Podcasts about Oi

Share on
Share on Facebook
Share on Twitter
Share on Reddit
Share on LinkedIn
Copy link to clipboard
  • 1,240PODCASTS
  • 3,937EPISODES
  • 38mAVG DURATION
  • 1DAILY NEW EPISODE
  • May 23, 2022LATEST

POPULARITY

20122013201420152016201720182019202020212022


Best podcasts about Oi

Show all podcasts related to oi

Latest podcast episodes about Oi

Your Best Year Starts Here! with Nigel Risner and Neil Martin

Oi!!!! Yeah, you... What is your biggest challenge right now? We'd love to hear from you so we can make sure we cover topics that will help you on the show. Hit us up on our socials and let us know ;-)

Experiencing Data with Brian O'Neill
091 - How Brazil's Biggest Fiber Company, Oi, Leverages Design To Create Useful Data Products with Sr. Exec. Design Manager, João Critis

Experiencing Data with Brian O'Neill

Play Episode Listen Later May 17, 2022 31:24


Today I talked with João Critis from Oi. Oi is a Brazilian telecommunications company that is a pioneer in convergent broadband services, pay TV, and local and long-distance voice transmission. They operate the largest fiber optics network in Brazil which reaches remote areas to promote digital inclusion of the population. João manages a design team at Oi that is responsible for the front end of data products including dashboards, reports, and all things data visualization.  We begin by discussing João's role leading a team of data designers. João then explains what data products actually are, and who makes up his team's users and customers. João goes on to discuss user adoption challenges at Oi and the methods they use to uncover what users need in the last mile. He then explains the specific challenges his team has faced, particularly with middle management, and how his team builds credibility with senior leadership. In conclusion, João reflects on the value of empathy in the design process.    In this episode, João shares:   A data product  (4:48) The research process used by his data teams to build journey maps for clients (7:31) User adoption challenges for Oi (15:27) His answer to the question “how do you decide which mouths to feed?” (16:56) The unique challenges of middle management in delivering useful data products (20:33) The importance of empathy in innovation (25:23) What data scientists need to learn about design and vice versa (27:55)   Quotes from Today's Episode “We put the final user in the center of our process. We [conduct] workshops involving co-creation and prototyping, and we test how people work with data.” - João (8:22) "My first responsibility here is value generation. So, if you have to take two or three steps back, another brainstorm, rethink, and rebuild something that works…. [well], this is very common for us.” - João (19:28) “If you don't make an impact on the individuals, you're not going to make an impact on the business. Because as you said, if they don't use any of the outputs we make, then they really aren't solutions and no value is created. - Brian (25:07) “It's really important to do what we call primary research where you're directly interfacing as much as possible with the horse's mouth, no third parties, no second parties. You've really got to develop that empathy.” - Brian (25:23) “When we are designing some system or screen or other digital artifact, [we have to understand] this is not only digital, but a product. We have to understand people, how people interact with systems, with computers, and how people interact with visual presentations.” - João (28:16) Links Oi: https://www.oi.com.br/ LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/critis/ Instagram: https://www.instagram.com/critis/

Angu de Grilo
Lula, Alckmin e Yanomamis #134

Angu de Grilo

Play Episode Listen Later May 10, 2022 70:22


Oi, angulers! No #134, abrimos comentando o lançamento oficial da chapa Lula-Alckmin que aconteceu durante evento em São Paulo, no último sábado. Depois, traçamos uma linha do tempo das violações e perseguição dos indígenas nas terras Yanomamis. Uma tragédia mais que anunciada. Sirva-se! Edição e mixagem: Tico Pro - Laranja Preta Produtora - Indicações: - No (filme) - Anatomia de um escândalo (série Netflix) - Avisa lá que eu vou (GNT) - Perfil de Lula na revista Time: https://time.com/6173104/lula-da-silva-transcricao/ - Nota pública da Hutukara Associação Yanomami sobre a situação do desaparecimento da comunidade Sanomã de Aracaçá: https://cimi.org.br/wp-content/uploads/2022/05/Nota-Hay-sobre-Aracac%CC%A7a.pdf

ANAGRAMA
DIÁRIOS DA ÁFRICA #1 | O envio

ANAGRAMA

Play Episode Listen Later May 3, 2022 11:22


Oi, pessoas! Lá vamos nós pra mais uma série nesse podcast. Toda vez que eu comento um pouco sobre o período que passei na África do Sul, surgem várias perguntas e curiosidades, então nada mais justo do que contar para vocês sobre esse período incrível em missão, que mudou minha vida pra sempre.

StageRage
Sobre Sonic Origins, Death's Door e outros!

StageRage

Play Episode Listen Later Apr 28, 2022 63:35


Sobre Sonic Origins, Death's Door e outros! Bem-vindos ao StageRage, o vosso podcast de entretenimento com foco nos videojogos! Entrem em contacto connosco através do e-mail stageragepodcast@gmail.com e no Instagram em @stageragepodcast Também já estamos disponíveis no Popcasts! Oiçam aqui: https://popcasts.pt/podcasts/stagerage/ Há muitos tópicos no round-up desta semana! Eis alguns deles: - RageReview ao Death's Door e Assassin's Creed Rogue - Impressões de Northman, Encanto e outros filmes - O anúncio de Sonic Origins - O Record Store Day - Um olhar sobre a banda sonora de Sonic através dos seguintes canais: https://www.youtube.com/c/carpathia808 https://www.youtube.com/channel/UC3hwP25TVdY8VLtR9w7cX4w Episódio com a participação de: Nuno Vieira Pedro Romão Wilson Ferreira Logo criado por JAM - Ilustração e Design Intro, separador e outro: Be Faste de Andrey Sitkov (adquirida através do Humble Big Music Bundle)

Gabriela Prioli
ELEIÇÕES 2022: QUE COMECEM OS MEMES!

Gabriela Prioli

Play Episode Listen Later Apr 27, 2022 14:37


Oi internautas!(Risos) Hoje, vamos falar da comunicação nas campanhas presidenciais. Será que está todo mundo atualizado pro mundo das redes?

Convidado
Cabo Verde está preparado para ensinar crioulo nas escolas?

Convidado

Play Episode Listen Later Apr 26, 2022 12:55


A promessa da introdução da língua cabo-verdiana a partir do 10º ano, como disciplina opcional, no próximo ano lectivo, continua a suscitar algumas questões em Cabo Verde. O linguista e professor universitário João Delgado da Cruz considera necessária a oficialização da língua cabo-verdiana, mas avisa que primeiro se tem de fazer a padronização e isso precisa de tempo e estudos sobre todas as variantes. Em Novembro do ano passado, durante o seu discurso de tomada de posse, lido em português e crioulo, o Presidente da República cabo-verdiano, José Maria Neves, comprometeu-se a defender a oficialização do crioulo. No início deste ano, o governo adiantou que a língua cabo-verdiana vai ser introduzida a partir do 10º ano, como disciplina opcional, no próximo ano lectivo. O linguista e professor universitário João Delgado da Cruz é a favor do ensino do crioulo nas escolas, mas alerta que é preciso, em primeiro lugar, a padronização e oficialização da língua cabo-verdiana e, para isso, é necessário tempo e estudos sobre as diferentes variantes porque até agora a maioria dos estudos incide sobre a variante da ilha de Santiago. “Na generalidade sou a favor porque a nossa língua materna deve ser estudada. Num primeiro momento, deve ser estudada nas universidades para preparar professores nos cursos de formação de professores; que se estude profundamente a língua cabo-verdiana, que se façam teses e monografias”, afirma, defendendo que “ainda há problemas flutuantes”. Entre esses “problemas flutuantes” estão “a questão da padronização e da oficialização”. O professor da Universidade de Cabo Verde (Uni-CV) e Jean Piaget de Cabo Verde sublinha que “as variantes são muito diferentes” e que escolher uma variante padrão não é o caminho certo. “Podemos considerar nove variantes porque cada ilha teve um ‘timing' de povoamento, tipo de pessoas que estiveram no povoamento, contacto com a língua portuguesa, contacto entre ilhas, etc. Eu defendo que se deve primeiro padronizar e a padronização é complexa”, afirma. Ainda que admita que há quem considere que cada ilha deve estudar a sua variante, o mestre em linguística geral e portuguesa defende que deverá haver “um consenso que só se adquire ao longo dos anos” e com estudos das diferentes variantes. “A padronização é um processo longo que pode passar por um Coiné, por uma mistura de todas as variantes, como acontece com muitas línguas ao longo do tempo. Mas, ainda não temos um esqueleto do crioulo de Cabo Verde. Temos vários estudos, mas a maior parte dos estudos incidem na variante de Santiago. A ideia que passa é que se quer impor uma variante”, considera. Sem os devidos estudos, fazem-se as coisas “à pressa” e a introdução do crioulo nas escolas sem os devidos estudos pode ser precipitada, considera o linguista. “Eu não estou vendo um professor de Santo Antão a ensinar na variante de Santo Antão porque não há estudos sobre a variante de Santo Antão”, exemplifica. Questionado sobre o alfabeto experimental Alupec, João Delgado da Cruz avisa que também comporta insuficiências: “Temos duas línguas em Cabo Verde. Utilizamos o alfabeto etimológico, latino, para escrever a língua portuguesa e quando se for ensinar o crioulo, a língua cabo-verdiana, vai-se implementar o Alupec que é um alfabeto experimental diferente do alfabeto etimológico latino e que é essencialmente fonológico”, explica. O professor alerta que há o risco de uma criança que aprenda dois alfabetos de duas línguas muito parecidas “daqui a uns tempos escreva português usando o Alupec”. João Delgado da Cruz sublinha que português e crioulo são línguas complementares, que “não há conflito” e que ambas merecem ser devidamente estudadas e explicadas em manuais escolares para os professores poderem ensiná-las devidamente. Oiça aqui a entrevista.

ANAGRAMA
FRAQUEZA | Reconhecimento de condição

ANAGRAMA

Play Episode Listen Later Apr 26, 2022 7:11


Oi, pessoas! No episódio de hoje, converso com vocês um pouco sobre algo que tenho meditado e orado muito sobre: nossa necessidade de reconhecer fraquezas sob a luz do Senhor.

Only Three Lads - Classic Alternative Music Podcast

Oi!  Get ready for the most anarchic O3L ever, as we dive into '70s punk albums this week.  Because we're so punk, you may want to send the kids away before listening to this one, because we talk about the outrageous things that we punks talk about: Mucus!  The Monkees!  Debby Boone's secret punk rock past!  Booties!  Tiger Beat!  The Blue Lagoon!  The Flying Nun!  An anti-drug message (unless you're on a cruise, then let your freak flag fly)! And now for a special message from the Lads... Gregg: Hi, my name is Uncle Gregg and this is my 108th visit to Oversharers Anonymous. Brett: Rissoles!

Em directo da redacção
"Jazzy Bird": Sentir-se “em casa” numa “casa de jazz” no Mindelo

Em directo da redacção

Play Episode Listen Later Apr 25, 2022 11:05


Esta é uma história de amizade e amor pela música. O bar Jazzy Bird tem 25 anos e espelha o espírito do Mindelo, na ilha de São Vicente, em Cabo Verde. Aqui ouve-se simplesmente música e convive-se. Vou Monteiro, sócio-gerente do espaço, contou-nos essa história, momentos antes de mais um concerto ao vivo. Vou Monteiro nunca está quieto, muito menos antes de um concerto no seu bar, ou melhor, no passeio lá fora que rapidamente se enche para ouvir os músicos que ele convida. Estamos no Jazzy Bird, uma aventura com 25 anos que espelha o espírito do Mindelo, na ilha de São Vicente. Aqui ouve-se simplesmente música e convive-se. Esta noite, o "cabeça-de-cartaz" é Bau, um dos músicos da terra mais conhecidos e um “homem da casa”, já acarinhado pelo público do Jazzy Bird. Tendo em conta os 25 anos de existência e resistência, o bar pode ser considerado histórico mas é, antes de mais, uma história de família, amizade e amor pela música. “Uma das coisas que tornou este espaço histórico é esse tempo de existência, já lá vão 25 anos que estamos aqui”, começa por contar Vou Monteiro quando questionado se o Jazzy Bird é um ponto histórico do convívio e da música no Mindelo. A história começa quando era ainda menino porque o espaço é a antiga casa da avó, onde viveu. Um dia, ele e um amigo de infância, ambos “apaixonados pela música”, têm a ideia de transformar o espaço num bar que se distinguisse dos habituais botequins. Um bar para as pessoas sentarem e conviverem, diz. Vou Monteiro trabalhava na delegacia de saúde e não tinha “nenhuma queda para este tipo de negócio”. Mesmo assim, quando esse amigo Alexandre Novais estava de férias no Mindelo, decoraram o espaço, meteram “um frigorífico, três mesas”, e, num dia de Carnaval, a 27 de Fevereiro de 1997, decidem abrir. “Esse amigo que estava aqui de férias disse: ‘É hoje que vamos abrir!' Viemos aqui os dois com as bebidas locais, o ponche, o grogue… Era uma coisa que faltava em São Vicente porque não havia um espaço assim, onde as pessoas podiam sentar para conviver, para falar um bocadinho. Em São Vicente, sempre existiu aquilo que se chamava um botequim, com um balcão, as pessoas ficavam em pé, tomavam uma bebida e saíam de imediato. Esse conceito de sentar, conviver, nesse estilo de ‘pub' não existia”, recorda. Passado alguns anos, o Jazzy Bird começa a ter música ao vivo graças à motivação de outro amigo vindo de Portugal, o saxofonista Teck Duarte, ainda hoje homenageado por uma enorme fotografia no Jazzy Bird. “Ele fez toda a sua caminhada em Portugal, a tocar em grandes hotéis, em grandes espaços. Quando resolve regressar para a terra, ele já me conhecia desde menino, e no primeiro ou segundo dia que chegou, parou o carro aqui em frente, nessa porta, chamou-me, ai e tal, cumprimentou e disse: ‘Eu regressei, aqui é o local ideal para eu vir tocar aqui.' Eu respondi: ‘Não Teck, aqui não vamos fazer nada disso porque não tenho estrutura, não tenho mesa de som, não tenho nada'. E ele: ‘Deixa por minha conta'”. E foi assim que começaram a soar as notas ao vivo no bar. Primeiro, era o Teck Duarte sozinho, depois era ele e outros companheiros com o projecto Som das Ilhas. Seguiu-se o quarteto da nova geração de músicos Khaly Angel, Buna Lima, Yvan Medina e Kis Oliveira. A lista de artistas que por ali passaram, e passam, é longa, mas não se pode esquecer Bau, que toca no dia desta entrevista, nem Hernâni Almeida, na origem de outro projecto de Vou Monteiro. É precisamente com o guitarrista Hernâni Almeida e o amigo Alexandre Novais que Vou Monteiro cria o Mindel Summer Jazz, que já teve 9 edições e levou vários músicos dos quatro cantos do mundo ao Mindelo. Ou seja, tudo começou na casa da avó que se transformou numa casa da música ao vivo, “um local pequeno onde as pessoas se sentem em casa”. “Se já conseguimos resistir até aqui, agora é ir para a frente”, conclui Vou Monteiro, antes de ir correr ajudar os músicos a fazerem o “sound check” para mais um concerto. Oiça aqui a entrevista:

Miga sua louca!!
Episódio 85 - Quando sua cabeça é um emaranhado de fios desencapados...

Miga sua louca!!

Play Episode Listen Later Apr 24, 2022 21:00


Pessoas desse século se conhecendo: Oi, qual sua bebida preferida? Gosta de séries? Qual remédio pra depressão/ansiedade você tá tomando? Miga sua louca!!!

Tranquilidade Financeira | O Podcast do Clube do Valor
#385 | EU FINALMENTE COMPREI AÇÕES DA OI (OIBR3)?

Tranquilidade Financeira | O Podcast do Clube do Valor

Play Episode Listen Later Apr 23, 2022 6:23


Será que as ações da Oi (OIBR3) estão baratas? Eu comprei ações da Oi? É disso que vou falar nesse episódio de Investimentos na Prática!✅ INSCREVA-SE NA IMERSÃO "SALVE UM INVESTIDOR EXPERIENCE": https://clubedovalor.com.br/sui-exp/pod-23-04-22As ações OIBR3 estão chamando atenção dos investidores...Além de serem a segunda ação com maior número de investidores na Bolsa de Valores do Brasil, elas também são negociadas abaixo de R$ 1,00, o que faz muitas pessoas acharem que esta ação está barata...Será que OIBR3 está valendo a pena? Com a perspectiva do fim da Recuperação Judicial e a venda de seus ativos, ela ficou barata?É disso que vou falar nesse podcast, falando se, para mim, é hora de comprar ou vender OIBR3!Me acompanhe nos demais canais:Instagram: https://www.instagram.com/ramirogomesferreira/YouTube Clube do Valor: https://clubedovalor.com.br/cdv-youtube-inscricao#OIBR3 #Ações #BolsaDeValores #gestãodecarteirascdv

Canaltech Podcast
O que acontece com seu número com a venda da Oi Móvel?

Canaltech Podcast

Play Episode Listen Later Apr 23, 2022 21:17


Neste programa, Wagner Wakka comenta as novas movimentações de TIM, Claro, e VIvo para pegar os clientes comprados da Oi Móvel, na recuperação judicial da empresa. As companhias devem abraçar os clientes e os números vão mudar de operadoras. No segundo bloco, a conversa é sobre uma lei inglesa que permite motoristas assistirem à TV quando estiverem em um carro totalmente autônomo. Por fim, o Parlamento Europeu discute uma nova lei que padroniza todas as entradas de aparelhos eletrônicos para o USB-C, o que pode impactar nos iPhones, ainda vendidos com entrada Lightning.  Este é o Podcast Canaltech, publicado de terça a sábado, às 7h da manhã no nosso site e nos agregadores de podcast. Saiba para qual operadora seu número OI vai: https://canalte.ch/cp2/p6q0a Veja o vídeo do Pedro citado no programa: https://youtu.be/MzwDY-J8X9M Entre em contato por: podcast@canaltech.com.br Este episódio foi roteirizado, apresentado e editado por Wagner Wakka, com a coordenação de Patrícia Gnipper. O programa também contou com reportagens de Igor Almenara, Lupa Charleaux, Durval Ramos e Pedro Cipoli. A revisão de áudio é de Gabriel Rimi e a trilha sonora é uma criação de Guilherme Zomer. Apple Podcasts Deezer Google Podcast Spotify Formato MP3 See omnystudio.com/listener for privacy information.

Levante Ideias de Investimento
FECHAMENTO DE MERCADO 22/ABR

Levante Ideias de Investimento

Play Episode Listen Later Apr 22, 2022 15:54


Olá seja bem-vindo ao Fechamento de Mercado da Levante, comigo, Flávio Conde, nessa 6ª. feira, dia 22 de abril, e o programa de hoje é dedicado ao simpático casal, Elise e Lucas, e ele faz aniversário nesse fim de semana. Parabéns. Vamos ao Ibovespa que abriu em queda de -1,3% e foi piorando junto com o Nasdaq caindo -2,86% aos 111.077 pontos e vamos entender o porquê dessa queda forte que, na verdade, derivou da combinação de alguns fatores, a saber: (1) Bolsas americanas caindo dois dias seguido com o Nasdaq, -2% ontem e -2,5% hoje, por conta do receio de investidores de que o Fed possa aumentar algumas vezes os juros em 0,50% e não apenas em maio e junho para junto com a venda de até US$ 95 bilhões de títulos públicos e privados por mês conseguir enxugar a liquidez, frear a economia e, assim, baixar a inflação do consumidor (CPI, equivalente ao nosso IPCA) dos atuais 8,5%, acumulado em 12 meses, para menos que 5% no primeiro ano e, no seguinte, perto de 2%. (2) Eletrobras -4,95% com a decisão do ministro Vital do Rêgo de pedir vistas ao processo de privatização da cia. que estás sendo analisado no TCU e teve voto favorável do relator ministro Aroldo Cedraz. O ministro Vital do Rêgo terá 20 dias para analisar o processo e, assim, apresentar seu voto que muitos acreditam que será contra a privatização. (3) VALE3 -5,8% a R$ 80,45 com não apenas a baixa do minério de ferro em -2,4%, mas também em função de pedido de autoridade chinesa para as siderúrgicas reduzirem produção para diminuir poluição no país. (4) Natura que tinha caído 15% na quarta, recuou -3,3% hoje depois do fato relevante da cia. informando performance negativa de vendas no 1T22 e pressão de custos. (5) Petrobras e PetroRio caindo bem na esteira do preço do petróleo que recuou -2,5% hoje. Destaques de altas: COPEL +1,6%, RAIADROGASIL +0,22% e AMBEV +0,14%. Destaques de baixas: CSN -7,6%, Locaweb -6,2%, VALE3 -5,8% R$ 80,45, Iguatemi -5,3% e Cogna -5,2%. Destaque dos assinantes da Levante foi Oi e você vê no vídeo.

Convidado
São Vicente tem novo projecto para dinamizar economia cultural

Convidado

Play Episode Listen Later Apr 22, 2022 11:56


O projecto "Música gera Cultura - Música gera Economia" quer dinamizar a economia da cultura em São Vicente, Cabo Verde, através da realização de “concertos com história”, do enriquecimento de rotas turísticas com marcos culturais e de oficinas de capacitação para agentes turísticos e socioculturais. O projecto vai também permitir a gravação do novo disco de Gabriela Mendes. O projecto "Música gera Cultura - Música gera Economia" arrancou em Março e tem a duração de 24 meses. Consiste na gravação de um disco de Gabriela Mendes, em “concertos com história” em espaços de memória e de referência cultural, assim como em oficinas de capacitação para agentes turísticos e socioculturais. “O objectivo é identificar os espaços com história e criar novas rotas turísticas mais ricas, com aspectos culturais que possam diferenciar Mindelo e São Vicente”, explica Conceição Delgado, a coordenadora do projecto, sublinhando que esta referenciação dos espaços visa a valorização do património cultural e da memória colectiva. A ideia surgiu de um desafio lançado pela cantora cabo-verdiana Gabriela Mendes e depois a empresa de eventos Mariventos conseguiu a subvenção atribuída pela PROCULTURA PALOP – TL, financiada pela União Europeia e gerida pelo Instituto Camões. “O nosso objectivo é também incluir essas informações de ruas, de música, nos roteiros turísticos da ilha de São Vicente de forma a torná-los mais ricos e diferenciados em relação a outras paragens. Temos espaços emblemáticos onde viveram grandes artistas. Por exemplo, o primeiro ‘concerto com história', no dia 17 de Março, foi na pracinha em frente da casa do doutor Baltasar Lopes da Silva, que é uma das grandes figuras da nossa história, e esta praça não é conhecida, muita gente não sabia nem como chegar lá”, conta. Para os “concertos com história”, vão ser chamados a palco artistas locais porque “o objectivo é também gerar rendimentos para a classe artística: músicos, cantores, técnicos de som”, ou seja, “um sector que esteve completamente parado” durante a pandemia. Por isso, os concertos serão realizados nos “meses de menos actividade” para equilibrar relativamente aos “meses que são culturalmente muito ricos”. Este é, ainda, um “projecto da música tradicional” e “não vão ser cantados outros estilos que não sejam da música tradicional cabo-verdiana” porque a ideia é contribuir para a valorização da cultura. Oiça aqui a entrevista:

Open Way Sanghas Montana Practice Talks
Deer Park Share: Mike & Nicole Dunn, April 2022

Open Way Sanghas Montana Practice Talks

Play Episode Listen Later Apr 22, 2022 26:10


OI members Mike & Nicole Dunn share about their winter spent at Deer Park Monastery. Talk given at Be Here Now Sangha on Monday April 18th, 2022.

StageRage
40 anos de ZX Spectrum em Cantanhede

StageRage

Play Episode Listen Later Apr 22, 2022 89:07


40 anos de ZX Spectrum em Cantanhede Bem-vindos ao StageRage, o vosso podcast de entretenimento com foco nos videojogos! Entrem em contacto connosco através do e-mail stageragepodcast@gmail.com e no Instagram em @stageragepodcast Também já estamos disponíveis no Popcasts! Oiçam aqui: https://popcasts.pt/podcasts/stagerage/ Assuntos em destaque: Esta semana recebemos João Diogo Ramos, fundador do museu Load ZX Spectrum, e André Luna Leão, autor do livro "Os Programadores Portugueses" para nos contarem tudo sobre o evento de celebração dos 40 anos de ZX Spectrum. O evento acontece já a 23 e 24 de Abril, em Cantanhede! Episódio com a participação de: Nuno Vieira Pedro Romão Wilson Ferreira João Diogo Ramos (convidado) André Luna Leão (convidado) Logo criado por JAM - Ilustração e Design Intro, separador e outro: Be Faste de Andrey Sitkov (adquirida através do Humble Big Music Bundle)

logo epis abril oi assuntos zx spectrum entrem andrey sitkov humble big music bundle
Artes
Gabriela Mendes: A “tradição” ainda é o que era

Artes

Play Episode Listen Later Apr 21, 2022 13:28


A cantora cabo-verdiana Gabriela Mendes está a preparar novo disco e promete manter-se fiel à essência da música tradicional do seu país. Gabriela Mendes defende que é a sua “missão” proteger e transmitir esse legado que aponta como “a riqueza” de Cabo Verde. A RFI conversou com a cantora no Mindelo, a sua terra, de onde nunca quis sair para ficar mais perto das raízes e da inspiração. Gabriela Mendes está a preparar o seu quarto álbum e adianta que “vai ser um disco de música tradicional mas com inovações”. “A Gabriela de hoje não é a mesma dos anos passados. Tenho mais maturidade, sinto a música de uma forma diferente. Tudo isso vai-se sentir na escolha dos temas e nos arranjos. Acredito que haverá pequenas fusões porque também gosto disso. Vai ser diferente, de certeza, do que já fiz até agora”, conta. “Vai ser tradicional, a morna, coladeira, que é onde eu me sinto melhor, mas bem diferente de quando a gente se encontrou em Paris, quando fiz Tradição”, acrescenta, lembrando que a capital francesa “é um dos sítios mais abertos à música de Cabo Verde” e que “o público francês é muito caloroso e muito receptivo”. Foi em 2007 que a cantora gravou, em Paris, o disco de estreia, “Tradição”, em que revisitou compositores como Manuel d'Novas, Vasco Martins, Tcheka ou Amândio Cabral e retomou os ritmos do património musical de Cabo Verde, hoje património mundial graças à morna. Seguiram-se “Um Renovo Musical”, gravado nos Estados Unidos, “Talking Drums”, gravado na Suíça, e, este ano, o novo disco vai ser gravado num estúdio no Mindelo. “É a primeira vez que eu vou gravar na minha terra, com as pessoas que eu costumo trabalhar. Acho que vai ser ainda melhor porque já não temos que nos deslocar e estar num ambiente diferente. A motivação e a inspiração vão estar lá 100%. A música, o clima, o ambiente, tudo isso vai afectar, de certeza, o disco”, explica. Gabriela Mendes nasceu em 1973, no Mindelo, na ilha de São Vicente, a terra de Cesária Évora, e acabou por ir ficando sempre nessa terra, apesar das oportunidades lá fora. “Eu gosto de estar perto das minhas raízes. Sinto-me bem cá e nunca senti necessidade de ter que viver no estrangeiro. Claro que se eu tivesse feito isso, talvez a minha carreira se tivesse posicionado de uma forma diferente, não sei, mas eu gosto de viver cá, é a minha casa. E gosto de sair de cá e ir para fora fazer concertos, passar momentos, mas não seria feliz vivendo fora de Cabo Verde”, admite, terminando a frase com um enorme sorriso. Ainda que “o sonho de todo o artista é dedicar-se 100% à sua arte”, no Mindelo, “quase ninguém consegue viver só da música” e a cantora também trabalha na área do turismo. No entanto, a música está sempre presente. “A música é o nosso quotidiano, é a nossa forma de estar, de ver o mundo, de sentir as coisas. Aqui vivemos em ilhas, a gente tem uma limitação e há sempre essa necessidade de se exprimir, por isso há muita música aqui. A melhor forma que o cabo-verdiano encontrou é através da música. A música está em todo o lado, em festas familiares, em convívios de amigos, a nossa música retrata a nossa vida, a nossa vivência, a nossa história”, descreve. O Mindelo é um viveiro de músicos e, desde criança, ela aprendeu as melodias tradicionais das mornas, funanás e coladeiras na rádio e nas festas locais. Depois, entrou na Escola Salesiana - de onde saíram nomes como Tito Paris, Paulino Vieira ou Bau - e tornou-se na solista do grupo coral. No final dos anos 90, encorajada por Bau, Voginha e Bius, Gabriela Mendes começou a dar concertos em bares e hotéis do Mindelo. O primeiro disco, “Tradição”, surge em 2007, em Paris, graças também ao músico Bau, que foi durante anos o chefe de orquestra de Cesária Évora. “Eu cresci ouvindo muita rádio. Eu sou de 73 e, nessa época, ouvia-se música tradicional essencialmente, mornas, coladeiras, galope, a Cesária, a Titina, a Betina Lopes, o Bana, a Celina Pereira. Toda essa gente é a minha referência em termos de canto e, depois, tive a oportunidade de trabalhar com músicos como o Bau, o Voginha, o Tey, convivi com o Manuel d'Novas, o Dani Mariano, o Jack Monteiro… Eu bebi dessa fonte, sinto-me mesmo honrada e privilegiada e esse é um dos motivos porque decidi ficar aqui: perto da minha fonte para continuar a alimentar-me.” Gabriela Mendes é uma defensora acérrima da música tradicional cabo-verdiana e teme as consequências do desinteresse da juventude por esta música. “Os jovens estão mais interessados pela música moderna e há um perigo que a nossa música possa perder-se no tempo, a nossa identidade, porque também somos um povo de muita mistura. Se isso vier a acontecer seria muito triste porque depois vamos querer recuperar e talvez já seja muito tarde porque muitos dos nossos grandes músicos, compositores, trovadores vão desaparecendo e se não há uma nova geração que retoma isso de forma consciente e forte há, sem dúvida, uma possibilidade de perda de identidade na nossa música.” Por isso, a cantora atribuiu-se como “missão” defender esse legado: “Sinto essa necessidade de dar a minha contribuição porque seria triste perdermos o que temos que é tão forte, que nos identifica, que é a nossa riqueza." Oiça aqui a entrevista:  

Artes
“Eu não faço sandálias, faço poesia”

Artes

Play Episode Listen Later Apr 20, 2022 7:59


Desenhar, cortar, colar, criar. Poderiam ser gestos mecânicos, mas não para um artesão cabo-verdiano. Beto Diogo diz que não faz sandálias, faz poesia. Cada sandália é um modelo único e deve ser tratado como tal. É a tal “alma da coisa”. A RFI esteve à conversa com este artesão no Mindelo, na ilha de São Vicente, em Cabo Verde. “Isto é parte da alma da coisa. Como costumo dizer: é como acariciar uma mulher, é como dar um carinho a uma mulher. Eu não gosto que batam nas obras, tem que se usar mesmo as mãos e isso para mim é dar carinho à peça. Eu gosto de ver as minhas peças bem tratadas e não gosto de vender a qualquer pessoa”, começa por explicar Beto Diogo. As suas peças são as sandálias e, nas suas mãos, são consideradas obras únicas que devem ser tratadas como tal.   É a tal “alma da coisa”. Não basta desenhar, cortar, colar. É preciso criar. Com afecto e dedicação. Beto Diogo diz que não faz sandálias, faz poesia. O artesão poeta defende que o seu dom é mesmo moldar a sandália que vai encaixar perfeitamente em cada um. Beto Diogo é artesão profissional desde 2011. Começou em São Vicente, mudou-se para Santiago, mas continua a palmilhar as diferentes ilhas para vender sandálias e ensinar a sua arte porque é também artesão formador e tem um atelier móvel. “A ideia do atelier móvel é levar a arte às localidades porque há muitos jovens que não têm condições para se deslocarem aos centros de formação profissional e nós é que vamos ter com os jovens nas comunidades. Já fizemos na ilha do Fogo, na Brava, em Santiago, São Vicente e vamos também para Santo Antão”, conta o artesão, acrescentando que muitos dos seus formandos vivem hoje desta arte. Beto Diogo aprendeu o ofício “por curiosidade” e descobriu o seu “dom”. Em 2013, conseguiu fazer a sua carteira profissional. “Eu nasci com o dom, consegui criar uma pedagogia e hoje eu ensino e transmito.” Num mundo dominado pelas novas tecnologias e produtos realizados em grande escala, aqui, no atelier móvel do Beto, “é tudo feito à mão”, “com contrastes diferentes para mostrar a dinâmica do valor do artesanato porque de forma industrial já há muitos por aqui”. Ou seja, cada sandália é mesmo única: “É peça única. Como eu costumo dizer: Eu não faço sandálias, faço poesia. Em cada sandália eu aplico uma coisa, uma vivência e transmito-o de forma artesanal. É uma coisa que você não pode ler, mas você pode olhar”, descreve. Beto Diogo também fez investigação sobre as sandálias albercas em Cabo Verde e percorreu as várias ilhas à procura da origem dessas sandálias. As albercas são a sua inspiração e hoje reinterpreta-as numa linhagem mais contemporânea. Oiça aqui a conversa.

Podcast KOIN
#17 Organization for Security and Cooperation in Europe (OSCE)

Podcast KOIN

Play Episode Listen Later Apr 20, 2022 21:42


Halo KOIN-mates! Tau ngga sih kalau ada organisasi untuk Keamanan dan Kerja Sama di Eropa atau Organization For Security and Cooperation in Europe (OSCE) yang didirikan pada 1994. Pada Podcast kali ini kami akan membahas mengenai apasi tujuan dari OI ini.

Words And Whiskey
The Well of Ascension - Episode 8 - Ch 39 - 42

Words And Whiskey

Play Episode Listen Later Apr 14, 2022 137:02


Oi! This week, we're talking about Elend, and the fall out of last sections decisions. Next week, we'll be reading 43 - 47. With Mistborn, we'll also be reading the italicized logbook entries for the next chapter, just as the audiobook does. Beyond that, please be sure to follow us or subscribe on your podcatcher of choice, and leave a review on iTunes, Stitcher, or wherever. It goes a long way to helping the podcast grow. You can also check out our Patreon at Patreon.com/Wordsandwhiskey Check it out! Another way you could help us out? Refer us to your friends. We love a good referral, don't we folks? Send us ANY questions to our twitter account, Instagram, or to our email. See you next week! Link: https://wordsandwhiskey.show/episode/93-the-well-of-ascension-episode-8-ch-39-42

Liberte a sua Imaginação - Contos, áudios eróticos e masturbação guiada
Áudio erótico no trabalho parte 4 - liberteasuaimaginacao.com

Liberte a sua Imaginação - Contos, áudios eróticos e masturbação guiada

Play Episode Listen Later Apr 13, 2022 2:09


Oi, safada. Tá fazendo o que? Vim te provocar.

Angu de Grilo
França, aborto e Medida Provisória #130

Angu de Grilo

Play Episode Listen Later Apr 12, 2022 77:52


Oi, angulers! No #130, abrimos falando das eleições na França. O segundo turno entre Mácron e Le Pen promete e o contexto francês sinaliza pontos relevantes para nós dos lados de cá. Tratamos da repercussão da fala do ex-presidente Lula sobre aborto. Tão óbvia quanto rasa, a constatação de que aborto é uma questão de saúde pública veio acompanhada de muito silenciamento. Depois, passamos pelo assunto que agitou a semana passada das mães: o bar em São Paulo que proíbe a entrada de crianças. Onde isso nos toca? Por último, estreia esta semana (dia 14) o filme Medida Provisória e nós ouvimos o diretor Lázaro Ramos e a protagonista Tais Araújo sobre as várias camadas desse longa tão aguardado. Sirva-se! Edição e mixagem de áudio: Tico Pro - Laranja Preta Produtora - Venha para nossa comunidade no Twitter: https://twitter.com/i/communities/1509874948835266564 Percepções sobre direito ao aborto em caso de estupro (Locomotiva / Instituto Patrícia Galvão, março de 2022) Podcast Vai Passar - “Infância: prioridade absoluta com Pedro Hartung” https://open.spotify.com/episode/0lgoqysYKicaWM8h3f8Uxv?si=9DC4xxQjQB6RCFNprXVVtg

Words And Whiskey
The Well of Ascension - Episode 7 - Ch 34 - 38

Words And Whiskey

Play Episode Listen Later Apr 7, 2022 143:17


Oi! This week, we're chatting through the end of Part 3, KING! We talk about the Church of the Survivor, Zane's offer, and PJ's skepticism mirroring Vin's as it comes to... nearly everything. Next week, we'll be reading 39 - 42. With Mistborn, we'll also be reading the italicized logbook entries for the next chapter, just as the audiobook does. Beyond that, please be sure to follow us or subscribe on your podcatcher of choice, and leave a review on iTunes, Stitcher, or wherever. It goes a long way to helping the podcast grow. You can also check out our Patreon at Patreon.com/Wordsandwhiskey Check it out! Another way you could help us out? Refer us to your friends. We love a good referral, don't we folks? Send us ANY questions to our twitter account, Instagram, or to our email. See you next week! Link: https://wordsandwhiskey.show/episode/92-the-well-of-ascension-episode-7-ch-34-38

SBS Portuguese - SBS em Português
Portugal reencontra velhos conhecidos no Mundial do Qatar

SBS Portuguese - SBS em Português

Play Episode Listen Later Apr 7, 2022 7:14


Gana, Coreia do Sul e Uruguai serão os adversários portugueses na fase de grupos do Campeonato do Mundo de 2022. O torneio FIFA deste ano começa em novembro. Oiça o correspondente da SBS em português, Rui Viegas que nos fala, a partir de Lisboa, do sorteio realizado em Doha e muito mais. 

El sótano
El sótano - Los primeros años de Cock Sparrer - 06/04/22

El sótano

Play Episode Listen Later Apr 6, 2022 58:50


Recorremos los primeros años en la andadura de Cock Sparrer, legendario grupo del punk británico, pioneros del Oi! y abanderados de la "working class" y el espíritu más callejero de aquellos agitados días. Cock Sparrer van a actuar en España -9 de abril en Madrid, 8 de julio en Pineda del mar- celebrando el 50 aniversario de su formación. Playlist; COCK SPARRER “Running riot” (1977) COCK SPARRER “We love you” (1977) COCK SPARRER “Teenage heart” (Cock Sparrer, 1978) COCK SPARRER “Taken for a ride” (Cock Sparrer, 1978) COCK SPARRER “I need a witness” (Cock Sparrer, 1978) COCK SPARRER “Watcha gonna do about it” (Cock Sparrer, 1978) COCK SPARRER “Riot squad” (Shock Troops, 1982) COCK SPARRER “I got your number” (Shock Troops, 1982) COCK SPARRER “England belongs to me” (Shock Troops, 1982) COCK SPARRER “Where are they now” (Shock Troops, 1982) COCK SPARRER “The Sun says” (Runnin’ Riot in 1984, 1984) COCK SPARRER “Think again” (Runnin’ Riot in 1984, 1984) COCK SPARRER “Out on an island” (Shock Troops, 1982) Escuchar audio

La Radio de la República
¡PARA ESO ES EL PODER!

La Radio de la República

Play Episode Listen Later Apr 4, 2022 27:17


Señora bonita. Amigo amo de casa. Ya es lunes de nuevo. Ni modos, qué le va uno a hacer. Pero venga ese ánimo que al menos nos queda La Desinformación. Y por eso, pare la oreja, súbale a su radito que estas son las noticias:¡PARA ESO ES EL PODER!… Amigos del OTRO hijo de AMLO ocupan puestos claves en el gobierno sin cumplir con el perfil… ¿Quién dijo que hay desempleo?¡PARA ESO ES EL PODER! Secretario de Gobernación promueve revocación de mandato y dice que el INE se la perez prado con música de viento.¡PARA ESO ES EL PODER! Claudia Sheinbaum se va de gira para apoyar a MORENA. “Ahí se quedan con su smog, pinches chilangos” grita la regenta.Y EN LA MAÑANERA: ¡PARA ESO ES EL PODER! grita AMLO y defiende a su secretario, a su sub secretario, al tren maya y a lo que el quiera que por eso es El Presidente. AH y que viva el PRI DIGO MORENA, SÍ MORENA.Completamente en vivo y en directo. De Grupo Fórmula, experta en desinformar, transmitiendo a todo México con el poder de la Fake New. Abriendo la conversación. Chiflando y aplaudiendo. Hoy se comenta, hoy se analiza, Oi a estos payasos… La Radio de La República.

Radio Gorepress
Episode 127 : Demon Knight

Radio Gorepress

Play Episode Listen Later Apr 4, 2022 70:23


Oi oi Gore-fam! This week Sarah is joined by Dan from the Twin Picks Podcast to talk about his childhood favourite Tales From The Crypt : Demon Knight. We had an absolute blast discussing this underrated 90's gem so dig in and enjoy! -Sarah & Dan.   Come find us at: Instagram : https://www.instagram.com/radiogorepress/ Facebook : https://www.facebook.com/radiogorepress/ Twitter : https://twitter.com/radiogorepress Support what we do here: Patreon : https://www.patreon.com/radiogorepress Ko-Fi : https://www.ko-fi.com/radiogorepress Redbubble : https://www.redbubble.com/people/radiogorepress  

ICYCAST
EPISÓDIO 7 - E EU QUE SURREI O BOFE QUE TENTOU ME GONGAR NO SHOW DA MARINA SENA?

ICYCAST

Play Episode Listen Later Apr 1, 2022 16:33


Oi oi vidinhas, estou aqui novamente trazendo mais um relato péssimo sobre um bofe que eu conheci num aplicativo de relações pra servir de acompanhante no show da Marina Sena. Se divirtam!

Bruxa Evani
BRUXA VIAJANTE: QUARTO PASSO PRA UMA VIAGEM | COM TALISSA ASSATO

Bruxa Evani

Play Episode Listen Later Mar 25, 2022 5:54


Oi Gente! Como vocês estão?! Oi bruxo e bruxa! quais itens você deve levar em sua viagem?! ✔️Banho de ervas Alma da Floresta - 7 ervas, abertura de caminhos, prosperidade, calmante, amoroso, sedução ✔️Livro das Sombras + caneta ✔️Rolon de óleo essencial - Aterramento, Sagrado masculino, Sagrado feminino, Poder pessoal, Expressão, Clareza, Reconexão ✔️Amuleto de proteção www.almadafloresta.com.br www.mysticalweb.com www.bruxaevani.com.br @bruxaevani @novaordemdosol @almadafloresta.loja contato: (11)94034-3160

E aí Gay?
#172 - Categorizando os ficantes

E aí Gay?

Play Episode Listen Later Mar 25, 2022 56:43


Ficante Premium Deluxe? Ficante Comfort Plus? Oi??? A gente viu essa moda pegando no Twitter e resolvemos discutir: a gente realmente categoriza os níveis de ficantes na nossa cabeça? Cada um tem direito a quê? O que fazer quando todos os ficantes se encontram no mesmo lugar? Além disso, conversamos sobre Lollapalooza, looks para usar, shows e o nosso eminente encontro! DICAS: SÉRIE: Ruptura SÉRIE: Ninguém pode saber SÉRIE: DMZ E aí Gay #172 apresentado por (Instagram / Twitter): Felipe Dantas (@apenasdantas / @dantas) Paulo Corrêa (@paulorcorrea / @paulorcorrea_) Thiago Theodoro (@luxoeriqueza / @thiwitter) Siga o E aí Gay? nas redes sociais! Instagram | Twitter

Easy Catalan: Learn Catalan with everyday conversations | Converses del dia a dia per aprendre català

Notes del programa Quan falten poques setmanes per al dia del llibre, avui, també amb la companyia d'en Joan, dediquem l'episodi a les nostres llibreries preferides: aquelles on sabem que trobarem el que busquem, les que tenen un encant especial, les que són més que una llibreria… Som-hi! Puput (https://www.instagram.com/llibreriapuput/) (la Bisbal d'Empordà) Caselles (https://www.caselles.com/) (Lleida) La Fatal (https://lafatal.cat/) (Lleida) Re-Read (https://www.re-read.com/ca/) Saturnàlia (https://www.instagram.com/saturnalia_llibreria/) (plaça del Sol, Gràcia, Barcelona) Cap i Cua (https://catifavoladora.com/2013/03/05/la-llibreria-cap-i-cua-al-torrent-de-lolla/) (Gràcia, Barcelona) Taifa (https://www.taifallibres.com/) (Gran Via - Universitat) Alibri (https://www.alibri.es/ca) (Balmes - plaça Universitat) Altaïr (https://www.altair.es/cat/) (Eixample) Ona Llibres (https://onallibres.cat/) (Gràcia i Eixample) Byron (https://llibreriabyron.com/) (Eixample) Finestres (https://www.llibreriafinestres.com/ca/home-catala/) (Eixample) Fahrenheit 451 (https://www.fahrenheit451cafeylibros.com/) (Barceloneta) Terranova (https://terrranova.com/) (Eixample) La Insòlita (https://www.lainsolita.barcelona/) (Poblenou) Gigamesh (https://gigamesh.com) (Eixample) Vídeo Why learn Catalan? (https://www.youtube.com/watch?v=Fixgmx96Fdc&t=141s) del canal The Conversation Club (YouTube) Les vostres preguntes Pregunta: Com es diu cuyo/cuya en català? Resposta: En català, aquest pronom relatiu és del qual / de la qual (i dels quals / de les quals en plural), que concorda en gènere i nombre amb l'element anterior. Exemples: La familia cuyo hijo vi por la calle. La família el fill de la qual vaig veure pel carrer. Transcripció Andreu: [0:16] Bon dia! Sílvia: [0:17] Bon dia! Com esteu? Andreu: [0:19] Molt bé! Bon dia, Joan! Joan: [0:22] Hola, hola, hola! Andreu: [0:23] Et tornem a tenir aquí. Et va agradar, eh, a venir al podcast! Joan: [0:27] Sí, sí, sí, sí, sí. Andreu: [0:31] Fantàstic. Què, com esteu, nois? Joan: [0:31] Bé. Sílvia: [0:34] Bé, bé. Saps què et volia comentar, avui, Andreu?, que potser no ho hem explicat cap dia aquí? (Doncs) que a Berga fan unes trobades un cop al mes per jugar a jocs de taula, i amb el Joan hi anem bastantes vegades, vull dir, ja hi havíem anat fa temps i ara hi tornem a anar, i són unes trobades que ens ho passem molt bé perquè… bé, com saps, ens agraden molt els jocs de taula, i és l'excusa perfecta per anar-te'n allà a passar una bona estona. Andreu: [1:06] Ah, molt bé! I heu descobert algun joc nou que ens pugueu recomanar? Joan: [1:09] Fa poc (n')hem descobert un que et podem recomanar que no compris, però millor… Sílvia: [1:12] Joan, no! No, és que saps què passa? Que en aquestes trobades també provem tots els jocs que ens diuen. "Aquest ha sortit nou!", i llavors el provem, no?, i hi ha jocs que sí i hi ha jocs que no. Però vam jugar a un joc molt divertit, que em va agradar molt… Joan, te'n recordes? Que era el dels Karmas? No, com es diu? Joan: [1:37] Sí, no, no en recordo el nom, soc molt desastre amb aquestes coses. Sílvia: [1:39] Karma, em sembla que es diu. [Podria ser que es digués així.] No, Chakra, Chakra, perdó, Chakra. Joan: [1:44] Ah, Chakra, Chakra, sí. Chakra o (alguna cosa) així, sí. Sílvia: [1:48] Sí, Chakra. I és un joc molt senzill, vull dir, molt fàcil d'entendre de seguida, que es pot jugar dos jugadors o més, i… i em va agradar molt i vaig pensar… "Doncs potser me'l compraré i tot", perquè és un joc molt molt divertit i molt molt guai. Joan: [2:04] Saps què és el més frustrant, Andreu? Que a aquestes trobades hi havíem anat nosaltres abans de la pandèmia, i ara, fa dos caps de setmana, crec, hi vam tornar a anar, i ens diu: "No, si no hem parat de fer-les durant la pandèmia", i nosaltres: "?!" O sigui, ens hem passat tota la pandèmia tancats a casa i si ho haguéssim sabut hi hauríem anat, saps? Andreu: [2:26] Hostiii… Doncs a mi m'ha passat que, durant la pandèmia, he comprat alguns jocs, però no els he pogut fer servir gaire, o sigui, els hi he tret pot partit perquè, clar, no he fet gaires trobades, no? Llavors, ara tinc ganes de jugar als jocs que tinc, perquè a més, també me n'han regalat, llavors, se m'han acumulat uns quants… Sílvia: [2:44] Aiii. Andreu: [2:45] I sí, sí, tinc ganes de provar-los. Molt bé, doncs jo també volia compartir una novetat, diguéssim, que és que fa poc vaig col·laborar en un altre canal de YouTube que és molt interessant, es diu The Conversation Club i el porta el Harry, d'Easy Spanish. Sílvia: [3:04] Ai, el Harry, sí! Andreu: [3:05] Sí. I és un canal en què publica converses bilingües en diferents combinacions d'idiomes, d'acord?, sobre temes molt diferents, i també subtitulats en les dues llengües, no? I el que està bé és que són això, són converses bilingües. I a mi em va demanar, doncs de parlar en català, jo en català i ell en anglès. I vam parlar de per què aprendre català. Aquest és el tema del vídeo, és un vídeo de 5 minuts, hi haurà una segona part, em penso, i bé, doncs recomano que doneu una ullada i feu clic a la campaneta del seu canal, que la veritat és que està molt bé, i així li donareu suport, també, al Harry. [Oi tant!] Joan: [3:48] Espero que defensessis bé el motiu pel qual aprendre el català. Andreu: [3:51] Home, i tant! […] Fes-te membre de la subscripció de podcast i accedeix a les transcripcions completes en format web o PDF, o bé llegeix-les directament des de Transcript Player. (https://www.patreon.com/easycatalan)

Radio Record
Маятник Фуко @ Record Club #199 (24-03-2022)

Radio Record

Play Episode Listen Later Mar 23, 2022


DISTARK in the mix: 01.Too $Hort - The Ghetto 02.Big Daddy Kane - Ain't No Half-Steppin' 03.Blue Man - Snippets 04.Black Sheep - The Choice is Yours 05. A Tribe Called Quest - Scenario (LP Mix) 06. MC Lyte - Ruffneck 07. Cypress Hill - Insane in The Brain 08. LL Cool J - Mama Said Knock You Out 09. Souls Of Mischief - 93 'Til infinity 10. Oi' Dirty Bastard ft. Kelis - Got Your Money 11. The Notorious BIG ft. Mase & Puff Daddy - Mo Money Mo Problems 12. Leaders Of The New School - Case Of The PTA 13. Ice T - New Jack Hustler 14. Puff Daddy ft. Faith Evans & 112 - I'll Be Missing You ROBERT BRIDGE in the mix: 01. LeTai - Загнанный в угол 02. КлоуКома - Быдло 03. Borgore, Adi Ulmansky - Someone Elses 04. Badklaat - Headcrush X Toxic 05. Lit Lords - Bloody 06. Steve Aoki - How Else (ft. Rich The Kid & ILoveMakonnen) 07. White Punk - Адреналин 08. Big Baby Tape, kizaru - Million 09. Marian Hill - Got It 10. LISA - MONEY (HAWK VIP Bootleg) 11. Dispa, Meru - Make It Hot 12. Cardi B - WAP (Ship Wrek Remix) 13. Juelz, Pauline Herr - Colours

Roll With The Punches
Get Off The Bloody Bench | Kerryn Vaughan - 318

Roll With The Punches

Play Episode Listen Later Mar 22, 2022 62:32


Oi, you over there... Get off the bench!! That's what this weapon Kerryn Vaughan is all about. Getting bums off the bench and inspiring action and human potential. We got along like a house on fire and her energy and attitude is infectious. Growing up as a musician, making a little noise is something that comes naturally to Kerryn and these days she using her vocal talents to inspire, educate and coach others to live their purpose. We talk about life, loss, laughter and music... and yep, I've got a new friend :) EPISODE SPONSOR | TESTART FAMILY LAWYERS Website: www.testartfamilylawyers.com.au   KERRYN VAUGHAN Website: www.kerrynvaughan.com  TIFFANEE COOK Linktree:  https://linktr.ee/rollwiththepunches/ Website: www.rollwiththepunches.com.au LinkedIn:  www.linkedin.com/in/tiffaneecook/ Facebook:  www.facebook.com/rollwiththepunchespodcast/ Instagram:  www.instagram.com/rollwiththepunches_podcast/ Instagram: www.instagram.com/tiffaneeandco See omnystudio.com/listener for privacy information.

Angu de Grilo
Telegram, Boulos e Oscar #127

Angu de Grilo

Play Episode Listen Later Mar 22, 2022 65:19


Oi, angulers! No #127, abrimos falando sobre a suspensão do Telegram no Brasil. A decisão do ministro do STF, Alexandre de Moraes, já foi revogado mas o papo rendeu! Em seguida, Guilherme Boulos desiste de candidatura ao Governo de SP e mira o cargo de deputado federal. O que significa esse movimento? Por fim, o Oscar! Comentamos alguns dos indicados e as expectativas para a premiação. Sirva-se! Edição e mixagem de som: Tico Pro - Laranja Preta Produtora 'Mães Paralelas' traz ao cinema de Almodóvar uma misoginia inédita https://www1.folha.uol.com.br/amp/colunas/helen-beltrame-linne/2022/01/maes-paralelas-traz-ao-cinema-de-almodovar-uma-misoginia-inedita.shtml

DW em Português para África | Deutsche Welle
21 de Março de 2022 - Manhã

DW em Português para África | Deutsche Welle

Play Episode Listen Later Mar 21, 2022 19:56


PAIGC impedido pela justiça de realizar 10º congresso em Bissau. Domingos Simões Pereira afirma que o partido não vai desistir. Na Ucrânia, várias explosões foram ouvidas na capital, Kiev. O país rejeita rendição de Mariupol exigida pela Rússia. Oiça ainda mais um episódio da radionovela Learning by Ear - Aprender de Ouvido.

Finding Harmony Podcast
Eddie Stern: I'll Be Your Mirror

Finding Harmony Podcast

Play Episode Listen Later Mar 20, 2022 85:49


Oi ga vay and Jesus Christ! Happy Purim and Passover! Oh boy, do we have a special interview for you today! We have someone we have wanted to speak to ever since we first initiated this Podcast: The Inimitable Eddie Stern! But man, we had so many problems with this recording! Ha! Just booking the time, some unexpected delays, so we just jumped right in without any introduction. Then we stopped so abruptly we lost the damn interview for weeks, only recovering the recording with a bit of technological magic. You'll feel absolutely transported as you jump right into our conversation with the iconic Eddie Stern… Talking about rectangles of all things and their place of importance in our world! Around 3 minutes in, you'll get to hear why (or why not) we always do postures to the right side first! And, of all the outrageously unorthodox things we said in this interview, “jumping to the left” seems to epitomize how unconventional we've all become. So listen now, as Eddie speaks to the origins of Revolved Side-Angle (parivrtta parsvakonasana) in the Ashtanga Sequence, and to the larger context of “Listening” within the yoga tradition. What is it that we, as students, can learn from surrendering our own beliefs and desires to a steadier mind found in the teacher? Is this even necessary? These days, Eddie is, surprisingly (or maybe not so surprisingly), directing his attention away from Pattabhi Jois' lineage, no longer wanting to engage in that world and all that it represents. We ask him to speak about how we, as students, might find our way moving forward in a post-guru world. It gets emotional. Spoiler Alert! Be sure not to miss the celebrity name drops at the end and a beautiful story about Lou Reed passing from life to death. LEARN MORE ABOUT EDDIE: INSTAGRAM I WEBSITE - www.eddiestern.com The Finding Harmony Podcast is hosted, edited and produced by Harmony Slater and co-hosted by Russell Case. A big heart of thanks to our friends, family, and students from around the world, who've generously supported this podcast through your comments, sharing, and financial donations. If you've enjoyed today's podcast, please consider supporting our future episodes by making a donation. Every little bit goes a long way and we are immensely grateful for any and all of your support. Make A Donation - www.harmonyslater.com/donate Don't forget to subscribe and leave a review! ❤ Give us a 5★ rating! We love to read and respond to your comments - So drop us a note in the comments below and give us a shout out on IG! Opening and closing music compliments of my dear friend teaching Ashtanga yoga in Eindhoven, Nick Evans, with his band “dawnSong” from the album “for Morgan.” Listen to the entire album on Spotify - Click Here. To purchase your own copy - Click Here.

TD Ameritrade Network
IIVI, MKSI, VRAY: Outlook For Small Cap Stocks

TD Ameritrade Network

Play Episode Listen Later Mar 18, 2022 6:42


IIVI, MKSI, and VRAY are some of Chris Retzler's stock picks. He and Sean O'Hara discuss the outlook for small cap stocks, highlighting the Russell 2000 Index (RUT). They also talk about Pacer Small Cap ETF Top Holdings which include MATX, PDCE, BCC, ABG, and OI. Tune in to find out more.

Und dann kam Punk
Ukraine-Special #5: Mira (BEZLAD, ZRADA, MiraVoice Records) - Und dann kam Punk

Und dann kam Punk

Play Episode Listen Later Mar 12, 2022 41:25


Extraordinary times demand extraordinary episodes. This is the first English episode we ever did and is part of the specials we started when the war against Ukraine started. We are talking to "Mira" (not his real name) from Charkiv. He and 4 of his friends spend the first two weeks of the war in their heavily bombarded hometown until the had to flee to Dnipro where we could talk to them. All of them are heavily involved in the Ukranian DIY hardcore / punk / Oi scene and give us first hand impressions of their current situation.

English in Brazil Podcasts - sua dose de inglês a qualquer momento
Way ahead | Episode 62 - Bate-Papo 100% em Inglês com a Teacher Lais Kawaata

English in Brazil Podcasts - sua dose de inglês a qualquer momento

Play Episode Listen Later Mar 11, 2022 47:07


Hoje temos um episódio diferente! Converso em inglês com uma teacher que abriu uma escola no Japão para ensinar inglês para brasileiros! Oi? Pois é! A Lais é uma querida amiga e colega que vive em Hamamatsu, uma das cidades japonesas com mais brasileiros morando! Confere esse bate-papo muito legal onde a Laís preparou um quiz de palavras japonesas pra mim! Vem junto! Palavras do quiz da Lais: ルール (ruru/rule) フォーク (fo-ku/fork) リモコン (rimocon/remote control) プロレス (puroresu/professional wrestling) パソコン (pasonaru compiuta/personal computer) ->>>>> Baixe nosso e-book gratuito Roteiro de Estudos - https://eibrazil.com/re-podcast

Easy Catalan: Learn Catalan with everyday conversations | Converses del dia a dia per aprendre català

Notes del programa En aquest episodi us portem un convidat molt especial: en Halldór Már, presentador de Katalonski. Descobrirem més coses sobre la seva faceta de músic i intentarem esbrinar si hi haurà noves temporades del programa. Som-hi! Halldór Már: Instagram (https://www.instagram.com/halldormar/) / Twitter (https://twitter.com/HalldorMar) / web (http://halldormar.com/) - Disc Winds (https://open.spotify.com/album/1QAkzj5CSOOcUZWcvnDQUJ?go=1&sp_cid=935d0bfbbb8fd136b9e7a57623dd5daf&utm_source=embed_player_m&utm_medium=desktop&nd=1) (Spotify) - Disc Records (https://open.spotify.com/album/1NOpilsfKPyY5rZ7df3z5v?go=1&sp_cid=935d0bfbbb8fd136b9e7a57623dd5daf&utm_source=embed_player_m&utm_medium=desktop&nd=1) (Spotify) - Single No hi ha estranys en aquest món (https://www.youtube.com/watch?v=C9X_rgJStc4) (YouTube) Katalonski: - Tots els capítols (https://www.ccma.cat/tv3/katalonski/capitols/) (TV3) - Llista de reproducció a YouTube (https://www.youtube.com/playlist?list=PLHF437Sz2MHq1fuj2MM97Ayp0C3_N1X1I) Altres referències: La filadora (https://www.youtube.com/watch?v=purFQmlvwac) (YouTube) El cant dels ocells (https://www.youtube.com/watch?v=IaYsxmKJTGs) (YouTube) Miquel Llobet (https://www.youtube.com/channel/UCswpwdN49TyFsKppxSXgbVA) (YouTube) Joan Manuel Serrat (https://www.youtube.com/channel/UC9twmdozj_iXRhX_FRZMwzw) (YouTube) Super Polyglot Bros (https://www.instagram.com/superpolyglotbros/) (Instagram) Malalts de tele (https://www.ccma.cat/tv3/malalts-de-tele/) (TV3) Set de nit (https://www.ccma.cat/tv3/set-de-nit/) (TV3) Andreu Buenafuente (https://www.ccma.cat/tv3/alacarta/sense-titol-amb-andreu-buenafuente/andreu-buenafuente/video/5803555/) (TV3) L'expressió de la setmana ser bufar i fer ampolles ('una cosa, ser molt fàcil') (Rodamots (https://rodamots.cat/escreix/bufar-i-fer-ampolles/)) Exemple: "Aprendre català és bufar i fer ampolles!" Transcripció Andreu: [0:16] Hola, Sílvia! Sílvia: [0:17] Hola, Andreu! Què, com estàs? Andreu: [0:20] Molt bé. Com estàs tu? Sílvia: [0:22] També, molt bé, molt bé! A més a més, aquests dies estem rebent molts àudios, no? Andreu: [0:26] Sí! L'últim que hem rebut ha sigut per Telegram i ens arriba des de Xile, del Diego, que de fet és molt actiu a Telegram i ens ha escrit algunes consultes, ja. Ens va enviar un àudio relatiu a l'últim… a un dels últims vídeos que hem publicat, que és el dels americans, el de per què aprenen català els nord-americans, no? Sílvia: [0:48] Sí. Que ha tingut molt bona rebuda. Andreu: [0:50] Sí. Sí, sí. Sorprenentment, ha tingut molts comentaris i molta gent que l'ha celebrat, no?, aquest vídeo. Doncs recordes que en el vídeo la Brianna i el Joe diuen que van aprendre català perquè es van enamorar de la música catalana? Sílvia: [1:05] Oi tant, sí! Andreu: [1:06] I tu, en el vídeo, deies que ho trobaves curiós, no? Que ho trobaves sorprenent. Doncs mira què diu el Diego sobre això: Diego: [1:14] Hola a tothom! Com esteu? Soc el Diego, de Xile. No soc americà, però volia dir que no sé per què a la Sílvia li fa molta curiositat el fet que la música catalana (sigui) de molt bona qualitat. Per exemple, jo vaig escoltar Txarango, i crec que en la meva vida mai (n')havia escoltat cap (de) tan bo, així que crec que estic en desacord amb la Sílvia, perquè Txarango era un grup de música catalana d'exportació i la (veritat) és que m'agrada molt. Tenen lletres molt maques i molt bons ritmes. Això. Que tinguin un bon dia. Adeu. Sílvia: [2:05] No, a veure, a veure, jo penso que la música catalana és molt bona, i per això ha sortit tan bé aquest vídeo que hem fet sobre els grups de música catalans i per això hem fet aquestes entrevistes tan divertides on la gent canta i s'ho passa tan bé, però em sembla sempre curiós que algú aprengui una llengua partint de la base només de la música, o sigui, perquè li agrada una cançó o perquè… no sé, perquè li agrada un grup de música. Andreu: [2:31] Sí, sí, totalment. De fet, la Brianna ens va explicar que va trobar una cançó per casualitat en català, no? Que li va aparèixer al YouTube, i arran d'això es va enamorar de la llengua. Sílvia: [2:41] I la veritat és que és curiós, vull dir, com a motiu per aprendre una llengua, doncs és curiós. Però sí, per suposat que la música catalana és de les millors, o si no la millor, que hi ha. Andreu: [2:52] Oh, oh! Bé, en tot cas, moltes gràcies, Diego, pel missatge, felicitats pel teu català. Explica'ns més coses sobre com l'aprens: si ho fas pel teu compte o si estàs fent un curs a la universitat o en línia… Volem saber com ho fas, perquè la veritat és que tens un català molt bo. I, bé, sense més dilacions, i parlant de música, aprenents de català, gent que l'aprèn a distància… avui tenim un convidat molt molt molt especial. Hola, Halldór! […] Fes-te membre de la subscripció de podcast i accedeix a les transcripcions completes en format web o PDF, o bé llegeix-les directament des de Transcript Player. (https://www.patreon.com/easycatalan)

The Rare Life
82: Kim's Story | Hard-Earned Awe, Mothering a Glass Doll, and a Brand-New Marriage Put to the Test

The Rare Life

Play Episode Listen Later Mar 10, 2022 41:46


When Kim's picture-perfect pregnancy ended with a textbook delivery, she had no reason to expect that her newborn daughter would have a broken arm. After further imaging, they found she had fractured a rib while still in utero. This led to the suspected diagnosis of OI—a rare syndrome that results in extremely breakable bones. After they were discharged, little Julianne broke just about every limb. Kim and her husband were reeling with the unexpected medical journey they were on. In this episode, Kim shares what it was like to endure the learning curve during the first several months of her daughter's life. She also talks about the awesome things that have come because of her daughter's diagnosis, and the ways that her brand-new marriage was affected. Links: Follow Kim on Instagram Follow me on Instagram. Follow the Facebook page. Join the Facebook group Parents of Children with Rare Conditions. Donate to the podcast via Buy Me a Coffee. Check out our appointment day merch. Check out our sponsor BetterHelp for online licensed therapy.

Nautilus Link
Café com Videogames #73 - O Dedão do Ryu

Nautilus Link

Play Episode Listen Later Mar 9, 2022 100:08


Apoie o projeto e permita que ele continue: apoia.se/nautilus | picpay.me/canalnautilus No Café com Videogames #73, falamos de... de... do Dedão do Ryu? Oi? O Café com Videogames acontece toda segunda, às 9:30 da manhã, lá na twitch.tv/nautiluslink Participantes: Host: Lucas Zavadil | @lucaseduardrz Convidado: Ricardo Nauts | @RicardoNauts Convidado: hernique | @herniquetxt Encontre-nos também nas redes sociais: Discord: discord.gg/FPd6hgE Twitter: twitter.com/nautiluslink Instagram: instagram.com/nautiluslink

BitGeek Podcast
Mastering 'Snatch' (2000)

BitGeek Podcast

Play Episode Listen Later Mar 9, 2022 78:51


Oi, Mate! Welcome to the seedy underbelly of London's criminal side in this finale to our February's Movies We Love series. In this episode, Ron and Adam will tackle the 2000 British Gangster flick “Snatch”. They'll discuss everything from finger missing gamblers to bullet dodging Russians, with a Pikey or two thrown in for good measure. Plus Ron officially throws down the gauntlet and finally challenges a celebrity to a fight. Who is it? There's only one way to find out. So put down your replicas and grab your Desert Eagle .50 and tune in to this episode of CINEMASTERS OF THE UNIVERSE!!!

Gentlemen's Inquiry
8mm Dissection: Halloween (1978) Pt. 2

Gentlemen's Inquiry

Play Episode Listen Later Mar 8, 2022 169:15


Oi! Here it is you bloody animals! Halloween Pt. 2. Let's enjoy some nonsense eh?   Twitter: @Gents_INQ Facebook: Facebook.com/GentsINQ E-mail gentlmensinquiry@gmail.com Subscribe, Rate...whatever...Just enjoy,   -- The Gents  

O Teatro Escuro do Pensador Louco

Oi, isto é só um acerto de contas a respeito do sumiço dos podcasts recentemente.

Iradex
Pitacos sobre Batman (Sem Spoilers)

Iradex

Play Episode Listen Later Mar 3, 2022 23:51


Oi, somos do Iradex e estes são os nossos Pitacos sobre Batman, novo filme do herói, dirigido por Matt Reeves e estrelado por Robert Pattinson. Este episódio é livre de spoilers sobre o filme. O Pitacos é um podcast sem formato definido e sem periodicidade, onde damos nossas opiniões não embasadas sobre as mais diversas produções de arte e entretenimento. E aí, gostou? Deixe seus pitacos aí nos comentários que isso nos ajuda bastante! --- Participantes desta edição: PJ Brandão e Luiza Lima. Arte por Giovanna Magda. Podcast editado por PJ Brandão. --- Links Batman - Trailer Outros Pitacos Contatos Twitter: /iradex Instagram: /iradexnet E-mail: podcast@iradex.net Canal do Telegram: @iradexnet

Yoga Contemporâneo
Yogins Morrem no Final

Yoga Contemporâneo

Play Episode Listen Later Feb 28, 2022 3:19


Aos incautos não-iniciados ainda Tá difícil acompanhar? Oi? Sim sim, é só não parar, avançar, recuar… permitir-se se desterritoriallzar. - “É td meio louco, né?” - “Todo louco é o que não sou eu ainda, saca?”. Achei melhor não comentar, mas não há outro jeito pra disruptura| mutação. - “Se são signos iniciáticos? Não não, é q eu preciso matar vc em alguma parte do processo, é só por isso o incômodo. Sim, vc morre no final”. (Me pergunta sobre as armas a usar) - “Deixa eu ver? Hmm, pega essa outra lima aqui, ela é mais fina”. - “Experimenta agora. Volta pro conto 1, e revisite-o inúmeras vezes até fazer passar algo”. Ela já usou jurema, cachimbo e lima, diz. Qdo vai entender q é preciso, antes, se encantar. E isso exige um ponto de cozimento. E cada um aprende sozinho o seu. Experimentações! Não adianta o livro agora, avisei-a mais outra vez. Só com proteção pra entrar nas estórias. - “Senta aqui do meu lado. Já vai começar, mas te explico novamente. Não! (ela ri). Um dia incorporará outra lógica. Entre os azande, p.e., é c/ dança e pasta. Entre os goatrancers, dança e êxtase. No yoga, dançam tb e bebem prana. Alerto q em tds cozem seus corpos. Um não-iniciado pode comer a pasta azande, imitar seus corpos no ar, mas não obtém a profecia da bruxaria até q seu corpo tenham sido preparado no fogo brando e cuidado por um mago|cozinheiro. Assim tb no yoga. Qq um pode imitar seus movimentos, fechamentos, cantorias, expulsões e travas, mas não repelem a Ignorância de suas almas. Assim surgem os {anões de labirinto} e {tatus-bolas}, de Avidya q os obsidiam. Tá sentindo bater já, né? Isso, pois nômade e selvagem. Há movimento e atenção por não se deixar capturar por Avidya. Por isso o PARABELO. Há que se construir um corpo sem órgãos antes. E isso consome muito tempo. Assim como os xapiris, Kundalini se assenta em ciita, nas {caixas torácicas}. Vc consegue agora entender as estórias que venho lhe contando nestes últimos dias?

Yoga Contemporâneo
Fissuras que Ardem

Yoga Contemporâneo

Play Episode Listen Later Feb 21, 2022 3:09


Oi? (desvio o olhar pra um tatu-bola que assobia pra mim). Meu corpo não é compacto não, ele é fissurado. Se dói? Bem, as vezes dói sim, mas sem elas não sinto outros corpos. (Diz ser contraditório). É q na falta continuaria sendo nada, oco, invisível. (Sorri). É, a cara de Purusa. Tu não tem tantas né? (Sente o mundo pelos cheiros, a umidade da terra e ouve td abafado debaixo de tanta terra q oprime seu casco duro). (Parece curioso pelas frestas q carrego no meu corpo nu). Sua fala é empolada, pq insiste em conversar por uma língua tão antiga? (Desconversa, mas sei q lhe dá poder. Não entende ainda a linguagem dos corpos potentes). Ahã… quer dizer, é de nossa natureza ser atravessado por entre elas. Fazer passar. Corpos moles. Dá pra ter mais afetos? Claro q sim. Doideira né? (Seu povo acredita q o mar tá subindo e logo logo eles deverão começar a cavar pra cima). Todo esse mundaréu q guardas pode ser reduzido a uma peq porção de terra! Tudo devir. (Ele se assusta com a imagem do Himalaia se tornar uma ilha) (Ri, mas ele não consegue - constrange-se ainda mais). Vdd YogiNI-Tatu-Bola vc abre frestas subterrâneas pra fazer passar ecos de um mundo antigo. Notas do subsolo. Olha só! (Me conta orgulhoso que faz yoga num buraco). Eu não Seu YogiNI-Tatu-Bola, aprendi com meu povo, deixar que o yoga faça por nós (entre nós). Sim, yogas abrindo fendas em corpos lunares, como eu disse. Vcs abrindo fendas no corpo da terra e nós em corpos humanos. (Ele vasculha o próprio corpo em busca de frestas) É q, talvez, não esteja demorando-se o suficiente. (Fica pensativo, sacode a cabeça, arruma seus oclinhos, ajeita a cabeça nua - canta uma ladainha como q se protegendo) Ah, busca a eternidade? (Pergunta se não é esse propósito) Sei lá, sempre achei um tédio ser da Cullen's Famiglia. Imagina revisar a filosofia platônica eternamente com um martelo? Sempre amei ser da tribo Quileute, devir. (Respondi, mas vi q não entendeu). (Mexe rápido o focinho, sente a umidade chegando e se enfurna de novo pra debaixo da terra) A profecia dos tatus se confirma a cada lua molhada que surge. . . . .