Podcasts about provavelmente

  • 552PODCASTS
  • 755EPISODES
  • 32mAVG DURATION
  • 5WEEKLY NEW EPISODES
  • Dec 25, 2022LATEST

POPULARITY

20152016201720182019202020212022

Categories



Best podcasts about provavelmente

Latest podcast episodes about provavelmente

Kamecast
Kamecast S05E13 - Alguma coisa de Natal

Kamecast

Play Episode Listen Later Dec 25, 2022 48:36


Último episódio do ano? Provavelmente. --- Send in a voice message: https://anchor.fm/kamecast/message

PIMENTA PRA JOVEM É REFRESCO
Juventude segue atenta #3

PIMENTA PRA JOVEM É REFRESCO

Play Episode Listen Later Dec 21, 2022 6:08


Conversa Humanista
O "fim do mundo" 10 anos depois é tema de documentário em áudio

Conversa Humanista

Play Episode Listen Later Dec 19, 2022 16:32


Onde você estava no dia 21 de dezembro de 2012? Provavelmente, uma data a mais no seu calendário. Não para quem acreditava ser o fim do mundo. Há 10 anos o mundo viveu a expectativa de uma "profecia maia" que indicaria o apocalipse. O mundo não acabou - mais uma vez - e estudantes da Fabico/UFRGS foram atrás de pessoas que viveram aquele momento para saber como eram suas realidades. O resultado está no documentário em áudio “A última transmissão de rádio: uma contagem para o fim do mundo”. O material foi produzido no semestre letivo 2022/1, que terminou em outubro, na disciplina Radiojornalismo II, ministrada pela professora Cida Golin. Na semana passada, a seção Fabico + Humanista publicou o primeiro documentário da turma, “Nos Ritmos do Brega”, e ao longo do semestre letivo atual, que vai até abril de 2023, ainda publicará o terceiro, dedicado à Elis Regina. O suposto "fim do mundo" foi uma interpretação de dois monumentos maias: a Estela 6 (uma espécie de totem), do antigo assentamento de Tortuguero (no Estado de Tabasco, no sul do México) e a Estela 1 de Cobá, em Quintana Roo. Além disso, 21 de dezembro de 2012 era o último dia do calendário criado por eles. O documentário aborda ainda projeções para o futuro da humanidade a partir do meio ambiente. Ouça! EXPEDIENTE Apresentação: Ester Bertozzi. Produção: Ana Júlia Zanotto, Bárbara Niedermeyer, Caroline Guarnieri, Ester Bertozzi, Gabriela Ferreira, Lisly Moreira, Lucas Vidal e Mariana Marsiaj. Roteiro: Ana Júlia Zanotto e Ester Bertozzi. Supervisão: professora Cida Golin. Técnica: Neudimar da Rocha.

Devocional Elegante Sempre
Devocional Elegante Sempre 16.12

Devocional Elegante Sempre

Play Episode Listen Later Dec 16, 2022 2:13


Leia E, porque vocês são filhos, Deus enviou o Espírito de seu Filho aos seus corações, o qual clama: "Aba, Pai". Assim, você já não é mais escravo, mas filho; e, por ser filho, Deus também o tornou herdeiro. Gálatas 4:6,7 Ouça Apenas filhos Reflita Quando você está na casa dos seus pais, precisa pedir licença para abrir a geladeira? Tem liberdade de se sentar no sofá e ligar a TV? Provavelmente, sim. Afinal, você é filha ou filho, herdeira ou herdeiro. E não há nada que você faça que possa lhe deixar “mais filha' ou “menos filho”. Paulo está explicando exatamente isso ao povo da Galácia. Como filhos, podemos desfrutar de todos os benefícios de fazer parte da família de Deus. Você pode fazer algo que mude essa filiação? Não. Então não entristeça a Deus tentando. Desfrute da graça de ser filho de Deus. Ore Meu Senhor, meu pai, obrigada porque me chamas de filha, porque me deu um lugar à mesa, porque me deu liberdade em sua presença. Que eu sempre me lembre que Jesus me deu isso e não há nada que possa tirar o seu amor por mim.

NBA das Mina
O Pelicans de Zion está no topo!

NBA das Mina

Play Episode Listen Later Dec 15, 2022 53:10


Provavelmente, se você tivesse que apostar em quem seria o líder do Oeste em dezembro, você perderia dinheiro. Mas, fato é que o New Orleans Pelicans está deixando muita franquia tradicional e muita estrela comendo poeira. Liderado por um Zion Williamson saudável em grande momento e formando um big3 com Brandon Ingram e CJ McCollum, NOLA mostra que não é promessa de futuro, é realidade. Vem ouvir mais sobre a temporada do Pelicans!

Resposta Pronta
Mau tempo/Seguradoras. "Provavelmente haverá dificuldades"

Resposta Pronta

Play Episode Listen Later Dec 14, 2022 5:03


O advogado Rogério Alves alerta que "é preciso ver quais os riscos cobertos em cada apólice". Explica que há seguros que obrigam a algumas precauções, para evitar certo grau de responsabilização dos lesados. See omnystudio.com/listener for privacy information.

Papo de Líder
611 – Papo de Líder – Talento sem método te deixa...

Papo de Líder

Play Episode Listen Later Dec 13, 2022 4:51


Oie! Bom dia Quantas pessoas talentosas você já conheceu que não se destacavam ou eram reconhecidas? (Provavelmente você mesmo em algum momento, né?) E quantas pessoas sem tanto talento assim estavam brilhando? (Às vezes até te frustrando porque você se sentia mais merecedor...) Muitas vezes o que faz real diferença é ter um método! Mas não é tão simples assim... Muitos cometem erros bobos que colocam tudo a perder... E é disso que eu falo na minha #PROVOCAÇÃODODIA de hoje, onde trago meu olhar depois de mais de 22 anos observando histórias de sucesso e fracasso de líderes talentosos e gente bem comum também! Mas como sempre é só a minha forma de pensar a respeito e que eu gostaria demais de ouvir também o q eu você acha disso... Bora conversar? Ahhh... 2 recadinhos importantes: 1) Na LEADER CLASS da semana passada prometi 3 presentes: 1 planner, 1 livro digital e 1 curso totalmente grátis pra te ajudar a fazer um baita planejamento de 2023... Tudo gratuito e sem pegadinha... Mas ainda não resolvi aqui como hospedar isso tudo pra te oferecer isso com qualidade.. VOU ENVIAR POR EMAIL HOJE, ok? (já está cadastrado em www.desenvolvimetodelideres.com.br ?) 2) A LEADER CLASS de AMANHÃ será sobre FEEDBACKS DIFÍCEIS e acontecerá grátis e ao vivo na quarta feira como sempre.. Hoje ainda mando os links por email também, ok? Abração Tenha uma excelente semana Allan #liderança #liderançahumanizada #gestãodepessoas #altaperformance #produtividade #rh #carreiras #protagonismo #autodesenvolvimento #trabalhohíbrido #procesos

Rádio Ponto UFSC
Temático 2022.2: Torcidas Organizadas - Paixão e Resistência

Rádio Ponto UFSC

Play Episode Listen Later Dec 10, 2022 17:26


Provavelmente você deve ter acompanhado muitas notícias de jornais falando sobre brigas, confrontos e feridos em jogos de futebol envolvendo torcidas organizadas. E se você, ouvinte, assim como eu, nunca teve contato com Torcidas Organizadas, isso talvez seja o que compõe o seu imaginário quando se fala dessas instituições. Que tal ouvir sobre o outro lado dessas instituições? Nesse podcast você vai conhecer essa comunidade que se une por resistência e amor ao futebol. Episódio produzido por Nicole Santos para a disciplina de Áudio Radiojornalismo do curso de Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Auxílio técnico de Peter Lobo. Assistência da monitora Jéssica Schmitt. Orientação do professor Áureo Moraes.

Ainda Bem que Faz Essa Pergunta
Costa lamenta não ir ao Mundial?

Ainda Bem que Faz Essa Pergunta

Play Episode Listen Later Dec 2, 2022 4:11


Não vai por motivos de saúde e no seu lugar foi Ana Catarina Mendes. Provavelmente os jogadores nem saberiam como jogar se não estivesse nas bancada um digníssimo membro do Governo português.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Rádio Comercial - O Homem que Mordeu o Cão, Temporada 3
Provavelmente a história mais irritante de sempre contada nesta rubrica e melancias

Rádio Comercial - O Homem que Mordeu o Cão, Temporada 3

Play Episode Listen Later Nov 30, 2022 10:27


Melhores amigas, contas falsas no instagram e melancias partidas à chapada

Amorosidade Estrela da Manhã
O EGO PODE ATÉ TER SIDO PEGO DE SURPRESA COM A PANDEMIA, MAS O ESPÍRITO NÃO, NORMALMENTE O ESPÍRITO JÁ PASSOU POR ISSO INÚMERAS VEZES. LEMBRA, SE ETERNO ELE É, PROVAVELMENTE MUITO ANTIGO E EXPERIENTE

Amorosidade Estrela da Manhã

Play Episode Listen Later Nov 28, 2022 2:17


Tudo sobre o Canadá
S2:E42 O que provavelmente nunca te contaram sobre imigrar para o Canadá

Tudo sobre o Canadá

Play Episode Listen Later Nov 25, 2022 7:59


Link na Bio
Ep. 78 - Diz-me, Ismael

Link na Bio

Play Episode Listen Later Nov 23, 2022 43:17


Olá, Links (vamos aceitar). O Ismael apenas nos fala no fim do episódio, até lá falarei sobre uma velha perdida, e o acto de ler enquanto se caga. Provavelmente há mais coisas mas agora não me lembro. De resto, fiquem com o beijo e o amor do costume.

CAUSOS DO GURI DE URUGUAIANA
#117 - Prova do Licurgo

CAUSOS DO GURI DE URUGUAIANA

Play Episode Listen Later Nov 22, 2022 1:30


Chê! Todo mundo sabe que o Licurgo, o gaúcho emo que trabalha comigo, é um inútil! Ele é mais inútil que banco ejetor em helicóptero! Ele não faz nada! Passa o dia inteiro no computador jogando joguinho. Esses dias eu tive que xingar ele: - Licurgo, sai desse computador! Até o planeta terra já deu uma volta hoje... e tu continua aí nesse quarto! Esses dias a gente tava fazendo uma geral aqui no galpão e eu encontrei umas provas do Licurgo! Uma pergunta dizia assim: “O que é APÓSTROFO?" Ele respondeu: Apóstrofos eram aqueles baguais que andavam com Jesus Cristo. Outra pergunta dizia assim: Onde está exibida a imagem “A Última Ceia”, de Leonardo Da Vinci? Ele respondeu: Provavelmente no Instagram do Léo... Outra pergunta era: Onde foi assinado o tratado de tordesilhas? Ele respondeu: No finalzinho da folha, onde tem um risquinho. É um burro! Que barbaridade!

Arauto Repórter UNISC
O momento certo

Arauto Repórter UNISC

Play Episode Listen Later Nov 21, 2022 3:45


Um casal de noivos se preparava feliz para a semana de lua de mel, longamente sonhada, que haviam ganho de presente dos amigos. Mas na hora da partida do ônibus para o aeroporto eles não estavam lá. Perderam a hora e o ônibus partiu sem eles. Uma jovem preparou-se durante todo o ano para o Vestibular de Medicina. No dia marcado, chegou ao local um minuto após as portas terem sido fechadas e não pôde entrar. Eles falharam no momento exato. Não sei como se arranjaram e se foi possível recuperar o prejuízo. Provavelmente, a viagem tenha saído em outra data, depois de alguns transtornos para remarcar. Talvez o vestibular se realizou em outra universidade ou no ano seguinte. Não sei. Sei apenas que eles não estavam no local no momento certo. O risco que corremos é de não nos darmos conta de que há coisas que podem ser remarcadas mas outras, não. Há um momento exato para agir e a janela do tempo precisa ser respeitada. Podemos perder tempo olhando demais e fazendo de menos, deixando assim passar a oportunidade. Há o momento certo, no futebol, de anotar um gol, o momento exato do músico entrar no solo, o momento exato de ultrapassar na Fórmula 1; há o momento certo de colher uma fruta, o momento exato de tomar uma decisão. A maioria das situações na vida é resultado de mudanças graduais. O projeto começa frágil e, aos poucos, vai amadurecendo. O tempo é um bom aliado, mas existe o momento certo. A ocasião perdida pode nunca mais voltar. A vida pode ser comparada a um caminho. De repente chegamos a uma encruzilhada e precisamos escolher. Qual dos dois caminhos é melhor pra mim? Não podemos ficar parados na encruzilhada. Ou escolher o caminho errado. Devemos ter objetivos claros e estar dispostos a pagar o preço desses objetivos, na hora certa. Não adianta lamentar a chance perdida, nem culpar os outros pelo nosso erro. Em seu leito de morte, o escritor George Bernanos admitia: sou responsável também por aquilo que não fiz. Hoje é o dia. Hoje é seu momento certo. Não deixe a janela se fechar. Amanhã pode ser tarde demais. Olhe o calendário, olhe o relógio e pense: este é o dia e o momento certo para fazer o que na sua vida?

Assunto Nosso
O momento certo

Assunto Nosso

Play Episode Listen Later Nov 21, 2022 3:45


Um casal de noivos se preparava feliz para a semana de lua de mel, longamente sonhada, que haviam ganho de presente dos amigos. Mas na hora da partida do ônibus para o aeroporto eles não estavam lá. Perderam a hora e o ônibus partiu sem eles. Uma jovem preparou-se durante todo o ano para o Vestibular de Medicina. No dia marcado, chegou ao local um minuto após as portas terem sido fechadas e não pôde entrar. Eles falharam no momento exato. Não sei como se arranjaram e se foi possível recuperar o prejuízo. Provavelmente, a viagem tenha saído em outra data, depois de alguns transtornos para remarcar. Talvez o vestibular se realizou em outra universidade ou no ano seguinte. Não sei. Sei apenas que eles não estavam no local no momento certo. O risco que corremos é de não nos darmos conta de que há coisas que podem ser remarcadas mas outras, não. Há um momento exato para agir e a janela do tempo precisa ser respeitada. Podemos perder tempo olhando demais e fazendo de menos, deixando assim passar a oportunidade. Há o momento certo, no futebol, de anotar um gol, o momento exato do músico entrar no solo, o momento exato de ultrapassar na Fórmula 1; há o momento certo de colher uma fruta, o momento exato de tomar uma decisão. A maioria das situações na vida é resultado de mudanças graduais. O projeto começa frágil e, aos poucos, vai amadurecendo. O tempo é um bom aliado, mas existe o momento certo. A ocasião perdida pode nunca mais voltar. A vida pode ser comparada a um caminho. De repente chegamos a uma encruzilhada e precisamos escolher. Qual dos dois caminhos é melhor pra mim? Não podemos ficar parados na encruzilhada. Ou escolher o caminho errado. Devemos ter objetivos claros e estar dispostos a pagar o preço desses objetivos, na hora certa. Não adianta lamentar a chance perdida, nem culpar os outros pelo nosso erro. Em seu leito de morte, o escritor George Bernanos admitia: sou responsável também por aquilo que não fiz. Hoje é o dia. Hoje é seu momento certo. Não deixe a janela se fechar. Amanhã pode ser tarde demais. Olhe o calendário, olhe o relógio e pense: este é o dia e o momento certo para fazer o que na sua vida?

Reportagem
Confira os melhores momentos dos 40 anos da RFI Brasil

Reportagem

Play Episode Listen Later Nov 19, 2022 19:57


Em 40 anos de existência, a RFI transmitiu cerca de 25 mil horas de programação em português para o Brasil. Nessas quatro décadas, o noticiário pulsou no compasso dos acontecimentos do mundo, da Guerra da Malvinas e do massacre de palestinos nos campos de refugiados de Sabra et Chatila no Líbano, em 1982, até a Guerra na Ucrânia em 2022, passando pela queda do Muro de Berlim, pela Guerra ao Terror e pelas primaveras Árabes, sem esquecer da pandemia de Covid-19. No momento da criação da redação brasileira da RFI, o mundo dançava ao som de Thriller de Michael Jackson, que viria a ser o LP mais vendido no mundo. Na Europa, Helmut Kohl chegava ao poder na Alemanha. O novo líder alemão e o socialista francês François Mitterrand, eleito em 1981, seriam os artesãos da reconciliação europeia. No Brasil, as primeiras eleições diretas para governador desde o golpe militar consolidavam a abertura política e o fim da ditadura, três anos depois. Maria Emília Alencar foi escalada para ir ao Brasil em março de 1985 para a cobertura da posse de Tancredo Neves, que não aconteceu. A jornalista ficou dez dias cobrindo a doença do presidente eleito. “Quando eu peguei o avião para voltar foi o dia que ele morreu. Eu fiquei sabendo que ele tinha morrido ao chegar em Paris e não pude cobrir a morte do Tancredo”, lembra. FHC, Lula e Dilma Rousseff Com a redemocratização brasileira, as relações entre a França, a Europa e o Brasil se reaqueceram. Fernando Henrique Cardoso em 1996, Lula em 2005 e Dilma Rousseff em 2012 vieram a Paris para visitas de Estado e foram destaque na programação da RFI. Em vários momentos, a RFI conseguiu entrevistas exclusivas com esses e outros líderes brasileiros, que também eram traduzidas e complementavam o noticiário sobre o Brasil das outras redações da Rádio França Internacional. A presidente Dilma Rousseff enfrentava o processo de impeachment e já estava afastada há dois meses e meio do Palácio do Planalto, quando foi entrevistada por Marcia Bechara e denunciou que “junto com o impeachment sem crime, há componente misógino”. Provavelmente o líder brasileiro mais entrevistado pela RFI é o cacique Raoni, que foi o único recebido por todos os presidentes franceses desde François Mitterrand até Emmanuel Macron. Em 2015, aos 85 anos, ele participou da COP21 de Paris para “fazer a Aliança do Guardiães da Mãe Terra, falar sobre o ecocídio e pedir uma lei mundial para a proteção da natureza”. Noticiário internacional Na cobertura do noticiário internacional da RFI Brasil, cada jornalista, colaborador ou ouvinte tem seus momentos inesquecíveis. Milton Blay, um dos pioneiros e segundo editor-chefe da redação brasileira, recorda de dois acontecimentos que mudaram o curso da história recente: a queda do Muro de Berlim, em 1989, e os atentados de 11 de setembro de 2001. A eleição de Barack Obama, o primeiro presidente negro da história do país, foi coberta por Maria Emilia Alencar. Em Nova Orleans, a enviada especial aos Estados Unidos, foi abordada por uma mulher negra. “Ela me perguntou você está contente? Foi um momento de muita emoção e positivo.” Para muitos ouvintes e rádios parceiras da RFI, acontecimentos em Paris, como os atentados de 2015, na França ou na Europa, noticiados ao vivo pelos jornalistas da redação brasileira são os mais memoráveis. Oziris Marins, diretor de jornalismo do grupo Bandeirantes do Rio Grande do Sul e apresentador do Jornal Gente destaca o Brexit, um evento recente de grandes consequências para a Europa. “A RFI nos traduzia isso tudo para que pudéssemos entender o que estava acontecendo”, diz Marins. Cobertura cultural  Um dos pontos altos da programação da RFI é a cobertura cultural, com entrevistas com artistas brasileiros de passagem ou radicados em Paris. Paulo Antonio Paranagua, que é um grande especialista de cinema brasileiro e latino-americano, fez centenas de gravações nos 20 anos em que trabalhou na RFI, mas ainda se emociona com a lembrança da entrevista que fez no estúdio da rádio em Paris com o Grande Otello. “Foi um prazer extraordinário porque todo mundo criticava o Grande Otello, mas quando ele estava na frente do microfone ele se transformava. Esse momento para mim foi fantástico”, garante Paranaguá. Nesses 40 anos da RFI, franceses que admiram a cultura brasileira e falam português também integraram a programação como o músico Bernard Lavilliers, que viveu um tempo no Brasil, ou a editora Anne Marie Métaillié, uma das mais importantes divulgadoras da literatura brasileira na França. Entrevistas com os músicos Tom Jobim, Gilberto Gil, Gal Costa e Alceu Valença; o arquiteto Oscar Niemeyer, o fotógrafo brasileiro, radicado na França desde os anos 1960, Sebastião Salgado; o cineasta Cacá Diegues; o pintor Cícero Dias, compadre de Picasso, que além de seus quadros entrou para a história pelo ato de resistência de divulgar o poema Liberdade de Paul Éluard durante a Segunda Guerra; e o escritor Jorge Amado, que a partir de 1985 passava uma parte do ano em seu apartamento de Paris, onde tinha tranquilidade para escrever, estão entre as gravações memoráveis preservadas no arquivo da RFI. Para ouvir todas essas entrevistas, clique no botão áudio. Acompanhe a série de podcasts sobre os 40 anos da RFI

Erico Rocha - Sacadas de Empreendedor
UM ERRO QUE VOCÊ PROVAVELMENTE ESTÁ COMETENDO NA SUA ROMA | ERICO ROCHA

Erico Rocha - Sacadas de Empreendedor

Play Episode Listen Later Nov 17, 2022 6:02


Hip Hop Rádio
HHR REPORT | VOX POP | REGULA @ LISBOA C/ BEATRIZ FREITAS

Hip Hop Rádio

Play Episode Listen Later Nov 17, 2022 12:38


No dia 11 de novembro estivemos no Coliseu dos Recreios para o concerto de Regula e a Beatriz Freitas esteve à conversa com muitas das pessoas que constituíram plateia, neste que foi um dos eventos mais importantes do ano para o rap nacional. Provavelmente falámos contigo... ouve aqui esta emissão especial.

Sacadas de Empreendedor
UM ERRO QUE VOCÊ PROVAVELMENTE ESTÁ COMETENDO NA SUA ROMA | ERICO ROCHA

Sacadas de Empreendedor

Play Episode Listen Later Nov 17, 2022 6:02


UM ERRO QUE VOCÊ PROVAVELMENTE ESTÁ COMETENDO NA SUA ROMA | ERICO ROCHA by Erico Rocha

Quando Menos é Mais
10 Falsas Economias que Você Acaba Caindo | Ep.0121

Quando Menos é Mais

Play Episode Listen Later Nov 10, 2022 17:45


Existem diversas formas de economizar dinheiro, porém algumas vezes enquanto achamos que estamos economizando, na verdade estamos desperdiçando e não nos damos conta disso. Provavelmente você já deve ter caído nessa armadilha, como eu também já caí. Muitas vezes nós pensamos apenas na economia momentânea e não analisamos a economia gerada por determinada atitude a longo prazo. Este é um ponto em comum de muitas pessoas: conseguir ter visão de longo prazo. É sobre isso que vamos falar hoje. --- *** --- Links importantes: Conquiste o estilo de vida minimalista: https://quandomenosemais.com.br/curso Clube do Livro: https://quandomenosemais.com.br/clubedolivro --- *** --- E-mail: contato@quandomensemais.com.br Blog: https://quandomenosemais.com.br YouTube: https://youtube.com/c/quandomenosemais Instagram: https://instagram.com/quandomenosemais Podcast / Spotify: https://open.spotify.com/show/1wpYTs7ZF2JvPhQ8ftonED Facebook: https://fb.me/quandomenosemais --- --- #Minimalismo #QuandoMenoseMais #RobertoKirizawa

Roteirices
219 – A era dos negacionismos, com Arthur Lima de Avila

Roteirices

Play Episode Listen Later Nov 8, 2022 87:08


Quantas vezes você já ouviu a palavra negacionismo desde o início do atual governo militar? Provavelmente todo dia. Ou a palavra negacionismo, ou o relato de coisas que não existem, e ou que não aconteceram. Alguns exemplos: o falecido Olavo de Carvalho dizer que a Terra pode não ser redonda, e que a Pepsi Cola é feita com fetos de bebês. Jair Bolsonaro dizer que a COVID-19 é uma gripezinha, que cloroquina previne a doença. Os generais Hamilton Mourão, vice-presidente da República, e Braga Netto, ex-ministro da Defesa e candidato a vice-presidente derrotado, afirmarem que não houve golpe de Estado e nem ditadura no Brasil. Essas são apenas algumas situações de negacionismos histórico e científico que passaram a fazer parte do nosso cotidiano. Há pouco mais de uma semana, por exemplo, testemunhamos o negacionismo eleitoral: pessoas que não acreditam na vitória do Lula, e que estão acampadas diante de quartéis pedindo uma intervenção militar. Sendo que o governo é militar. Perdeu, mas enfim, democracia é isso. Negacionismos é o tema da entrevista de Carlos Alberto Jr. com o historiador Arthur Lima de Avila. Artigo “Que passado escolher? Uma discussão sobre o negacionismo histórico e o pluralismo historiográfico”: https://www.scielo.br/j/rbh/a/cYtjsrRVpgcwbZh4c7C48FS/ Link para apoiar o Roteirices no Apoia.se: https://apoia.se/roteirices Link para apoiar o Roteirices no Catarse: https://www.catarse.me/roteirices_podcast?ref=user_contributed&project_id=138437&project_user_id=178775 Link para o canal do Roteirices no YouTube: https://youtube.com/playlist?list=PLWcnLFszvII9KdvOv7I1zY483cDdw68Cv Link para o podcast Roteirices: https://open.spotify.com/show/18ZOTUBCj6mE0AyUgDZcjH?si=f358843880b44829 Link para o Roteirices no Twitter: https://twitter.com/Roteirices_pod Link para o Roteirices no Telegram: https://t.me/roteirices_podcast Código para apoiar o Roteirices no PIX celular: 61994510183 Contato: roteirices@gmail.com

BEN-YUR Podcast
#184 EDSON VAZ VS PALHAÇO AMENDOIM

BEN-YUR Podcast

Play Episode Listen Later Nov 4, 2022 186:03


Direto do puro suco do Ben-Yurverso, apresentamos mais um duelo de ideias e delírios entre o Palhaço Amendoim e o verdadeiro Kramer brasileiro, Edson. Palhaço Amendoim (Robson dos Santos Silva) é um velho conhecido do público, já participou de inúmeros programas de TV, esteve no Programa do Ratinho, Programa Silvio Santos, Pânico na Band e muito outros. Provavelmente mais conhecido por suas participações no The Noite com Danilo Gentili e como personagem permanente do Ben-Yurverso. Edson, ator, cantor, provocador, polêmico e amigo do Bento. Com seu corte de cabelo grisalho icônico, seu sotaque carioca, seus 1 metro e 90 e qualquer coisa de altura, muitos anos de vida, e sua energia caótica, vem dar cores aos outros sentidos além da visão, no Ben-Yur.

Expresso - Eixo do Mal
As despedidas da semana: Bolsonaro no Brasil, vistos gold em Portugal

Expresso - Eixo do Mal

Play Episode Listen Later Nov 4, 2022 52:42


Que futuro para o Brasil e para os vistos gold em Portugal? É o debate no Eixo do Mal desta quinta-feira em podcast, com Daniel Oliveira, Luís Pedro Nunes, Pedro Marques Lopes e Clara Ferreira Alves. Quase dois dias depois de ter perdido as eleições presidenciais contra Lula da Silva, Jair Bolsonaro finalmente falou ao país, sem nunca admitir o resultado que não permitiu a sua reeleição. Mais tarde, pelo Twitter, viu-se ainda pressionado a apelar aos seus apoiantes mais radicais que continuavam a bloquear as estradas, impedindo a circulação do tráfego e da economia. Sobre o regime dos vistos gold em Portugal, António Costa admitiu na Web Summit que "há programas que nós estamos neste momento a reavaliar e um deles é o dos vistos gold, que, provavelmente, já cumpriu a função que tinha a cumprir". O Eixo do Mal foi emitido na SIC Notícias a 03 de novembro.See omnystudio.com/listener for privacy information.

IPI Semear
Conexão de Oração 02/11: Uma regra simples, mas profunda - Mt. 7. 12

IPI Semear

Play Episode Listen Later Nov 2, 2022 38:56


Nossa Conexão de Oração de 02/11/2022. Série: A cultura do reino. “A contracultura cristã não é simplesmente um sistema de valores e um estilo de vida individuais, mas uma questão de comunidade. Envolve relacionamentos. E a comunidade cristã é, em essência, uma família, a família de Deus. Provavelmente os dois elementos mais fortes de nossa consciência cristã sejam a percepção de Deus como nosso Pai e a de nossos companheiros cristãos como irmãos e irmãs em Cristo, sem jamais nos esquecermos da nossa responsabilidade para com aqueles que estão fora da família e que ansiamos que sejam introduzidos nela.” John Stott em Contracultura

TA TENDO PODCAST
TTP #81 - Você é uma pessoa de sucesso !

TA TENDO PODCAST

Play Episode Listen Later Oct 28, 2022 36:11


Ouvinte, você é uma pessoa bem sucedida? Provavelmente você responderá sim (eu espero que respondam), afinal o contrário disso seria ser fracassado, e se você se sente assim, bora levantar o cu da cadeira e cuidar disso né? Agora se eu perguntasse se você tem sucesso, que é a mesma pergunta anterior mas com uma palavra mais forte, talvez você respondesse diferente, ou refletisse mais, porque a palavra sucesso assusta. A ideia aqui hoje é aumentar a nossa autoestima e nos fazermos perceber o nosso próprio sucesso, e sentir mais orgulho de nós mesmos. Apresentado por @helaynedesouza Convidados: @lilojacques e @leokaneshiro Edição de @cjuniorrj Links: Nos apoie no PicPay! Todas as plataformas Nos siga nas redes!! @TaTendoPodcast (Twitter e Instagram) . #podcastpt #spotifybrasil #cast #podcastbrasileiro #podcast #tatendopodcast #spotify #instapodcast #casting #deezer #podcastbrasil #podcasters #podcasting #podcastlife #podcastportugal #podosfera #contoerotico #contos #contoseróticos #conto #contoseroticos #contoerótico #contossexuais #podcastbr --- Send in a voice message: https://anchor.fm/tatendopod/message

Pílula de Bem Estar
Você fracassa em planejar?

Pílula de Bem Estar

Play Episode Listen Later Oct 28, 2022 5:37


Quem fracassa em planejar, está planejando fracassar. Responda sinceramente: você tem um bom planejamento feito? Provavelmente, não, porque a escola e a faculdade não nos ensinam a planejar. Planejar o quê? A nossa vida. Pense a respeito disso. Lhe ensinaram a planejar a sua vida? Infelizmente, não. --- Send in a voice message: https://anchor.fm/fabianovieira/message Support this podcast: https://anchor.fm/fabianovieira/support

Flos Carmeli Podcasts
1080- Arte, Namoro e Sexualidade (Orlando Fedeli)

Flos Carmeli Podcasts

Play Episode Listen Later Oct 27, 2022 8:58


Li algumas partes dos vossos trabalhos sobre arte e cultura mas há algo que não percebo. E por isso pergunto: É lícito a um Católico escutar música, apreciar escultura, pintura, enfim, apreciar a arte e cultura pagãs? Pagã no sentido em que não fale de Deus nem da nossa Religião, antes fale de assuntos comuns e quotidianos sem referências religiosas. É lícito a um Católico apreciar e produzir arte sem assunto religioso mas que não vá contra a Moral e a Verdade? Ou seja, para uma obra de arte (música, pintura, escultura, poema, livro) ser lícita e válida para os Católicos é necessário que ela fale de Deus, Jesus, enfim, da nossa Religião, mesmo que não vá contra a Moral e a Verdade? Ou para ela ser moral e verdadeira tem que falar de Deus ou de Religião? Isto não consegui discernir nas vossas explicações. Quando digo arte quero dizer também outras manifestações culturais. (Provavelmente uma obra de arte lícita não tem obrigatoriamente de falar de Deus ou Jesus, ou de algum tema religioso, pois vocês já recomendaram numa carta todos os oratórios de Haendel e entre eles existem alguns sobre mitologia. E algumas cantigas medievais como as de Amor e Amigo também não falam necessariamente de Deus ou são religiosas. Vocês poderão pensar que eu já tenho a resposta nesses factos e que estou a troçar de vocês com esta pergunta mas não é o caso. A questão é que sou muito inseguro e gosto de respostas muito directas). No caso de podermos ouvir música sem assunto religioso poderemos ouvir, por exemplo, cantigas de Escárnio e Maldizer? Claro que não devemos ouvir as que contêm palavrões. É lícito ao Católico música, escrita ou pintura, em que ele ou outra pessoa, apenas desabafe sobre a sua vida, sobre si e sobre os seus sentimentos? Na nossa vida quotidiana temos que fazer constantes referências a Deus e à Religião sob pena de sermos imorais?

BANTUMEN
Missy Bity é, provavelmente, a próxima grande estrela guineense

BANTUMEN

Play Episode Listen Later Oct 4, 2022 26:51


O nome Missy Bity tem rodado o mundo, muito por conta da participação de sucesso em “The End”, de Buruntuma, e é incontestavelmente uma das grandes promessas guineenses a despontar no próximo ano. O timbre da sua voz é melodia em si e a versatilidade que a define vão, muito provavelmente, pôr muita gente a cantar em crioulo da Guiné - visto ser a língua em que prefere compor e porque a sua identidade artística está colada à sua guineendade.

CobasiCast | Tudo sobre pets e plantas
Quantos anos vive um gato?

CobasiCast | Tudo sobre pets e plantas

Play Episode Listen Later Oct 3, 2022 6:03


Você sabe quantos anos vive um gato? Provavelmente, essa pergunta é uma das mais realizadas por tutores de pets. E tudo bem fazer esse questionamento, quanto mais conhecemos nossos animais de estimação, mais próximos ficamos de oferecer as melhores condições para que vivam bem. Por isso, convidamos o médico-veterinário Pedro Giovannetti para falar tudo sobre gato, expectativa de vida, cuidados e muito mais. Veja quais temas vamos abordar neste episódio:

Paracatu Rural - Jornal do agronegócio
BOI provavelmente baterá recorde histórico de exportação em 2022.

Paracatu Rural - Jornal do agronegócio

Play Episode Listen Later Sep 28, 2022 7:29


BOI pode registrar 200 mil toneladas na exportação em setembro. Vlamir Brandalizze disse que no acumulado do ano já está acima do que foi no mesmo período de 2021. Ele comenta também mercado do FRANGO e do SUÍNO.

Primeiro Café
#419 Lula sobe para 52% dos votos válidos no Ipec #Eleições2022 | Bate-papo eleitoral: A importância de decidir no 1º turno

Primeiro Café

Play Episode Listen Later Sep 27, 2022 112:13


TERÇA, 27/09/2022: Faltando apenas 5 dias para as eleições, as pesquisas da semana indicam que nada mudou. Os números do Ipec, divulgados ontem, são muito similares na disputa pela presidência. Lula subiu dentro da margem de erro e agora tem 52% dos votos válidos, número suficiente para vencer no primeiro turno.Parece que a vitória já neste domingo deixou de ser apenas mais um sonho para se tornar uma real possibilidade. No Ipec, Ciro perdeu um ponto e Lula ganhou um. Bolsonaro e Tebet seguiram iguais. A pouca margem que Lula tem para vencer no primeiro turno tornará a apuração do próximo domingo um momento de muita tensão. Provavelmente vamos ter que esperar quase a totalização dos votos para cravar a vitória ou o segundo turno.Mas se na disputa pela presidência a vitória de Lula é certa, talvez em primeiro, mas se não for, será no segundo turno, em algumas disputas estaduais vai ter emoção. Na Bahia, a fraude de ACM Neto na autodeclaração de cor custou caro. Pesquisa Atlas divulgada agora pela manhã já mostra Jerônimo Rodrigues do PT na frente com 46% x 39%. No Ipec, a diferença diminuiu, mas ACM segue na frente com 47% x 32%.No Rio Grande do Sul, Eduardo Leite segue liderando, com Onyx Lorenzoni em segundo lugar. O candidato do PT, Edegar Pretto, subiu cinco pontos na pesquisa Ipec e está em terceiro lugar.No Ceará, mudança total no cenário. Elmano de Freitas, do PT, cresceu e agora tem 30% na Ipec, empatado com Capitão Wagner do União Brasil. O candidato de Ciro Gomes, Roberto Cláudio, segue em terceiro. No DF, Ibaneis Rocha ainda lidera com 40% na Ipec, mas Leandro Grass, do PV, tem tendência de crescimento e agora tem 13%.Eleger Lula no primeiro turno parece ser a vontade de mais da metade do eleitorado. Mas não adianta eleger apenas o presidente. Por isso, os votos para os governos estaduais, para o senado e para deputados federais e estaduais são fundamentais. Esta semana estamos incentivando a nossa comunidade a compartilhar as suas colinhas para o domingo. Envie nos nossos grupos ou comente aqui na transmissão quem são os seus candidatos e candidatas.BATE-PAPO ELEITORALHoje nossa conversa sobre as #Eleições2022 recebe a nossa colunista Rachel Cor, do Pensa Comigo, a jornalista Paula Bianchi, da coluna Cartas do Rio Tietê, e o médico sexólogo Edu Peres, do Café com Pimenta.SAIBA MAIS: https://primeiro.cafe/APOIE: https://apoia.se/primeirocafe

No Batidão Cast
#177 - Personagens de Anime que provavelmente usam calcinha

No Batidão Cast

Play Episode Listen Later Sep 23, 2022 49:35


Coloque sua calcinha mais cara porque hoje a ocasião é especial! Nesse episodio trouxemos um debate muito relevante e acarretado de cultura, onde concluímos que personagens como o Mahito do Jujutsu Kaisen, o Vegeta do Dragon Ball Z, o Griffith do Berserk, Yujiro pai do Baki, todos os personagens de Jojo, o Fogaça do Masterchef e muitos outros certamente usam calcinha.. Com a participação de SubZero, Figurante, Lucas Emmanuel e Gerald. Apoie o Podcast: Pix: nobatidaocast@gmail.com PicPay: http://picpay.me/NBCast Padrim: https://www.padrim.com.br/nobatidaocast

Um dia no Mundo
Um dia no Mundo de 16 set

Um dia no Mundo

Play Episode Listen Later Sep 16, 2022 4:18


É DIFÍCIL ENCONTRAR ALGUÉM QUE AGRADE A QUASE TODA A GENTE .....FEDERER É, PROVAVELMENTE, UMA DAS EXCEÇÕES HÁ QUE O CELEBRAR.

Primeiro Café
#391 Bolsonaro mentiu 22 vezes na entrevista ao Jornal Nacional | Bate Café: Coração de Dom Pedro I e o simbolismo militar

Primeiro Café

Play Episode Listen Later Aug 23, 2022 61:56


TERÇA, 23/08/2022: Bolsonaro foi o primeiro candidato entrevistado pelo Jornal Nacional ontem. O presidente foi questionado sobre os ataques às urnas eletrônicas, sobre a tragédia da pandemia, sobre a situação econômica, sobre as suspeitas de corrupção no MEC, sobre a destruição ambiental patrocinada pelo seu governo, sobre o fato de ser a tchutchuca do centrão e sobre interferir na Polícia Federal.E o que ele fez? Mentiu sobre absolutamente tudo. Mas, ao mentir, Bolsonaro não perde um único voto. Levantamento da agência Aos Fatos mostra que o presidente mentiu, pelo menos, 22 vezes. Bolsonaro foi ao Jornal Nacional para confundir, não para explicar. No final, Bonner agradeceu o presidente pelos esclarecimentos prestados. Quais esclarecimentos? Diante de todas as perguntas, ele respondeu o que quis. Os apresentadores até tentaram questionar o presidente sobre suas mentiras, mas sem sucesso. A mentira que mais repercutiu foi a negativa veemente de Bolsonaro de que ele imitou pessoas com falta de ar no auge da pandemia. Ele imitou sim e mais de uma vez. E você já deve ter visto os vídeos recuperados na internet.Faltou falar de muita coisa. Mesmo com 40 minutos de entrevista, nem todos os temas importantes foram abordados. Não se falou do orçamento secreto, nem da família dele enrolada na rachadinha, nem da ligação dele com as milícias. Mas, principalmente, não se falou sobre a fome. Provavelmente porque nenhum dos três naquela bancada passa ou passou fome na vida…Um tempo gigante foi gasto com temas que interessam mais ao Bolsonaro do que ao povo brasileiro, como o ataque contra as urnas eletrônicas e ao processo eleitoral. Outros assuntos como a questão ambiental e a aliança com o centrão, apesar de relevantes, não são assuntos do dia-a-dia do povo. O excesso de contextualização das perguntas por Bonner e Renata deram a possibilidade para Bolsonaro responder o que quis. As perguntas para mentirosos devem ser curtas e grossas: por que o senhor fez isso? Como o senhor vai fazer aquilo? Quando os entrevistadores decidem citar várias coisas numa pergunta que poderia ser objetiva, abrem margem para o entrevistado escolher o que quer responder. Em resumo, o presidente e o jornalismo da Globo se merecem. Bolsonaro estava mais calmo e falou as maiores barbaridades sem nenhum constrangimento. Só levantou a voz contra Renata Vasconcellos algumas vezes. Com Bonner, foi só sorrisos e brincadeirinhas. Um machista clássico. Renata, aliás, foi coadjuvante na entrevista, sendo interrompida pelo presidente e pelo colega de bancada.O presidente também tinha uma cola na mão com quatro assuntos. Nenhum dos assuntos foi citado por ele na entrevista. Em alguns momentos, ele levantou a mão fazendo questão de mostrar a cola para a câmera. A nova analista política do Brasil, Anitta, que se gaba de ser entendida de estratégia de redes, caiu na armadilha do presidente. Ela, assim como outros influencers, postou a imagem no Twitter. O presidente retuitou e agradeceu pedindo que as pessoas pesquisem sobre os temas. Ela se deu conta que caiu na do presidente e apagou o tweet. Os assuntos que ele anotou na mão não eram para serem falados na entrevista, mas sim para gerarem curiosidade. Vejam bem: em 2018, nessa mesma entrevista, ele tinha escrito na mão três tópicos: armas, pesquisas e Lula. Na época, ele falou dos três assuntos e foi ridicularizado na internet. Nessa entrevista, eram quatro tópicos, três deles sensíveis para a esquerda e um incômodo para a Globo: Nicarágua, país governado pela esquerda onde há perseguição contra opositores, Argentina, que passa por uma grave crise econômica e também é governado pela esquerda, Colômbia, onde a esquerda acaba de chegar ao poder e recentemente o presidente defendeu a legalização do plantio de maconha, e Dario Messer, conhecido como o doleiro dos doleiros que em delação ao Ministério Público Federal do Rio de Janeiro em 2020, disse que durante a década de 90 entregava "em várias ocasiões" quantias entre US$ 50 mil e US$ 300 mil a integrantes da família Marinho, dona da Globo. À época, durante a edição do Jornal Nacional, a Globo negou as acusações.Bolsonaro não perdeu nenhum voto por causa dessa entrevista. Talvez também não ganhe nenhum, até porque, acuado entre explicações para confundir, não conseguiu prometer absolutamente nada. Mas, mais importante do que isso, ele se sentiu confortável na bancada do principal telejornal do país para repetir o que vem dizendo nas suas lives. O saldo é de derrota para a democracia. Porque um presidente golpista, mentiroso, antidemocrático, desumano e incompetente foi tratado como candidato normal pela principal emissora do país. E, além disso, esse ser vai concluir o seu mandato. Não interessa se ele vai perder a eleição e ir para a lata de lixo da história ou para a cadeira, pelo que temos até aqui já perdemos e a entrevista de ontem prova o tamanho gigantesco dessa derrota civilizatória.Em instantes vamos falar mais sobre a entrevista de Bolsonaro ao JN.BATE CAFÉ, COM ADRIANO VIAROA vinda do coração de Dom Pedro I para o Brasil para as comemorações do bicentenário da independência é o tema do comentário do historiador Adriano Viaro. SAIBA MAIS: https://primeiro.cafe/APOIE: https://apoia.se/primeirocafe

Podcast do PublishNews
230 - Os bastidores de uma biografia, com Pedro Bial e Luiza Helena Trajano

Podcast do PublishNews

Play Episode Listen Later Aug 15, 2022 58:27


Provavelmente você conhece nossos dois convidados de hoje. Ele é jornalista, apresentador, ator, cineasta, poeta, e um dos maiores entrevistadores na atualidade. Ela é uma das maiores empresárias do país, além de presidente do Grupo Mulheres do Brasil, fundadora e conselheira do Instituto para o Desenvolvimento do Varejo (IDV) e de outras 14 entidades, e presidente do Conselho de Administração do MagaLu. Pedro Bial e Luiza Helena Trajano são os convidados da vez do Podcast do PublishNews. Dessa vez, Pedro assume o seu lado escritor e biógrafo para falar, ao lado de Luiza Helena sobre o livro que leva seu nome: Luiza Helena: mulher do Brasil, publicado pela Editora Gente. Nesse bate-papo, eles contam sobre o processo de construção da obra, da trajetória de vida pessoal e profissional de Luiza, sobre a importância das livrarias independentes, Lei Cortez e muito mais. Este podcast é um oferecimento da MVB Brasil, empresa que traz soluções em tecnologia para o mercado do livro. Além da Metabooks, reconhecida plataforma de metadados, a MVB oferece para o mercado brasileiro o único serviço de EDI exclusivo para o negócio do livro. Com a Pubnet, o seu processo de pedidos ganha mais eficiência. https://brasil.mvb-online.com/home Já ouviu falar em POD, impressão sob demanda? Nossos parceiros da UmLivro são referência dessa tecnologia no Brasil, que permite vender primeiro e imprimir depois; reduzindo custos com estoque, armazenamento e distribuição. Com o POD da UmLivro, você disponibiliza 100% do seu catálogo sem perder nenhuma venda. http://umlivro.com.br Este é o episódio número 230 do Podcast do PublishNews do dia 15 de agosto de 2022 gravado no dia 9. Eu sou Fabio Uehara e esse episódio conta com a participação de Thales de Menezes, Karina Lourenço e Talita Fachinni e a edição de Fabio Uehara. E não se esqueça de assinar a nossa newsletter, nos seguir nas redes sociais: Instagram, Linkedin, YouTube, Facebook e Twitter. Todos os dias com novos conteúdos para vocês. E agora: Pedro Bial e Luiza Helena Trajano Indicações - Pantanal - https://globoplay.globo.com/pantanal/t/wM9wJbjHJN/ Filhas de Eva - https://globoplay.globo.com/filhas-de-eva/t/c6QnpFWD2H/ Conversa com Bial com Bruno Luperi conta como o avô, Benedito Ruy Barbosa, passou o bastão de 'Pantanal' https://globoplay.globo.com/v/10743369/ Pacto Brutal - O assassinato de Daniella Perez https://www.hbomax.com/br/pt/series/urn:hbo:series:GYsA-_gaARC8TnQEAAAAV Os perigos do imperador, Ruy Castro - Companhia das Letras - https://www.companhiadasletras.com.br/livro/9786559211708/os-perigos-do-imperador Luiza Helena - Mulher do Brasil - Editora Gente - https://www.editoragente.com.br/luiza-helena-mulher-do-brasil/p https://www.editoragente.com.br/luiza-helena-mulher-do-brasil/p https://globoplay.globo.com/v/10743369/ --- Send in a voice message: https://anchor.fm/podcast-do-publishnews/message

Planejamento Financeiro
Ep 144 - Regimes de Casamento

Planejamento Financeiro

Play Episode Listen Later Aug 15, 2022 52:03


Você entra numa quadra para um jogo sem saber se é com bola ou não, se tem rede no meio ou trave nas pontas, se é para jogar com as mãos ou com os pés? Provavelmente não, você deve querer saber das regras antes de jogar, não é? Pois bem, muita gente se casa ou entra numa união estável sem saber quais regras patrimoniais vão vigorar, consequentemente sem ideia do que e como se preparar para elas. Esse exemplo foi um dos muitos que nossa especialista em Direito das Famílias e das Sucessões Marília Oliveira e Telles nos contou de um jeito informativo e gostoso. Afinal, além de uma escuta ativa muito bem treinada, Marília tem também uma didática afiada para expor todo seu conhecimento e experiência. Quer saber a resposta dela para qual é o melhor regime de bens para se casar ou juntar? Dá o play e confere!   Para saber mais sobre a Marília: Instagram: https://www.instagram.com/conectandoecolaborando/ Linkedin: https://www.linkedin.com/in/mar%C3%ADlia-campos-oliveira-e-telles-5639947/   Dicas da Marília: - livro “O palhaço e o psicanalista: Como escutar os outros pode transformar vidas” por Christian Dunker e Cláudio Thebas - filme “Casa Gucci”   Episódios citados: Ep 89 “Práticas Colaborativas” com Bebel Montenegro Ep 112 “Longevidade” com Candice Pomi Ep 8 “Bitcoin” e Ep 130 “NFT” com Gustavo Cunha   Assine o canal, siga-nos nas redes sociais e interaja conosco: Caco Santos: @cacosantos_cfp linkedin.com/in/cacosantos-cfp/   Leandro Paiva: @planejador_leandro_paiva linkedin.com/in/leandro-leal-paiva-b329b323/

História em Meia Hora
Crise dos Mísseis

História em Meia Hora

Play Episode Listen Later Aug 10, 2022 34:25


Provavelmente o momento onde o fim do mundo esteve mais próximo de chegar. Já agradeceu Vasili Arkhipov pela sua vida hoje? Separe trinta minutos do seu dia e aprenda com o professor Vítor Soares (@profvitorsoares) sobre o que foi o Renascimento Cultural. - Se você quiser ter acesso a episódios exclusivos e quiser ajudar o História em Meia Hora a continuar de pé, clique no link: www.apoia.se/historiaemmeiahora - Compre nossas camisas, moletons e muito mais coisas com temática História na Lolja! www.lolja.com.br/creators/historia-em-meia-hora/ - PIX e contato: historiaemmeiahora@gmail.com Apresentação: Prof. Vítor Soares Roteiro: Prof. Vítor Soares e Prof. Victor Alexandre (@profvictoralexandre) Edição: Victor Portugal. REFERÊNCIAS USADAS - Estados Unidos: Estado Nacional e Narrativa da Naçao (1776 - 1900) - Mary Anne Junqueira - A História do século XX - Martin Gilbert - Era dos Extremos - Eric Hobsbawm - A Revolução Cubana - Luis Fernando Ayerbe - A crise dos mísseis de Cuba | Canal Vlogalizando a História (@vlogalizandoahistoria) - Crise dos mísseis: o mundo a beira de uma guerra nuclear | Canal Estadão (@estadao) #historia #história #podcastdehistoria

Esporte em Discussão
Bate-Pronto - 20/07/2022 - HOJE TEM! Flamengo deve promover ESTREIA de Cebolinha; Corinthians e SPFC TAMBÉM JOGAM

Esporte em Discussão

Play Episode Listen Later Jul 20, 2022 120:16


O Bate-Pronto desta quarta-feira falará tudo sobre os jogos de hoje pelo Brasileirão. Provavelmente com a estreia de Everton Cebolinha, o Flamengo enfrentará o Juventude em Brasília para consolidar a recuperação na competição nacional. O São Paulo terá um duro desafio contra o Inter em Porto Alegre, enquanto o Corinthians vai receber o Coritiba em Itaquera.See omnystudio.com/listener for privacy information.

Yoga Contemporâneo
Yogin em Perspectivismo: Um Ensaio

Yoga Contemporâneo

Play Episode Listen Later Jul 5, 2022 8:03


Os povos originários ameríndios vivem por aqui há mais de 50mil anos. São descendentes de corpos asiáticos, afirmam antropólogos e arqueólogos. Isso já supõem uma ancestralidade bem anterior as filosofias indianas e, obviamente, greco-romana. Este ensaio pressupõe yoga, como algo além das tecnologias que chegaram a nós, existentes modernos podemos pressupor. Aos nossos ancestrais originários das Américas, todos e tudo que existe é humano, o que diferencia-se são os corpos. Isso amplia (em verdade, resgata) o “ponto de vista da imanência, e não apenas seu conceito”. Mais simples, o que varia é a natureza e não a cultura. A ideia dominante hoje entre a “cultura” yoguica moderna, é a dos yogins como xamãs com o poder|siddhi de transformar seus corpos para aprender a “ver” quem se realmente é (“mente”, alma, purusa). O que é verdadeiro: cada corpo (natureza), variando, observaria o mundo (cultura) diferente e criando “mundos outros”. Entrementes, a perspectivista ameríndia inverte essa lógica: a cultura é constante, o que muda são os corpos, portanto, o ponto de vista do “visto”. Isso é o que muitos diriam ser relativismo: uma realidade fixa|dada, portanto, “natural” que, variando a “posição” dos corpos que as veem, criam suas próprias culturas. Os povos originários das bandas de cá afirmam que não inventamos culturas, mas corpos. E essa forma de existência pode auxiliar a repensar os yogas, yogins e yogares. Yoga então, seria uma tecnologia sinestésica de metamorfose corporal (naturezas), pois as culturas não se alterariam nunca. Somos todos e tudo “gente”, mas em corpos diferentes. A busca yoguica não estaria (na perspectiva ameríndia original) “quem eu sou”, mas “quem estou”. Você pode estar mais peixe, jiboia, onça ou macaco do que gente. Sua alma sempre humana, mas seus afectos (corpo) mais próximos de um elefante (Ganesha?), rio (Ganges?) ou macaco (Hanuman?) do que de um homem moderno. O pensamento aqui deixa de ser antropocêntrico e passa a estar em antropomorfismo. O que para freudianos ou lacanianos pode aparecer uma infantilidade do mundo Disney: “ver sua própria figura em tudo: pedras, rios, animais e espíritos sendo humanos”; se revela, em verdade, em seu oposto, pois o humano não é mais especial, um ser único no universo, mas só mais um. Sua espécie (a de humanoide) não é superior à dos chimpanzés, pois a cultura é a mesma entre eles, o que se diferencia são suas naturezas ou corpos (morfologias e fisiologias). Se alguém começa a “ver” vermes numa carcaça como peixe grelhado, este está se transformando em urubu (corpo sendo metamorfoseado). Provavelmente sua alma|”mente”|espírito|purusa(?) foi roubada pelos urubus, já morreu ou (dando na mesma) está se transformando em xamã (yogin?) — pois xamãs e mortos-vivos gozam de uma “dupla cidadania”. Em suma, todos os seres representam o mundo da mesma maneira (cultura =), mas o mundo em que eles veem se alteram pelo corpo vestidos (natureza ♾). A pluralidade, portanto, é de corpos e não mundos. Yogin aqui é um metamorfoseador de corpos para ver outras representações de mundos (mayas), mas é a humanidade que está de fundo (yuj = reconexão). Por isso a importância em reconhecer (e nos outros corpos) quais afectos que atravessam (encontram) cada “espécie de corpo”, suas potências e disposições: “o que come, como se move, se comunica, onde vive, se é gregário ou solitário, tímido ou agressivo (…)”. Em suma, qual seu modo|modificação? Modo-jaguar, modo-Ganesha-elefante, modo-kundalini-tantra-serpente, modo-Hanuman-macaco, modo-rio-Ganges, modo-tigre-Shiva (…). Yogins ameríndios são {restauradores} de corpos que, metamorfoseados em outros corpos, visitam (ou vestem) outras perspectivas (modos) para restabelecer, quando preciso for, afecções humanas capturadas pela ignorância (avidya). Eles se restauram como gente humanizando perspectivas de mundos.

Cafezinho Café Brasil
Cafezinho 499 - Por favor, diga-me não!

Cafezinho Café Brasil

Play Episode Listen Later Jun 17, 2022 8:06


Planejamento Antifrágil - Estratégias para se beneficiar do caos. Aprenda com Luciano Pires os segredos, estratégias e o passo a passo para incorporar o imponderável aos seus planos e projetos. Vem comigo: http://planejamentoantifragil.com Cara, tudo que eu queria era ouvir um “não”. Sabe por quê? Porque diante dele, eu sei que tenho de buscar alguma alternativa. Parto para outra. Mas não. As pessoas perderam a capacidade de dizer “não”. Para dizê-lo precisam estar ancoradas em alguma decisão maior que lhes retire a culpa... E nem estou me referindo ao “não” por avaliação minuciosa da situação, mas ao “não” por educação. Por favor, diga-me não. Tá esquisito? Explico. Alguma coisa aconteceu com a etiqueta do mundo dos negócios, que fez com que o relacionamento entre as pessoas se transformasse em relacionamento entre avatares, entre robôs, desprovidos de sentimentos, de educação e de respeito. Uma demanda não é recebida como algo que precisa ser respondido. Não. Só merece atenção se puder prejudicar quem a recebeu. Ou se representar um ganho estupidamente irresistível. Não sendo assim, a demanda é algo a ser colocado num canto, para caducar. Entro em contato com um potencial cliente, patrocinador, parceiro, colaborador. Mando a demanda. Ele recebe e não responde. Silêncio. Sei que leu, sei que entendeu, mas não responde. Cara, por favor, diga-me não! Não quero, não interessa, não é bom, não vi valor, não é hora. O não é uma palavrinha mágica, sabe por quê? Porque ele libera a gente para cuidar da vida, investir em outras paradas. O não é libertador. Se for um “não” calcado numa avalição cuidadosa da minha proposta, ficarei satisfeito em recebe-lo. Provavelmente junto com ele vem um feedback precioso. Se for um “não” por preguiça, ignorância, preconceito ou simplesmente burrice, ficarei desapontado, mas... seguirei em frente. Quando o “não” não vem, é substituído por um silêncio sepulcral, pela não-resposta, indica que estou recebendo o pior dos sentimentos: a indiferença. Para a pessoa, eu não existo. Fico num vácuo. O não liberta. Dê-me um não, por favor... Você também se incomoda? Então fique comigo que continuo esta reflexão neste vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=V5P-5B-NX64   Gostou? De onde veio este, tem muito, mas muito mais. Torne-se um assinante do Café Brasil e nos ajude a continuar produzindo conteúdo gratuito que auxilia milhares de pessoas a refinar seu processo de julgamento e tomada de decisão. Acesse http://mundocafebrasil.com

Café Brasil Podcast
Cafezinho 499 - Por favor, diga-me não!

Café Brasil Podcast

Play Episode Listen Later Jun 17, 2022 8:06


Planejamento Antifrágil - Estratégias para se beneficiar do caos. Aprenda com Luciano Pires os segredos, estratégias e o passo a passo para incorporar o imponderável aos seus planos e projetos. Vem comigo: http://planejamentoantifragil.com Cara, tudo que eu queria era ouvir um “não”. Sabe por quê? Porque diante dele, eu sei que tenho de buscar alguma alternativa. Parto para outra. Mas não. As pessoas perderam a capacidade de dizer “não”. Para dizê-lo precisam estar ancoradas em alguma decisão maior que lhes retire a culpa... E nem estou me referindo ao “não” por avaliação minuciosa da situação, mas ao “não” por educação. Por favor, diga-me não. Tá esquisito? Explico. Alguma coisa aconteceu com a etiqueta do mundo dos negócios, que fez com que o relacionamento entre as pessoas se transformasse em relacionamento entre avatares, entre robôs, desprovidos de sentimentos, de educação e de respeito. Uma demanda não é recebida como algo que precisa ser respondido. Não. Só merece atenção se puder prejudicar quem a recebeu. Ou se representar um ganho estupidamente irresistível. Não sendo assim, a demanda é algo a ser colocado num canto, para caducar. Entro em contato com um potencial cliente, patrocinador, parceiro, colaborador. Mando a demanda. Ele recebe e não responde. Silêncio. Sei que leu, sei que entendeu, mas não responde. Cara, por favor, diga-me não! Não quero, não interessa, não é bom, não vi valor, não é hora. O não é uma palavrinha mágica, sabe por quê? Porque ele libera a gente para cuidar da vida, investir em outras paradas. O não é libertador. Se for um “não” calcado numa avalição cuidadosa da minha proposta, ficarei satisfeito em recebe-lo. Provavelmente junto com ele vem um feedback precioso. Se for um “não” por preguiça, ignorância, preconceito ou simplesmente burrice, ficarei desapontado, mas... seguirei em frente. Quando o “não” não vem, é substituído por um silêncio sepulcral, pela não-resposta, indica que estou recebendo o pior dos sentimentos: a indiferença. Para a pessoa, eu não existo. Fico num vácuo. O não liberta. Dê-me um não, por favor... Você também se incomoda? Então fique comigo que continuo esta reflexão neste vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=V5P-5B-NX64   Gostou? De onde veio este, tem muito, mas muito mais. Torne-se um assinante do Café Brasil e nos ajude a continuar produzindo conteúdo gratuito que auxilia milhares de pessoas a refinar seu processo de julgamento e tomada de decisão. Acesse http://mundocafebrasil.com

Roteirices
194 – Bolsonarismo, o gozo pela morte e a estética do nazismo à brasileira, com Michel Gherman e Adilson Paes de Souza

Roteirices

Play Episode Listen Later Jun 9, 2022 100:40


Provavelmente você já escutou a expressão "o problema é o guarda da esquina”. Essa frase é atribuída ao Pedro Aleixo, que foi vice-presidente do ditador Arthur da Costa e Silva, e teria sido dita por ele numa tentativa de amenizar suas supostas resistências ao ato institucional número 5, o famoso AI-5, que deu início ao período mais brutal da ditadura brasileira. O problema, para Pedro Aleixo, não era a decisão do ditador, mas o que faria o guarda da esquina, legitimado por uma decisão que basicamente suspendia os direitos individuais de todos os brasileiros. Pois foi mais ou menos isso o que aconteceu há algumas semanas, quando assistimos, entre estarrecidos e paralisados, à tortura e ao assassinato de Genivaldo de Jesus Santos por agentes da polícia rodoviária federal. Parado por dirigir sua moto sem capacete, Genivaldo foi agredido, algemado, colocado na traseira de um carro da polícia, e asfixiado com gás. As imagens feitas por telefones celulares de dezenas de pessoas que acompanharam a cena mostraram as duas pernas de Genivaldo se batendo para o lado de fora da viatura, enquanto um dos policiais segurava a porta para impedir que ela se abrisse. Pois bem, esses agentes da polícia rodoviária federal são os guardas da esquina. Mas não os guardas criados pela imaginação do Pedro Aleixo. Esses são os guardas da esquina na ponta de uma cadeia de comando, legitimados por um discurso de ódio, pela incitação à violência e por uma espécie de gozo pela morte, tão presentes e constantes nos discursos oficiais dos militares que governam o país há quase quatro anos. Mas não é só isso. Dizer que Genivaldo foi asfixiado com gás é pouco. É impossível não associar aquela imagem que correu o mundo às câmaras de gás em que os nazistas executaram judeus, ciganos, homossexuais e quem mais eles consideravam inferiores. E não bastasse isso, dias depois da execução de Genivaldo, o presidente da República, além de declarar apoio aos policiais, exibe-se em público pilotando uma moto sem capacete, a mesma infração que levou ao extermínio de Genivaldo. Para falar sobre o que tudo isso representa hoje no Brasil, Carlos Alberto Jr. entrevista o historiador Michel Gherman e Adilson Paes de Souza, tenente-coronel aposentado da Polícia Militar de São Paulo e pesquisador da violência policial. Link para o canal do Roteirices no YouTube: https://youtube.com/playlist?list=PLWcnLFszvII9KdvOv7I1zY483cDdw68Cv Link para o podcast Roteirices: https://open.spotify.com/show/18ZOTUBCj6mE0AyUgDZcjH?si=f358843880b44829 Link para o Roteirices no Twitter: https://twitter.com/Roteirices_pod Link para apoiar o Roteirices no Catarse: https://www.catarse.me/roteirices_podcast?ref=user_contributed&project_id=138437&project_user_id=178775 Código para apoiar o Roteirices no PIX celular: 61994510183 Contato: roteirices@gmail.com --- Support this podcast: https://anchor.fm/carlos-alberto-jr/support

Meditações Pura Energia Positiva
Meditação A Arte de Parar o Tempo 2 (Jardim)

Meditações Pura Energia Positiva

Play Episode Listen Later Jun 5, 2022 18:36


Para conseguir o que você quer da vida, você tem que conservar seu tempo, energia e atenção. Imagine sua vida como um jardim. Neste jardim, você está tentando cultivar algumas “plantas”. Cada planta é algo que você deseja cultivar em sua vida – sua carreira, saúde, relacionamentos, hobbies e qualquer outra coisa que seja importante para você. Provavelmente, você já tem algumas ervas daninhas em seu jardim. Por mais duro que possa parecer, você tem que retirá-las – e então, você tem que ficar em guarda contra novas que possam surgir, se infiltrando e criando raízes. Desbloqueie sua vida, assine o Clube Meditação, clique no link e ganhe 7 dias gratuitos,  tendo acesso a uma plataforma completa para a sua jornada espiritual. Mude o seu futuro hoje! https://puraenergiapositiva.com/ https://beacons.ai/puraenergiapositiva  Expanda sua consciência! Acesse a sua Pura Energia Positiva! https://puraenergiapositiva.com/meditacoes/meditacoes-para-conexao/a-arte-de-parar-o-tempo-2  

Ideias Radicais
(YT) Lá vem privatização da Petrobrás?

Ideias Radicais

Play Episode Listen Later May 12, 2022


O ministro de Minas e Energia foi trocado, entrou Sachsida e já lançou o pé na porta: Privatizar a Petrobrás. Vai acontecer nesse mandato? Não. Provavelmente nem no próximo. Mas pauta o debate de volta sobre a importância de privatizar, reformas e a redução do estado. Quer fugir do Brasil? Nos contate: info@settee.io Ou no site: https://www.settee.io/ Quer um ou outro artigo sobre privatização? Toma: https://ideiasradicais.com.br/mitos-privatizacoes/ https://ideiasradicais.com.br/privatizacoes/ https://ideiasradicais.com.br/estatais-deveriam-ser-privatizadas/ https://ideiasradicais.com.br/5-mitos-sobre-as-estatais-a-preco-de-banana/ https://ideiasradicais.com.br/o-que-falta-para-privatizacao-da-eletrobras/ https://ideiasradicais.com.br/5-beneficios-da-privatizacao-da-br-distribuidora/ Nos acompanhe no Telegram: https://t.me/ideiasradicais Ou acompanhe nossos artigos, juro que não tem imposto neles: https://ideiasradicais.com.br/ Quer sair do Brasil, pagar menos impostos e viver mais livre? Quer investir em Startups? https://bit.ly/StartupsRadicais Quer comprar Bitcoin no melhor preço do mercado? Bitpreço! http://bit.ly/BitprecoRadical Apoie o Ideias Radicais: https://www.catarse.me/projects/152640/

Ideias Radicais
(YT) Lula cancela o cancelamento da Reforma Trabalhista. Sentiu?

Ideias Radicais

Play Episode Listen Later Apr 24, 2022


Lula sentiu. Tiveram que mudar o marketeiro da campanha, segurar alguns radicalismos e agora vem a tona a primeira recuada: não vão mais tentar revogar a reforma trabalhista. É mentira? Provavelmente. Mas mostra que o PT entendeu que a população não tem mais tanta tolerância para um Lula radical. O que volta pro que eu to a alguns anos falando pra vocês: a população está virando para a direção de liberdade. Nos acompanhe no Telegram: https://t.me/ideiasradicais Ou acompanhe nossos artigos, juro que não tem imposto neles: https://ideiasradicais.com.br/ Quer sair do Brasil, pagar menos impostos e viver mais livre? https://www.settee.io/ Quer investir em Startups? https://bit.ly/StartupsRadicais Quer comprar Bitcoin no melhor preço do mercado? Bitpreço! http://bit.ly/BitprecoRadical Apoie o Ideias Radicais: https://www.catarse.me/gabinete_liberdade https://oglobo.globo.com/politica/lula-desiste-de-revogacao-propoe-revisar-reforma-trabalhista-1-25486677 https://www.istoedinheiro.com.br/lula-perde-vantagem-e-pt-trocar-marqueteiro-da-pre-campanha/ Acompanhe a gente no IG para saber sobre os eventos em Criciúma, Rio de Janeiro e outros a vir: raphaelideiasradicais Ideias_Radicais E quer ajudar um pré-candidato em 2022? Preencha isso aqui: https://forms.gle/bTcm4D7bQ7Nc2Zv27

Foco de Pestilência
Foco de Pestilência #067 Mitologia Egípcia

Foco de Pestilência

Play Episode Listen Later Apr 18, 2022 197:51


Olá, Crianças do Abismo! Está no ar o Foco de Pestilência #67! Provavelmente, a maior influência do esoterismo contemporâneo, a religião egípcia ainda é pouco compreendida, devido à sua complexidade, e as leituras muitas vezesContinue reading

English in Brazil Podcasts - sua dose de inglês a qualquer momento
Starting Up | Episode 67 - Aprenda a pronunciar 7 palavras que, muito provavelmente, você já falou errado

English in Brazil Podcasts - sua dose de inglês a qualquer momento

Play Episode Listen Later Apr 15, 2022 11:19


Resolvi fazer um episódio do Starting Up com minhas dicas de pronúncia que a galera tanto gosta no Twitter e no Instagram! Bora aprender? Você vai aprender a falar direitinho: obviously, musician, sausage, suitable, sinusites, psychiatrist, achieve >>>>> Baixe nosso e-book gratuito Roteiro de Estudos - https://eibrazil.com/re-podcast

Glocal - Encurtando distâncias!
Galileu & Jesus | GLOCAL Podcast EP01T10

Glocal - Encurtando distâncias!

Play Episode Listen Later Apr 14, 2022 62:07


Provavelmente, a história que você conhece sobre quem foi Galileu Galilei é aquela que declara a inimizade entre ciência e fé. Mas, mesmo sendo um grande cientista, ele também foi um amante da interpretação bíblica. Depois de dois anos sem encontros presenciais, a Glocal volta com uma pergunta: como será que Galileu lia a Bíblia? Marcelo Cabral, doutorando em Filosofia na Unicamp e gerente editorial da ABC², vai tentar responder essa pergunta e mostrar uma outra perspectiva do antigo dilema sobre a relação entre ciência e fé.

Entrementes
#54 | Acolhimento a pais de filhos autistas

Entrementes

Play Episode Listen Later Apr 6, 2022 35:36


Uma das maiores dificuldades dos pais que descobrem que o filho tem um Transtorno do Espectro Autista é encarar a aceitação. Provavelmente eles não esperavam nem desejavam ter um filho atípico, e esse cenário simplesmente se coloca à frente deles. Conversamos  com Andrea Werner,  jornalista, escritora, fundadora do Instituto Lagarta Vira Pupa e ativista da neurodiversidade, do acolhimento materno e dos direitos de pessoas com autismo.Produção: Baioque ConteúdoTrilha sonora: InSonoris Causa