022 14:36


Nossos sócios Luiz Eduardo Portella, Tomás Goulart e Sarah Campos debatem, no episódio de hoje, os principais acontecimentos da semana no Brasil e no mundo.⁠ ⁠ ⁠⁠⁠⁠No cenário internacional, não houve divulgação de dados relevantes, e os destaques ficam novamente para a Ásia: no Japão, foi divulgado o “Summary of Opinions”, que elenca opiniões econômicas da autoridade monetária (BoJ) e, apesar de ressaltar as medidas de afrouxamento, debateu o aumento dos salários e o enfraquecimento do risco de deflação no país; enquanto na China, foram anunciadas novas medidas de flexibilização das viagens internacionais. ⁠ No Brasil, foram divulgados dados de confiança que, depois de deterioração em meses anteriores, apresentaram leve melhora. Além disso, no cenário político, Simone Tebet foi anunciada como ministra do Planejamento; Fernando Haddad, futuro ministro da Fazenda, deu uma entrevista na qual trouxe um discurso mais positivo a respeito das despesas; e o novo governo manifestou intenção de recompor alguns tributos, com destaque para PIS/Cofins. ⁠ Nos EUA, ano foi marcado por uma forte reprecificação dos ativos após expressivo movimento de aperto monetário, com grandes empresas tendo significativas quedas em valor de mercado. Por aqui, a bolsa caminha para fechar em terreno positivo, e os juros com abertura relevante. Entraremos em 2023 com destaque para as discussões a respeito da reabertura chinesa, o cenário para emergentes, atividade e política monetária nos EUA e Europa. ⁠Na próxima semana serão divulgados, nos EUA, dados de emprego (Payroll) e atividade (ISMs) e, na Europa, dados de inflação (CPI). ⁠ ⁠⁠Não deixe de acompanhar pra ficar por dentro do que rolou na semana e o que esperar da próxima!⁠

O Antagonista
Por que o Brasil, com Lula, não deve entrar na OCDE

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 29, 2022 8:14


Futuro ministro da Fazenda, Fernando Haddad disse nesta quarta-feira (28) que a adesão do Brasil à OCDE, iniciado em janeiro deste ano, “certamente vai ser reconsiderada” por Lula; e, pelo que indica o site do PT, não haverá manutenção do processo. Duas notas, uma publicada em 2021 e a outra, em 2019, mostram que figuras-chave do partido não querem que o Brasil ingresse no grupo internacional.   Leia mais: https://oantagonista.uol.com.br/brasil/entenda-por-que-o-brasil-com-lula-nao-deve-entrar-na-ocde/  Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista  

O Antagonista
"Desoneração teve cunho eleitoreiro", diz secretário de Fazenda do Pará

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 29, 2022 34:01


Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Abertura de Mercado
Lula acomoda centrão no governo; Haddad sinaliza que descontrole fiscal pode sair caro

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Dec 29, 2022 23:04


Depois de muito "estica e puxa", o presidente eleito Lula parece ter conseguido acertar um tabuleiro político para acomodar os partidos do centrão em seu terceiro mandato.  Na divisão das cadeiras, o PT pegou os ministérios que ficam na vitrine política, com orçamentos gigantes. O centrão ficou com as pastas de menos pompa, mas que têm caixa considerável e capilaridade política.  Até agora, o futuro ministro da Fazenda, Fernando Haddad, tem sido ouvido quando diz que vai arrumar a casa e evitar estouro dos gastos públicos. Acabar com a isenção dos combustíveis corrobora essa promessa.  Ele sinaliza que sai mais caro lidar com inflação pelo descontrole fiscal do que pela correção de uma queda artificial dos preços, como aconteceu com os combustíveis. Ainda assim, há uma dissonância cognitiva entre Lula e o mercado. Esse descompasso ainda aparece nos preços dos ativos.  Apresentado por Thais Herédia, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.

O Antagonista
Ministro de Bolsonaro prevê aumento no preço dos combustíveis

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 28, 2022 1:54


Adolfo Sachsida criticou nesta quarta-feira (28) o pedido de Fernando Haddad para o atual governo não prorrogar a desoneração dos combustíveis para o ano que vem. O futuro ministro da Fazenda disse que não quer tomar nenhum tipo de decisão “açodada”. No Twitter, o atual ministro de Minas e Energia afirmou que, por escolha do novo governo, o preço da gasolina vai aumentar aproximadamente R$ 0,69 a partir de janeiro e o diesel, R$ 0,33. Leia mais: https://oantagonista.uol.com.br/videos/video-sachsida-preve-aumento-de-r-069-na-gasolina-em-janeiro/ Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

SBS Portuguese - SBS em Português
Lula coloca Tebet no Planejamento; bolsonarista radical é preso por colocar bomba em caminhão em Brasília

SBS Portuguese - SBS em Português

Play Episode Listen Later Dec 28, 2022 11:28


Novo presidente fecha acordo com a senadora do MDB, que lidará diretamente com o Ministro da Fazenda, Fernando Haddad. Polícia do DF diz que irá desmantelar acampamentos de millitantes que pedem golpe militar na frente de quartéis após tentativa de atentado.

O Antagonista
Cortes do Papo - Coaf vai para o Ministério da Fazenda

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 27, 2022 4:13


Interlocutores do governo eleito afirmam que Lula (PT) deve transferir o Coaf para o Ministério da Fazenda, a ser chefiado por Fernando Haddad (PT). A informação é da Folha. O Conselho de Controle de Atividades Financeiras está atualmente submisso ao Banco Central. O órgão fiscalizador pertencia à Fazenda, mas foi realocado no governo Bolsonaro para a Justiça, a pedido de Sergio Moro. Uma comissão mista do Congresso revogou a transferência do Coaf para a Justiça posteriormente; Bolsonaro o realocou então para o BC, onde se encontra hoje. O futuro ministro da Justiça e um dos principais porta-vozes do governo de transição, Flávio Dino (PSB), afirmara no início de dezembro que o órgão retornaria à Fazenda ou à Justiça. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Meirelles alerta Lula para os "gastos desnecessários"

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 27, 2022 2:26


Rodrigo Oliveira comenta, no Morning Call, os pitacos do ex-ministro da Fazenda sobre o futuro governo. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Colunistas Eldorado Estadão
Moura Brasil: Haddad x Tebet: duelo antecipa sucessão de Lula em 2026?

Colunistas Eldorado Estadão

Play Episode Listen Later Dec 27, 2022 13:01


Na edição desta terça-feira, o jornalista Felipe Moura Brasil comenta o duelo entre o futuro ministro da Fazenda, Fernando Haddad, e a senadora Simone Tebet (MDB), por ministérios no novo Governo Lula, com vistas a 2026. O colunista discute os principais temas que rondam o noticiário político do País, de segunda a sexta, às 8h30, no Jornal Eldorado.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Abertura de Mercado
Nome para Planejamento é foco da semana; ações nos EUA caminham para pior desempenho desde 2008

Abertura de Mercado

Play Episode Listen Later Dec 26, 2022 22:05


Dezesseis ministérios do novo governo serão definidos nesta última semana do ano. Na economia, o grande impasse segue com a pasta do Planejamento.  Com Fernando Haddad na Fazenda e nomes mais políticos do que técnicos nos principais cargos da economia, o mercado esperava que o Planejamento pudesse equilibrar um pouco a composição do novo time e dar um ar menos petista e uma cara mais de frente ampla à gestão econômica do governo Lula. Quem que seja o escolhido, deve ter dificuldades de tomar decisões mais ao centro.  O CNN Money de hoje fala sobre as expectativas para a semana e também fala sobre o mercado de ações nos Estados Unidos, que caminha para ter o seu pior desempenho desde 2008. O S&P, por exemplo, já acumula uma queda de 6% em dezembro e caiu quase 20% no acumulado do ano. O Nasdaq, índice que reúne ações de empresas de tecnologia, também acumula queda, com recuo de quase 34% no ano.  Apresentado por Priscila Yazbek, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.  

O Antagonista
Cortes do Papo - Sobrinho do futuro ministro da Fazenda dirigirá a Binance, que tem Meirelles no conselho

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 23, 2022 11:50


Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Morning Call O Antagonista: O que esperar do novo governo Lula na Economia, com Maílson da Nobrega - 22/12/2022

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 22, 2022 83:11


O ex-ministro da Fazenda participou do Morning Call desta quinta-feira. Assista à íntegra: https://youtu.be/E7YQjlDzZ80  As principais informações do mercado financeiro no Brasil e no Mundo. Morning Call com Rodrigo Oliveira. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
"Depender da cabeça do Lula é voltar ao tempo dos reis”, diz Maílson da Nóbrega | Morning Call

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 22, 2022 9:02


O ex-ministro da Fazenda participou do Morning Call desta quinta-feira. Assista à íntegra: https://youtu.be/E7YQjlDzZ80  Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Rádio Gaúcha
STF derruba orçamento secreto, secretária estadual da Saúde é investigada e mais - 19/12/2022

Rádio Gaúcha

Play Episode Listen Later Dec 19, 2022 5:11


O Supremo Tribunal Federal decidiu, por 6 votos a 5, considerar inconstitucional o chamado orçamento secreto. Na Argentina, o dia é de felicidade pelo título de campeã da Copa do Mundo 2022. A secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, está entre os investigados pela Polícia Federal na Operação Septicemia, deflagrada há 12 dias. O futuro ministro da Fazenda, Fernando Haddad, anunciou que a procuradora Anelize Almeida irá chefiar a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional. A greve de pilotos e comissários teve início nesta segunda com ao menos 19 voos atrasados pelo Brasil. Mais notícias em gzh.com.br

Rádio Gaúcha
O gol da Croácia e Haddad na Fazenda

Rádio Gaúcha

Play Episode Listen Later Dec 16, 2022 22:26


No episódio de hoje, descomplicamos os desafios que se avizinham na condução do Ministério da Fazenda, que será comandado por Fernando Haddad (PT) no futuro governo Lula. O temor do mercado se justifica? O que isso afetará nossas vidas? Que sinais estão sendo captados a partir das declarações do presidente eleito? Nosso convidado é o jornalista Thomas Traumann, colunista da Revista Veja é autor de “O Pior Emprego do Mundo”, em que 14 ministros da Fazenda revelam como tomaram suas decisões — que mexeram no seu bolso.

O Antagonista
Banco do número 2 de Haddad só deu lucro em um ano | Morning Call

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 16, 2022 7:50


Gabriel Galípolo, que será o secretário-executivo do Ministério da Fazenda de Fernando Haddad, ficou à frente do Banco Fator por quatro anos. "Em três, ele conseguiu dar prejuízo”, comenta Rodrigo Oliveira. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

O Antagonista
Cortes do Papo - Leia reportagem sobre o futuro ministro da Fazenda na nova edição de Crusoé

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 16, 2022 8:00


A reportagem de capa da nova edição da Crusoé mostra quem é, como pensa e como age o próximo ministro da Fazenda, Fernando Haddad, nomeado por Lula para vender um plano econômico que nem sequer existe, mas já preocupa. Leia um trecho: "Há três semanas, o presidente eleito Lula informou o advogado e ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad de que o nomearia para comandar o Ministério da Fazenda. Seguiu-se um período de muita boataria e ansiedade, nos meios financeiro e empresarial. Na última sexta-feira, 9, a decisão foi finalmente confirmada em público — e teve início o esforço para tentar prever como será a condução da economia no terceiro mandato de Lula." "A coletiva de imprensa que Haddad deu na terça, 13, as entrevistas que concedeu como futuro ministro e suas primeiras nomeações dão algumas pistas, mas não revelam a história toda. Também é importante analisar seu relacionamento com Lula, retornar ao que Haddad escreveu e àquilo que ele fez como prefeito. A conclusão mais importante talvez seja que as promessas de equilíbrio fiscal que Haddad vem fazendo podem, sim, ser cumpridas. Mas nesse caso, isso se dará por meio de aumento de impostos e corte de subsídios, muito mais do que pela contenção dos gastos públicos ou por uma reforma administrativa." LEIA MAIS AQUI; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

Cuando los elefantes sueñan con la música
Cuando los elefantes sueñan con la música - Para Milton 2 - 16/12/22

Cuando los elefantes sueñan con la música

Play Episode Listen Later Dec 16, 2022 59:04


Canciones de Milton Nascimento (o que ha grabado él) por grupos y solistas de la escena indie brasileña en los discos 'Mil Tom' y 'Mar azul': Gisele de Santi ('Nos bailes da vida'), Rashid ('Tudo que você podia ser'), Bluebell ('Beijo partido'), Verônica Ferriani ('Canção do sal'), Pedro Morais ('Travessia'), Dani Black ('Travessia'), Paulinho Moska ('Quem sabe isso quer dizer amor'), Silva ('Um girassol da cor do seu cabelo'), Pedro Luis ('Reis e rainhas do maracatú'), Maíra Freitas ('Cravo e canela'), Michele Leal ('Paisagem da janela'), Julia Vargas ('Canoa canoa'), Lucas Arruda ('Fazenda') y Ordinarius ('Nada será como antes'). Escuchar audio

O Antagonista
Spoiler Político: É o governo de um inimigo meu

O Antagonista

Play Episode Listen Later Dec 14, 2022 2:53


Na coletiva em que anunciou Fernando Haddad como ministro da Fazenda, Lula disse que a PEC do Lula não é do Lula. "Essa PEC não é para o governo Lula, mas para fazer o reparo no orçamento do governo Bolsonaro, para garantir o mínimo necessário para as pessoas (...) É uma PEC do governo Bolsonaro." O petista não perde a mania de terceirizar responsabilidades quando a pauta é negativa. Ontem, ao anunciar um suposto rombo de meio trilhão na conta de energia do atual governo, o GT da transição incluiu marotamente os R$ 368 bilhões do jabuti do Centrão na privatização da Eletrobras. Também contabilizou injustamente os R$ 23 bilhões da Conta Covid, prejuízo assumido pelas distribuidoras após suspensão de cortes de energia por inadimplência durante a pandemia. A iniciativa, que visava proteger famílias de baixa renda, foi determinada pela Aneel e acolhida pelo Executivo e pelo Legislativo. Uma lei com o mesmo conteúdo chegou a ser apresentada pelo petista Jaques Wagner. A equipe de transição sabe disso tudo, mas preferiu ignorar. Assim como deu de ombros para as salas, equipes e dados oferecidos pelo Ministério de Minas e Energia. Na verdade, o PT não quer transição, mas uma narrativa. E a imprensa amiga prefere se deixar ludibriar pela promessa do presidente eleito de que será tratada com "mais respeito, mais decência, não lhe vai ser negada informação". "A Lei de Acesso à Informação vai funcionar 100%. O Portal da Transparência vai voltar a funcionar 100%. Não teremos a indústria da mentira, da desinformação, a indústria da fake news", canta a sereia lulista, que mantém Janones em sua equipe. Claro está agora que o adiamento do anúncio dos ministros, inclusive o de Haddad, não passava de uma estratégia para tentar retirar da PEC a digital do futuro governo -- beneficiário prioritário. Afinal, o texto original já foi modificado pelo Senado e o será pela Câmara, tornando deputados e senadores cúmplices do crime fiscal. Lula concluiu a coletiva prometendo outra coletiva, daqui a duas semanas, para "apresentar à sociedade brasileira o que encontramos como resultado" da transição. "Sem show de pirotecnia", frisou. Um powerpoint não está descartado. "O que queremos é que a sociedade saiba corretamente como está a saúde, a educação, ciência e tecnologia, como está a situação dos aposentados, dos trabalhadores, porque se nós não apresentarmos agora, seis meses depois estará nas nossas costas os desmandos feitos por este governo." Olha ele de novo avisando que a responsabilidade não será sua, mas de um inimigo. Inscreva-se e receba a newsletter:  https://bit.ly/2Gl9AdL Confira mais notícias em nosso site:  https://www.oantagonista.com​ Acompanhe nossas redes sociais:  https://www.fb.com/oantagonista​ https://www.twitter.com/o_antagonista ​https://www.instagram.com/o_antagonista https://www.tiktok.com/@oantagonista_oficial No Youtube deixe seu like e se inscreva no canal: https://www.youtube.com/c/OAntagonista

3 em 1
3 em 1 - 13/12/2022 - Haddad anuncia nomes para a Fazenda/ Bolsonaro: Brasil confia nas Forças Armadas

3 em 1

Play Episode Listen Later Dec 13, 2022 59:47


See omnystudio.com/listener for privacy information.

O Assunto
EDIÇÃO EXTRA: Haddad na Fazenda e mais ministros

O Assunto

Play Episode Listen Later Dec 10, 2022 27:16


Lula (PT) definiu nesta sexta-feira (9) os primeiros nomes da futura gestão. O mais aguardado, o do ministro da Fazenda, não foi surpresa: será Fernando Haddad (PT-SP), homem de confiança do presidente eleito. Além de Haddad, foram confirmados Rui Costa (Casa Civil), Flávio Dino (Justiça e Segurança Pública), José Múcio Monteiro (Defesa) e Mauro Vieira (Relações Exteriores). Nesta edição extra de O Assunto, Natuza Nery conversa com a jornalista Maria Cristina Fernandes, colunista do jornal Valor Econômico e comentarista da rádio CBN, para explicar as escolhas e as consequências dos anúncios. Neste episódio: - Maria Cristina comenta a decisão de Lula de dar os dois ministérios mais poderosos (Fazenda e Casa Civil) a dois petistas “não tão petistas”: “Haddad é o mais tucano e Rui Costa o mais privatista do partido”; - Em que sentidos Lula e Haddad pensam parecido e por que a lealdade do ex-ministro da Educação a Lula foi um fator decisivo para sua ida à Fazenda – uma reação, analisa MCF, à “decepção do petista com Palocci”; - Quais serão os dois primeiros testes de fogo para o futuro ministro da Fazenda: convencer os parlamentares a aprovar a PEC da Transição, e o mercado de que é o “nome de confiança” para administrar o Orçamento 2023; - O que levou José Múcio à pasta da Defesa. “Militares estão divididos entre bolsonaristas e antibolsonaristas", avalia Maria Cristina. “Mas estão todos unidos no antipetismo”. Múcio, que já esteve na Arena e já presidiu o TCU, pode tranquilizar a relação com os quarteis - mas não impedirá a promessa de Lula de desmilitarizar a administração federal.