Podcasts about adapta

  • 795PODCASTS
  • 1,322EPISODES
  • 39mAVG DURATION
  • 5WEEKLY NEW EPISODES
  • Jan 20, 2023LATEST

POPULARITY

20152016201720182019202020212022

Categories



Best podcasts about adapta

Latest podcast episodes about adapta

Portugueses no Mundo
André Gomes: Sofia, Bulgária

Portugueses no Mundo

Play Episode Listen Later Jan 20, 2023 24:09


Adaptação é a palavra escolhida pelo André Gomes para título da experiência que vive fora de Portugal. Primeiro a Roménia e desde 2017 a Bulgária. E é por lá que vai continuar, esta história que está a escrever.

Deportes COPE
Enric Mas:"Al recorrido de la Vuelta le doy un diez; es muy dura y se adapta súper bien a mis características"

Deportes COPE

Play Episode Listen Later Jan 10, 2023 4:44


Algo Nuevo Todos Los Días
Audio-Technica adapta sus populares audífonos M50x para gamers

Algo Nuevo Todos Los Días

Play Episode Listen Later Jan 7, 2023 1:05


Audio-Technica ha presentado en el CES los nuevos audífonos con cable StreamSet, especialmente diseñados para los creadores de contenidos. https://saintsamael.com/algo-nuevo-todos-los-dias/ https://www.engadget.com/audio-technica-headsets-m-50-x-content-creators-170054379.html?src=rss #tecnologia #contentcreator #audiotechnica #audifonos #headset #gamer

Kultura.eus
Markeliñe,la compañía vasca pionera en teatro de calle adapta du espectáculo "Mamut"para recintos interiores

Kultura.eus

Play Episode Listen Later Jan 5, 2023 13:20


Nuestro invitado Jon Kepa Zumalde junto con otros cuantos compañeros teatreros fueron pioneros en llevar sus espectáculos a frontones y plazas de toda Euskal Herria; en los ochenta nacía "Markeliñe" . Ahora han hecho el camino inverso con "Mamut", una de sus últimas producciones....

DreamIsland- Podcast De Cinema
276- Game of Thrones | A Inesquecível Fantasia Épica da HBO

DreamIsland- Podcast De Cinema

Play Episode Listen Later Dec 30, 2022 6:19


UMA DAS SÉRIES DE FANTASIA MAIS INFLUENTES JÁ FEITAS e uma das Adaptações Mais Problemáticas da HBO. Será que seu desfecho apressado prejudica todo o conjunto da obra? Nos Acompanhe em Nossas Mídias: TWITTER LETTERBOXD CASTBOX KOO --- Send in a voice message: https://anchor.fm/dreamisland/message

lê pra mim?
799 - A formiga e a cigarra - Esopo - adaptação Justiniano José da Rocha

lê pra mim?

Play Episode Listen Later Dec 27, 2022 2:34


A formiga e a cigarra Fabulas imitadas de Esopo e La Fontaine Justiniano José da Rocha http://www.ebooksbrasil.org/eLibris/fabulas.html

Radioagência
Câmara aprova regras para adaptação às mudanças climáticas

Radioagência

Play Episode Listen Later Dec 27, 2022


Sal da Terra PC
Você se adapta

Sal da Terra PC

Play Episode Listen Later Dec 22, 2022 3:17


Hoje, o nosso recado é para as mulheres. Vocês sabem a importância de saber dizer não?

MOVIMENTO EM FOCO
Ep. 111 - Espondilite anquilosante e exercício físico, com Rodrigo Oliveira Santos e Fábio Jennings

MOVIMENTO EM FOCO

Play Episode Listen Later Dec 15, 2022 75:52


SEJA NOSSO APOIADOR: https://apoia.se/movimentoemfoco . Nossos convidados da vez vieram para quebrar paradigmas sobre o tratamento da espondilite anquilosante e de outras condições reumatológicas. Rodrigo Oliveira Santos (diagnosticado com espondilite) e Fabio Jennings (seu reumatologista) toparam bater esse papo com a gente contando um pouco dessa história desde o diagnóstico até os dias atuais, passando pelas viradas de chave no tratamento que levaram a mudanças significativas nos parâmetros de controle da doença e ainda, melhora de variáveis relacionadas ao rendimento esportivo. Afinal de contas, o Rodrigo este ano pode se denominar maratonista, e isso naturalmente é para poucos e impensável para muitos, pelos estigmas do diagnóstico. . Alguns dos pontos que conversamos: . - Os primeiros sintomas e as suspeitas pelo diagnóstico; - As diferenças nas propostas de tratamento da espondilite nos últimos 30 anos; - Fisiopatologia e iIntrodução da medicação imunobiológica; - Limitações funcionais e impacto na sua atividade de cirurgião; - Impacto do exercício físico na melhora da doença e qualidade de vida; - Corrida e espondilite: é possível? Como? - Adaptações específicas da postura durante a corrida, dadas as limitações de mobilidade e o papel da fisio na busca da melhor solução; . Convidados: Rodrigo Oliveira Santos e @fabiojennings Hosts: @telles.rafa, @fisiofrancochamorro e @cassio_siqueira . Edição: @andrelaiza Backstage: @viccampos . NOSSO YOUTUBE: https://www.youtube.com/c/MOVIMENTOEMFOCO NOSSO INSTA: https://www.instagram.com/movimentoemfococanal/ --- Send in a voice message: https://anchor.fm/movimentoemfoco/message

Shoganai
As Influências e Adaptações Japonesas de Star Wars e Batman (c/ João Pardal)

Shoganai

Play Episode Listen Later Dec 12, 2022 48:07


Neste episódio, tenho comigo o João Pardal (podcast O Piado do Pardal) para falarmos sobre as adaptações de Star Wars e Batman pelos estúdios japonesas. Shoganai: Twitter | Instagram Piado do Pardal: Twitter | Instagram | Podcast

da ideia à luz
Criação Ep#108 - 01/11/2022 -Edner Careca e a criação da Iluminação para a peça "Graciliano um Brasileiro Alagoano"

da ideia à luz

Play Episode Listen Later Dec 6, 2022 120:35


Edner Pimentel, mais conhecido como Careca, começou como assistente de cenotécnica do Teatro Deodoro em 1984. O aprendizado veio da prática e do convívio com o cenotécnico titular Ronaldo Vieira, o eletricista Pedro Eufrázio e o saudoso maquinista José Cabral. A partir daí, ele foi se especializando em iluminação cênica. Sete anos depois, passou a atuar definitivamente como iluminador na equipe técnica do palco oficial do estado. Ao longo da carreira, Careca já participou de milhares de espetáculos. Entre os momentos marcantes, ele destaca encontros com equipes de grandes nomes do cenário nacional nas artes cênicas como Fernanda Montenegro, Eva Wilma, Paulo José, Antônio Fagundes, Paulo Autran, Armazém Cia de Teatro; na dança Denise Stoklos, Débora Colcker, Ballet Guaíra; no humor Dercy Gonçalves, Chico Anísio, Juca Chaves, Tom Cavalcante; na música Geraldo Azevedo, Xangai, Arnaldo Antunes, Vanessa da Matta, Chico César, entre muitos outros. Careca é uma referência quando o assunto é iluminação cênica em Alagoas e tem sido o nome mais procurado no cenário local para elaboração de planos de iluminação. Destacamos como exemplos mais recentes os shows de Wilma Miranda, Mar de Vazão, em seus 50 anos de Carreira; criou, produziu e executou o plano de luz do espetáculo Finados e Desafinados. Careca também tem experiência com iluminação de audiovisuais. Criou, montou e executou a luz de videoclipes de produções locais e nacionais como Print, do paulista Edgar (2019); O Amor Que Eu Sonhei, de Thiago PAD (2019); Lar, de Wado (2015). No cinema, Careca participou da concepção de luz, como gaff, com a Panan Filmes, de curtas como Alano (2019), Farpa (2016), Ontem à Noite (2015), entre muitos outros. Mais recente, em 2020, ele foi responsável pela iluminação nos projetos audiovisuais da Diteal, como a edição especial do Teatro Deodoro é o Maior Barato, 110 anos do Teatro Deodoro e, em 2021, a comemoração do Dia Alagoano do Teatro. Release O espetáculo teatral “GRACILIANO UM BRASILEIRO ALAGOANO” foi criado em 2003 por ocasião das comemorações dos 110 anos de nascimento do escritor, integrou no mesmo ano o projeto “Alagoas de Corpo e Alma” do governo de Alagoas, que percorreu o país divulgando as potencialidades do estado nos mais variados aspectos artísticos e Culturais. O grupo formado pelos atores alagoanos Chico de Assis e Paulo Poeta decidiu remontar do espetáculo GRACILIANO UM BRASILEIRO ALAGOANO a partir das cartas enviadas por Graciliano à Heloisa Ramos, sua segunda esposa, surgindo assim o espetáculo “GRACILIANO UM BRASILEIRO ALAGOANO – Memoria de Heloisa”. O novo texto propõe um diálogo permanente entre as cartas, trechos de romances e momentos da vida do escritor. Buscando dar uma leitura de estética mais contemporânea ao espetáculo, o grupo convida um encenador Marco Antonio de Campos da Invisível Cia de Teatro de Alagoas, e, juntos propõe que o espetáculo traga a cena projeções de trechos dos premiados filmes dos cineastas Nelson Pereira dos Santos (Vidas Secas de 1963 e Memórias do Cárcere de 1983), e Leon Hirszman (São Bernardo de 1980) baseados na obra de Graciliano. Ficha técnica: Adaptação: Paulo Poeta Encenação: Marco Antonio de Campos Atores : Chico de Assis, Paulo Poeta, Arilene de Castro Direção de Arte, Figurinos e Cenário: Beto Leão Trilha Sonora: Paulo Poeta Iluminação: Edner Careca Vídeos: Yuri Magalhães Operação de Áudios e Vídeo : Robério Wanderlei Fotografia: João Erickson, Mário Vinícius (Marola), Michele Castro Produção: Patacuri – Cultura, Formação e Comunicação AfroAmérindia

DreamIsland- Podcast De Cinema
232- A Evolução das Adaptações de Games Nos Cinemas

DreamIsland- Podcast De Cinema

Play Episode Listen Later Dec 2, 2022 16:53


SONIC 2, UNCHARTED, SILENT HILL E MAIS: As Adaptações de Games Nos Cinemas Nem Sempre tiveram Grandes Resultados tão Positivos. Entre produções medíocres e outras ainda piores, será que ainda dá para se tirar bons frutos? Nos Acompanhe em Nossas Mídias: TWITTER LETTERBOXD CASTBOX KOO --- Send in a voice message: https://anchor.fm/dreamisland/message

Podcast Rabiscos
Adaptações: ser ou não ser fiel? - com Vini Puche

Podcast Rabiscos

Play Episode Listen Later Dec 1, 2022 58:42


Com a quantidade de adaptações levadas às telas, como “Harry Potter”, "Anéis de Poder”, “O iluminado”, surgem questões sobre o quão fiel uma adaptação deve ser em relação ao material original. Um tema controverso e cada dia mais atual, num episódio delicioso com o Vini, em que falamos sobre diversas obras imperdíveis! Dá o play e vem debater com a gente!   A Cabine do Filme, um programa do Podcast Rabiscos, é apresentada por Carol Pedrosa e editada por Tadeu Rodrigues.   Para envio de livros e postagens: Tadeu Rodrigues Caixa Postal nº 129  CEP: 37701-010 - Poços de Caldas - MG   Acompanhe, curta, compartilhe!   Siga-nos | Instagram: @podcastrabiscos | @tadeufrodrigues | @cartasdecarolina | email: podcastrabiscos@gmail.com | tadeufrodrigues@gmail.com

Vortex Cultural
VortCast 109 | As adaptações de Games e o Cinema

Vortex Cultural

Play Episode Listen Later Dec 1, 2022 141:28


Bem-vindos a bordo. Filipe Pereira (@filipepereiral | @filipepereirareal), Bruno Gaspar (@hecatesgaspar | @hecatesgaspar), Jackson Good e Nicholas “Aoshi” Prade se reúnem para comentar sobre as principais adaptações de games para o universo do cinema. Duração: 141 min. Edição: Flávio Vieira Trilha Sonora: Flávio Vieira Arte do Banner: Bruno Gaspar Agregadores do Podcast Feed Completo iTunes Spotify Contato Elogios, Críticas ou Sugestões: contato@vortexcultural.com.br. Facebook — Página e Grupo | Twitter | Instagram Links dos Sites e Podcasts Agenda Cultural Marxismo Cultural Anotações na Agenda Deviantart | Bruno Gaspar Cine Alerta — Ouça e avalie-nos: iTunes Store | Spotify.

Cinemático
O Milagre

Cinemático

Play Episode Listen Later Dec 1, 2022 41:40


Depois de uma sequência matadora de lançamentos na esteira de Uma Mulher Fantástica, o oscarizado Sebástian Lelio retorna agora pelas mãos da Netflix. Adaptação de um livro da autora de O Quarto de Jack e com Florence Pugh no elenco, O Milagre acompanha a investigação de uma enfermeira inglesa na Irlanda da época da fome, quando uma garota da noite pro dia para de comer e começa a ser encarada como um advento divino por sua comunidade. No Cinemático 343, Carlos Merigo e Pedro Strazza discutem o filme e o atual estágio da carreira de Lelio, além de discutir o que a história deixa de ensinamento para os brasileiros. spoilers: 29m41snotas: 38m13sSee omnystudio.com/listener for privacy information.

Transição Trabalhista
Adaptações Necessárias

Transição Trabalhista

Play Episode Listen Later Nov 23, 2022 2:21


Já que é inevitável, como devemos nos adaptar a essa realidade do Compliance Digital? Trazemos neste tópico final algumas ideias. E não esqueça que podemos ajudar na implementação das adaptações necessárias ao Compliance Digital! Entre em contato! www.elaborbr.com

Aqui Se Faz História
Cem anos do rádio no Brasil - o veículo se adapta às novas tecnologias

Aqui Se Faz História

Play Episode Listen Later Nov 21, 2022


Evangelizando em Casa
"Diante da História" - parte 2

Evangelizando em Casa

Play Episode Listen Later Nov 20, 2022 10:21


Adaptação do livro "As aventuras de João Vermelho" de Ranieri

Nepomuceno Estratégia Digital
Os desafios da Inovação Pessoal na Civilização 2.0

Nepomuceno Estratégia Digital

Play Episode Listen Later Nov 18, 2022 10:00


Os desafios da Inovação Pessoal na Civilização 2.0 - O Sapiens 1.0 foi formatado para ser muito mais massificado do que será o 2.0. - Basicamente, temos com a chegada e massificação da Civilização 2.0 a demanda por um Sapiens muito mais autônomo do que o 1.0. - A Civilização 2.0 tem no seu epicentro o surgimento da Curadoria Digital, que nos permite resolver problemas complexos com muito mais agilidade e personalização. - Temos na Civilização 2.0 um exponencial, desconhecido e rápido processo de Reintermediação dos Antigos Intermediadores. - A Curadoria Digital permite que se possa resolver problemas de grande quantidade com muito mais personalização e agilidade do que no passado. - O principal problema da obrigatória Adaptação Civilizacional, é a rápida demanda pelo aumento da Taxa de Personalização de cada pessoa. - O Patamar Demográfico que ultrapassou os 8 bilhões de Sapiens exige que cada pessoa seja muito mais autônoma do que foi no passado. - Estamos assistindo neste primórdios da Civilização 2.0 um exponencial processo de Personalização em Larga Escala. https://bit.ly/artigobimodal181122 É isso, que dizes? Inovação com Ciência Zap: 21-996086422 (Nepô, chega de MIMIMI!) Compre meu livro Administração 3.0, autografado:https://bit.ly/adm30autografado

Rádio BandNews BH
Adaptação de obra de Gasparetto na Telona 17/11/22

Rádio BandNews BH

Play Episode Listen Later Nov 17, 2022 2:55


Luciana Vianna traz em destaque o lançamento de um filme que homenageia Luiz Antonio Alencastro Gasparetto. O filme é a adaptação de um livro do auotor.

Reportagem
RFI Brasil 40 anos: adaptação à evolução tecnológica garantiu a longevidade da rádio

Reportagem

Play Episode Listen Later Nov 17, 2022 13:42


Desde a sua criação em 1982, a redação brasileira da RFI passou por várias etapas. A transmissão inicial por ondas curtas foi completamente abandonada no início dos anos 2000 e, atualmente, os programas em português para o Brasil são distribuídos por satélite às cerca de 180 rádios parceiras no país, mas principalmente pela internet. Nessas quatro décadas, a adaptação à evolução tecnológica garantiu a longevidade da redação brasileira da RFI, avalia Carlos Aciari, do serviço técnico da emissora, responsável pela instalação de antenas parabólicas e de receptores para as emissoras parceiras no Brasil. Segundo ele, o fim das ondas curtas, “que ninguém escutava” e o início da transmissão via satélite “foi o que salvou” as redações em línguas estrangeiras da RFI. “Havia plano de fechar as redações”, lembra Aciari. Questões tecnológicas, mas também geopolíticas, como o fim da Guerra Fria, o fortalecimento da União Europeia e a redemocratização de vários países, como o Brasil, levaram a uma mudança de estratégia da RFI. Várias redações em línguas estrangeiras, principalmente direcionadas aos países do ex-bloco soviético, foram fechadas. Mas a RFI Brasil, que conseguiu se adaptar às novas tecnologias, foi mantida. Adaptações e reformas A redação brasileira da RFI reformulou progressivamente a sua programação. As duas horas noturnas iniciais foram diminuindo até chegar atualmente ao programa de 30 minutos, que vai ao ar pela manhã (6h30 pelo horário de Brasília). Temas como Meio Ambiente, Multimídia, uma crônica de política internacional e, mais recentemente, programas dedicados à comunidade brasileira pelo mundo, passaram a integrar definitivamente a grade. A RFI passou a fazer parte do grupo France Médias Monde (FMM) que reúne também o canal de TV internacional France 24 e a rádio Monte Carlo Doualiya, em árabe. A RFI se mudou da emblemática Maison da la Radio para um novo local, em Issy-les-Moulineaux, nos arredores da capital.  Em 2005, ano do Brasil na França, a redação brasileira foi a primeira das línguas estrangeiras da RFI a inaugurar sua página na internet. Desde então, a produção de conteúdos digitais em português para o Brasil foi reforçada e a rádio está presente nas redes sociais, e graças a novas parcerias, nas principais plataformas de notícias brasileiras. A RFI (como outras rádios) se transformou em um veículo multimídia. Para Paulo Antonio Paranaguá, que trabalhou na RFI Brasil durante 20 anos, a rádio soube se adaptar e hoje é um bom instrumento para lutar contra as fake news. “Evoluir, conquistar novos meios de chegar aos ouvintes, telespectadores e leitores, isso é a obrigação de todo jornalista hoje em dia para lutar contra as fake news”, ressalta Paranaguá. "Incontornável" O site da RFI Brasil é o segundo de maior audiência das redações em línguas estrangeiras da Rádio França Internacional. “Hoje em dia, a RFI tem uma visibilidade tal no Brasil que ela se torna incontornável”, pondera Maria Emília Alencar, que começou a trabalhar na RFI em 1983 e chefiou a redação brasileira da RFI durante quase 13 anos, até se aposentar em 2021. O potencial para o aumento dessa visibilidade ainda é grande, principalmente devido ao boom do podcast no mundo. “O Brasil é um dos países que tem mais rádios em seu território, mais de 13 mil rádios”, informa Pompeyo Pino, diretor de distribuição de conteúdos para as Américas da RFI, reforçando que a “potencialidade para novas parcerias é enorme”. Acompanhe a série de podcasts sobre os 40 anos da RFI

Hovory
Na adaptační kurz se mě už ptaly snad stovky ukrajinských rodičů, říká Merunková z Vítej v Česku

Hovory

Play Episode Listen Later Nov 16, 2022 24:01


Vítej v Česku je projekt na pomoc migrantům, kteří utekli před válkou na Ukrajině. „S podporou ministerstva školství jsme během deseti týdnů realizovali projekt pro více než 8 tisíc dětí. Tak nějak jsme si pak ani nevšimli, že bylo léto, ale jsme rádi, že v tom od října můžeme zase pokračovat,“ popisuje Jana Merunková, spoluzakladatelka neziskové organizace, která jinak pomáhá dětem opouštějícím dětské domovy.Všechny díly podcastu Hovory můžete pohodlně poslouchat v mobilní aplikaci mujRozhlas pro Android a iOS nebo na webu mujRozhlas.cz.

Wholesale Is Not Dead
Adapta - Upcycling du cuir - Virginie Ducatillon

Wholesale Is Not Dead

Play Episode Listen Later Nov 15, 2022 26:42


Dans cet épisode, nous recevons Virginie Ducatillon, la fondatrice d'Adapta qui propose une solution permettant de renforcer l'upcycling du cuir chez les marques de mode.     La mission d'Adapta est de lutter contre le gaspillage et la surproduction de matières.  Soucieuse des enjeux écologiques liés à l'industrie de la mode, Adapta repense la revalorisation des matières les plus nobles. Cette solution de sourcing responsable déniche pour les marques et les créateurs, des cuirs et textiles haut de gamme qui dorment dans les stocks des maisons de luxe et de leurs fournisseurs. Adapta est un label garantissant la qualité et la traçabilité des matières.      C'est par la contrainte que nait la créativité.  Virginie nous explique le fonctionnement de la solution Adapta et comment les marques de mode peuvent utiliser les stocks dormants pour dynamiser leur collection de manière qualitative. L'exemple de la marque Carel développant une capsule autours du vert avec le Printemps en est un excellent exemple.      C'est également un model adapté aux jeunes créateurs.  Adapta n'impose pas de minimum de quantité à l'achat ce qui permet à de nombreux créateurs de développer leur première collection avec des cuirs de haute qualité stockés dans le centre de Paris.     Excellente écoute, https://www.adapta-paris.com/

DBAOCM Podcast
EP522 - Acelerador de Carreira em TI - Adaptação

DBAOCM Podcast

Play Episode Listen Later Nov 11, 2022 8:44


EP522 - Acelerador de Carreira em TI - Adaptação   Entre no nosso canal do Telegram para receber conteúdos Exclusivos sobre Banco de dados Oracle:   https://t.me/joinchat/AAAAAEb7ufK-90djaVuR4Q

os agilistas
#202 - Business Agility: adaptação evolutiva e inovação, com Luiz Parzianello, Sócio-fundador e CEO da SURYA

os agilistas

Play Episode Listen Later Nov 3, 2022 46:25


Em torno do que gira a chamada "terceira onda do ágil"? O que seria o tal do Business Agility? Para responder essas e outras perguntas, convidamos para o episódio de hoje, o Sócio fundador e CEO da SURYA - Business Agility Getting Real, Luiz Parzianello. Quer saber como aplicar o ágil em uma escala top-down, visando uma vantagem competitiva para o seu negócio? Dá o play! Quer conversar com Os Agilistas? É só mandar sua dúvida/sugestão para @osagilistas no Instagram ou pelo e-mail osagilistas@dtidigital.com.br que nós responderemos em um de nossos conteúdos!See omnystudio.com/listener for privacy information.

Momento Sociedade - USP
Sociedade em Foco #127: Ano de 2023 será de adaptação para o presidente eleito

Momento Sociedade - USP

Play Episode Listen Later Nov 1, 2022 8:19


Resultado das eleições mostra projetos genéricos, grande oposição e mudanças necessárias para o próximo governo

Evangelizando em Casa
"Diante da história" - parte 1

Evangelizando em Casa

Play Episode Listen Later Oct 31, 2022 11:13


Adaptação do livro "As aventuras de João Vermelho" de R. A. Ranieri

Introvertendo
#228 - Mercado de Trabalho: Adaptações e Acessibilidade

Introvertendo

Play Episode Listen Later Oct 28, 2022 26:50


No segundo episódio da série sobre autismo e mercado de trabalho, Tiago Abreu e Caio Bogos conversam sobre as possíveis adaptações e ações de acessibilidade que podem ser feitas para autistas, os processos de trabalho, as características aparentemente opostas entre autistas e o diálogo sobre acessibilidade com os gestores. Arte: Vin Lima.Acesse a comunidade da aTip clicando aqui.Transcrição do episódio disponível no site do Introvertendo.

FLIPERAMA podcast
Fim do Cartoon Network? Adaptação de animes, vai dar bom?

FLIPERAMA podcast

Play Episode Listen Later Oct 28, 2022 58:47


Fala pessoal, no episódio de hoje, nós vamos discutir sobre o "fim" do Cartoon Network, o canal que marcou gerações com os seus desenhos icônicos. Além disso, vamos falar também sobre adaptações cinematográficas de animes, se ainda é uma boa ideia em insistir nisso. Então já sabe né, chega mais e dá um play no episódio. Siga o Fliperama! Instagram ➡ https://www.instagram.com/fliperamapodcast/ Facebook ➡ https://www.facebook.com/fliperamapodcast Parcerias e patrocínios ➡ fliperamapodcast@gmail.com *Canal dedicado ao entretenimento e humor*

Por Falar em Correr
PFC 566 - Crianças Prodígio, Adaptações e Estratégia

Por Falar em Correr

Play Episode Listen Later Oct 20, 2022 49:39


Mais um episódio sensacional. De estratégia de prova a recordes mundiais, passando por adaptações do corpo, crianças prodígios e adolescentes na corrida. SEJA MEMBRO DO CANAL DO YOUTUBE Siga quem faz o PFC Debate: Duda e Ana.

Japan House SP
02 // As adaptações literárias: releituras de grandes mestres por grandes mestres

Japan House SP

Play Episode Listen Later Oct 18, 2022 34:11


Você sabe o que é bungei eiga? É o gênero de filmes adaptados de livros no Japão. Há, na cinematografia japonesa, uma conexão com a literatura, desde A Dançarina de Izu, na década de 30, passando por clássicos como Contos da Lua Vaga, nos anos 50, até os famosos filmes do Studio Ghibi, na atualidade, com características e contextos particulares.

Passando a Limpo
Nova rotulagem dos alimentos nos supermercados tem prazo de adaptação

Passando a Limpo

Play Episode Listen Later Oct 10, 2022 48:24


Passando a Limpo: Nesta segunda-feira (10), Geraldo Freire e a bancada do programa conversam com a professora do Departamento de Ciências do Consumo da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), Maria Inês Sucupira Maciel. Como tema, a nova rotulagem dos alimentos. A determinação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) entrou em vigor no domingo (9), contudo, a especialista lembra que a adaptação dos produtos nos supermercados pode levar até dois anos. O cardiologista Edgar Pessoa de Melo comenta pesquisa que incluiu o sono de qualidade como novo item essencial para saúde do coração. A colunista Eliane Cantanhêde destaca os rumos da campanha eleitoral no segundo turno, o controle de Jair Bolsonaro na Câmara e no Senado e a proposta do presidente de aumentar as vagas de ministros no Supremo Tribunal Federal (STF).

Cinemático
Blonde

Cinemático

Play Episode Listen Later Oct 4, 2022 59:43


Marilyn Monroe está de volta ao cinema num filme recheado de tensões. Adaptação de um romance de Joyce Carol Oates e dirigido pelo cultuado Andrew Dominik, Blonde explodiu em intrigas nas redes sociais com seu retrato nada sensível sobre a maior das estrelas da Hollywood clássica, despertando acusações de misoginia ao retratar a artista pela perspectiva de seus relacionamentos e problemas familiares. A recepção dividida coloca em risco a discussão do filme e de sua principal atriz, Ana de Armas, para o Oscar, mas entre defensores e detratores a questão que fica é: afinal, é bom? No Cinemático 328, Carlos Merigo, Júlia Gavillan e Pedro Strazza conversam sobre o filme, suas polêmicas e a carreira do diretor, enquanto balizam os efeitos do registro de Marilyn nas telonas após sua morte. Spoilers: 48m34sNotas: 56m4s  

Es Cine
Así se adapta el festival de San Sebastián a los nuevos tiempos

Es Cine

Play Episode Listen Later Sep 29, 2022 8:15


Sergio Pérez entrevista a José Luis Rebordinos, director del festival de San Sebastián, sobre cómo se adapta a los nuevos tiempos.

MVP StartSe
Bom Dia Califórnia - 29/09/2022 - Google se adapta para Geração Z; conheça nova experiência de busca

MVP StartSe

Play Episode Listen Later Sep 29, 2022 2:30


Informe-se rapidamente sobre o que está acontecendo AGORA na região mais inovadora do mundo! O Google anunciou novidades para as funcionalidades de pesquisa, mapas e compras, buscando oferecer a melhor experiência aos usuários. A proposta é entregar uma navegabilidade mais natural e espontânea e a gente explica o que movimentou a gigante de tecnologia. Diariamente, às 7h, Felipe Giannetti, sócio da StartSe, traz as principais novidades diretamente do Vale do Silício e reflete sobre o ecossistema de inovação e startups.

Rádio Gaúcha
Resenha das Gurias #15 - Hat-trick, adaptação no Grêmio e começo no futsal: resenha com Lais Estevam

Rádio Gaúcha

Play Episode Listen Later Sep 28, 2022 40:01


Resenha das Gurias #15 - Hat-trick, adaptação no Grêmio e começo no futsal: resenha com Lais Estevam by Rádio Gaúcha

Taverna do Mapinguari
123: Adaptações de O Senhor dos Anéis

Taverna do Mapinguari

Play Episode Listen Later Sep 10, 2022 90:43


O universo fantástico criado por J. R. R. Tolkien vem inspirando leitores e artistas há 85 anos, e ganhou diversas reinterpretações em mídias como quadrinhos, games e cinema. Neste episódio comentamos diversas obras que trazem a Terra-Média como cenário. Participantes: Emerson Oliveira, Thiago Henrik e Tom Oliveira Edição: Tom Oliveira Capa: Thiago Henrik ASSISTA A GRAVAÇÃO AO VIVO - TODA QUARTA, ÀS 14H A gravação do nosso podcast é transmitida ao vivo no Youtube.

Tokucast
Tokucast Júnior #29 – E aí, falaremos ou não de adaptações?

Tokucast

Play Episode Listen Later Sep 2, 2022 10:01


São muitos pedidos para falarmos de adaptações, principalmente de VR Troopers e das de Kamen Rider. E aí, falaremos? Daniel Kuroda e Giuzão Chagas trazem mais uma semana de comentários do Tokucast e contam se farão episódios sobra adaptações e… Continue Reading →

Meio Ambiente
Seca, incêndios, tempestades: depois de ‘ver para crer', consciência ambiental cresce na França

Meio Ambiente

Play Episode Listen Later Sep 1, 2022 14:20


Picos de calor mais intensos e próximos, incêndios florestais descontrolados, tempestades devastadoras, prejuízos agrícolas, racionamento de água. A França chega ao fim de um verão histórico, em que vários recordes meteorológicos foram batidos e as consequências das mudanças do clima se tornaram mais visíveis. A sequência de fenômenos extremos levou a conscientização ambiental a aumentar no país – mas isso não significa que todos estejam mais dispostos a mudar de hábitos para proteger o planeta. Lúcia Müzell, da RFI As paisagens amarronzadas pela seca tomaram conta de boa parte do país: em dois meses, a França teve 33 dias de calor além dos padrões. Foi o segundo verão mais quente já registrado. Regiões como a Bretanha, acostumada a uma estação amena e chuvosa, registraram as temperaturas mais altas da história. Trinta mil hectares de florestas viraram fumaça, inclusive em partes do país onde os incêndios florestais não ocorriam. O verão ainda não terminou, mas diferentes pesquisas já mostram um efeito “ver para crer” no país – a consciência ambiental dos franceses cresceu nesses últimos dois meses. Uma delas, do instituto BVA, indica que 21% da população disse ter entendido que as mudanças climáticas já atingem o país – que se somam a outros 66% que já haviam entendido isso antes. Em outra sondagem, da Odoxa, 71% das pessoas declararam que, depois deste verão, temem ser pessoalmente atingidas pelas alterações do clima. O economista ambiental Matthieu Glachant avalia que haverá um antes e um depois do verão de 2022. "Eu acho que foi importante o que aconteceu porque, do nada, a mudança climática se transformou em uma experiência pessoal. Há muito tempo, conhecemos os relatórios do IPCC que nos alertavam sobre tudo isso – até que chegamos no momento em que as previsões se realizaram diante dos nossos olhos”, observa. "Acho que isso provocará um verdadeiro impacto nos cidadãos e, por consequência, nos políticos." “Não conseguia pensar em outra coisa" E foi em plenas férias que os franceses se depararam com essa nova realidade que, segundo os climatologistas, tende a se instalar nos próximos anos. O aumento do calor já transforma o Mediterrâneo em um mar tropical. “É muito preocupante. Já faz tempo que eu tenho uma consciência sobre o clima. Mas esse verão, com essas grandes secas e incêndios, foi horrível. Foi muito pesado para mim”, conta o desenvolvedor Antoine B., 38 anos, que dividiu as férias entre um período no norte e outro no sul do país. "Falo sinceramente: eu só pensava nisso. Com aquele calor o tempo todo, a gente percebe que precisa realmente mudar as coisas.” A preocupação com o planeta leva Antoine a recusar, cada vez mais, confortos como pegar avião ou ligar o ar condicionado, para não “piorar ainda mais as coisas". "Na empresa, eu não consigo cortar o ar condicionado, mas no carro eu só ando de vidros abertos, por mais quente que esteja la fora”, aponta. “Acho que me tornei exagerado, aquela pessoa chata que vai dizer para o outro não andar de avião porque polui. Mas eu acho que chegamos num ponto em que é preciso ser exagerado, porque a mudança do clima está exagerada.” Reações como a dele, entretanto, ainda não são a regra. Entre estar mais consciente e começar a agir, ainda existe um fosso: apenas 41% dos entrevistados pela BVA têm a intenção de aumentar as ações em favor do planeta. Isso pode significar hábitos como usar menos carro, comer menos carne ou aumentar a reciclagem do lixo. "O que vemos muito claramente nos estudos, e há muito tempo, é que apenas o fato de ‘ver' um risco não é suficiente para causar esse efeito de ação. Visualizar chama a atenção, mas para gerar ação é preciso não só estar informado sobre o que é possível fazer, como o que cada categoria de indivíduos pode fazer”, explica o psicólogo social especialista em riscos ambientais Oscar Navarro, da Universidade de Nimes. "Algumas ações são evocadas de maneira muito global. Para que cada um passe para o que chamamos em psicologia de ‘intenção de agir', é preciso que elas correspondam ao que o indivíduo considera que ele pode fazer. São mecanismos complexos dos humanos: passar da intenção para a ação envolve muitas coisas."  Macron de jet ski O vácuo entre o discurso e os atos também inclui as mais altas autoridades de um país. Dias depois de os últimos incêndios florestais serem finalmente controlados no sudoeste da França, o presidente Emmanuel Macron pousou para fotos em um jet ski, durante as férias – uma diversão que consome combustível e simboliza a desconexão, cada vez mais criticada, entre as elites e medidas necessárias para diminuir o impacto humano sobre a Terra. "O exemplo do presidente Macron é muito emblemático sobre o que acontece com a maioria dos cidadãos. Nós todos temos as nossas contradições. Até as pessoas mais sensibilizadas com o meio ambiente terão, em alguns momentos, comportamentos que serão totalmente contrários às suas opiniões”, comenta a professora de desenvolvimento sustentável Mireille Chiroleu Assouline, da Universidade Paris 1 – Sorbonne. "Macron foi um exemplo de comportamento contraditório, paradoxal, tanto em relação aos compromissos dele e da França, como aos esforços que ele está pedindo dos franceses." O psicólogo Oscar Navarro esclarece que, mesmo aqueles que têm plena consciência sobre a realidade das mudanças climáticas pode acabar optando por não fazer a sua parte – ou por não fazer mais do que já faz. “É preciso retirar a ideia de que a ‘negação' é decorrente de uma má vontade. Não: ela é simplesmente um mecanismo psicológico bastante básico que temos, que nos permite nos proteger de todo o sentimento negativo gerado por uma determinada problemática, mas também pelas dificuldades de enfrentá-la e que, tipicamente, nos causa um sentimento de culpa”, afirma. “A psicologia humana tem a particularidade de termos a tendência de nos compararmos uns aos outros o tempo todo. Isso torna as coisas mais difíceis quando, por exemplo, a gente tenta fazer as coisas direito, assumir a nossa parte de responsabilidade, mas percebemos que há tantas outras pessoas, inclusive próximas, que não fazem nada. E aí nos sentimos sempre perdedores, já que os outros continuam aproveitando enquanto eu estou me esforçando”, esclarece. Desigualdade face à crise climática O economista Matthieu Glachant, professor da Mines ParisTech e da London School of Economics, chama atenção para um ponto fundamental: as diferenças entre os pobres e ricos nesta conta do clima. "Tem uma palavra muito importante em mudança climática que é desigualdade. Desigualdade na contribuição à mudança climática, pelo nível de emissões. As pessoas modestas não andam de jet ski nas férias, nem pegam avião para ir para a Tunísia. E tem também a desigualdade em relação à adaptação às mudanças climáticas. Quando somos pobres, não vamos instalar ar condicionado em casa para enfrentar o calor”, frisou. As temperaturas extremas levaram ao racionamento de água em algumas partes do país, algo bastante raro na França. Agora, em meio à crise energética que atravessa a Europa desde a guerra na Ucrânia, as empresas são incitadas a diminuir o consumo de luz. Na volta das férias, Macron advertiu que o tempo da “abundância e da despreocupação” acabou. Essa confluência de fatores tende a levar à adoção de medidas favoráveis ao meio ambiente, como o aumento das energias renováveis. "Economizar energia e reduzir as emissões de gases de efeito estufa são dois objetivos concomitantes. Podemos, então, esperar que medidas poderão ser tomadas já nos próximos meses”, diz Chiroleu-Assouline, que também é economista. "De qualquer forma, os preços altos da energia levam a maioria dos franceses a economizar – por isso, eu lamento que o governo esteja subvencionando a queda dos preços dos combustíveis nos postos. Isso é contraprodutivo, já que naturalmente os motoristas teriam tendência a economizar combustíveis.” A professora também chama a atenção para a importância de melhorar a eficiência das infraestruturas que já existem na França – um país rico que, até agora, não se preocupava muito com para os pequenos ou grandes desperdícios do dia a dia.  "Percebemos só agora que há vazamentos enormes em diversas redes de abastecimento pela França. Em alguns lugares, chega a ter desperdício de 30% da água”, destaca. "Ou seja, sabíamos que elas existiam, mas como não faltava água, não tomávamos nenhuma medida pra poder consertar esses vazamentos. Como essa, há muitas medidas que podem ser tomadas: quando o sistema é tão ineficaz, fica fácil de agir.” Adaptação na agricultura O verão escaldante levou a prejuízos elevados na agricultura, em especial nas culturas que precisam de muita água, como frutas e legumes. Por trás dos produtores, as seguradoras estão cada vez mais preocupadas com a instabilidade do clima. O verão de 2022 também teve este efeito: alertar sobre as perdas econômicas que estão em jogo para diversos setores. “Vamos começar a construir reservatórios de água para termos quando tivermos anos muito secos? Vamos mudar o tipo de cultura, como a do milho, que rende bastante, à condição de ter bastante água? Há muitas questões colocadas e que precisaremos resolver nos próximos anos, de adaptação”, afirma Glachant. O psicólogo Oscar Navarro sublinha que essa sensação de já estarmos correndo contra o tempo pode acabar dificultando a aceitação, pela população, de tantas mudanças e projetos que estão por vir – não só na França. "O que eu temo é que a gente poderia ter feito projetos com uma escala aceitável no tempo, pelas populações, a exemplo das instalações de energias renováveis. Mas agora, em plena crise, deveremos andar bem mais rápido, instalar novas infraestruras gigantescas, que serão fonte de conflitos, de tensões ou até mesmo de novos problemas ecológicos”, lamenta. "Esse é um risco que eu vejo surgir agora”, adverte.

Podcast do PublishNews
231 - O mercado das adaptações literárias para o audiovisual com Tiago Mello

Podcast do PublishNews

Play Episode Listen Later Aug 29, 2022 50:59


Temos visto nos últimos anos, uma explosão dos serviços de streaming. Esse movimento aumentou também as adaptações de obras literárias para o audiovisual. Temos visto uma maior busca por ideias, roteiros e compras de direitos para transformar as ideias do papel em filmes e séries. Para falar sobre o assunto, nesse episódio conversamos com Tiago Mello, sócio e produtor executivo em uma das principais produtoras de audiovisuais do país, a Boutique Filmes. Ela foi responsável por 3%, um dos maiores sucessos da Netflix em lígua não inglesa. Além de outras produções para Globoplay, Prime Video, HBO Max. Ele conta como é trabalhar com direitos de livros, como funciona todo o processo, como é trabalhar com audiovisual no Brasil no momento atual e muito mais. Este podcast é um oferecimento da MVB Brasil, empresa que traz soluções em tecnologia para o mercado do livro. Além da Metabooks, reconhecida plataforma de metadados, a MVB oferece para o mercado brasileiro o único serviço de EDI exclusivo para o negócio do livro. Com a Pubnet, o seu processo de pedidos ganha mais eficiência. https://brasil.mvb-online.com/home Já ouviu falar em POD, impressão sob demanda? Nossos parceiros da UmLivro são referência dessa tecnologia no Brasil, que permite vender primeiro e imprimir depois; reduzindo custos com estoque, armazenamento e distribuição. Com o POD da UmLivro, você disponibiliza 100% do seu catálogo sem perder nenhuma venda. http://umlivro.com.br Este é o episódio número 231 do Podcast do PublishNews do dia 29 de agosto de 2022 gravado no dia 18. Eu sou Fabio Uehara e esse episódio conta com a participação de Talita Fachinni, Thales de Menezes e Karina Lourenço. E a edição de Fabio Uehara. E não se esqueça de assinar a nossa newsletter, nos seguir nas redes sociais: Instagram, Linkedin, YouTube, Facebook e Twitter. Todos os dias com novos conteúdos para você. E agora: Tiago Mello Indicações - The offer - série Paramount plus - https://www.paramountplus.com/br/signin/?redirectUrl=%2Fshows%2Fthe-offer%2F A história da China - Michael Wood - Editora Crítica - https://www.planetadelivros.com.br/livro-historia-da-china/353403 Na terra do cervo branco - Chen Zhongshi - Estação Liberdade ( https://estacaoliberdade.com.br/livraria/na-terra-do-cervo-branco) Lock key - Netflix (https://www.netflix.com/title/80241239) Soy Cuba mamute siberiano - Prime video (https://www.primevideo.com/dp/amzn1.dv.gti.f67ec4fc-5b84-4f45-a777-40efacc04376?autoplay=0&ref_=atv_cf_strg_wb) --- Send in a voice message: https://anchor.fm/podcast-do-publishnews/message

Fita Isoladora
'The Sandman' tem "muita alma" e é uma "boa adaptação" da magia literária de Neil Gaiman | Filmes em Série

Fita Isoladora

Play Episode Listen Later Aug 12, 2022 41:03


'The Sandman' adapta a saga de novelas gráficas criada por Neil Gaiman. A primeira temporada, que tem sido elogiada, tem dez episódios e contou com a colaboração do autor da banda desenhada original. É uma aventura sobrenatural que conta com várias figuras míticas reconhecidas e com atores britânicos de alto nível. Mas será que esta combinação que parece vencedora, resulta numa boa adaptação? Safaa Dib, fã dos livros, e Andreia dos Reis, da equipa do EF, juntam-se ao painel para analisar a série. O 'Filmes em Série' é o podcast de sexta-feira do Espalha-Factos. Este episódio é conduzido por Tiago Serra Cunha e João Malheiro. Segue o Espalha-Factos: Site: https://espalhafactos.com/ | Facebook: https://www.facebook.com/EspalhaFactos | Instagram: http://instagram.com/espalhafactos | Twitter: http://www.twitter.com/espalhafactos

DIÁRIO DE BORDO
#362 - RuPaul's no Brasil e as adaptações de Sandman

DIÁRIO DE BORDO

Play Episode Listen Later Aug 9, 2022 27:13


Terça é dia de Diário de Séries por aqui e hoje falamos sobre Sandman, nova adaptação que saiu na Netflix. Além disso, ainda falamos sobre alguns desdobramentos da fofoca do Harry Styles, a atualização do Whatsapp e a suposta versão do RuPaul's no Brasil Apoie o Diário de Bordo: http://picpay.me/diariodebordo

Es la Mañana de Federico
Belleza: ADAPTA, champú personalizable para mejorar la caspa o el exceso de grasa

Es la Mañana de Federico

Play Episode Listen Later Jul 28, 2022 18:51


Teresa de la Cierva nos trae a Ángela Navarro, pionera de la estética oncológica y Beatriz Guerrero para hablar de ADAPTA, un champú personalizable.

SBS Spanish - SBS en español
Elegir escuela secundaria en Australia: ¿qué centro educativo se adapta mejor a tu hijo?

SBS Spanish - SBS en español

Play Episode Listen Later May 26, 2022 10:33


Seleccionar una escuela secundaria puede ser inesperadamente estresante tanto para los padres como para los niños. Teniendo en cuenta algunas cosas clave, las familias pueden abrirse camino a través del laberinto de información para encontrar lo que mejor se adapte a sus hijos y sus circunstancias.

La Ventana
Especialistas Secundarios | “En agosto calor y en mayo peor”. El refranero español se adapta al nuevo clima

La Ventana

Play Episode Listen Later May 25, 2022 4:59


Gonzalo de Luz es una persona que trabaja en la Oficina del Español, de hecho, es la única que trabaja allí. El organismo se ha puesto las pilas para adaptar el refranero a la nueva realidad climática del país

Humor en la Cadena SER
Especialistas Secundarios | “En agosto calor y en mayo peor”. El refranero español se adapta al nuevo clima

Humor en la Cadena SER

Play Episode Listen Later May 25, 2022 4:59


Gonzalo de Luz es una persona que trabaja en la Oficina del Español, de hecho, es la única que trabaja allí. El organismo se ha puesto las pilas para adaptar el refranero a la nueva realidad climática del país

Café Brasil Podcast
Cafezinho 491 – Os malabaristas eleitorais

Café Brasil Podcast

Play Episode Listen Later May 20, 2022 11:02


Assista a aula Planejamento Antifrágil inscrevendo-se gratuitamente em http://planejamentoantifragil.com   Observando a corrida eleitoral, com os malabarismos que os marqueteiros exigem de cada candidato, tentando transformar ogros em cavalheiros, ladrões em salvadores da pátria e estúpidos em luminares, uma reflexão sobre contextos é necessária.  Operar em um ambiente político – ou de negócios - extremo e desconhecido se parece muito com dirigir por uma estrada sinuosa do interior em meio a uma neblina muito forte. Você não consegue ver muito adiante. Pode haver um buraco fundo à frente ou uma vaca andando sem destino. Dirigindo nessas condições, a resposta reflexiva é avançar devagar e quase que tatear pelo caminho. Mas essa não é uma opção em cenários onde a competição é muito intensa. Especialmente em política. Nessas ocasiões, temos de avançar amortecendo os impactos dos eventos inesperados, sem desacelerar, nem desestabilizar a organização inteira. Bem, já que com certeza haverá um buraco à frente, o que temos de ter? Tempo rápido de reação. Primeiro, porque mesmo pequenos choques têm um efeito cumulativo. As organizações, sejam elas empresas, partidos ou associações, são feitas de uma rede complexa de conexões com clientes, funcionários, fornecedores e com a sociedade. Operam em um ecossistema onde parceiros e concorrentes podem ser os mesmos. Com essa interconexão, as surpresas que atingem uma parte de um negócio ou de um ecossistema podem afetar as outras partes de maneiras difíceis de prever. Um escândalo com um deputado pode desestabilizar todo um partido. E se você passar por um buraco e continuar sem recuperar o controle, fica mais difícil desviar de qualquer obstáculo que surgir à frente. Em outras palavras, neste mundo maluco, a estabilidade é a exceção e não a regra. As organizações precisam de meios para se adaptarem às mudanças ambientais, sem pisar no freio todas as vezes. Quando o mundo está um caos, a estratégia precisa ser adaptativa para que seja eficaz. Você tem de planejar levando em consideração o imponderável. Foi Charles Darwin quem disse há quase 150 anos que “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças”. Adaptação às mudanças é o nome do jogo. E na continuidade deste nosso papo, tenho umas dicas pra dar.   Esta reflexão continua no vídeo:  https://www.youtube.com/watch?v=_DPghUbWcbY   Gostou? De onde veio este, tem muito, mas muito mais. Torne-se um assinante do Café Brasil e nos ajude a continuar produzindo conteúdo gratuito que auxilia milhares de pessoas a refinar seu processo de julgamento e tomada de decisão. Acesse http://mundocafebrasil.com

Cafezinho Café Brasil
Cafezinho 491 – Os malabaristas eleitorais

Cafezinho Café Brasil

Play Episode Listen Later May 20, 2022 11:02


Assista a aula Planejamento Antifrágil inscrevendo-se gratuitamente em http://planejamentoantifragil.com   Observando a corrida eleitoral, com os malabarismos que os marqueteiros exigem de cada candidato, tentando transformar ogros em cavalheiros, ladrões em salvadores da pátria e estúpidos em luminares, uma reflexão sobre contextos é necessária.  Operar em um ambiente político – ou de negócios - extremo e desconhecido se parece muito com dirigir por uma estrada sinuosa do interior em meio a uma neblina muito forte. Você não consegue ver muito adiante. Pode haver um buraco fundo à frente ou uma vaca andando sem destino. Dirigindo nessas condições, a resposta reflexiva é avançar devagar e quase que tatear pelo caminho. Mas essa não é uma opção em cenários onde a competição é muito intensa. Especialmente em política. Nessas ocasiões, temos de avançar amortecendo os impactos dos eventos inesperados, sem desacelerar, nem desestabilizar a organização inteira. Bem, já que com certeza haverá um buraco à frente, o que temos de ter? Tempo rápido de reação. Primeiro, porque mesmo pequenos choques têm um efeito cumulativo. As organizações, sejam elas empresas, partidos ou associações, são feitas de uma rede complexa de conexões com clientes, funcionários, fornecedores e com a sociedade. Operam em um ecossistema onde parceiros e concorrentes podem ser os mesmos. Com essa interconexão, as surpresas que atingem uma parte de um negócio ou de um ecossistema podem afetar as outras partes de maneiras difíceis de prever. Um escândalo com um deputado pode desestabilizar todo um partido. E se você passar por um buraco e continuar sem recuperar o controle, fica mais difícil desviar de qualquer obstáculo que surgir à frente. Em outras palavras, neste mundo maluco, a estabilidade é a exceção e não a regra. As organizações precisam de meios para se adaptarem às mudanças ambientais, sem pisar no freio todas as vezes. Quando o mundo está um caos, a estratégia precisa ser adaptativa para que seja eficaz. Você tem de planejar levando em consideração o imponderável. Foi Charles Darwin quem disse há quase 150 anos que “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças”. Adaptação às mudanças é o nome do jogo. E na continuidade deste nosso papo, tenho umas dicas pra dar.   Esta reflexão continua no vídeo:  https://www.youtube.com/watch?v=_DPghUbWcbY   Gostou? De onde veio este, tem muito, mas muito mais. Torne-se um assinante do Café Brasil e nos ajude a continuar produzindo conteúdo gratuito que auxilia milhares de pessoas a refinar seu processo de julgamento e tomada de decisão. Acesse http://mundocafebrasil.com

Frango Fino
FRANGO FINO 373 | ADAPTAÇÃO: NA NOSSA CABEÇA É SEMPRE MELHOR

Frango Fino

Play Episode Listen Later Apr 26, 2022 38:55


No Frango Fino 373, Doug Bezerra, Doug Lira e Rafa Louzada comentam as adaptações do game "Streets of Rage", do livro "Revolução dos Bichos" de George Orwell e da vida da jogadora Marta. Arte do episódio por Pedro Ferreira (@pedroferreira2d) Apoie o Frango!! PIX:frangofinopodcast@gmail.com Padrim:https://www.padrim.com.br/frangofino PicPay:https://picpay.me/frangofino Patreon:https://patreon.com/frangofino  Orelo:https://orelo.cc/frangofino Comentado durante o programa: Foto da Família Lira em cima da mesa do Doug Filme "Kung Fury" Assine nosso canal no YouTube Não perca mais nossas lives! Siga o Bezerra em twitch.tv/dougbezerra ASSINE O AMAZON PRIME E AJUDE O FRANGO! TIKTOK DO FRANGO! Entrevista Doug Bezerra no podcast Abrindo Cabeças Instagram dos Frangos: Doug Bezerra (@dougbezerra), Doug Lira (@liradoug) e Rafa Louzada (@rafaelouzada) Grupo do Frango no Facebook Frango Fino no Spotify Playlist do Frango Fino no Spotify Frango Fino no Deezer Para falar com a gente: WhatsApp: 11 91031 0573 E-mail: frangofinopodcast@gmail.com Instagram: @frangofinopodcast Twitter: @frangofino Padrim: https://www.padrim.com.br/frangofino

NerdCast
Lá do Bunker 36 - Bruxão pelado e controles peludos

NerdCast

Play Episode Listen Later Mar 28, 2022 31:56


Adaptações de jogos, novo game do bruxeiro, personagens peculiares, controles peludos e até as possibilidades de causar o caos no próximo filme do Batman foram assunto nesta semana! NUVEMSHOP https://bit.ly/36HFrV6 Instagram: https://bit.ly/3I5hbsQ CITADOS NO PROGRAMA Criadores da série de Halo não se basearam no jogo https://jovemnerd.com.br/nerdbunker/criadores-serie-halo-nao-se-basearam-no-jogo/ Entrevista da série de Halo https://jovemnerd.com.br/nerdbunker/pablo-schreiber-e-kiki-wolfkil-falam-das-diferencas-entre-os-jogos-e-a-serie-de-halo/ Novo jogo de The Witcher está em desenvolvimento https://jovemnerd.com.br/nerdbunker/novo-the-witcher-esta-em-desenvolvimento/ ... mas não é The Witcher 4 https://jovemnerd.com.br/nerdbunker/cd-projekt-novo-jogo-nao-e-the-witcher-4/ Controle de Sonic para Xbox https://jovemnerd.com.br/nerdbunker/controle-de-sonic-para-xbox-series-parece-uma-piada-de-primeiro-de-abril/ Sonic em Elden Ring https://jovemnerd.com.br/nerdbunker/sonic-em-elden-ring/ Cena do Coringa em Batman https://jovemnerd.com.br/nerdbunker/batman-cena-deletada-imagem-vilao-barry-keoghan/ TELEGRAM Entre no nosso grupo do Telegram: https://t.me/CanalNerdBunker APRESENTAÇÃO Pedro Duarte (expulso) -- Instagram / Twitter Pri Ganiko (de férias) -- Instagram / Twitter EDIÇÃO  Doug Bezerra -- Instagram