Podcasts about sociais

  • 1,312PODCASTS
  • 3,212EPISODES
  • 38mAVG DURATION
  • 1DAILY NEW EPISODE
  • Jan 12, 2023LATEST

POPULARITY

20152016201720182019202020212022

Categories



Best podcasts about sociais

Show all podcasts related to sociais

Latest podcast episodes about sociais

Casa das Humanidades
Imaginando Max e Marianne Weber

Casa das Humanidades

Play Episode Listen Later Jan 12, 2023 12:00


Imaginando Max e Marianne Weber Neste episódio, as alunas da graduação de Ciências Sociais do CPDOC, Analice e Ana Paula, abordam um lado mais íntimo da vida de Max e Marianne Weber, imaginando cartas fictícias que o casal teria enviado um para o outro. O episódio foi feito inteiramente pelas alunas para a disciplina de Sociologia I, ministrada pelo professor Bernardo Buarque de Hollanda. Concepção: Marco Aurélio Vannucchi e Thais Blank Apresentação: Analice Rosa Barreto e Ana Paula Cupertino Edição: Analice Rosa Barreto e Ana Paula Cupertino Realização: Núcleo de Audiovisual e Documentário da FGV CPDOC

Podcast Universitário
#135 - Curso de Arqueologia c/ convidadas do curso

Podcast Universitário

Play Episode Listen Later Jan 12, 2023 93:02


Neste Live falo com 2 estudantes da Licenciatura em Arqueologia da Universidade do Minho e da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. O que aprendes no curso, que vias podes escolher, saídas profissionais, ambiente na instituição, TUDO o que precisas de saber sobre este curso superior!

Camada 8
Roteamento de Ideias - Pioneirismo da Internet no Brasil com Carlos Afonso (CA)

Camada 8

Play Episode Listen Later Jan 11, 2023 52:28


Para o primeiro episódio de 2023, convidamos o Carlos Afonso (conhecido como CA). Ele é o Diretor Executivo do Instituto Núcleo de Pesquisa Estudos e Formação (Nupef), co-fundador do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) e do capítulo brasileiro da Internet Society (ISOC) e um dos cinco brasileiro a integrar o Hall da Fama da Internet! Em nossa conversa, o CA conta um pouco dos bastidores do início da Internet no Brasil, uma vez que ele foi um ator importantíssimo nessa empreitada. Ele também relata como ajudou a fundar o Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas (IBASE) e como isso evoluiu para a criação do Alternex, o primeiro provedor de serviços de Internet do Brasil. Além disso, falamos sobre a importância das redes comunitárias, como elas ajudam a conectar as comunidades social e economicamente excluídas e como o Nupef auxilia nessa missão tão necessária. Dê o play e confira agora mesmo no Camada 8! Participantes: Antonio Marcos Moreiras (Host) - Gerente de projetos e desenvolvimento no NIC.br https://www.linkedin.com/in/moreiras Lucas Jorge da Silva (Host) - Analista de Projetos do Ceptro.br no NIC.br https://www.linkedin.com/in/lucasjorge Carlos Afonso (Convidado) - Diretor Executivo do Instituto Nupef https://www.linkedin.com/in/carlos-afonso-0399aa174 Links citados: Curso BCOP EaD: https://cursoseventos.nic.br/curso/curso-bcop-ead/ Curso Básico de IPv6 - Presencial: https://cursoseventos.nic.br/curso/curso-basico-ipv6/ Agenda de cursos do Ceptro|NIC.br: https://ceptro.br/cursos-eventos Redes Sociais: https://www.youtube.com/nicbrvideos/ https://www.twitter.com/comunicbr/ https://www.telegram.me/nicbr/ https://www.linkedin.com/company/nic-br/ https://www.instagram.com/nicbr/ https://www.facebook.com/nic.br/ https://www.flickr.com/NICbr/ Contato: Equipe Ceptro.br cursosceptro@nic.br Direção e edição de áudio: Wanderson Modesto - Analista do Ceptro.br Equipe de Comunicação do NIC.br YouProject Veja também: https://nic.br/ https://ceptro.br/

PODCAST BLOG SANTO ANGELO
#184 - MÚSICA E PROJETOS SOCIAIS: NO CEU COM DNEY BITENCOURT

PODCAST BLOG SANTO ANGELO

Play Episode Listen Later Jan 11, 2023 39:09


Projetos sociais na área da música trazem inclusão, transformação e inserção no mercado de trabalho, garantindo que a criança, jovem, adulto ou idoso a oportunidade de romper com as barreiras sociais e da própria vida através de melodias e acordes. E não foi diferente com Dney Bitencourt, músico, professor e endorse Santo Angelo. Conheça como os projetos sociais na área da música ajudaram na sua carreira e como tem sido atuar como professor no projeto social CEU das Artes.

IKEA Portugal - Igualmente
T:3 Ep. 2 - Pobreza Habitacional

IKEA Portugal - Igualmente

Play Episode Listen Later Jan 6, 2023 29:35


No segundo episódio do podcast “Igualmente” virámos a conversa para dentro de casa e falámos sobre uma realidade que ainda afeta bastante os portugueses, Pobreza Habitacional. Infelizmente, há muitas famílias que não conseguem encontrar conforto nas suas casas quando as habitações não estão preparadas para suportar o frio que se sente no Inverno. Uma conversa liderada pela Cláudia Semedo com a Alda Botelho Azevedo, investigadora no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa, e a Paula Figueiredo, colaboradora da IKEA e Home Furnishing Direction Leader.

FEBRABAN News
O que muda com a era phygital

FEBRABAN News

Play Episode Listen Later Jan 5, 2023 20:18


Tecnologia e humanização parecem estar em lados opostos, especialmente quando falamos em atendimento ao consumidor. A automatização contribui para a impressão de que o relacionamento seja mais frio, prático e objetivo, mas não é bem assim. Com os procedimentos burocráticos e repetitivos – porém indispensáveis e importantes – sendo realizados por ferramentas digitais, com apoio da inteligência artificial, profissionais conseguem ganhar tempo para dedicar atenção aos clientes. Essa relação passou a exigir conhecimento capaz de fundamentar um atendimento feito sob medida, ou hiper personalizado. Assim, o uso de dados abriu possibilidades para criar soluções únicas, e identificar as informações, explorar e tomar as melhores decisões para clientes e bancos. O desafio é ainda maior na era phygital, quando as barreiras entre físico e digital foram quebradas. Hoje, o consumidor não quer ter apenas a liberdade de escolha, de interagir com uma máquina ou com um humano, ele deseja passar de um para o outro sem que a experiência seja interrompida. A inteligência artificial tem sido a aposta para melhorar e otimizar o atendimento. Mas como chegar à experiência positiva nessa jornada? É possível humanizar o atendimento de robôs? Para responder a estas e outras perguntas a jornalista Mona Dorf, diretora de Mídias Sociais da FEBRABAN, reuniu neste episódio os especialistas Juliana Somenzari, head de TI para Canais Externos e Cognitividade do Santander Brasil; Álvaro Machado Dias, neurocientista, futurista, professor livre-docente da UNIFESP e sócio do Instituto Locomotiva; e Matheus Neto, hardware Pre-Sales Support manager da Diebold Nixdorf. A conversa aconteceu durante o painel “Os desafios da hiperpersonalização”, no FEBRABAN Tech, realizado em agosto de 2022.

Filosoficamente Incorreto
Tensões e lutas sociais na Europa do século XIX e as disputas coloniais: Movimentos e revoluções

Filosoficamente Incorreto

Play Episode Listen Later Jan 5, 2023 5:01


Tensões e lutas sociais na Europa do século XIX e as disputas coloniais: Movimentos e revoluções; A Revolução Industrial Inglesa --- Send in a voice message: https://anchor.fm/pedro-mendes-ju00fanior/message

Podcast Política - Agência Radioweb
Eloy Terena é o novo secretário do Ministério dos Povos Indígenas

Podcast Política - Agência Radioweb

Play Episode Listen Later Jan 4, 2023 0:57


A ministra dos Povos Indígenas, Sônia Guajajara anuncia na tarde desta quarta-feira, o advogado e doutor em Antropologia e Ciências Jurídicas e Sociais, Eloy Terena, como Secretário Executivo do Ministério dos Povos Indígenas. Atualmente é o coordenador jurídico da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil, a APIB. É doutor em Ciências Jurídicas e Sociais.

Ooshin Podcast
É possível solucionar os males sociais? Parte 3

Ooshin Podcast

Play Episode Listen Later Jan 3, 2023 3:54


Ensinamento de hoje: "É possível solucionar os males sociais? Parte 3"

Ooshin Podcast
É possível solucionar os males sociais? Parte 2

Ooshin Podcast

Play Episode Listen Later Jan 2, 2023 3:12


Ensinamento de hoje: "É possível solucionar os males sociais? Parte 2"

Podcast Política - Agência Radioweb
Tarcísio de Freitas é empossado e promete avanços sociais em SP

Podcast Política - Agência Radioweb

Play Episode Listen Later Jan 1, 2023 3:16


Eleito com mais de 13 milhões de votos no segundo turno das eleições em outubro de 2022, Tarcísio se tornou o 64º governador da história do Estado.

Ooshin Podcast
É possível solucionar os males sociais? Parte 1

Ooshin Podcast

Play Episode Listen Later Jan 1, 2023 4:01


Ensinamento de hoje: "É possível solucionar os males sociais? Parte 1"

Podcast Política - Agência Radioweb
Lula quer manter frente ampla por medidas sociais e econômicas

Podcast Política - Agência Radioweb

Play Episode Listen Later Jan 1, 2023 2:19


Ideia é contar com apoio de diversos partidos e grupos sociais, independente das diferenças ideológicas. Para o novo governo, há a convicção de os acordos serão a única forma de conseguir as aprovações almejadas.

Podcast Saúde - Agência Radioweb
Trabalhos sociais atenuam solidão de idosos no final de ano

Podcast Saúde - Agência Radioweb

Play Episode Listen Later Dec 30, 2022 1:39


A solidão, acompanhada da tristeza e da sensação de incapacidade, são problemas frequentes entre os idosos, em especial entre os que moram sozinhos. E o fim de ano pode ser um gatilho para estes sentimentos.

Fundação (FFMS) - [IN] Pertinente
EP 91 | LAÇOS SOCIAIS: Somos a versão 2.0 dos nossos pais?

Fundação (FFMS) - [IN] Pertinente

Play Episode Listen Later Dec 30, 2022 47:48


Porque é que nos sentimos responsáveis pelo sucesso ou insucesso dos nossos filhos?Porque é que nos sentimos culpados quando não sabemos tratar um filho ‘como deve de ser' (e, já agora, o que é isso)?Porque é que andamos nesta cruzada da sobre estimulação das crianças?Porque é que a palavra parentalidade vem geralmente agarrada à palavra culpabilidade?Queridos pais: este episódio vai ajudar-vos muito. A Ana Markl vai confessar-se mãe ansiosa e por isso irá fazer inúmeras questões à Luísa Lima sobre o tema que assola muitos daqueles que temos filhos: como podemos ser a versão melhorada dos nossos pais, conseguiremos ser uma versão 2.0? Vai ver que a parentalidade pode ser descomplicada e que, um dos ‘segredos' é perceber que, na verdade … não somos assim tão determinantes da vida das nossas crianças. REFERÊNCIAS E LINKS ÚTEIS:Baumaister, R. (2005). Rethinking self-esteem: why nonprofits should stop promoting self-esteem and start endorsing self-control. Stanford Social Innovation Review,3(4), 34-41. https://doi.org/10.48558/eby0-as84 Baumeister, R. F., Campbell, J. D., Krueger, J. I., & Vohs, K. D. (2003). Does High Self-Esteem Cause Better Performance, Interpersonal Success, Happiness, or Healthier Lifestyles? Psychological Science in the Public Interest, 4(1), 1–44.https://doi.org/10.1111/1529-1006.01431 Castro, P., & Monteiro, M. B. (1996).Imagens da infância: Crenças e valores das mães com filhos na escola primária. Sociologia – Problemas e Práticas, 21, 93-119. Marujo, H., Neto, L., & Perloiro, M. (2004) Educar para o optimismo: Guia para professores e pais. Lisboa: Editorial presença.Monteiro, M. B., & Castro, P. (1997). Cada cabeça sua sentença: Ideias dos adultos sobre crianças. Oeiras, PT: Celta. BIOSANA MARKLAna Markl nasceu em Lisboa, em 1979, com uma total inaptidão para tomar decisões, pelo que se foi deixando levar pelas letras: licenciou-se em Línguas e Literaturas Modernas porque gostava de ler e escrever, mas acabou por se formar em Jornalismo pelo CENJOR. Começou por trabalhar no jornal Blitz para pôr a render a sua melomania, mas extravasou a música e acabou por escrever sobre cultura e sociedade para publicações tão díspares como a Time Out, o Expresso ou até mesmo a Playboy. Manteve o pé na imprensa, mas um dia atreveu-se a fazer televisão. Ajudou a fundar o canal Q em 2010, onde foi guionista e apresentadora. Finalmente, trocou a televisão pela rádio, um velho amor que ainda não consumara. Trabalha desde 2015 na Antena 3 como locutora e autora.LUÍSA PEDROSO DE LIMA Licenciou-se em Psicologia na Universidade de Lisboa. É Professora Catedrática de Psicologia Social, Diretora do ISCTE_Saúde e Presidente do Conselho Científico no ISCTE, onde desenvolve desde 1982 uma ampla atividade no ensino e na orientação científica. A sua investigação incide sobre a aplicação da Psicologia Social a questões da saúde e do ambiente, e encontra-se refletida em numerosas publicações científicas. É autora do livro “Nós e os outros: O poder dos laços sociais” publicado pela Fundação Francisco Manuel dos Santos. Foi presidente da Associação Portuguesa de Psicologia. É Honorary Professor na Universidade de Bath. 

Expresso - Expresso da Manhã
Como vai Lula governar com os Homo bolsonarus?

Expresso - Expresso da Manhã

Play Episode Listen Later Dec 29, 2022 18:43


Lula da Silva será de novo Presidente do Brasil, a partir do dia 1 de Janeiro de 2023. O país está profundamente dividido e a tarefa de Lula fica ainda mais condicionada pela imprevisibilidade dos mais fanáticos apoiantes de Bolsonaro, aqueles a quem Renato Lessa chamou os “Homo bolsonarus“. É com este doutorado em Teoria Política, professor de Filosofia Política da Universidade Federal Fluminense, no Brasil, e investigador associado do Instituto de Ciências Sociais, da Universidade de Lisboa que conversamos neste episódio.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Jovens Cronistas
Espaço Trabalhista: Em memória de Moniz Bandeira | com Arthur Silva

Jovens Cronistas

Play Episode Listen Later Dec 29, 2022 143:50


Versátil e atento observador. Luiz Alberto de Vianna Moniz Bandeira, entre outros feitos, interpretou um dos períodos mais complexos da vida brasileira quando identificou as entranhas do Golpe Cívico-Militar de 1964 e a relação com movimentos semelhantes, quase que concomitantes, em países vizinhos ao Brasil. Defensor da democracia para valer, dedicou sua vida à luta pela integração latino-americana em resposta ao assédio permanente dos interesses imperialistas expressados em seu estado puro nas tratativas geopolíticas dos Estados Unidos da América. Em memória a Moniz Bandeira, este programa conta com a participação de Arthur Silva, bacharel em Ciências Sociais, mestrando em Economia Política Mundial e editor do Disparada participa do Espaço Trabalhista, programa da TV Jovens Cronistas dedicado à agenda do trabalhismo no Brasil. Torne-se membro(a) do canal: https://bit.ly/3cs3Mfe​ PIX: pix@jcronistas.com. IBAN: BR8733923798000000473970238C1.

Em directo da redacção
2022: um ano marcado pelo regresso da guerra à Europa

Em directo da redacção

Play Episode Listen Later Dec 28, 2022 19:30


2022 deveria ter sido o ano da retoma após dois anos de covid-19, mas a invasão da Ucrânia pela Rússia logo em fevereiro trocou mais uma vez as voltas ao Mundo, arrastando a Europa para um novo conflito com impactos globais. Desde o início do ano que as tropas de Vladimir Putin se alinhavam junto à fronteira com a Ucrânia. Entre os motivos das preocupações de Moscovo estaria a alegada tomada do poder por parte de nazis, referindo-se a Volodymyr Zelensky que se tornou Presidente da Ucrânia em 2019, mas o que assustava o Kremlin, era na verdade a aproximação de Kiev às potencias ocidentais Assim, no dia 24 de Fevereiro e após vários dias de impasse, a Rússia lançou a sua ofensiva sobre o Donbass, com Vladimir Putin a declarar que queria salvaguardar os habitantes deste território. Rapidamente as tropas russas chegaram a Kiev. Volodymyr Zelensky permaneceu na capital do país como dava conta através de um vídeo gravado por ele próprio poucos dias depois do início guerra. Este era um ataque iminente, que não apanhou ninguém de surpresa, mas tanto a Europa, como os Estados Unidos e os restantes países da NATO consideravam até aí que as ligações económicas e políticas que a Rússia mantinha com o resto do Mundo, seriam suficientemente importantes para travar um ataque contra os ucranianos. No entanto, esta lógica não foi suficiente para travar o Kremlin. A violência dos ataques russos fez-se sentir em várias cidades ucranianas, desencadeando a maior migração do século XXI na Europa, estimando-se que 7,8 milhões de pessoas saíram da Ucrânia devido à guerra. A maior parte dos que partiram são mulheres e crianças já que o país impôs uma lei marcial, bloqueando a saída de homens com mais de 18 anos que passaram a integrar as Forças Armadas ucranianas. Sem fim à vista para esta guerra, a Ucrânia pediu já ajuda aos seus aliados para passar o Inverno, já que os novos alvos das tropas russas são as redes de distribuição de energia, deixando milhões de ucranianos às escuras e, mais importante, e sem aquecimento durante o rigoroso Inverno. O conflito pode agora ficar congelado durante vários anos, como é hábito da Rússia nos conflitos gerados à volta das suas fronteiras, impedindo não só a reconstrução da Ucrânia, mas também uma possível formalização da entrada na NATO ou mesmo na União Europeia, como explicou Marcos Farias Ferreira, professor de Relações Internacionais do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas de Lisboa. "Esta guerra não tem uma solução militar e vai soldar-se certamente por um congelamento do conflito, esta é uma situação que a Rússia conhece bem porque foi promovendo e se foi envolvendo em conflitos que entretanto congelou na Transnístria, no Nagorno-Karabakh, na Ossétia do Sul. ou seja, a política externa da Rússia naquilo que são as suas fronteiras opera muito desta maneira, aquilo que é a vitória para a Rússia pode ser simplesmente garantir que aqueles território do Donbas se mantenham durante anos num confronto de intensidade média ou baixa mas que neutralize a Ucrânia geopoliticamente, impedir que a Ucrânia venha a integrar a NATO e de aderir à União Europeia", afirmou o académico. Consequências na economia global As consequências da guerra na Ucrânia fizeram-se sentir logo, com Moscovo a bloquear a saída de exportações do país, nomeadamente dos cereais, sendo que a Ucrânia é o maior exportador desta matéria prima, essencial para a alimentação de milhões de pessoas e animais no Mundo. Esta guerra veio mostrar o impacto global de um conflito, algo muito diferente do que se passou noutras guerras do século XX que aconteceram na Europa, como explica o economista José Reis. "É muito diferente de outros episódios de guerra do século XX na Europa, é que na verdade, temos uma economia europeia e mundial que são muito diferentes de há alguma décadas e mais vulneráveis. As economias integraram-se mais umas com as outras e criaram dependências cada vez maiores umas em relação às outras", disse o economista da Universidade de Coimbra. A inflação aumentou para dois dígitos em muitos países devido à falta de matérias primas agravada pelas dificuldades vividas nos últimos anos devido à covid-19. A isto veio juntar-se o agravamento dos preços da alimentação, mas também da energia, já que muitos países impuseram sanções ao petróleo e ao gás vindo da Rússia, fazendo aumentar os preços noutros países produtores, o que fez explodir os preços em todo o Mundo. Em França, Macron voltou a ganhar, mas sem convencer os eleitores Em França, foi ano de eleições. Em Abril, Emmanuel Macron ganhou as eleições presidenciais com 58,55% dos votos face a Marine Le Pen, que obteve 41,45% da preferência dos franceses, um resultado histórico para a extrema-direita. No entanto, numa eleição marcada ainda pelos receios sanitários da covid-19 e pelo sobressalto do regresso da guerra, foi difícil motivar os eleitores franceses durante o período de campanha eleitoral. Logo em Junho, realizaram-se as eleições legislativas. A esquerda, descontente com os resultados obtidos nas eleições presidenciais, com Jean-Luc-Melenchon a ficar no terceiro lugar, decidiu unir-se fazendo uma coligação inédita que juntou ecologistas, socialistas, comunistas e o partido França Insubmissa. O partido de Emmanuel Macron, voltou a ganhar, mas desta vez sem maioria absoluta. A coligação de esquerda saiu-se bem, conseguindo uma representação importante na Assembleia Nacional, mas a novidade foi a eleição de 89 deputados da extrema-direita, um recorde absoluto para a União Nacional de Marine Le Pen. Este resultado, segundo Adeline Afonso, historiadora na Faculdade de Letras da Universidade Sorbonne, em Paris, não foi um choque e aconteceu devido ao descontentamento com o último mandato de Emmanuel Macron. "Estes cinco anos de mandato vão ser muito difícieis e a negociação vai ser muito difícil com a oposição. Se o Governo continuar a usar tantas vezes o 49.3, o que pode acontecer é que as pessoas vão sair à rua. Os franceses já têm como hábito sair à rua e não seria uma surpresa um novo movimento como os coletes amarelos", concluiu.

Filosoficamente Incorreto
Ciências sociais da Religião: Estado da questão; Introdução

Filosoficamente Incorreto

Play Episode Listen Later Dec 22, 2022 13:54


Ciências sociais da Religião: Estado da questão; Introdução --- Send in a voice message: https://anchor.fm/pedro-mendes-ju00fanior/message

Filosoficamente Incorreto
Ciências sociais: Informações e pensamento crítico

Filosoficamente Incorreto

Play Episode Listen Later Dec 22, 2022 7:35


Ciências sociais: Informações e pensamento crítico --- Send in a voice message: https://anchor.fm/pedro-mendes-ju00fanior/message

Pr Giovani Zimmermann Jr #Teologia #VidaCristã #Fé #Biblia #Escrituras #Pregação #Pastor
#PodCast 22: Fé, Juventude e Mídias Sociais | Vitão | Pr Giovani | Roselaine Oliveira

Pr Giovani Zimmermann Jr #Teologia #VidaCristã #Fé #Biblia #Escrituras #Pregação #Pastor

Play Episode Listen Later Dec 22, 2022 66:52


Psicologia e Desenvolvimento Com Eric Rocha
O Básico Que Você Precisa Saber Sobre Economia

Psicologia e Desenvolvimento Com Eric Rocha

Play Episode Listen Later Dec 22, 2022 29:31


Controle a Sua Mente: https://escoladedesenvolvimentodefinitivo.com/assine-ja-2 Aprenda Como Usar a Psicologia Para Dirigir a Mente com Maestria, Dirigir Pensamentos, Emoções e Comportamentos, Para Superar os Sofrimentos, Desenvolver a Força, e a Resiliência e Desfrutar Melhor da Vida. Saiba Mais: https://escoladedesenvolvimentodefinitivo.com/assine-ja-2 Conheça todos os produtos de Eric Rocha e Acompanhe Ele Nas Mídias Sociais: https://linktr.ee/ericrocha001e --- Send in a voice message: https://anchor.fm/ericrocha/message

Painel Eletrônico
Dep. General Peternelli: Deputado salienta necessidade de conciliar política fiscal e necessidades sociais

Painel Eletrônico

Play Episode Listen Later Dec 21, 2022


Podcast Economia - Agência Radioweb
Qual o impacto dos programas sociais nas contas públicas em 2023?

Podcast Economia - Agência Radioweb

Play Episode Listen Later Dec 21, 2022 1:57


O governo eleito ainda não informou a origem de recursos para custear promessas da campanha e programas sociais a partir de 2023, o que gera dúvidas sobre o impacto que pode ser gerado nas contas públicas.

Filosoficamente Incorreto
Direitos econômicos, culturais e sociais no Brasil: A questão da pobreza

Filosoficamente Incorreto

Play Episode Listen Later Dec 20, 2022 7:28


Direitos econômicos, culturais e sociais no Brasil: A questão da pobreza; Os despossuídos --- Send in a voice message: https://anchor.fm/pedro-mendes-ju00fanior/message

Benjamin Teixeira de Aguiar
Palestra 139 – Falsidade e felicidade, em festas familiares e sociais, fraternidade e desapego cristãos autênticos

Benjamin Teixeira de Aguiar

Play Episode Listen Later Dec 20, 2022 116:18


De Nova York, respondendo a perguntas – palestra de Benjamin Teixeira de Aguiar (18/12/22)

O que sei de mim
T2 #9 Pertencimento, com Reginaldo Lima

O que sei de mim

Play Episode Listen Later Dec 19, 2022 52:11


Reginaldo Lima é ativista social, co-fundador e sócio do Investe Favela, mediador de conflitos e, recentemente, tornou-se doutor honoris causa em Ciências Sociais pela Ordem dos Capelães do Brasil e Universidade Febraica. É com Reginaldo que Luciana Branco conversou sobre pertencimento. O papo a é uma aula de humanidade e nos convida à evolução. “O gato ferido se cuida, se trata. Lambendo as próprias feridas, se restabelece. Em algum momento, devemos lamber a própria ferida”.

Resposta Pronta
Peru. "Não há como governar com esta fragmentação"

Resposta Pronta

Play Episode Listen Later Dec 17, 2022 2:54


Andrés Malamud, investigador no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa, fala num "parlamento dividido" e lembra que desde 2016 "nenhum presidente peruano conseguiu acabar o mandato".See omnystudio.com/listener for privacy information.

JE Notícias
Governo e parceiros sociais discutem Fundo de Compensação do Trabalho esta quarta-feira na Concertação Social | O Jornal Económico

JE Notícias

Play Episode Listen Later Dec 14, 2022 0:48


O Executivo de António Costa já tinha dado a conhecer às confederações patronais e às centrais sindicais uma proposta que visa permitir às empresas recorrer aos descontos feitos nos últimos anos para o FCT em apoio à formação e custos com habitação de jovens trabalhadores.

Filosoficamente Incorreto
Cidadania e direitos civis, políticos e sociais: O direito a ter direitos

Filosoficamente Incorreto

Play Episode Listen Later Dec 14, 2022 7:36


Cidadania e direitos civis, políticos e sociais: O direito a ter direitos: Hannah Arendt, Thomas Humphrey Marshall e José Murilo de Carvalho --- Send in a voice message: https://anchor.fm/pedro-mendes-ju00fanior/message

FEBRABAN News
04 | Emergência na América Latina: Saúde financeira é prioridade

FEBRABAN News

Play Episode Listen Later Dec 14, 2022 20:39


No quarto e último episódio da série especial do podcast FEBRABAN NEWS sobre educação financeira, a jornalista Mona Dorf traz as principais experiências na América Latina sobre índices que mensuram a saúde das finanças da população. Além de servirem para as pessoas se educarem e controlarem seus gastos e investimentos, lidando de forma mais saudável e sustentável com as suas finanças, essas ferramentas contribuem, também, para identificar lacunas e personalizar as estratégias. Um dos destaques é o Índice de Saúde Financeira, criado pela FEBRABAN, com apoio técnico do Banco Central do Brasil. Está disponível na plataforma Meu Bolso em Dia, que alcançou dois milhões de acessos em seis meses. Outro exemplo é uma ferramenta similar desenvolvida na Colômbia. Dá play e confira como você também pode avaliar suas finanças, este episódio da série, que reúne os principais destaques do Congresso Latino-americano de Educação e Inclusão Financeira, organizado pela FEBRABAN e Felaban, com apoio do Banco Central. Participam deste episódio: Mona Dorf, diretora-adjunta de Mídias Sociais da Febraban Paulo Coelho, analista-chefe do desenvolvimento do I-SBF Febraban Lina Maria Montoya Madrigal, gerente de Impacto e Inovação Social do BanColômbia Enrique Pasquel, gerente de Assuntos Corporativos do Banco de Crédito do Peru Cristiane Nogueira do Amaral, gerente de Fundação do Sicredi #saúdefinanceira #educaçãofinanceira #inclusãofinanceira #Febraban #Felaban #BancoCentraldoBrasil

FEBRABAN News
01 | Emergência na América Latina: Saúde financeira é prioridade

FEBRABAN News

Play Episode Listen Later Dec 14, 2022 24:26


Como os latino-americanos lidam com o dinheiro? A pandemia acelerou o processo de bancarização na América Latina. Atualmente, cerca de sete em cada dez latino-americanos são titulares de conta, quatro deles abriram a conta para receber auxílios emergenciais dos governos. Mas, apesar do crescimento da inclusão financeira e do grande volume de transações digitais, esse movimento não se traduziu numa mudança de comportamento na região. A maioria das pessoas ainda prefere usar o dinheiro vivo. Como incluir efetivamente essas populações ao sistema? Como ajudá-las a ter uma vida financeira saudável? Como desenvolver jornadas para acelerar essa transformação? Essas questões foram discutidas por representantes de 27 países, reunidos no Congresso Latino-Americano de Educação e Inclusão Financeira 2022. Durante os dois dias de evento, em parceria com a Felaban (Federação Latino-Americana de Bancos) e apoio do Banco Central do Brasil, os participantes trocaram experiências de como estão mobilizando os diferentes atores, públicos e privados, para colocar a saúde financeira no centro da agenda dos governos e instituições financeiras. Compartilharam as iniciativas e programas de educação financeira, bem como as melhores estratégias para se chegar às populações mais vulneráveis e carentes. E discutiram a importância de se criar métricas e indicadores para mensurar os impactos desse processo. A maioria dos países já lançou o seu índice de saúde financeira, inclusive o Brasil. Apesar dos diferentes contextos dos países latino-americanos, os desafios e as soluções são muito semelhantes. E todos são unânimes: a inclusão e a educação financeiras podem alavancar o desenvolvimento humano e sustentável em toda América Latina. Todo esse conteúdo foi reunido nesta série especial de 4 episódios da FEBRABAN NEWS, sobre a saúde financeira na América Latina. Neste primeiro, vamos focar nos desafios para conscientizar os diferentes setores da importância estratégica dessa questão para o empoderamento das pessoas e para o desenvolvimento regional. Há estudos que mostram que a inclusão e a educação financeiras podem levar a um incremento do PIB de até 14% nos países em desenvolvimento. Participantes: Mona Dorf, jornalista, Diretora- Adjunta de Mídias Sociais da Febraban. Maurício Moura, Diretor de Relacionamento, Cidadania e Supervisão de Conduta do Banco Central do Brasil. Nancy Widjaja, Assessora de Políticas do Advogado Especial do Secretário-Geral das Nações Unidas para Financiamento Inclusivo para o Desenvolvimento, UNSGSA. Eric Usher, Head da Iniciativa Financeira do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente – UNEP. Alan Gómez, VP de Sustentabilidade e Coordenador do Comitê de Sustentabilidade da Associação de Bancos do México (ABM). Saniya Ansar, Economista Líder do Banco Mundial. Amaury Oliva, Diretor de Sustentabilidade, Cidadania

Filosoficamente Incorreto
Classes e desigualdades sociais: Conceito de classe para Karl Marx e Max Weber

Filosoficamente Incorreto

Play Episode Listen Later Dec 13, 2022 7:32


Classes e desigualdades sociais: Conceito de classe para Karl Marx e Max Weber --- Send in a voice message: https://anchor.fm/pedro-mendes-ju00fanior/message

Psicologia e Desenvolvimento Com Eric Rocha
Desenvolva Alegria, Felicidade e Esperança Com a Música - Músicoterapia

Psicologia e Desenvolvimento Com Eric Rocha

Play Episode Listen Later Dec 13, 2022 37:47


Controle a Sua Mente: https://escoladedesenvolvimentodefinitivo.com/assine-ja-2 Aprenda Como Usar a Psicologia Para Dirigir a Mente com Maestria, Dirigir Pensamentos, Emoções e Comportamentos, Para Superar os Sofrimentos, Desenvolver a Força, e a Resiliência e Desfrutar Melhor da Vida. Saiba Mais: https://escoladedesenvolvimentodefinitivo.com/assine-ja-2 Conheça todos os produtos de Eric Rocha e Acompanhe Ele Nas Mídias Sociais: https://linktr.ee/ericrocha001e --- Send in a voice message: https://anchor.fm/ericrocha/message

História Preta
Copa em Preto | 4. Menino Rei

História Preta

Play Episode Listen Later Dec 12, 2022 31:09


Depois da derrota nas Copas de 50 e 54, autoridades do esporte concluem que o fracasso de nossa Seleção reside no fato dela ser “muito negra”. Mas em 58, o primeiro título da amarelinha vem justamente pelos pés de um menino preto. Um menino que ousou ser Rei.APOIEEste episódio só foi possível graças a contribuição generosa de nossos apoiadores. Se você gosta do nosso trabalho, considere nos apoiar em apoia.se/historiapretaChave Pix: historiapreta@gmail.comLOJAAcesse loja.historiapreta.com.br e vista nossa história.--FICHA TÉCNICAPesquisa, roteiro e apresentação Thiago AndréEdição de Som: Caio SantosDesenho de Som: Janaína OliveiraTrilha Original: Jonatas CristinoRedes sociais e Gerência da comunidade: Carolina FerreiraIdentidade Visual: Raimundo Britto--Nos siga nas redes sociais no twitter @historiapreta e no Instagram @historia_pretaBIBLIOGRAFIAGUEDES, S.L. Que “povo brasileiro” no campo de futebol?. Revista Razón y Palabra, n.69, 2009.MENDES, Fábio. Campeões da Raça: os heróis negros da copa de 1958. São Paulo: Shuriken Produções, 2018. 272 p.SILVA, Ana Paula. Pelé e o complexo de vira-latas: discursos sobre raça e modernidade no Brasil. 217 f. 2008. Tese (Doutorado em Ciências Humanas – Antropologia Cultural) – Instituto de Filosofia e Ciências Sociais, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2008.  

Lado B do Rio
Lado B do Rio #260 - A fome, o agro e o clima (com Junior Aleixo)

Lado B do Rio

Play Episode Listen Later Dec 10, 2022 51:43


No penúltimo Lado B do ano, recebemos o pesquisador Junior Aleixo, doutorando de Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade, e especialista em Justiça Climática, para explicar como a fome, o agronegócio e as mudanças climáticas se interligam na dinâmica do capitalismo.– Com Caio Bellandi e Daniel Soares;– Apoie o Lado B na Orelo por pix ou cartão de crédito.

#MulherDeFibra
Ruth Cardoso

#MulherDeFibra

Play Episode Listen Later Dec 6, 2022 3:10


Ruth Cardoso foi uma antropóloga e professora universitária. De 1995 a 2003, serviu como primeira-dama do Brasil, desenvolvendo eficientes e duradouros projetos sociais. PhD em antropologia e reconhecida internacionalmente no mundo acadêmico, trabalhou como pesquisadora e lecionou em várias das melhores universidades do mundo. Nasceu em 1930, em Araraquara, e se mudou para São Paulo aos 18 anos, quando ingressou na USP para estudar Ciências Sociais. Em 1951, na universidade, conheceu Fernando Henrique Cardoso. Casaram-se dois anos depois. Respeitada internacionalmente, Ruth lecionou em Columbia, Berkley, a Universidade da Califórnia, do Chile e em instituições de ensino em Paris. Ruth teve a oportunidade de pôr seus anos de pesquisa em prática ao se tornar primeira-dama do Brasil em 1995. Ela, aliás, foi a primeira esposa de um presidente nosso a ter um diploma universitário. É costumeiro que primeiras-damas trabalhem com caridade e projetos sociais, mas Ruth Cardoso o fez com muito mais embasamento e peso que suas predecessoras. Foi criadora, por exemplo, do projeto Comunidade Solidária, que tinha como objetivo o combate à extrema pobreza e compreendia programas de alfabetização e escolarização, inclusão universitária, capacitação para o mercado de trabalho, etc. Além de ajudar os desfavorecidos, o projeto incentivava a discussão e a pesquisa aprofundada sobre os resultados de tais iniciativas sociais. Ruth Cardoso foi além da caridade: durante os dois mandatos de FHC, ela se manteve ativa e influente no diálogo político, exercendo publicamente suas opiniões sobre assuntos delicados como aborto, drogas, religião e reforma agrária com clareza e embasamento. Condecorada em mais de dez países e vencedora de inúmeros prêmios por seu trabalho acadêmico, social e político, Ruth Cardoso faleceu em 2008, aos 77 anos de idade.

CARROSSEL
CARROSSEL #159 spotify wrapped, pressões sociais, saco de água quente

CARROSSEL

Play Episode Listen Later Dec 4, 2022 32:38


spotify wrapped, pressões sociais, saco de água quente

Programa Café Empreendedor
Ações Sociais para o ”employer branding”

Programa Café Empreendedor

Play Episode Listen Later Nov 30, 2022 67:11


No episódio #335 conversamos sobre o desenvolvimento de ações sociais para o "employer branding" ou marca empregadora. Nossas poderosas da semana foram a Letycia Grill e a Victoria psicólogas organizacionais da VG Associados e trouxeram alguns pontos que começam no planejamento estratégico e na cultura organizacional da empresa. O objetivo deste episódio foi reforçar que além da busca do objetivo maior, que é mitigar alguma mazela social dentro do ambiente que a empresa está inserida as empresas podem desenvolver ações através de seus colaboradores, melhorando o engajamento da equipe e tornando um local onde as pessoas gostariam de fazer parte também pelo impacto social que a empresa gera. E aí curtiu? Quer saber mais sobre o tema? Dá o play no Café Empreendedor em qualquer plataforma de streaming! Café Empreendedor, seu Podcast de negócios! #empreendedorismo #negocios #podcast #employerbranding #marcaempregadora #psicologiaorganizacional

RPG Next Podcast
34º Guerreiros do Bem | Ação Social do RPG Next

RPG Next Podcast

Play Episode Listen Later Nov 26, 2022 3:16


Em Novembro de 2022 o RPG Next realizou seu 34º Guerreiros do Bem, doação da Ação Social da Campanha do Picpay e Padrim. Nós conseguimos fazer mais uma doação de produtos de limpeza para o PRECAVVIDA, graças aos padrinhos e madrinhas do RPG Next! Veja todos os detalhes em: https://www.padrim.com.br/rpgnext e https://picpay.me/rpgnext. Toda doação arrecadada pela Campanha do Padrim e Picpay que não puder ser utilizada para melhorias do material produzido pelo RPG Next, será acumulada todo mês e revertida em doação (através da compra de produtos ou serviços, mas nunca dinheiro vivo) às Instituições Sociais necessitadas. AJUDE a PRECAVVIDA Curitiba - PR (41) 3262-0143 (Falar com Felomena). Obrigado a todos os Padrinhos e assinantes do RPG Next. Sem vocês isso não seria possível! APOIE NOSSA CAUSA! Nossa Campanha do PADRIM está no AR! Acesse e veja nossas Metas e Recompensas para os patronos. padrim.com.br/rpgnext   Se você preferir nos apoiar pelo PICPAY, acesse e veja nossas recompensas: picpay.me/rpgnext https://rpgnext.com.br/doadores/   COMPARTILHE! Se você gostou desse Podcast de RPG, então não se esqueça de compartilhar! Facebook RpgNextPage, Grupo do Facebook RPGNext Group, Twitter @RPG_Next,  Canal do YouTube,  Instagram @rpgnext, Vote no iTunes do Tarrasque na Bota e no iTunes do RPG Next Podcast com 5 estrelas para também ajudar na divulgação! Contato Facebook / Twitter / Google+ / YouTube

Editorial - Gazeta do Povo
Editorial: O autoritarismo judicial da suspensão de perfis em mídias sociais

Editorial - Gazeta do Povo

Play Episode Listen Later Nov 23, 2022 12:25


Editorial: O autoritarismo judicial da suspensão de perfis em mídias sociais

Opinião
# 164 O BRASILEIRO E A COPA DO MUNDO

Opinião

Play Episode Listen Later Nov 18, 2022 26:11


Faltando três dias para o início da Copa do Mundo do Catar, o Opinião quer saber: qual a relação do brasileiro com o futebol e, em especial, com essa competição? Nesse ano, a copa vai ajudar a reunir as famílias e amigos separados pela polarização da política? O evento também pode contribuir para que a população resgate o uso das cores da bandeira de forma apartidária? Para falar sobre o assunto, receberemos o jornalista e diretor de Esportes da TV Cultura, VLADIR LEMOS, o cientista social e professor-adjunto da Escola de Ciências Sociais, da Fundação Getúlio Vargas, BERNARDO BUARQUE DE HOLLANDA e o antropólogo, professor do Centro de Estudos Estratégicos Educacionais do Rio de Janeiro, ÉDISON GASTALDO.

Deixar o Mundo Melhor
D. Manuel Clemente

Deixar o Mundo Melhor

Play Episode Listen Later Nov 18, 2022 40:33


Nasceu em Torres Vedras a 16 de julho de 1948, frequentou boas escolas, matriculou-se na Faculdade de Direito de Lisboa mas rapidamente percebeu que preferia o curso de História, mudou para a Faculdade de Letras, licenciou-se em História um ano depois de ingressar no Seminário dos Olivais (1973), numa época em que a procura destas instituições de ensino estava em franco declínio. Manuel José Macário do Nascimento Clemente fez escutismo, trabalhou nas paróquias, foi padre, doutorou-se em Teologia, colaborou com a Rádio Renascença, presidiu à Comissão Episcopal da Cultura, Bens Culturais e Comunicações Sociais (2005 - 2011), o Papa Bento XVI confirmou-o como Bispo do Porto, e agora é o 17º Cardeal Patriarca de Lisboa. O homem que (quase) todos conhecem por D. Manuel Clemente, procura consensos e fintar as polémicas. Tem fé na "solidariedade", porque "isto tem de chegar para todos", e alerta que as Jornadas da Juventude em 2023 poderão criar problemas de alojamento, porque "em termos logísticos não temos capacidade de alojamento, alimentação e transporte para muito mais" do que um milhão de pessoas.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Podcast Universitário
#128 - Cursos de Tradução & Assessoria e Tradução c/ convidados dos cursos

Podcast Universitário

Play Episode Listen Later Nov 17, 2022 134:40


Sabias que não existe apenas uma Licenciatura em Tradução? Sabias que há diferenças de Universidade para Universidade? Descobre isto e muito mais neste LIVE! Testemunhos da Licenciatura em Tradução na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e da Licenciatura em Assessoria e Tradução do Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto.

Notícias Agrícolas - Podcasts
Gastos sociais dependem de geração de riquezas, que, por sua vez, precisa do fortalecimento do agronegócio

Notícias Agrícolas - Podcasts

Play Episode Listen Later Nov 14, 2022 63:59


O Brasil terá no próximo ano um governo com foco nas distribuição de riquezas por meio do Estados, o que pode gerar um desequilíbrio fiscal. No Conexão Campo Cidade, nosso time destacou que para gastar, é preciso ter e, para ter mais riquezas no Brasil, é necessário que o agro esteja cada vez mais forte

Mais Esquerda
Cuidadores Informais, Respostas Sociais e Direito ao Cuidado

Mais Esquerda

Play Episode Listen Later Nov 5, 2022


Audição pública realizada a 4 de novembro de 2022 na Assembleia da República. Com intervenções de Maria Anjos Catapirra (Associação Nacional de Cuidadores Informais), Tainara Machado (Colectiva e Precários Inflexíveis), Valentina Perrota (membro do Conselho Consultivo dos Cuidados no Uruguai) e José Gusmão (eurodeputado do Bloco/The Left).

#Provocast
#157 - Eduardo Giannetti

#Provocast

Play Episode Listen Later Nov 3, 2022 53:58


Marcelo Tas conversa com o economista e palestrante Eduardo Giannetti no Provocast desta semana. Durante o programa, eles falam sobre ética e felicidade, a importância de achar soluções e não somente criticar, a relação entre renda per capita e felicidade, entre outros assuntos. Giannetti é economista, ocupante da segunda cadeira da Academia Brasileira de Letras, professor, escritor e palestrante, formado na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) e em Ciências Sociais pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH), ambas da Universidade de São Paulo.

Lado B do Rio
Lado B Notícias#126 – Lula Presidente

Lado B do Rio

Play Episode Listen Later Nov 1, 2022 42:09


No programa dessa semana, a bancada do Lado B Notícias se encontra para falar da eleição mais importante do nosso período democrático. Fernanda Castro, Giovana Zucatto e Hévila Wanderley conversam com Talita Tandscheit, doutora em ciências sociais e pesquisadora do Instituto de Pesquisa em Ciências Sociais na Universidade Diego Portales no Chile, sobre a vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), no segundo turno, com mais de 60 milhões de votos. Música usada no episódio: “Tá na hora do Jair já ir embora” de Juliano Maderada e Tiago Doidão

45 Graus
#131 Edalina Rodrigues Sanches - Porque tarda a democracia em África?

45 Graus

Play Episode Listen Later Oct 19, 2022 73:30


Edalina Rodrigues Sanches é doutorada em Ciência Política pela Universidade de Lisboa e é actualmente Investigadora Auxiliar no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa. Os seus interesses de investigação incluem democratização, representação, ligações partidos-cidadãos, comportamento político, e dedicação ao círculo eleitoral, com enfoque em África. A sua tese de doutoramento foi distinguida com o prémio da Associação Portuguesa de Ciência Política em 2016, e deu origem ao livro «Party Systems in Young Democracies: Varieties of institutionalization in Sub-Saharan Africa, publicado pela Routledge. -> Apoie este projecto e faça parte da comunidade de mecenas do 45 Graus em: 45grauspodcast.com _______________ Índice da conversa: (3:35) Início da conversa (6:47) O processo de descolonização do pós II GM. | O que se passou para tantos líderes promissores da independência se terem revelado ditadores? (12:21) A «3ª vaga de democratização»: O que correu mal? | Como evoluiu de lá para cá? Francis Fukuyama e o Fim da História. | O que há de especial nos países africanos mais democráticos?  (26:57) Os desafios da democracia em África. Diversidade étnica e comunitarismo. | É preciso “africanizar a democracia”. O caso de sucesso do Botswana  (38:13) O tipo de colonização de cada país impactou o sucesso da democratização? A «maldição dos recursos naturais». É possível prever o sucesso da democratização com base em diferentes realidades pré-coloniais? (48:34) Casos de sucesso de democratização no século XXI? Seicheles, Zâmbia, Malawi (acção do Tribunal Constitucional). Mo Ibrahim Index of African Governance (IIAG). | O caso do Rwanda.  (57:10) Casos de INsucesso de democratização no século XXI? Guiné Equatorial, Eswatini, Chade, Camarões, Djibuti. | O mundo lusófono: Angola e Moçambique.  (1:04:22) Que podemos esperar no futuro da democracia em África? O crescimento dos protestos populares em vários países.  Livro recomendado: Marcher, une philosophie, de Frédéric Gros _______________ África é um continente gigante, com 54 países, étnica e culturalmente diverso e com um enorme potencial ainda por desenvolver. Mas é também vítima de uma História… complicada (para usar um eufemismo), com séculos de exploração europeia, primeiro, e colonialismo, depois.  O pós II Guerra Mundial trouxe uma nova esperança ao continente, com 30 países a tornarem-se independentes entre 1945 e 1960.  As promessas de democracia e liberdade saíram, porém, esfumadas, com muitos países a acabarem dominados por regimes autoritários. No final dos anos 1980, começou uma nova era de optimismo, com a chamada “3ª onda de democratização mundial” (cujo início se convencionou ser o nosso 25 de abril) a ganhar em África um ímpeto especialmente grande, combinando uma conjuntura internacional favorável (com a queda da URSS) com importantes protestos políticos a nível doméstico. Neste período, diversos países conseguiram iniciar processos de liberalização política para sistemas mais democráticos. No entanto, desde então, a verdade é que tem havido poucos ou nenhuns progressos ao nível da democracia em África (sobretudo se excluirmos a Primavera Árabe, no caso dos países acima do Sahara, cujo sucesso, de resto, acabou por ser reduzido). Hoje, menos de 10 de entre os 54 países que compõem o continente, são considerados democracias “liberais”. Se excluirmos países-ilhas, falamos essencialmente do Gana e dos três países mais a sul: África do Sul, Botswana e Namíbia. Ao olhar para o estado da democracia em África há, por isso, várias perguntas a que é preciso responder.  O que correu mal no processo de independência, em particular naqueles países que tinham, na altura, líderes independentistas tão promissores?  No sentido inverso, o que permitiu os avanços da democracia nos anos 1990? E o que explica os parcos progressos desde então?  Por outro lado, que factores comuns podemos identificar num continente tão grande e tão diverso?  E, finalmente, o que podemos esperar no futuro da democracia no continente nas próximas décadas?  Para responder a estas questões, dificilmente poderia pedir melhor pessoa do que a convidada deste episódio. Foi uma conversa muito elucidativa, sobre uma realidade muito complexa e à qual não damos, porventura, a devida atenção.  _______________ Obrigado aos mecenas do podcast: Julie Piccini, Ana Raquel Guimarães Galaró family, José Luís Malaquias, Francisco Hermenegildo, Nuno Costa, Abílio Silva, Salvador Cunha, Bruno Heleno, António llms, Helena Monteiro, BFDC, Pedro Lima Ferreira, Miguel van Uden, João Ribeiro, Nuno e Ana, João Baltazar, Miguel Marques, Corto Lemos, Carlos Martins, Tiago Leite Tomás Costa, Rita Sá Marques, Geoffrey Marcelino, Luis, Maria Pimentel, Rui Amorim, RB, Pedro Frois Costa, Gabriel Sousa, Mário Lourenço, Filipe Bento Caires, Diogo Sampaio Viana, Tiago Taveira, Ricardo Leitão, Pedro B. Ribeiro, João Teixeira, Miguel Bastos, Isabel Moital, Arune Bhuralal, Isabel Oliveira, Ana Teresa Mota, Luís Costa, Francisco Fonseca, João Nelas, Tiago Queiroz, António Padilha, Rita Mateus, Daniel Correia, João Saro João Pereira Amorim, Sérgio Nunes, Telmo Gomes, André Morais, Antonio Loureiro, Beatriz Bagulho, Tiago Stock, Joaquim Manuel Jorge Borges, Gabriel Candal, Joaquim Ribeiro, Fábio Monteiro, João Barbosa, Tiago M Machado, Rita Sousa Pereira, Henrique Pedro, Cloé Leal de Magalhães, Francisco Moura, Rui Antunes7, Joel, Pedro L, João Diamantino, Nuno Lages, João Farinha, Henrique Vieira, André Abrantes, Hélder Moreira, José Losa, João Ferreira, Rui Vilao, Jorge Amorim, João Pereira, Goncalo Murteira Machado Monteiro, Luis Miguel da Silva Barbosa, Bruno Lamas, Carlos Silveira, Maria Francisca Couto, Alexandre Freitas, Afonso Martins, José Proença, Jose Pedroso, Telmo , Francisco Vasconcelos, Duarte , Luis Marques, Joana Margarida Alves Martins, Tiago Parente, Ana Moreira, António Queimadela, David Gil, Daniel Pais, Miguel Jacinto, Luís Santos, Bernardo Pimentel, Gonçalo de Paiva e Pona , Tiago Pedroso, Gonçalo Castro, Inês Inocêncio, Hugo Ramos, Pedro Bravo, António Mendes Silva, paulo matos, Luís Brandão, Tomás Saraiva, Ana Vitória Soares, Mestre88 , Nuno Malvar, Ana Rita Laureano, Manuel Botelho da Silva, Pedro Brito, Wedge, Bruno Amorim Inácio, Manuel Martins, Ana Sousa Amorim, Robertt, Miguel Palhas, Maria Oliveira, Cheila Bhuralal, Filipe Melo, Gil Batista Marinho, Cesar Correia, Salomé Afonso, Diogo Silva, Patrícia Esquível , Inês Patrão, Daniel Almeida, Paulo Ferreira, Macaco Quitado, Pedro Correia, Francisco Santos, Antonio Albuquerque, Renato Mendes, João Barbosa, Margarida Gonçalves, Andrea Grosso, João Pinho , João Crispim, Francisco Aguiar , João Diogo, João Diogo Silva, José Oliveira Pratas, João Moreira, Vasco Lima, Tomás Félix, Pedro Rebelo, Nuno Gonçalves, Pedro , Marta Baptista Coelho, Mariana Barosa, Francisco Arantes, João Raimundo, Mafalda Pratas, Tiago Pires, Luis Quelhas Valente, Vasco Sá Pinto, Jorge Soares, Pedro Miguel Pereira Vieira, Pedro F. Finisterra, Ricardo Santos _______________ Esta conversa foi editada por: Hugo Oliveira _______________ Bio: Edalina Rodrigues Sanches é doutorada em Ciência Política (Universidade de Lisboa) e Investigadora Auxiliar no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa. Os seus interesses de investigação incluem democratização, protesto popular, desenvolvimento dos partidos e sistemas partidários e representação política, com enfoque em África. A sua investigação tem sido publicada em revistas como Party Politics, African Affairs, Journal of Contemporary African Studies, Parliamentary Affairs, Electoral Studies, entre outras. Publicou recentemente o livro  Party Systems in Young Democracies: Varieties of institutionalization in Sub-Saharan Africa (Routledge, 2018) e organizou o livro  Popular Protest, Political Opportunities, and Change in Africa (Routledge, 2022). Integra a comissão editorial das revistas Caderno de Estudos Africanos e Análise Social.

Mamilos
Que pontes existem entre mulheres conservadoras e progressistas?

Mamilos

Play Episode Listen Later Sep 5, 2022 65:28


Mamileiros e mamiletes, uma das premissas da polarização política é que a gente não dialoga com o outro campo, que não existe troca com pessoas reais com suas complexidades e ambiguidades. A gente discute sempre com um espantalho, uma simplificação grotesca, uma caricatura de alguns valores do outro campo. Como essa dinâmica contribui para criar fossos entre as mulheres conservadoras e progressistas? Quais são as pontes que existem entre elas? Para desarmar essa armadilha precisamos primeiro baixar a guarda e ouvir de peito e mente aberta. Quem são as mulheres conservadoras? O que elas pensam? O que nos divide e o que nos aproxima? O que é mais importante? É possível construir pontes e dialogar? Podemos ter pautas comuns? Podemos ser aliadas estratégicas? No programa de hoje, Ju Wallauer e Cris Bartis conversam com Esther Solano, doutora em Ciências Sociais pela Universidade Complutense de Madri e professora de Relações Internacionais da Unifesp, e com Beatriz Della Costa, que é cientista social, cofundadora e diretora do Instituto Update, organização da sociedade civil sem fins lucrativos que estuda e fomenta a inovação política na América Latina e coautora do livro "Feminismo em disputa". Aperta o play e vamos juntas! _____ FALE CONOSCO . Email: mamilos@b9.com.br _____ PODCAST BUNGA BUNGA Silvio Berlusconi é um magnata bilionário, com uma coleção de escândalos, que virou de cabeça para baixo a política na Itália e hipnotizou o país inteiro. Ninguém imaginava que ele pudesse chegar ao poder, mas a sua riqueza, carisma e o controle quase total da mídia fizeram dele um dos homens mais influentes do mundo. Ele foi o primeiro-ministro que permaneceu no cargo por mais tempo em um dos países mais ricos do mundo, até ser derrubado por três mulheres poderosas – e duas palavras: “Bunga Bunga”. Uma produção da Wondery, o podcast “Bunga Bunga” é uma série em oito episódios sobre a incrível ascensão e queda de Silvio Berlusconi. Ouça em qualquer plataforma de áudio ou antes no Amazon Music. Você também ouvir antes e sem anúncios assinando o Wondery+, no Apple Podcasts. _____ AGÊNCIA ANA COUTO Há mais de 25 anos, a Agência Ana Couto é especializada em branding para criar um alinhamento perfeito entre estratégias de marca, negócio, comunicação e cultura. Desde 2015, o grupo também criou um espaço para profissionais e estudantes: a LAJE. Essa plataforma de conteúdo e aprendizagem oferece uma série de cursos online. Hoje queremos falar do “inovação insider”, que será realizado do dia 27 de setembro a 13 de outubro. Em três semanas, você aprende com os especialistas da Ana Couto e de empresas reconhecidas como inovadoras como a Ambev e o iFood. Esse curso tem nomes como Marino Lima, diretor de estratégia da Ambev, Marcos Gurgel, líder de inovação do Ifood e Amanda Graciano, head de relações corporativas da Fischer. Gostou? Ouvinte do Mamilos também tem 15% desconto usando o cupom B915! Para mais informações sobre as inscrições desse curso e sobre a Laje, é só acessar o site tipinsights.com.br/inovacao-insider _____ CONTRIBUA COM O MAMILOS Quem apoia o Mamilos ajuda a manter o podcast no ar e ainda participa do nosso grupo especial no Telegram. É só R$9,90 por mês! Quem assina não abre mão. https://www.catarse.me/mamilos _____ Equipe Mamilos Mamilos é uma produção do B9 A apresentação é de Cris Bartis e Ju Wallauer. Pra ouvir todos episódios, assine nosso feed ou acesse mamilos.b9.com.br Quem coordenou essa produção foi a Beatriz Souza. Com a estrutura de pauta e roteiro escrito por Eduarda Esteves. A edição foi de Mariana Leão e as trilhas sonoras, de Angie Lopez. A capa é de Helô D'Angelo. A coordenação digital é feita por Agê Barros, Carolina Souza e Thallini Milena. O B9 tem direção executiva de Cris Bartis, Ju Wallauer e Carlos Merigo. O atendimento e negócios é feito por Rachel Casmala, Camila Mazza, Greyce Lidiane e Telma Zenaro.